terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Valdemiro Santiago lança perfume para homens



Valdemiro Santiago lança perfume para homensValdemiro Santiago lança perfume para homens
Depois de lançar toalhas e meias para abençoar seus fiéis, o apóstolo Valdemiro Santiago está comercializando uma linha de perfumes.
O fundador da Igreja Mundial do Poder de Deus assina a colônia “Essencial by Ap. Valdemiro Santiago”, uma essência voltada para os homens. Sua esposa, a bispa Franciléia, assina o “Essencial by Bp. Franciléia”.
Os perfumes ganharam um toque personalizado por terem na tampa um chapéu de cowboy, igual ao usado pelo líder religioso.
A embalagem tem o mapa mundial estampado, símbolo do ministério fundado em 1998 e que hoje conta com mais de 5 milhões de fiéis no Brasil e outros milhares espalhados em outros países do mundo.
Os perfumes fazem parte da campanha “Sê Tu Uma Benção”, que tem também chaveiro, caneca, chinelos, sabonete e outros acessórios.
Santiago não é o primeiro líder evangélico a lançar uma linha de perfume. Os fundadores da Igreja Renascer em Cristo, apóstolo Estevam Hernandes e Bispa Sonia Hernandes, comercializam desde 2012 colônias, cremes hidrantes e sabonete líquido.

GP

400 padres foram afastados por abusos sexuais


Cerca de 400 padres foram afastados por abusos sexuaisCerca de 400 padres foram afastados por abusos sexuais
O Vaticano  divulgou dados sobre os escândalos de abuso sexual cometidos por funcionários do clero e noticiou que em 2011 e 2012 cerca de 400 padres foram afastados de suas funções.
Antes de tomar esta decisão o Vaticano precisou investigar 822 relatos de padres que teriam cometido abusos sexuais, conforme informações divulgadas na nesta sexta-feira (17), de acordo com a Associated Press.
Essas informações serão repassadas pela ONU como tem acontecido desde 2008 e 2009, quando a Igreja começou a divulgar os dados relativos ao afastamento de clérigos por pedofilia.
Os dados recentes mostram que o número de padres que cometeram abusos sexuais dobrou em relação aos anos de 2008 e 2009 quando o Vaticano desligou 171 padres.
Um dia antes da divulgação do relatório, a Igreja admitiu a existência de clérigos e funcionários que abusaram sexualmente de menores durante uma audiência com especialistas do Comitê para Direitos da Infância da ONU.
O monsenhor Silvano Tomasi, embaixador do Vaticano na ONU em Genebra, sede do comitê, informou que em 2012 foram documentados 612 casos de abusos sexuais que envolviam funcionários do clero. Destes, 418 foram praticados contra menores.
A ONU tem pressionado a Igreja Católica sobre os relatos de pedofilia, o Comitê de Direitos da Infância chegou a pedir uma atuação maior contra esses casos que muitas vezes são abafados pela Santa Sé.
Uma das integrantes do Comitê da ONU, Sara Oviedo, chegou a reclamar durante a audiência, na presença de representantes do Vaticano, da falta de mecanismos para investigação dos casos e da falta de punição.

Associated Press. GP

GOVERNO ISRAELITA CONDENA HIPOCRISIA EUROPEIA


Pouco depois do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu ter condenado a"hipocrisia" europeia condenando  a construção de "colonatos", o ministro das Relações Externas de Israel, Avigdor Liberman convocou esta manhã os embaixadores da Grã-Bretanha, França, Itália e Espanha para lhes manifestar o protesto israelita contra aquilo que ontem mesmo esses países fizeram ao terem chamado os embaixadores israelitas dos seus países para protestarem contra a construção de 1.400 habitações nas zonas periféricas de Jerusalém.
ALDEAMENTO JUDAICO DE OFRA
O ministro israelita convocou esta manhã os representantes destes mesmos 4 países para os repreender severamente pela"posição unilateral que sempre tomam contra Israel e a favor dos palestinos."
Segundo Liberman, "esta posição é inaceitável e cria um sentimento de que estão apenas à procura de lugar para culpar Israel."
Para além disso, Liberman disse ainda aos embaixadores europeus que as críticas constantes que os representantes israelitas sempre recebem dos europeus podem vir a ter "o efeito contrário."
"Israel está fazendo um grande esforço para permitir que o diálogo com os palestinianos prossiga, e a posição que estes estados estão a tomar, além de ser tendenciosa e desequilibrada, está severamente prejudicando as chances de se chegar a um acordo"- afirmou Liberman.

