quarta-feira, 11 de julho de 2012

Quem são as Testemunhas de Jeová e no que acreditam?

 A seita conhecida hoje em dia como as Testemunhas de Jeová iniciou no estado americano da Pensilvânia em 1870, como uma escola bíblica iniciada por Charles Taze Russell. Russell nomeou seu grupo de “Estudos Bíblicos Aurora do Milênio”. Charles T. Russell começou a escrever uma série de livros chamada “Autora do Milênio”, que se estendeu por seis volumes antes da sua morte e que continha grande parte da teologia agora seguida pelas Testemunhas de Jeová. Após a morte de Russell em 1916, Judge J. F. Rutherford, amigo e sucessor de Russell, escreveu o sétimo e último volume da série “Aurora do Milênio”, “O Mistério Consumado”, em 1917. A Sociedade Torre de Vigia de Bíblias e Tratados foi fundada em 1886 e rapidamente tornou-se o veículo através do qual o movimento “Aurora do Milênio” passou a distribuir suas visões aos outros. O grupo era conhecido como os “russellitas” até 1931 quando, devido a uma divisão na organização, esta foi renomeada “Testemunhas de Jeová”. O grupo da qual se separou ficou conhecido como “Estudantes da Bíblia”.

No que as Testemunhas de Jeová acreditam? Uma análise minuciosa da sua posição doutrinária em assuntos como a divindade de Jesus, a Salvação, a Trindade, o Espírito Santo, a Expiação, etc., mostra que eles não guardam posições cristãs ortodoxas nesses assuntos. As Testemunhas de Jeová acreditam que Jesus é o arcanjo Miguel, o mais alto ser criado. Isto contradiz diversas Escrituras que claramente dizem que Jesus é Deus (João 1:1,14; 8:58; 10:30). As Testemunhas de Jeová acreditam que a salvação é obtida com uma combinação de fé, boas obras e obediência. Isto contradiz inúmeras Escrituras que declaram que a salvação é recebida pela fé (João 3:16; Efésios 2:8-9; Tito 3:5). As Testemunhas de Jeová rejeitam a Trindade, acreditando que Jesus é um ser criado e que o Espírito Santo é essencialmente o poder de Deus. As Testemunhas de Jeová rejeitam o conceito da morte de Cristo em substituição à nossa e ao invés seguem a teoria do resgate, que diz que a morte de Jesus foi o pagamento pelo pecado de Adão.

Como as Testemunhas de Jeová justificam estas doutrinas não-bíblicas? (1) Eles afirmam que a igreja, ao longo dos séculos, corrompeu a Bíblia, e (2) Eles retraduziram a Bíblia no que eles chamam de Tradução do Novo Mundo. A Sociedade Torre de Vigia de Bíblias e Tratados alterou o texto bíblico para fazê-lo se adequar à sua falsa doutrina – ao invés de basear a sua doutrina no que a Bíblia ensina. A Tradução do Novo Mundo já teve numerosas edições, dado que as Testemunhas de Jeová descobrem mais e mais Escrituras que contradizem os seus ensinamentos.

As testemunhas de Jeová prontamente se mostram como uma seita que é apenas fracamente baseada nas Escrituras. A Torre de Vigia baseia suas crenças e doutrinas nos ensinamentos originais e expandidos de Charles Taze Russell, Jeudge Joseph Franklin Rutherford e seus sucessores. O Corpo Governante da Sociedade Torre de Vigia de Bíblias e Tratados é o único corpo na seita que afirma ter autoridade para interpretar as Escrituras. Em outras palavras, o que o Corpo Governante diz com relação a qualquer passagem nas Escrituras é visto como a palavra final e pensar de forma independente é fortemente desencorajado. Isto está em oposição direta à admoestação de Paulo a Timóteo (e também a nós) para estudar e se apresentar aprovado a Deus, como obreiro que não tem do que se envergonhar, corretamente manejando a Palavra de Deus. Esta admoestação, encontrada em 2 Timóteo 2:15, é a clara instrução de Deus para cada um de Seus filhos no Corpo de Cristo para serem como os cristãos de Beréia e buscarem nas Escrituras diariamente se aquilo que está sendo ensinado está de acordo com o que a Palavra tem a dizer sobre o assunto.

