sábado, 2 de abril de 2011

29 ° GIDEÕES INTERNACIONAL - Elaine de Jesus, Damares e Cassiane confirmam presença no evento

     O mais tradicional evento de música pentecostal e pregação, o Congresso Gideões da Última Hora em sua 29ª edição, que acontece todos os anos na cidade de Camboriu, Santa Catarina reunindo mais de 50 mil pessoas por dia, receberá grandes pregadores e cantores.
   Neste ano, a Sony Music estará representada por três fortes nomes de seu cast, nada menos do que Elaine de Jesus, Damares e Cassiane que se revezarão durante todo os dias do evento no palco principal.
   A grande festa será realizada entre os dias 23 de abril e 03 de maio e espera-se por mais de 400 caravanas dos mais diferentes estados do país, superando a marca de 407 ônibus vindos de todos os cantos do Brasil, inclusive do distante Estado do Amazonas e Pará. Para maiores informações (47) 3404 8714.

CREIO

Poder Supernatural da Oração para Trazer a Paz na Fronteira EUA-México

Onda de violência no México faz com que limpeza de cenas de crime 
vire lucro entre as empresas do setor de higienização - Foto: AP
Mark Gonzalez fundador da Hispanic Prayer Network irá liderar uma estratégia de oração muito poderosa de 21 dias que foi nomeada Iniciativa Cinco de Mayo, "para clamar em uma só voz, por um avanço do poder de Deus que derrubará os cartéis de droga e dá segurança à região fronteira de nossa nação.”
A iniciativa de oração de 21 dias e de jejum será realizada de 15 de abril a 05 de maio pelos líderes de ambos os lados dos Estados Unidos e México, que se reunirão em Dallas, TX, na Cidade do México, MX e na região da fronteira para a oração.
A Oração Cinco de Mayo anunciada nesta sexta-feira vem em resposta a uma diretiva profética dada por Cindy Jacobs, a Presidente e Co-Fundadora do Generals of Intercession (Generais de Intercessão), uma organização missionária dedicada à formação da oração e guerra espiritual.
"Na fronteira estão lidando com a violência, sequestro e estas questões estão tanto em seu lado da fronteira como no nosso lado das fronteira e para além dela," disse Jacobs.
A iniciativa começou quando Jacobs "recebi um telefonema de alguns líderes principais no México, da Fundação 'Macedonian Call' para pedir ajuda em oração para quebrar o espírito de violência em seu país."
Cindy Jacobs e outras pessoas que têm estado trabalhando nos problemas das fronteiras perceberam que em relação ao que está ocorrendo nessas regiões "não existem remédios naturais, só Deus pode nos dar remédios sobrenaturais."
Portanto, ela encargou o fundador da HPN para desenvolver um esforço de oração conjunta entre os Estados Unidos e México. Ele agora está se dirigindo a oração e disse em uma entrevista com Jacobs que "O objetivo é aumentar a interseção por tudo o que está ocorrendo no México e nos EUA e na região fronteiriça, lidando com o cartel e com tudo o que está acontecendo lá."
Ele mencionou o problema da violência "e nós estamos vendo o tráfico que está ocorrendo," vendo a necessidade de "trazer a consciência, porque nós precisamos saber o que está acontecendo ... há um monte de coisas que não estão sendo exploradas pelo mídia."
Gonzalez explicou que a oração vai seguir um guia de oração global de 21 dias em Inglês e em Espanhol e que será uma oração de 24 horas.
"Iremos cobrir todos os 21 dias com 24 horas de oração. Haverá cultos acontecendo ao longo da fronteira durante os 21 dias, em ambos os lados da fronteira. "
Ambos Jacobs e Gonzalez acreditam que "Deus está alinhando as coisas" ao que o fim dos 21 dias de oração cai em Cinco de Mayo (05 de maio), que é o Dia Nacional de Oração dos Estados Unidos e também o dia em que os mexicanos comemoram a vitória sobre a França em 1962 na Batalha de Puebla.
"Temos de olhar e começar a perguntar a Deus. Por que cinco de maio? Isso é uma coisa interessante ... eu comecei a perceber a importância de ambos os lados, historicamente falando, de Cinco de Mayo, que então tem uma conotação espiritual para nós também," disse Gonzalez.
Quanto à solução para os problemas na fronteira, ele disse, "Isto não se relaciona com os nossos governos. Não se trata do governo mexicano. Não se trata do governo dos EUA. Se trata "do Governo [de Deus]." [é] Por meio de Sua legislação, pelas Igrejas se unindo para lidar com isso," disse ele.
"O que acontece através do poder da oração ... pois sabemos que nada é impossível."
Jacobs concordou com ele dizendo: "é uma batalha com foco sobrenatural. Não podemos ganhá-la com força natural."
"Nós vamos ver o governo de Deus substituir qualquer outro governo. Nós estamos indo selar essas fronteiras. Nós vamos ver a justiça vir. E vamos estabelecer convênio entre o México e os Estados Unidos e vamos instituir novamente o Tratado de Guadalupe Hidalgo, de que somos chamados a ser bons vizinhos," concluiu Jacobs.

