sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

David Quinlan ministra em Congresso no Paraguai

Imagem inline 1

Na manhã desta sexta-feira (31/01), o cantor David Quinlan desembarcou com sua banda em Assunção, Paraguai, local em que participarão neste próximo sábado (01/02) e domingo (02/02) do Congresso de Louvor CONSAGRARTE, evento realizado pelo ministério de artes CFA MUSIC, da Igreja Centro Familiar da Adoração.

Segundo David, sua expectativa para os dois dias de ministração é excelente. “Sinto que Deus vai trazer algo sobrenatural em nosso meio. Pessoas sedentas por mais Dele são agraciadas com o derramar da presença de Deus. Estou feliz por estar aqui com os paraguaios, que assim como eu são apaixonados por Cristo”, disse.

De acordo com o pastor da Igreja Centro Familiar da Adoração, Fabian Ojeda, são esperadas aproximadamente 12 mil pessoas para cada dia de Congresso.
Congresso de Louvor CONSAGRARTE
Data: 01 e 02 de fevereiro
Horário: 01/02, às 14h
             02/02, às 10h
Local: Igreja Centro Familiar da Adoração

--
Por: Priscila Souza
Assessoria de Imprensa David Quinlan

Schumacher responde a instruções e se comunica com os olhos

Schumacher passa por processo para sair aos poucos do coma induzido
Foto: Getty ImagesDe acordo com o jornal francês L'Équipe, o ex-piloto Michael Schumacher respondeu a instruções e se comunicou piscando os olhos após os médicos terem iniciado o processo para tirá-lo do coma induzido, condição em que está desde que sofreu um grave acidente de esqui em 29 de dezembro do ano passado.
Schumacher passa por processo para sair aos poucos do coma induzido Foto: Getty Images







O alemão vem "respondendo positivamente" a exames neurológicos desde segunda-feira, e piscou os olhos durante um dos primeiros testes, segundo as informações da publicação francesa.
O staff de Schumacher confirmou na última quinta-feira que os sedativos estavam sendo diminuídos gradativamente para que o heptacampeão de Fórmula 1 fosse retirado aos poucos do coma. Ainda não é possível determinar o grau das sequelas que o ex-piloto de 45 anos terá caso se recupere.

Schumacher sofreu lesões graves na cabeça ao escorregar sobre uma pedra oculta na neve, enquanto esquiava nos alpes franceses no fim do ano passado, e bater o lado direito da cabeça em uma rocha. Desde então, ele está internado em coma no hospital da Universidade de Grenoble e passou por duas cirurgias para retirar coágulos do cérebro e diminuir a pressão intracraniana.


FALA DILMA - Novo ministro da Educação responde a processo na Justiça Federal

O novo ministro da Educação, José Henrique Paim, é réu numa Ação Civil Pública que corre na Justiça Federal em São Paulo desde 2006.
Ele responde por irregularidades identificadas pelo Ministério Público num convênio de R$ 491 mil firmado entre o FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação), que foi presidido por Paim, com a ONG Central Nacional Democrática, para alfabetizar jovens e adultos.
Em 2005, a ONG não havia prestado contas dos recursos recebidos num convênio firmado no ano anterior. Por isso, o Ministério Público determinou que não fossem repassados novos recursos à entidade.
Apesar da recomendação, a ONG conseguiu fechar o novo convênio e o Ministério Público apresentou a ação contra Paim e contra os dirigentes da Central Nacional Democrática.
De acordo com a assessoria do Ministério da Educação, uma falha administrativa fez com que a recomendação do Ministério Público não chegasse a Paim, por isso os recursos teriam sido liberados.
Em nota, a assessoria diz que uma apuração interna foi feita no FNDE e inocentou Paim de responsabilidade.
A nota ainda diz que o TCU (Tribunal de Contas da União), ao analisar a situação, também inocentou Paim. Por fim, alega que o processo só corre na Justiça até hoje porque os ex-dirigentes da ONG desapareceram, o que impede a conclusão do caso.


Vaticano critica Rolling Stone por comparação de papas


Padres Federico Lombardi, porta-voz da Santa Sé, agradeceu a atenção dada a Francisco, mas considerou que a revista caiu no erro comum de jornalismo superficial.

