Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 18, 2015

Bispo Roberto Torrecilhas - Fome não tem Cor , Raça ou Religião .

Imagem

O Vale dos Ossos Secos

As nações saberão que
eu sou o Senhor que santifico a Israel,
quando estiver o meu santuário no meio deles
para sempre
”Ezequiel 37:28
Ezequiel, considerado como um dos grandes profetas de Israel, era da linha de sacerdotes daquele povo, mas foi levado ao cativeiro por ordem do rei caldeu Nabucodonosor, e foi morar com os israelitas exilados que residiam junto ao rio Quebar, afluente do rio Eufrates, num povoado chamado Tel-Abibe, em 597 AC. Ele nos dá a data das suas profecias a partir dessa ocasião, assim calculamos que foram proferidas durante 22 anos, de 593 a 571 AC.   A profecia do capítulo 37 do seu livro na Bíblia diz respeito ao reavivamento do povo de Israel, que se dará antes do milênio, onde vemos a ação do Espírito Santo para a transformação de um remanescente sem vida espiritual desse povo, a fim de que, reunido e vivificado, possa novamente tomar a sua posição como o povo de Deus na terra. Ezequiel conta que “a mão do Senhor estava sobre ele”, o que entendemos como um estado …

Ex-feminista pede perdão aos cristãos por promover "beijaço gay" em frente à igreja

Imagem
Uma das ativistas do movimento feminista Bastardxs, que promoveu um "beijaço gay" em frente à Igreja da Candelária, no Centro do Rio, se arrependeu do ato e pediu perdão aos cristãos, em um vídeo divulgado no YouTube nesta terça-feira (15).

Na ocasião, Sara Winter se colocou em frente a uma cruz seminua junto com sua amiga Bia Spring. As duas se beijaram e também proferiram palavras em repúdio ao discurso do candidato à presidência Levy Fidelix (PRTB) sobre a comunidade LGBT.
"Pedir desculpas com certeza não é um ato fácil, mas é um ato louvável e de muita coragem", desabafa Sara. "Nós exageramos muito e acabamos ofendendo muitas pessoas religiosas e não religiosas por conta desse protesto."

Arrependida, Sara se classifica hoje como uma ex-feminista. Há menos de três meses a jovem de 23 anos deu à luz a seu primeiro filho, passou a se denominar pró-mulher e é contra o ato de abortamento. Nesta semana, traz a público seu livro digital "Vadia, Não! Sete V…

Pastor e deputado Roberto de Lucena comenta denúncias sobre Eduardo Cunha

Imagem
Autor do projeto de lei que que classifica a corrupção como crime hediondo, o pastor e deputado federal Roberto de Lucena (PV-SP) tem trabalhado, desde o início de sua jornada política, contra um mal que é classificado por ele como o "inimigo número um do Brasil".

Dentro do maior esquema de corrupção já descoberto no Brasil, conhecido como "Operação Lava Jato", a investigação feita sobre o deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ), atual presidente da Câmara dos Deputados e um dos membros mais ativos da Frente Parlamentar Evangélica, tem ganhado destaque nos últimos meses. 

De acordo com Roberto de Lucena (foto ao lado), que atua como secretário de Turismo do Estado de São Paulo, o atual momento político gera um ambiente de incertezas e até mesmo de paralisação do País.

O secretário, que também já atuou na vice-presidência da conhecida "bancada evangélica", ainda acredita que o fato de Cunha ser evangélico não o isenta da justiça constitucional. "É impor…

Estado Islâmico mata 38 crianças deficientes e portadoras de Síndrome de Down

Imagem
Mais de 38 crianças com deformidades congênitas e portadoras de síndrome de Down foram supostamente mortas pelo grupo terrorista Estado Islâmico (EI), segundo informa a agência de notícias iraquiana Mosul Eye. 
Os assassinatos aconteceram depois que um fatwa (pronunciamento legal) foi emitido por um líder religioso do EI.

A maioria das crianças com deficiência ameaçadas pelo EI são filhos de "combatentes estrangeiros que se casaram com mulheres do Iraque, da Síria e da Ásia", relata a agência de notícias. 

As crianças foram mortas por injeções letais e asfixia na Síria e Mosul, ao norte do Iraque.

A fatwa foi emitida pelo saudita Abu Said Aljazrawi, um dos juízes da sharia, a lei islâmica.

Em junho, o site norte-americano Christian Post denunciou a segmentação, tortura e assassinatos de pessoas com deficiência pelo EI.

Além de visar as pessoas com deficiência, crianças são crucificadas por não jejuarem durante o Ramadã.

Fonte: Guia-me

Tradutores de Bíblia estão sendo presos e mortos em países muçulmanos, afirma ONG

Imagem
Tradutores da Bíblia também tem sido submetidos a uma intensa perseguição em algumas partes do mundo, segundo revelou a Wycliffe Associates, organização que promove a tradução das Escrituras Saradas em diversas línguas. Ao iniciar novos projetos de tradução de Bíblias este ano, muitos dos tradutores da organização enfrentaram duros desafios, particularmente em países predominantemente muçulmanos. Na Índia, o grupo relatou que um tradutor foi arrancado de sua casa durante a madrugada e levou 17 tiros. Na mesma semana, 16 casos de tradutores presos e torturados foram registrados. Outros tradutores têm enfrentado situações inexplicáveis. O líder de uma oficina de tradução no Sudeste Asiático perdeu a voz misteriosamente, enquanto um número significativo de participantes da oficina ficou doente. Um jovem tradutor do mesmo grupo também morreu enquanto cochilava durante o workshop. De acordo com Bruce Smith, presidente da Wycliffe, o que os tradutores estão vivendo é uma parte esperada da guerr…

Governo brasileiro barra novo embaixador designado por Israel

Palestinos incendeiam túmulo do Patriarca José, local venerado por judeus na Cisjordânia - mais uma prova histórica da Arqueologia Bíblica é alvejada

Imagem
Túmulo de José, em Nablus, foi alvo de bombas incendiárias. Palestino, disfarçado de repórter, foi morto após ferir soldado israelense.
Túmulo de José foi incendiado por palestinos, em Nablus, norte da Cisjordânia ocupada, dizem israelenses. A imagem foi divulgada pelo porta-voz do Exército de Israel, Peter Lerner (Foto: Reprodução/Twitter/Peter Lerner)
Dezenas de palestinos incendiaram nesta sexta-feira (16) o túmulo de José, um local venerado pelos judeus em Nablus, norte da Cisjordânia ocupada, anunciaram a polícia palestina e o exército de Israel.
Os palestinos lançaram bombas incendiárias contra o local de peregrinação para os judeus. O ataque provocou graves danos. saiba mais
Para os judeus, o local atacado é o túmulo de José, um dos 12 filhos de Jacó, vendido por seus irmãos e levado ao Egito, de onde seu corpo foi trasladado segundo a tradição bíblica.
O local, onde os palestinos afirmam que se encontra o túmulo de um xeque local, foi cenário de confrontos no passado, sobretudo duran…