As Testemunhas de Jeová devem ser reconhecidas pelos seus “esforços de evangelização”. Provavelmente não há outro grupo religioso que seja mais fiel que as Testemunhas de Jeová em propagar a sua mensagem. Infelizmente, a mensagem está cheia de distorções, enganações e falsa doutrina. Que Deus abra os olhos das Testemunhas de Jeová para a verdade do Evangelho e para o verdadeiro ensinamento da Palavra de Deus.

DOIS GOLPES DE MISERICÓRDIA NAS DOUTRINAS FALSAS DOS TESTEMUNHAS DE JEOVÁ

Os Testemunhas de Jeová ou Russelitas ensinam várias doutrinas falsas. Sem perder tempo com aquelas inúmeras, vamos explorar as duas principais que, quando compreendidas, desmontam TODO o sistema doutrinário dos FALSOS MESTRES que enganam essas pobres pessoas. A primeira é acerca da pessoa de Jesus Cristo. A Segunda sobre o estado eterno dos perdidos.
1. Sobre Jesus Cristo
A Bíblia é muito clara sobre a pessoa de Jesus Cristo. Ele é Deus! Os Russelitas, entretanto, pervertem o ensino claro das Escrituras. Eles dizem que Jesus é irmão de Lúcifer e que é uma mera criatura. Vejamos os versos que derrubam a mentira Russelita:
Gên. 1:1 (compare com João 1:10)
Sal. 27:1 (compare com João 9:5)
Isa. 9:6 ( No hebraico há uma vírgula após cada título de Cristo)
Isa 43:11
Isa. 44:6 (compare com Apoc. 1:8, 1:11 e 1:17)
João 1:1, 8:58 ( compare com Ex. 3:14)
João 14:9
João 20:28
Atos 20:28
Rom. 1:1 (compare com 1:16)
Rom. 9:5
Col. 1:15-18 (compare com Gên. 1:1 e Jo. 1:10) Em Col. 1:15, primogênito= mais importante.
2 Tes. 2:16
1 Tim 3:16 ( a tradução correta é: "Deus se manifestou em carne.")
Tito 2:13
1 Jo. 5:7 e 8
Apoc. 1:8 (o Alfa e o Ômega é o Senhor Todo Poderoso) Compare com Apoc. 4:8.
Apoc.1:11 (a tradução correta é : "Que dizia: Eu sou o Alfa e o Ômega, o primeiro e o derradeiro; e o que vês, escreve-o...") Jesus é o Alfa e o Ômega!
Apoc.1:17 O primeiro e o último foi morto e está vivo: Jesus Cristo!
A heresia de se negar a Divindade de Cristo começou no século 2 (entre os anos 100 e 200) por apóstatas que seguiam o falso mestre Orígenes (185-254). Os Arianos, seguidores de Arius (250-336), também seguiram essa heresia. Ambos hereges eram de Alexandria, no
Egito, fonte de grande parte da corrupção de doutrina da igreja cristã. Os manuscritos que as Testemunhas de Jeová usam, vieram da corrupta Alexandria (texto Crítico de Westcott e Hort usado também pela Sociedade Bíblica do Brasil). Note que na Palavra de Deus, o Senhor faz questão de rejeitar tudo que é autoridade espiritual que vem do lugar amaldiçoado que é o Egito:
Gen. 12:10-12 Abraão foi para o
Egito contrariando as ordens de Deus, e ainda mentindo
Ex 1:11:14 O povo de Israel é escravizado no
Egito
Ex. 20 Deus manda o povo sair do
Egito
Deut. 4:20 Moisés chama o
Egito de: "...fornalha de ferro..."
Mat. 2:15 Após a morte de Herodes a profecia se cumpriu: "Do
Egito chamei o meu Filho."
At. 6:9 Alguns assassinos de Estevão, o primeiro mártir, eram de... Alexandria no
Egito.
At. 27:6 O navio que levou Paulo preso para Roma era de... Alexandria no
Egito.
Rejeitemos os hereges do Egito e os textos gregos corruptos que os Testemunhas de Jeová usam!
2. Sobre o estado eterno dos perdidos e salvos
Velho Testamento
Novo Testamento
Hebraico
Grego
lwav
"shehole"
Sheol
Adhv
"hades"
Hades
geenna
"geenna"
Geena
tartarow
"
tartaroo"
Tártaro
significado:
significado:
sepultura
inferno
inferno
abismo
inferno
cova
ocorrências:
63
(Obs.1)
11
(Obs.2)
12
(Obs.3)
1
(Obs. 4)