NETANYAHU CONDENA "HIPOCRISIA EUROPEIA"
Ontem mesmo o primeiro-ministro descarregou a sua condenação à União Europeia, acusando-a de "hipocrisia" ao condenar a construção de colonatos, mas não os palestinianos pela incitação ou propagação do terrorismo.
Referindo-se à alegação europeia de que a construção de colonatos é um obstáculo à paz, Netanyahu, falando ontem durante uma recepção realizada anualmente para os jornalistas estrangeiros, criticou a posição europeia, e perguntou quando é que foi a última vez em que os países europeus convocaram os embaixadores da OLP para "reclamarem contra o incitamento à destruição de Israel", ou para protestarem contra os representantes da Autoridade Palestina que têm participado em ataques terroristas contra israelitas inocentes.
"Quando é que a União Europeia convocou os embaixadores palestinianos para reclamar sobre o incitamento que apela à destruição de Israel?" - questionou o ministro israelita.
"Penso que é tempo de pararem com a hipocrisia e injetarem alguma justiça no debate" - afirmou Netanyahu, acrescentando que o desequilíbrio europeu não promove a paz, antes pelo contrário afasta-a cada vez mais longe, uma vez que "diz aos palestinianos que se podem envolver no incitamento e no terrorismo sem que para isso sejam chamados à responsabilidade."

Shalom, Israel!

Assembleias de Deus são atacadas por monges budistas


Assembleias de Deus são atacadas por monges budistasAssembleias de Deus são atacadas por monges budistas
A polícia do Sri Lanka divulgou a identidade das pessoas que atacaram duas igrejas ligadas à Assembleia de Deus no último domingo. Os ataques foram realizados por 24 homens, sendo que oito deles eram monges budistas.
Ninguém ficou ferido gravemente, mas os membros da igreja contam que foram ameaçados, os dois templos foram vandalizados, com Bíblias e outros livros cristãos sendo queimados. Um pastor relata que foi ameaçado de morte caso não suspenda os cultos.
O porta-voz da polícia Ajith Rohana admitiu “inércia” por parte do departamento de polícia, justificando a falta de prisões por causa do número insuficiente de policiais. Contudo, por força da tradição é muito difícil conseguir prender os monges.
Karu Jayasuriya, um político importante da oposição, pediu uma investigação completa por parte do governo. “O governo deve tomar medidas, ações corretivas, para garantir que isso não volte a acontecer”, declarou à BBC.
Um vídeo que foi parar na internet e retransmitido pelo canal de televisão Derana mostra claramente os monges em frente a um dos templos, gritando insultos, quebrando uma placa e atirando pedras contra os vidros.
O pastor Ranjan Perumal conta que um grupo invadiu sua igreja e começaram a tentar colocar fogo em tudo, enquanto janelas, portas e instrumentos musicais eram quebrados.
Um representante dos monges alega que as Assembleias de Deus estão operando ilegalmente. Os pastores se defendem, mostrando que estão registrados sob a lei do Parlamento e estão operando de forma legal.
Outros ataques semelhantes foram registrados na época do Natal de 2013.  O Sri Lanka vive um momento de nacionalismo, e os budistas tem pedido a proibição de outras religiões “estrangeiras”.
Um porta-voz das Assembleias disse à imprensa “Somos gratos a Deus que nenhuma vida foi perdida, mas solicitamos seu apoio urgente em oração pela justiça. Que a paz e o bom senso prevaleça e que Deus proteja nossos pastores, os fiéis e suas famílias”. Com informações Christian Headlines.

Marco Feliciano quer R$ 1 milhão de indenização do Porta dos Fundos


A representação do pastor Marco Feliciano (PSC-SP) contra a produtora Porta dos Fundos, por conta do vídeo Especial de Natal, exige do grupo de humoristas uma indenização por danos coletivos no valor de R$ 1 milhão.