CRISTIAN POST

Cinema honra 400º anos da Bíblia King James

Cinema honra 
400º anos da Bíblia King James

Documentário retrata a história do livro mais vendido na história
Bem a tempo para o 400º aniversário da Bíblia King James, a Lionsgate se prepara para lançar um documentário que retrata a história de um dos livros mais venerados da história.

"Bíblia King James: o Livro que Mudou o Mundo," promovido pelo premiado ator John Rhys-Davies (O Senhor dos Anéis e Indiana Jones), passeios de espectadores ao longo da história, explicando a origem, significado e impacto da tradução King James.

"Sua aparência, linguagem e influência foi sentida em todo o mundo nos últimos 400 anos, que também afirma ser a Palavra viva de Deus,” diz Rhys-Davies.

O apresentador conta como a tradução do King James nasceu, começando com a ascensão de Jaime I ao trono Inglês, em 1603, em dramatizações curtas dos eventos em torno da criação da Bíblia.

Ele sucedeu ao trono numa época em que o país estava "no centro de uma revolução teológica"

Uma nova Bíblia foi proposta e afirmou durante uma conferência com Puritanos Ingleses no Palácio da Corte de Hampton, onde uma nova tradução da Bíblia não estava sequer na agenda. A reunião foi inicialmente convocada pelo rei James, em resposta a uma série de pedidos de reforma dentro da Igreja pelos puritanos, que diferiam dos anglicanos.

Mas foi aí que John Rainolds, um puritano, propôs uma nova tradução.

King James não estava satisfeito com nenhuma das traduções em Inglês das Bíblias existentes. Ele particularmente não gostava da Bíblia de Genebra - "com paixão,” como Rhys-Davies narra no filme. Ele encomendou uma nova tradução.

Enquanto King James continuava a perseguir sua tradução houve conspirações contra ele e seu reino, incluindo a Conspiração da Pólvora, 1605 - inspiração para o filme popular “V para Vendetta."

Demorou sete anos para terminar a tradução. Foi publicado pela primeira vez em 05 de maio de 1611. Em homenagem ao aniversário de 400, muitas Igrejas e organizações criaram vários projetos que comemoram a KJV.

No início deste ano o arcebispo de Canterbury, Dr. Rowan William, enviou uma mensagem ao público, onde ele conclamou os fiéis a "celebrar a contribuição feita por esse livro de 400 anos".

Uma versão atualizada da NIV foi propositadamente publicada este ano para o aniversário.

A Editora Thomas Nelson lançou um site que oferece uma grande variedade de conteúdo, incluindo vídeos, versículos bíblicos diários, podcasts e muito mais para a celebração dos 400.

E o príncipe de Gales, o príncipe Charles, ofereceu sua contribuição, como patrono da Bíblia King James Confiança e leitura para o projeto da Bíblia YouTube de João 14. Curiosamente, o influente ateu Richard Dawkins também leu a KJV para o projeto da Bíblia do YouTube.

"Não se pode apreciar a literatura Inglesa, a menos que se encontrem mergulhadas em certa medida, a Bíblia King James," disse Dawkins, de acordo com a Bíblia King James Trust, que foi criada para celebrar o 400º aniversário da Bíblia King James. "Somos uma cultura cristã, viemos de uma cultura cristã e não conhecer a Bíblia King James, deve ser de alguma maneira, o bárbaro".