Sheol:
O significado geral dessa palavra é o da habitação dos mortos, tanto ímpios como justos. Esta palavra é usada também de um modo mais específico, dependendo do contexto, para denotar um lugar SUBTERRÂNEO de não retorno (sepultura ou cova) ou exílio, onde os ímpios são lançados para serem punidos (inferno), e onde não se louva a Deus. É um local de extrema degradação e pecado.
Veja os exemplos onde o SHEOL é um lugar CONSCIENTE:
2 Sam. 22:6
Sal. 18:5
Ez. 31:17 32:21 32:27
Veja os exemplos onde o SHEOL é um lugar de destino eterno dos ÍMPIOS:
Sal. 9:17 Sal. 55:15
Hades:
Esta palavra é o equivalente de Sheol, só que no idioma Grego. Quando há uma citação no Novo Testamento de uma passagem do Velho Testamento, onde se lia Sheol ( no hebraico), a tradução é Hades (no grego), como no exemplo de At 2:27 e 2:30, onde o apóstolo Pedro citou Salmo 16:10. O significado é o mesmo, ou seja, a habitação dos mortos. Das 11 vezes que esta palavra ocorre no Novo Testamento ( Observação 2 ), entretanto, 8 são no contexto da perdição. Sugere um local de punição para os ímpios, até que, finalmente, o Hades seja lançado, com seus habitantes, definitivamente no lago de fogo (Apoc 20:14). Note as passagens em que o Hades é um local onde ímpios estão conscientes:
  1. O rico na história contada por Jesus em Luc. 16:23 estava muito consciente no seu sofrimento.
  2. Os ímpios no Juízo final vieram do Hades, que deu os mortos que nele estavam para serem julgados. Ora, só é julgado um réu consciente. O Juízo final não será à revelia, senão, os perdidos não precisariam sair do Hades.
    As seguintes passagens não se referem ao Hades, mas ao local onde ele será lançado: o Lago de Fogo. Note que neste lugar, os seus ocupantes estão CONSCIENTES e sofrendo para sempre!
  3. Os ímpios que receberam o sinal da besta em Apoc. 14:11 estarão em tormentos para sempre.
  4. A besta e o falso profeta foram lançados VIVOS dentro do lago de fogo em Apoc. 19:20. Note que 1.000 anos depois eles ainda estavam lá sofrendo Apoc. 20:10. Até na Biblia pervertida das Testemunhas de Jeová você encontrará isso.
Geena:
Todas as 11 ocorrências de " geena" no Novo Testamento são traduzidas por inferno. Das 11 ocorrências, 6 estão associadas à presença de fogo. Em todas as 11 ocorrências, o contexto é definitivamente de perdição, onde o corpo do perdido não será aniquilado, mas de alguma maneira será torturado com dores, queimaduras, sede e em tormento, SEM SER CONSUMIDO! Verifique por si próprio nas referências da Observação 3.
Tártaro:
Esta palavra é usada uma única vez em 2Pe. 2:4. Significa um local mais profundo dentro do inferno: ABISMO, onde os demônios, em densas trevas, estarão lançados.
(Obs. 1)
Ocorrências da palavra Sheol no Velho Testamento: ( 63 vezes)
Gên. 37:35 42:38 44:29,31
Num. 16:30,33
Deut. 32:22
1Sam. 2:6
2Sam. 22:6
1Re. 2:6,9
Jó 7:9 11:8 14:13 17:13,16 21:13 24:19 26:6
Sal. 6:5 9:17 16:10 18:5 30:3 31:17 49:14,15 55:15
86:13 88:3 89:48 116:3 139:8 141:7
Prov. 1:12 5:5 7:27 9:18 15:11,24 23:14 27:20 30:16
Ecl. 9:10
Can. 8:6
Isa 5:14 14:9,11,15 28:15,18 38:10,18 57:9
Eze 31:15,16,17 32:21,27
Os. 13:14
Am. 9:2
Jon. 2:2
Hab. 2:5
(Obs. 2)
Ocorrências da palavra Hades no Novo Testamento: ( 11 vezes)
Mat. 11: 23, 16:18
Luc. 10:15 16:23
At. 2:27, 31
1Cor. 15:55
Ap. 1:18 6:8 20:13, 14
(Obs. 3)
Ocorrências da palavra Geena no Novo Testamento: ( 12 vezes)
Mat. 5:22, 29, 30 10:28 18:9 23:15, 33
Mar. 9: 43, 45, 47
Luc. 12:5
Tia. 3:6
(Obs. 4) Ocorrência da palavra Tártaro no Novo Testamento:
2Pe. 2:4

TESTEMUNHAS DE JEOVÁ,SUAS CONTRADIÇÕES E MENTIRAS.