O pastor diz em sua representação que os valores serão destinados aos hospitais da Santa Casa de Misericórdia, segundo informações do jornalista Leandro Mazzini, do Coluna Esplanada, no portal Uol.

Feliciano afirmou que se “sentiu ofendido na sua condição de cristão” e por isso pede “medidas cíveis e criminais” contra o Porta dos Fundos, que preferiu não se pronunciar oficialmente.

Essa representação contra o Porta dos Fundos não foi a primeira recebida pelo Ministério Público em relação ao vídeo Especial de Natal.

Na última semana, o diretor da Associação Nacional Pró- Vida e Pró-Família, Hermes Nery Rodrigues, já havia protocolado uma notificação contra os humoristas, justificando que a iniciativa era em “defesa dos valores morais e éticos da família” e contra as “práticas de abusos” no vídeo que faz piada sobre o nascimento, vida, ministério e crucificação de Jesus.

Fonte: Gospel+

Combate ao tráfico sexual na Copa do Mundo e no Super Bowl será foco de trabalho de grupo cristão


Com maioria de vítimas como mulheres e crianças, o tráfico de pessoas só perde em números apenas para o tráfico de drogas e grandes eventos esportivos servem de oportunidade para a exploração do tráfico sexual.

O combate contra o tráfico sexual e de trabalho para outros países deve servir de meta para a mobilização de um grupo cristão, que reunirá centenas de voluntários para se manter a serviço durante a Copa do Mundo Fifa 2014 no Brasil e o Super Bowl, final da liga profissional de futebol americano (NFL) em Nova Jersey, EUA.

Considerada uma epidemia mundial, a escravidão moderna se torna uma preocupação cada vez maior da associação evangélica Calvary Chapel, em várias de suas operações pelo mundo, e por conta disso sua filial Fort Lauderdale, sul dos EUA, utiliza o mês de janeiro como o mês da consciência do Tráfico de Seres Humanos para apontar estatísticas e soluções contra este mal.

Com maioria de vítimas como mulheres e crianças, o tráfico de pessoas só perde em números apenas para o tráfico de drogas. E o que poucas pessoas sabem é que em grandes eventos esportivos como Copa do Mundo, Super Bowl, Fórmula 1, Olimpíadas, entre alguns outros, se tornam oportunidade para a exploração sexual, escondida por trás do compromisso da mídia em dar maior atenção aos jogos.

"À medida que se preparam para as festividades do Super Bowl, no dia 2 de fevereiro, há uma triste realidade velada por trás do hype deste evento esportivo icônico: o tráfico sexual humano. Como centenas de milhares de fãs de esportes irão para Nova Jersey e na área circundante, os traficantes se inserem entre eles", relata o site da organização.

Um agravante se dispõe após o fim destes grandes eventos, já que a coação de mulheres para prostituição, em muitos casos menores de idade, permanece por semanas e meses e a Calvary Chapel de Fort Lauderdale se organiza para integrar ações no Brasil em junho, durante a Copa do Mundo com o objetivo de combater a generalização do crime.

"Um milhão de estrangeiros virá ao Brasil este ano para a Copa do Mundo. As igrejas do Brasil precisam de ajuda, e nós vamos enviar uma equipe da Calvary Chapel Fort Lauderdale exclusivamente para isso", relata a organização.

Para a Calvary Chapel é hora de "o Corpo de Cristo intervir e se reforçar", e o grupo pretende trabalhar em diversas pontas durante a Copa do Mundo, desde a sensibilização das comunidades de favelas até trabalhos de conscientização nos eventos chamados de Fan Fest, que reunirão milhares de pessoas para assistirem os jogos em telões nas cidades-sede do torneio.

A mesma operação deve ser feita durante o Super Bowl XLVIII, em Nova Jersey, com a participação de voluntários que receberam a capacitação adequada para detectarem a coação de mulheres e meninas em motéis, hotéis e grandes redes de serviço de hospedagem.