Enquanto se continua a contagem regressiva de um mês, muitos outros projetos estão em jogo, em um esforço para chamar a atenção para o texto significativo. Como Rhys-Davies ressalta: "Esses textos definem o caminho da salvação, e te deixaram às portas da vida eterna".


Fonte: Christian Post / Redação CPAD News

Militares evangélicos se reúnem para discutir valores cristãos

Militares evangélicos se reúnem para discutir valores cristãos

Grupo discutirá e planejará ações para unir os militares em torno de valores cristãos
Militares cristãos engajados em movimentos evangelísticos irão se reunir no próximo dia 9 de abril (sábado), na capital paulista, para discutir e planejar ações conjuntas,com o objetivo de unir os militares do Brasil em torno de valores cristãos. Na ocasião, a diretoria da Associação PMs de Cristo de São Paulo irá recepcionar em sua sede as lideranças da União dos Militares Cristãos Evangélicos do Brasil (Umceb). O encontro terá início às 8h30 com um café da manhã e seguirá até as 11h30.

Na pauta do encontro estará o XV Congresso da Umceb, que ocorrerá de 29 de setembro a 2 de outubro, em Belém do Pará. Ambas as entidades atuam de forma interdenominacional e buscam difundir nas corporações as boas-novas do Evangelho: “Nossa missão é levar a Palavra de vida e esperança ao policial militar, oferecendo suporte espiritual. Diante disso, temos a necessidade de capacitar líderes, para que haja uma padronização nas ações evangelísticas nas mais diferentes regiões. Queremos fortalecer nosso movimento para alcançar efetivamente o militar do Brasil”, destaca o presidente da PMs de Cristo, capitão Joel Rocha.

Da diretoria da Umceb estarão presentes na reunião o presidente pastor Emilson Carlos de Souza, coronel da PM de Santa Catarina; o vice-presidente Raimundo de Souza Oliveira, tenente-coronel da PM do Pará; o secretário pastor Orlando Rodrigues de Camargo, coronel da PM de SP; o tesoureiro pastor Jurildo Mello, tenente-coronel da PM de Santa Catarina e o secretário-executivo presbítero Arlindo José Rotta, sargento da PM de Santa Catarina.

O grupo será recepcionado pela diretoria da PMs de Cristo: o presidente capitão Joel Rocha; o vice-presidente tenente-coronel Alexandre Marcondes Terra; a 1ª secretária subtenente Izabel Tereza Martins Evangelista Ribeiro; a 2ª secretária soldado Isabel Barnabé dos Santos Costa; o 1º tesoureiro sargento Antonio Arivan Maciel de Araújo, a 2ª tesoureira tenente Celma Moreno do Nascimento Coelho e o capelão geral tenente Fábio Pereira de Aguiar. A sede do PMs de Cristo fica na rua Pedro Vicente, 148-a-, na Ponte Pequena. Informações na associação pelo telefone 11 2203-7777 ou 2991-9059.

Saiba mais

Da união de vários grupos de militares evangélicos que, em 1985, foi criada a Umceb. No início dos anos 1990, todos os Estados do Brasil já tinham grupos de militares cristãos que se encontravam ocasionalmente para reuniões de oração. Atualmente, a maioria das associações do gênero são filiadas à Umceb, dentre elas a Associação PMs de Cristo do Estado de São Paulo.

A associação paulista nasceu de um pequeno grupo de 72 policiais militares de várias denominações evangélicas, que sentiram o chamado de Deus e resolveram organizar, em 25 de junho de 1992, a União dos Evangélicos da Polícia Militar do Estado de São Paulo – UEPMESP; com o objetivo de reunir os policiais militares cristãos, que até então estavam dispersos nos quartéis sem representatividade, para exercerem um trabalho em conjunto para difundir o Evangelho de Jesus Cristo, reconstruindo desta forma os muros de proteção da Família Policial Militar.

Em 1996, a UEPMESP, por determinação governamental, passou a denominar-se APMESP – Associação dos Policias Militares Evangélicos do Estado de São Paulo. Hoje, carinhosamente, é chamada de “PMs de Cristo”. Trata-se de uma entidade civil, sem fins lucrativos, que congrega todos os policiais militares e funcionários civis cristãos do Estado de São Paulo. A APMESP é filiada a UMCEB – União de Militares Cristãos Evangélicos do Brasil, a qual é filiada a AMCF – Association of Military Christian Fellowships.