O intuito desse artigo não é denegrir a imagem daqueles que,sendo induzidos por algumas palavras,tornem-se semelhantes aos que são cientes de que falam mentiras em prol de interesses próprios,existem muitas testemunhas de Jeová que simplismente crêem por receberem tal doutrina,assim como fazem outros adeptos de qualquer crença,mas nesse artigo,espero ajudar tanto aos que são doutrinados pela “Sociedade torre de vigia”,quanto aqueles que buscam respostas referente aos que se intitulam como Testemunhas de Jeová.
A ORIGEM DA DOUTRINA
Charles Taze Russel,fundador da doutrina Jeovista,nasceu em 16/02/1852.De origem presbiteriana,Russel alegava não concordar com tais ensinamentos,afirmando que a verdade das escrituras teria sido corrompida,e consequentemente o cristianismo genuíno perdera sua excência.O nome “Testemunhas de Jeová”foi usado pela primeira vez pelos membros da sociedade torre de vigia em 1931.
RUSSEL PERANTE OS TRIBUNAIS.
O que poucos seguidores da doutrina Jeovista sabem é que,o fundador de sua doutrina Taze Russel era frequentemente solicitado a comparecer aos tribunais de justiça,principalmente por ações movidas por sua esposa,que alegava traições e maus tratos.Mas talvez digam os defensores de Russel,é bem provável que sua mulher estivesse querendo denegrir sua imagem,e nesse ponto eu concordo,desde que se prove o contrário,e nesse caso,temos uma outra forte evidência de que Russel usava de mentiras com freqüência,uma delas era sua alegação de que conhecia a língua grega.Em 1912,o reverendo J.J Ross,pastor da igreja batista de James Stret,no Canadá,publicou um panfleto intitulado “Alguns fatos sobre Russel”.Quando Russel processou o Pr.Ross,o tribunal decidiu a favor de Ross,nesse processo,os autos do tribunal mostram que Russel dizia conhecer o grego,quando na realidade não o conhecia,depondo contra sua integridade moral e nos levando a crer que sua esposa não possuía o hábito de mentir.leiamos abaixo a transcrição dos autos:
Pergunta: (Advogado Stauton)-“O senhor conhece o alfabeto grego?”
Resposta: (Russel)Sim
Pergunta: (Advogado Stauton) ”O senhor poderia me dizer o nome dessas letras,se as visse?”
Resposta: (Russel) “Algumas delas,talvez me enganasse com algumas”
Pergunta: (Advogado Stauton) ”Poderia me dizer o nome das que estão no alto da página 447,que tenho nas mãos?
Resposta: (Russel) ”Bem,não sei seria capaz”
Pergunta: (Advogado Stauton) “O senhor conhece bem a língua grega?
Resposta: (Russel) “NÃO”
Como vimos,aquele que se intitulava como “Restaurador da verdade”não podia ser considerado como alguém digno de confiança,nem tão pouco um enviado de Deus,já que Deus não pode mentir (1 Sm 15:29-Tradução novo mundo) e quem mente não tem Deus como Pai,mas sim o Diabo (Jo 8:44-tradução novo mundo).
AS FALSAS PROFECIAS
1879-Russel anuncia para 1914 o inicio do milênio bíblico,além da volta dos judeus à Terra Santa,e também a presença de Cristo na terra desde 1874.
1914-Diante do fracasso de suas previsões,Russel muda a versão e diz que na verdade,a data marcou o fim dos tempos dos gentios,ele remarca então os acontecimentos apocalíptico para 1918.
1917-Morre Russel,e Joseph Rutherford assume a presidência,mas as falsas profecias continuam,incluindo a ressurreição dos patriarcas Abraão,Isaque e Jacó em 1925,para se tornarem “príncipes da terra”,prevê também o armagedom,a guerra final entre Jeová e a humanidade desobediente,em 1925.
1925-Rutherford ainda espera na mansão Bete-Sarim”Casa do príncipes”a chegada dos patriarcas que teimam em não bater a porta.Por último,antes de sua morte,em 1942,ele havia remarcado o armagedom para 1941,mais um fracasso.
1942-Morre Rutherford,e Nathan Home Knor assume a presidência da Torre de vigia.Seguindo seus predecessores,Nathan também se aventurou nas profecias,dessa vez,o armagedom e o inicio do reinado milenar de Cristo foram agendados para 1975.Outro fiasco profético,1975 veio e passou,nada de armagedom nem do inicio do reinado de Cristo.
1977-Morre Nathan Homem por causa de um tumor cerebral,e Frederick Frans o sucede.Surge então mais uma suposta profecia alegando o armagedom e o reinado de Cristo primeiramente em 1980,e depois mudando para 1994.Passa-se o tempo e mais uma “profecia” não é cumprida,com isso,muitos abandonam a doutrina.
1992-Milton Henschel torna-se o quinto presidente da Sociedade Torre de Vigia.Diante do sexto fracasso profético,a organização passa a defender a tese de que o fim acontecerá “a qualquer momento.”
Em suma,pudemos observar que nenhuma das previsões feitas pelos presidentes da doutrina Jeovista,se cumpriram,caracterizando-os como falsos profetas.
A PALAVRA ERA (UM )DEUS(Jo 1:1)
A tradução do novo mundo das escrituras sagradas,verte assim o texto de João 1:1
“No principio era a palavra,e a palavra estava com Deus e a palavra era (um)deus”