A duas semanas do aniversário da renúncia de Bento XVI, o Vaticano reagiu nesta quarta-feira a um artigo publicado pela revista americana Rolling Stone, que colocou o Papa Francisco na capa e estabeleceu comparações entre ele e seu predecessor.

O padres Federico Lombardi, porta-voz da Santa Sé, agradeceu a atenção dada a Francisco, mas considerou que a revista caiu no "erro comum de um jornalismo superficial que, para destacar os aspectos positivos do Papa Francisco, se sente compelido a descrever de forma negativa o pontificado de Bento XVI", de acordo com a agência de notícias sobre o Vaticano I.Media.

A revista Rolling Stone demonstra, segundo o padre, uma "grosseria surpreendente" em relação ao Papa emérito, aposentado na colina do Vaticano, e que mantém boas relações com seu sucessor, segundo fontes vaticanas.

Francisco, assim como um rock star, é a capa da Rolling Stone que chega às bancas sexta-feira nos Estados Unidos, com uma foto em que aparece sorrindo, sob o título: "Papa Francisco, os tempos estão mudando".

Para a revista, "não só o tom moderado (de Francisco) contrasta com o de seus Papas predecessores, mas também acalma as disputas culturais e fala de problemas econômicos reais em termos morais. Seu tom é um sopro de ar fresco".

Segundo o padre Lombardi, encontramos neste artigo os "erros comuns de um jornalismo superficial". "Esta não é uma boa maneira de prestar serviço ao Papa Francisco, que sabe muito bem tudo o que a Igreja deve a seu antecessor", acrescentou.

Assim, o porta-voz critica o fato de a revista qualificar como "catastrófico" o pontificado de Bento XVI, e que apresenta o Papa alemão como "um acadêmico austero" capaz de causar "pesadelos" aos adolescentes.

O Papa argentino goza, em especial nos Estados Unidos, de uma popularidade sem precedentes entre os meios não-religiosos que descreve-no como um progressista e liberal, ao contrário de seu antecessor, chamado de retrógrado.

No entanto, Francisco tem se mantido em grande parte no caminho traçado por Bento XVI em termos de doutrina, ainda que tenha inaugurado um estilo mais caloroso.

Muitos na Igreja creditam ao Papa alemão o esforço de ter iniciado a luta contra o carreirismo e o elogiam por sua luta contra a corrupção e os escândalos (incluindo de pedofilia).

Até hoje, nenhum Papa havia ilustrado a capa da Rolling Stone.

O novo Papa foi escolhido o homem do ano 2013 pela revista americana Time.

Fonte: Exame.com

Mercado evangélico faz girar cerca de R$ 15 bi por ano


O segmento gospel é o principal responsável pela sobrevida da indústria fonográfica. Condutas de cada igreja influenciam compras, segundo o lojista Geraldo Leal, multiplicando ganhos.

Confira abaixo matéria do Jornal Estado de Minas:

O preconceito contra os consumidores evangélicos caiu por terra quando as cifras do mundo gospel começaram a se multiplicar na mesma velocidade de templos e fiéis. Com investimento maciço em comunicação, os crentes — assim chamados, embora nem todos gostem da expressão — passaram a ser vistos e ouvidos e, na última década, se consolidaram como o segmento religioso que mais cresce no país, alicerçado em muita fé e dinheiro.

As somas estrondosas rendem gritos de “glória” entre os mais fervorosos. O mercado evangélico no Brasil — com 42,3 milhões de adeptos, 60% deles da linha pentecostal, liderada pela Assembleia de Deus — faz girar cerca de R$ 15 bilhões por ano em diversos segmentos. É o mesmo volume movimentado pelo turismo religioso no país. A estimativa, incluindo dados de gravadoras e editoras, é da organização do maior salão gospel da América Latina, realizado todos os anos em São Paulo.

Incluída a radiografia das lojas de instrumentos musicais e de vestuário, o universo gospel responde pela criação direta de mais de 2 milhões de empregos no país. A “revolução dos evangélicos”, como algumas correntes da religião definem a ascensão da última década, revela um mercado de rentabilidade contínua. Estimativa feita pela organização Servindo aos Pastores e Líderes (Sepal) indica que em 2020 os evangélicos poderão ser mais da metade da população brasileira.