Igrejas se reúnem em oração por Burkina Fasso


Igrejas se 
reúnem em oração por Burkina Fasso País africano decreta toque de recolher após motim militar
Todas as igrejas evangélicas de Burkina Fasso, no Oeste da África, estão reunidas em oração pela paz no país. A informação é da missionária Cristiane Pereira. Ela está no Brasil, mas preocupada com a colega de campo que está naquela nação, Maria Ilza Lopes.

As autoridades de Burkina Fasso decretaram nesta quarta-feira (30) o toque de recolher vigente para todo o território, entre as 21h e às 6h, como consequência de um motim organizado pelas forças armadas, que gerou atos de violência na capital, Ouagadougou, e em outras localidades.

"Para prevenir qualquer perturbação da ordem pública, a liberdade de circulação, de reuniões e de manifestações estão restringidas das 21h às 6h", menciona um comunicado divulgado pela rádio televisão nacional (RTB). O comunicado está assinado pelo chefe do Estado-Maior das forças armadas, o general Dominique Dienderé, cuja residência foi saqueada na noite de terça-feira pelos soldados do motim.

Os mesmos soldados saquearam a residência do prefeito de Ouagadougou, Simon Compaoré, que ficou ferido gravemente nos incidentes e se encontra hospitalizado em uma clínica na capital. Anteriormente, o grupo protagonizou atos de vandalismo saqueando e roubando várias lojas em Ouagadougou e atacaram também a sede do Palácio de Justiça na localidade de Fada N'gourma.

Os militares do motim protestam pela pena de 15 meses de prisão de um suboficial e quatro soldados envolvidos em um escândalo sexual. O chefe do Estado, Blaise Compaoré, anunciou nesta quarta-feira em mensagem à nação uma série de reuniões com os altos comandantes do Exército, os responsáveis religiosos e a sociedade civil para conseguir uma saída à crise que atinge o país.

“Ontem (31), falei por msn com uma funcionária da embaixada do Brasil em Burkina. Ela informou que hoje (1º) vão reunir todos os brasileiros para refletirem e se prepararem, caso as manifestações se tornem mais graves. Porém há muita esperança de que o governo controle a situação e tudo volte ao normal. Esta é a nossa oração e a de todas as igrejas de Burkina que se uniram para orar pela paz “, disse a missionária.



Fonte: JMM
 

14° Casamento: Gretchen se Separa de Filho de Pastor após 3 meses de Casamento E o casamento da cantora Gretchen com Silvio Alves já chegou ao fim. A assessoria informou o término da relação através de nota oficial.

Gretchen e Silvio se casaram em 15 de dezembro de 2010. Apenas três meses depois, a famosa dançarina termina seu 14º casamento, sendo o sexto no papel.

Gretchen, afirma que é evangélica e se casou com o empresário goiano que é filho de pastor da Assembleia de Deus.

Pouco antes do casamento, a cantora declarou que acreditava que o relacionamento duraria. "Acredito no amor e quero ser feliz. Acho que dessa vez é para sempre”, disse ao site Ego.

De acordo com a assessoria, o casal se separou "em comum acordo, sem brigas e continua se dando bem. Os dois se reservam no direito de não comentarem sobre o assunto".

Veja abaixo o comunicado da assessoria da cantora:

"Caros colegas da imprensa, venho por meio deste, anunciar a separação da cantora Gretchen com o goiano Silvio Alves, na tarde desta segunda-feira, 28 de março de 2011.Eles se separaram em comum acordo, sem brigas e continuam se dando bem. Os dois se reservam no direito de não comentarem sobre o assunto, visando suas privacidades e de suas famílias neste momento delicado. Obrigado pelo carinho de sempre."

12 Pessoas Presas por Conversão ao Cristianismo; 2 Pastores estão Desaparecidos

12 Pessoas Presas 
por Conversão ao Cristianismo; 2 Pastores estão Desaparecidos No Estado indiano de Orissa, a polícia do distrito de Mayurbhanj prendeu 12 tribais convertidos ao cristianismo por dois pastores protestantes. Dos dois pastores, não se tem notícias.