Entre vários dados reunidos pela Calvary Chapel, os mais alarmantes indicam que: 32 bilhões de dólares são arrecadados por criminosos envolvidos com tráfico humano; algo entre 600 e 800 mil vítimas são traficadas no mundo a cada ano; uma faixa de 15 mil cidadãos estrangeiros são traficados para os EUA; os Estados Unidos são maior destino do turismo sexual, com o registro de aproximadamente 2,8 milhões de crianças que fogem para o país, onde um terço é atraído para pornografia e prostituição em 48 horas presente no local.

Fonte: The Christian Post

Dupla armada ataca igreja e rouba dízimo


Bandidos fugiram com R$ 14 mil em dinheiro e cheques arrecadados em um templo evangélico em Campinas.

Dois bandidos armados com revólveres roubaram R$ 14 mil entre dinheiro e cheques do dízimo de uma igreja evangélica, no Centro de Campinas, na manhã desta segunda-feira, 20. O assalto foi registrado na igreja Batista Central, localizada na rua Doutor Quirino.

Os ladrões também se apossaram de dois telefones celulares, laptop, documentos variados, filmadora e até do equipamento de distribuição das imagens internas do templo. Mesmo assim, dirigentes da igreja analisam alguns registros mantidos e avaliam a possibilidade de os assaltantes terem frequentado o culto na noite anterior. O material será entregue à polícia.

Segundo a polícia, às 7h eles se aproveitaram do momento em que uma funcionária chegou na igreja para rendê-la. M. J. M., de 26 anos, foi ameaçada com revólveres e teve de permitir a entrada da dupla. Os ladrões aparentavam ter 20 anos e pediam dinheiro a toda hora. “Disseram que sabiam que tinha dinheiro e mandavam abrir o cofre, mas não tenho chave”, contou M.

Três reféns/ Diante da impossibilidade de a mulher abrir o cofre, os ladrões esperaram outro funcionário chegar no local. O contador também foi rendido.

Antes de conseguirem abrir o cofre, um terceiro funcionário, um porteiro de 49 anos, chegou ao local e também acabou rendido. “Os ladrões queriam mesmo dinheiro. O cofre foi aberto, mas não tinha nada lá. Então passaram a mexer em um monte de armários e gavetas. Foi quando acharam o dinheiro em uma pasta”, explicou o porteiro.

Ainda insatisfeitos, os assaltantes passaram a arrecadar o que viam pela frente, como o laptop e os telefones celulares. Para fugirem com tranquilidade, os criminosos trancaram os reféns em uma pequena sala, onde ficaram por 90 minutos até a chegada da PM, acionada por pessoas que ouviram os chamados de socorro.

Fonte: Diário SP

BODÃO - Suposto Pastor preso por falsificação de dinheiro culpa o diabo


Pastor preso por falsificação de dinheiro culpa o diaboQuadrilha presa com o pastor.
Desde os primeiros dias do ano tem repercutido junto às igrejas da Nigéria a prisão do pastor Godson O. Akubuiro. Ele foi alvo de uma longa investigação do governo que resultou no desbaratamento de uma quadrilha de 15 pessoas, liderada pelo pastor.
Além de liderar a igreja Ministério de Libertação Breakthrough Mountain, ele e seus filhos atuavam como falsificadores de dinheiro.
O Serviço de Segurança do Estado (SSS) mostrou à imprensa o equivalente a 1,3 milhão de nairas [R$ 21 mil] além do equipamento usado para colocar as notas falsas em circulação. Após quatro meses, Mike Fubara, diretor da SSS afirmou que as notas falsificadas circularam com sucesso durante algum tempo, mas a quantidade de dinheiro falso na região de Lokoja chamou atenção das autoridades.
Nas entrevistas dadas logo após sair sob fiança, Akubuiro deu várias explicações. Primeiramente afirmou que não usava o dinheiro para ficar rico, mas como um “meio para aliviar a pobreza dos membros de sua congregação e apoiar os menos privilegiados”.
Ao mesmo tempo disse “A culpa é do Diabo”, pedindo perdão publicamente, justificou-se “homens de Deus, como Davi, sempre foram tentados”, deixando claro que confiava na misericórdia divina. Com informações Nigeria on Point e Wadup.