Em Belo Horizonte, o comércio de artigos direcionados a esses consumidores cresce no rastro dos números de fiéis e se especializou, sob o abrigo de galerias e mini shoppings. Proprietário de uma loja na galeria Mundo Evangélico, no Centro da capital, Geraldo Hélio Leal, conta que os itens mais procurados são as Bíblias, encontradas a preços que variam de R$ 10 a R$ 120. “São muitas igrejas e cada uma delas tem sua política. O evangélico procura nas lojas o que se enquadra na convenção de cada uma”, afirma.

O segmento gospel é o principal responsável pela sobrevida da indústria fonográfica. Menos suscetíveis à pirataria e ao compartilhamento de áudios pela internet — devido aos princípios dos fiéis –, CDs e DVDs de música cristã movimentam algo em torno de R$ 500 milhões anuais. Não à toa, a Sony Music criou, em 2010, um selo específico para a música evangélica no Brasil.

Existem pelo menos 4,5 mil cantores e bandas gospel brasileiras. São, no mínimo, 10 novos CDs lançados todo mês. Especialistas em marketing que acompanham o fenômeno evangélico calculam que 600 rádios e 157 gravadoras tocam música gospel no país. “É uma economia da fé que desconhece crises e vai de vento em popa”, comenta Luciana Mazza, cineasta que trabalha há mais de 10 anos para meios de comunicação e em grandes eventos evangélicos.

Fenômeno da música evangélica, a banda Diante do Trono, de BH, completou 15 anos, tendo como líder a cantora Ana Paula Valadão, filha do pastor Márcio Valadão, da Igreja Batista da Lagoinha. O grupo tem 33 álbuns gravados, esteve em 14 países e vendeu mais de 7 milhões de cópias.

Fonte: Estado de Minas

Polícia Civil investigará vídeo sobre o Natal do Porta dos Fundos


Três representações criminais já foram levadas ao Ministério Público de São Paulo, Rio de Janeiro e Pernambuco contra o video “Especial de Natal”

A representação criminal movida pelo deputado Marco Feliciano (PSC-SP) contra o vídeo “Especial de Natal”, da produtora Porta dos Fundos vai ser investigada pela Decradi (Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância), da Polícia Civil de São Paulo.

Open in new windowA acusação é sobre o teor do vídeo que satiriza a Sagrada Família. Na representação Feliciano escreveu que o conteúdo do vídeo é “altamente pejorativo, utilizando-se inclusive de palavras obscenas, e de forma infame atacou os dogmas cristãos e a fé de milhares de brasileiros que comungam deles, ferindo dialeticamente o direito fundamente à liberdade religiosa”.

Feliciano pede indenização de R$ 1 milhão ao grupo humorístico. A denuncia foi recebida pelo promotor de Justiça de Direitos Humanos José Paulo França Piva, que a encaminhou à Decradi. As investigações avaliarão o vídeo para saber se o conteúdo representa algum crime.

Além do deputado evangélico, outras denúncias foram feitas contra o vídeo. A Associação Nacional Pró-Vida e Pró-Família, ligada à Igreja Católica, e o deputado federal Anderson Ferreira (PR) também procuraram o Ministério Público para denunciar criminalmente o vídeo.

Esse não foi o primeiro vídeo que colocou os humoristas do Porta dos Fundos em guerra contra religiosos. Em outras cenas eles já haviam criticado o cristianismo, como no vídeo “OH, Meu Deus”.

Ao UOL o grupo se defendeu dizendo que não desrespeitam nenhuma crença. “De maneira nenhuma temos o objetivo de desrespeitar a fé, nem ninguém de nenhuma religião. Temos muito cuidado ao fazer nosso trabalho e também temos nossas responsabilidades”, declarou João Vicente de Castro. O grupo espera uma notificação oficial sobre os processos abertos.

Fonte: Gospel Prime

Mais de 1.300 crianças foram vítimas de abusos sexuais na Austrália

Pedofilia A Comissão Real para Respostas Institucionais ao Abuso Sexual Infantil, na Austrália, lançou, esta quinta-feira, um relatório ...