Os pastores são procurados porque violaram a Orissa Freedom of Religion Act, que veta qualquer conversão religiosa que não tenha recebido permissão prévia das autoridades competentes. O presidente do Conselho Global dos Indianos Cristãos, Sajan K. George, condena a decisão e pede ao governo do Estado que retire essas acusações e de um basta às violências contra os cristãos de Orissa.

Para ele, o governo local deve impedir as ações daqueles que usam a lei para perseguir a população, distorcendo os valores da Constituição, fundada no respeito à justiça e à liberdade. Já nesse ano, o distrito em questão foi palco de diversos casos de violência contra os cristãos cometidas por extremistas hinduístas.

Mas esse problema não é novo. Um exemplo, relativamente recente, é o do missionário australiano e seus filhos Philip e Timothy, os quais, em 22 de janeiro de 1999, foram queimados vivos enquanto dormiam dentro do seu carro no vilarejo de Manoharpur. No mesmo ano, Pe. Arul Doss, sacerdote da igreja de Anandpur, foi atacado de maneira atroz, até a morte, por dez extremistas.
Essa lei contra a conversão referida anteriormente vigora em seis estados indianos: Madhya Pradesh, Gujarat, Tâmil Nadu, Rajastan, Arunachal Prades e Orissa. A norma foi idealizada por grupos extremistas hinduístas ligados ao partido de oposição Bharatiya Janata Party, cuja intenção declarada era o de impedir o proselitismo e as conversões pagas, fato, que, até agora, não obteve qualquer comprovação.



Com informações O Ecumene / Radio Vaticano

Netinho de Paula Divulga Carta de Repúdio às Declarações Racistas de Marco Feliciano e Bolsonaro O vereador e militante das causas raciais Netinho de Paula publicou nota em que rechaça as declarações de cunho racista dos deputados federais Jair Bolsonaro e Marco Feliciano que vem causando polêmica na mídia e no Congresso, e conclama: "Temos que lutar cada vez mais para que o racismo seja abolido neste país."


Netinho de Paula 
Divulga Carta de Repúdio às Declarações Racistas de Marco Feliciano e 
Bolsonaro Leia carta na íntegra:

"O país inteiro está consternado com as declarações de cunho racista e homofóbico que o deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) fez em entrevista a um programa de TV. Como se não bastasse, o deputado Marco Feliciano (PSC-SP) disparou no twitter absurdos como: 'os africanos descendem de ancestral amaldiçoado por Noé” e “a maldição que Noé lança sobre seu neto, canaã, respinga sobre continente africano, daí a fome, pestes, doenças, guerras étnicas'.

Diante de tamanha demonstração de racismo, só tenho que repudiar veementemente tais atitudes. Essas declarações são uma afronta a todos os cidadãos brasileiros – negros e brancos - e não condizem com a delegação que o povo brasileiro lhes concedeu.

São afirmações que confrontam expressamente os preceitos fixados pela Constituição Federal de 1988, que garante o Estado Democrático de Direito, baseado no princípio da igualdade de direitos entre todos os cidadãos brasileiros.

Os representantes do povo, função desempenhada, em âmbito nacional, por deputados federais e senadores, são eleitos para, principalmente, zelar pelo cumprimento da Constituição Federal.

Estou entristecido e indignado. Milhares de pessoas dedicam sua vida à luta contra as discriminações de qualquer natureza. E declarações como essas envergonham a maioria da sociedade brasileira e demonstram que o racismo continua muito presente entre nós.

O Brasil tem se destacado no cenário mundial pelos avanços econômicos e sociais experimentados durante o governo do presidente Lula, que levaram mais de trinta milhões de brasileiros à classe média. Mas ainda há milhões e milhões de afrodescendentes vítimas da desigualdade.

Sou absolutamente a favor das ações afirmativas, das cotas e das políticas de promoção de igualdade racial e acho que as declarações lamentáveis desses deputados demonstram que é muito importante que este tema esteja sempre, de forma construtiva, em pauta em nossa sociedade. Temos que lutar cada vez mais para que o racismo seja abolido neste país.

