Postagens

Mostrando postagens de Junho 8, 2012

LASTIMAVEL - Igreja da pastora lésbica Lanna Holder tem relógio de ponto para controlar presença de fiéis e usa versão gospel de “Eu quero tchu” durante o louvor

Imagem
A “igreja inclusiva” Comunidade Cidade de Refúgio, liderada pelo casal de pastoras homossexuais Lanna Holder e Rosania Rocha foi tema essa semana de reportagem veiculada pela revista Carta Capital. A reportagem destacou que igreja a presença dos fiéis é controlada por um “relógio de ponto”, e que o louvor é animado por paródias de músicas do sertanejo universitário.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Segundo a revista, os frequentadores da igreja são majoritariamente casais homossexuais, porém o fiel e assessor de imprensa da igreja, Abdalla Daichoum, afirma que o público é diverso.
Criada com o objetivo de reaproximar os homossexuais da religião, a igreja vai completar um ano de existência no fim de junho, e terá como ápice de suas comemorações a distribuição de folhetos e a conversão de homossexuais durante a Parada Gay de São Paulo, que acontece nesse fim de semana.
“A Igreja nasceu com um prognóstico negativo, mas não é porque existem todas essas dificu…

Rússia proíbe manifestações gays pelos próximos 100 anos

A Câmara alta do Parlamento russo também aprovou um projeto de lei que aumenta em 150 vezes a multa para quem participa de protestos não autorizados.

O tribunal municipal de Moscou negou uma apelação de Nikolái Alexéjev, um dos líderes de grupos homossexuais da Rússia. Com isso confirma-se a legalidade de uma disposição anterior da prefeitura que proíbe paradas homossexuais de 2012 até 2112, que havia estado em vigor em cinco regiões da Rússia.

“Nossas manifestações são sempre proibidas, e Estrasburgo chama estas manifestações de ilegais. O tempo passa e seguiremos pedindo autorização para novas ações, ainda que nos neguem. Desta vez decidimos recorrer em Estrasburgo contra a proibição de futuras marchas gays”, disse Alexéyev, de acordo com o Interfax-Religion.

A Câmara alta do Parlamento russo também aprovou um projeto de lei que aumenta em 150 vezes a multa para quem participa de protestos não autorizados. Com essa medida, além de outras leis contra a ‘propaganda homossexual’, a Rússia…