O Brasil possui 92 milhões de negros e negras, metade de sua população. Somos o segundo maior país de população negra do planeta. Estudos do IBGE mostram que a proporção de brasileiros com ensino superior que se declaravam pretos ou pardos dobrou em 10 anos, mas representa um terço do percentual de brancos graduados. Segundo os dados da Síntese de Indicadores Sociais, divulgados pelo IBGE, em 2009, apenas 4,7% dos negros e 5,3% dos pardos com 25 anos ou mais tinha curso superior contra 15% dos brancos. Ainda é muito pouco. Não podemos compactuar com a perpetuação da desvantagem racial. O Estatuto da Igualdade Racial foi um passo muito importante para o desenvolvimento da democracia brasileira e temos que fazer muito mais. Com políticas públicas que promovam socialmente a população negra, estamos respeitando os princípios democráticos, elevando a autoestima dos negros e possibilitando que ocupemos o lugar que nos é de direito na história do nosso país.

Os tristes episódios desta semana não podem ficar impunes. Mas acredito que nós, homens e mulheres, devemos mostrar nossa indignação, não só pedindo punição para racistas como os deputados Bolsonaro e Feliciano, mas também propondo políticas de combate a estas práticas, defendendo as cotas e a inclusão social através da educação.

As manifestações de repúdio em todo o nosso país nos últimos dias demonstram que grande parte de nossa sociedade começa a caminhar para o início do entendimento e da aceitação das diferenças. É missão das autoridades transformar esses anseios da população em ações em prol de um país mais justo, onde todos os brasileiros tenham as mesmas oportunidades e sejam igualmente respeitados.

Nós, brasileiros e brasileiras, exigimos respeito! Não existe democracia com racismo!"



Informações Vermelho

Marco Feliciano justifica declarações no twitter e se diz perseguido por gays

Open in new windowAs polêmicas envolvendo o nome do pastor e deputado federal Marco Feliciano estão cada vez mais quentes, após xingar alguns cristãos no twitter e ser o assunto mais comentado por algumas horas, Marco Feliciano iniciou uma discussão sobre a maldição que poderia haver sobre os africanos por serem descendentes de Noé, utilizou passagens bíblicas para embasar seus pensamentos, porém, suas palavras não foram bem recebidas.

Em seu perfil na rede de microblogs, Feliciano disse: “africanos descendem de ancestral amaldiçoado por Noé. Isso é fato. O motivo da maldição é polêmica. Não sejam irresponsáveis twitters rsss”. Em seguida, outra mensagem, afirma que “sobre o continente africano repousa a maldição do paganismo, ocultismo, misérias, doenças oriundas de lá: ebola, Aids. Fome…(sic)”, afirmou Feliciano, que também é empresário.

O Deputado publicou em seu site oficial, uma carta onde esclarece suas declarações e faz denúncias, confira a íntegra:

“Após algumas horas de uma postagem na internet: AFRICANOS DESCENDEM DE ANCESTRAL AMALDIÇOADO POR NOÉ. ISSO É FATO. O MOTIVO DA MALDIÇÃO É A POLÊMICA. NÃO SEJAM IRRESPONSAVEIS TWITTERS rsss Fui alvo de milhares de pedradas, sapatadas, raquetadas, “twittadas”, e ainda virei matéria de midias como UOL, etc.

O que gostaria aqui de explanar, explicar e logo depois DENUNCIAR é algo grotesco e absurdo!

Primeiro a Explanação:

Gn. 9:22-25 – E viu Cão, o pai de Canaã, a nudez do seu pai, e fê-lo saber a ambos seus irmãos no lado de fora. Então tomaram Sem e Jafé uma capa, e puseram-na sobre ambos os seus ombros, e indo virados para trás, cobriram a nudez do seu pai, e os seus rostos estavam virados, de maneira que não viram a nudez do seu pai. E despertou Noé do seu vinho, e soube o que seu filho menor lhe fizera.E disse: Maldito seja Canaã; servo dos servos seja aos seus irmãos.E disse: Bendito seja o SENHOR Deus de Sem; e seja-lhe Canaã por servo. Alargue Deus a Jafé, e habite nas tendas de Sem; e seja-lhe Canaã por escravo..

No texto acima temos a citação biblica onde Noé amaldiçoa o descendente de Cão, ou seja, toda a sua descendencia, pois Canaa era o mais moço. Canaã representa diretamente a descendencia de Cão representando todos os seus filhos.

Gn.10:6 – E os filhos de Cão são: Cuxe, Mizraim, Pute e Canaã.
Acima vemos os filhos de Cão. Entre eles Cuxe. Veja abaixo a citação do Historiador Hebreu:

Flavio Josefo dá conta da nação de Cuxe, filho de Cam e neto de Noé : “Para um dos quatro filhos de Cam, o tempo não para toda a mágoa o nome de Cush; para a Etiópia , sobre o qual reinou, são ainda menos Neste dia, tanto por si e por todos os homens na Ásia , etíopes chamados. “(Antiquities of the Jews 1.6). ( Antiguidades dos Judeus 1,6).

Bem, citando a bíblia e a história, a veracidade sobre a postagem. AFRICANOS DESCENDEM DE CÃO, FILHO DE NOÉ.

Segundo a Explicação:

Como Cristãos, cremos em bençãos e portanto não podemos ignorar as maldições. Recai sobre o homem o peso da lei, toda vez que por ele a lei é quebrada.

Ex.34:7 que conserva sua graça até mil gerações, que perdoa a iniqüidade, a rebeldia e o pecado, mas não tem por inocente o culpado, porque castiga o pecado dos pais nos filhos e nos filhos de seus filhos, até a terceira e a quarta geração”.

Alguns creem que tudo acontece aqui na “horizontal” da existência, tipo, problemas vem por culpa do governo, empresarios, etc. Mas nós cristãos cremos que existem coisas que vem da “vertical”, ou seja, cremos que Deus governa o mundo. E sua palavra não volta atrás.
Todavia, também cremos que toda vez que o homem, a familia, o país, entrega os seus caminhos ao Senhor, toda maldição é quebrada na cruz de Cristo!

Tem ocorrido isso no continente africano. Milhares de africanos, tem devotado sua vida a Deus e por isso o peso da maldição tem sido retirado, afinal esta escrito na palavra de Deus:

Is.10:27 – A unção despedaça o jugo!

Gl. 3:13 – Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro;

Terceiro a DENUNCIA:

Desde o periodo das eleições, quando apresentamos ao povo evangélico as leis que tramitavam na camara, como a Pl. 122, comecei a receber ataques, ameaças, xingamentos, e outras coisas mais que não vale a pena citar aqui. Um dos seus representantes mais atuantes, um parlamentar eleito, ao assumir seu lugar em Brasilia, chamou a imprensa e declarou guerra a bancada evangélica. Sou o Deputado Evangélico mais votado do País. Dai seus tiros contra mim, através dos seus asseclas que ficam no twitter a espreita, procurando alguem que possam denegrir. No twitter existe um grupo de homoafetivos que deturpam tudo o que digo, e dessa vez foram longe demais!
Esparramando pela midia uma matéria esdruxula! Ja fui entrevistado hoje por muitos jornalistas, alguns sensibilizados por compreenderem do que se trata, outros irritados ja me chamando de HOMOFÓBICO E RACISTA.

Alerta a comunidade evangélica! Estamos sob fogo cruzado! E é preciso uma ação coletiva de repudio a esses ataques e a essas infames insinuações, pois isso pode provocar o ódio, a cólera, a ira, e sabe Deus o que mais.

Recebi uma mensagem de ameaça de morte dizendo que estou na lista ao lado de pastores como Silas Malafaia e outros.

Conclamo a Mídia Cristã responsável, pois existem tambem no nosso meio cristão uma MIDIA MARROM, inescrupulosa, baixa, irresponsável e leviana, que se alimenta de especulações e fofocagens! Nesse momento não é o meu nome que está em jogo, nesse momento estão em jogo comigo MILHÕES DE CRISTÃOS QUE LUTAM PELA FAMILIA ASSIM COMO EU.

Que fique bem claro aqui de uma vez por todas, NAO SOU HOMOFÓBICO. O que as pessoas fazem nos seus quartos não é do meu interesse. Sou contra a promiscuidade que fere os olhos de nossos filhos, quer seja na rua, nos impressos, na net ou na TV. Respeito o ser humano, mas tenho o direito de ser repeitado também! NÃO SOU RACISTA! Sou Brasileiro com um sangue miscigenado, por africanos, indios e europeus. SOU CRISTÃO sim Senhor.

Peço oração a todo o povo cristão brasileiro, os que lutam pela familia, os que amam ao Senhor, e os que me conhecem há tempos, e sabem que como todo brasileiro sou afro-descedente. Auxilío missionários no continente africano com sustento. E ja estive por lá e bem sei da luta daquele sofrido povo. E oro por eles!

Um abraço fraterno naquele que quebrou todas as maldições, Jesus o Senhor!

Agradeço a toda mídia brasileira pelo respeito e apreço.

Pr. Marco Feliciano
Deputado Federal PSC-SP”

KADAFI - A CONTINUAÇÃO DO FIM - MAQUIAVELICO E ENVIADO DO INFERNO PARA ATERRORIZAR AQUELA POPULAÇÃO

Sábado passado uma jovem advogada chamada Iman al-Obeidi entrou em um hotel em Tripoli pedindo ajuda aos jornalistas estrangeiros. Mostrando hematomas e chorando, ela dizia que ela tinha acabado de ser estuprada por 15 homens do Kadafi. Ela gritava enquanto era arrastada por officias da Líbia e não foi vista depois disso.

Palavras mal podem expressar a coragem que a Iman demonstrou ao expor o seu caso, e nós apenas podemos imaginar o terror que ela deve estar sofrendo agora nas mãos dos brutamontes do Kadafi. A vida dela está em perigo, mas nós podemos ajudar, se agirmos rápido.

O Kadafi vai ignorar as críticas internacionais porém, ele ouviu o governo turco quando eles interviram na libertação de jornalistas estrangeiros. Vamos gerar um chamado global para o Primeiro Ministro da Turquia, Recep Erdogan, pedindo ajuda para salvar a Iman. Assine a petição e divulgue esta campanha para todos. A petição será entregue no consulado da Turquia em Benghazi e através de anúncios na Turquia assim que alcançarmos 500.000 assinaturas:

http://www.avaaz.org/po/free_iman_al_obeidi/?vl

Iman disse que ela foi parada em um bloqueio em Tripoli e foi detida por dois dias, suportando estupro e espancamento por 15 homens da força de segurança, antes de conseguir escapar. Ela disse que outras mulheres ainda estão sendo mantidas reféns pelos brutamontes do regime.

Os homens que estupraram a Iman provavelmente acharam que ela nunca iria desafiar o aparato de terror do Kadafi ou suportar a vergonha de admitir ter sido estuprada, principalmente em uma sociedade conservadora onde frequentemente as mulheres são culpadas por estes crimes. Mas ela ousou quebrar o silêncio que persegue tantas outras vítimas da brutalidade do Kadafi, assim como vítimas da violência sexual em qualquer lugar do mundo.

O regime a chamou de prostituta e prometeu condená-la por difamar as forças do governo. Porém líbios já protestaram nas ruas em massa, para defender e apoiar Iman. A influência turca sobre o Kadafi, poderá libertá-la. Vamos nos manifestar em apoio a Iman al-Obeidi, que ousou se levantar contra os seus algozes pedindo a verdade e justiça – assine abaixo, peça para o Primeiro Ministro turco agir, depois encaminhe este alerta:

http://www.avaaz.org/po/free_iman_al_obeidi/?vl

Neste momento, uma jovem e corajosa mulher arriscou tudo pelos valores que todos nós compartilhamos e por causa disso, ela está enfrentando consequências terríveis. Vamos fazer de tudo para salvar a sua vida.

Com esperança e determinação,

Stephanie, Pascal, Alice, Rewan, Mohammad, Ricken e toda a equipe Avaaz

Fontes:

Na Líbia, mulher que denunciou estupro será processada:
http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,na-libia-mulher-que-denunciou-estupro-sera-processada,698864,0.htm

Mulher diz ter sido torturada e estuprada por militares líbios:
http://www.google.com/hostednews/afp/article/ALeqM5ggipQkFTPya9LvPCyVXOzU-om2HQ?docId=CNG.afe64f68b979abe5ef44b90e2459550d.3a1

Família de jovem que acusou soldados líbios de estupro diz que ela não foi libertada:
http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/internacional/2011/03/28/familia-de-jovem-que-acusou-soldados-libios-de-estupro-diz-que-ela-nao-foi-libertada.jhtm

Vídeo - ‪Mulher líbia acusa militares de violação‬:
http://www.youtube.com/watch?v=hFXWIk4ct-g