Os termos gregos do texto em questão,transliterados pelos caracteres correspondentes,ficam assim representados:
THEOS EN HO LOGOS.Segue-se a análise gramatical de cada palavra com tradução:
THEOS-Substantivo,masculino singular,predicativo do sujeito...[Deus]
EM-3ª pessoa do singular,imperfeito do indicativo do verbo EIMI...[Era]
HO-artigo masculino singular(feminino em português)...[a]
LOGOS-substantivo,masculino singular,sujeito...[palavra]
Estamos diante de uma oração em que dois substantivos (THEOS e LOGOS) são relacionados através do verbo de ligação (EN).O substantivo THEOS não vem precedido de artigo,mas o substantivo LOGOS está precedido pelo artigo definido HO.Em construções desse tipo,com o verbo na 3ª pessoa,o sujeito da oração é indicado pela presença do artigo diante do substantivo.Em grego não existe o artigo indefinido como em português ou inglês,contudo,a ausência de artigo definido não indica necessariamente que a tradução deva ser feita com uso do artigo indefinido,seja em português,seja em inglês.

JESUS O PRIMEIRO A SER CRIADO
(colossenses 1:15)
O termo PRIMOGÊNITO em grego PROTÓKOS é um título que indica preeminência ou primazia,apontando assim para a soberania de CRISTO sobre a criação,esta é uma aplicação de SALMOS 89:27 que foi aplicado a Davi,pois além de Davi não ser o primogênito,mas sim o caçula,o contexto indica que ele seria o mais exaltado dos reis da terra,que é equivalente ao título REI DOS REIS(AP 17:14)o que trata de soberania de CRISTO sobre tudo e todos.

PRINCIPIO DA CRIAÇÃO
(Ap 3:14)
A palavra grega(ARCHÉ),vertida por “PRINCIPIO”também significa(GOVERNADOR-SOBERANO-ORIGEM),mas já que em diversas passagens bíblicas atestam a eternidade de CRISTO,visto ser ele o criador e sustentador de todas as coisas(Colossenses 1:16-17)(Hebreus 1:3)fica evidente que o termo a ser aplicado no contexto corresponde a ORIGEM.
UNIGÊNITO
(Jo 3:16)
O termo UNIGÊNITO do grego (MONOGENÉS)que também é aplicado a JESUS,aponta para aquele que tem o direito legal e filho de direito.No caso de ISAQUE,que é chamado UNIGÊNITO,de Abraão,não é aplicado no sentido de ÚNICO FILHO,pois JACÓ,era o primogênito que deveria ter o direito do título.
FILHO DE DEUS
Apesar da expressão ser aplicada aos anjos(JÓ 1:16)ao povo de Israel(EX 4:22-DT 14:1)aos reis e juízes de Israel(IISM 7:14-SL 82:6)e a Adão(LC 3:38)esse tipo de filiação aponta meramente para uma relação de intimidade entre DEUS e suas criaturas,uma filiação adotiva,muito diferente do tipo de FILIAÇÃO de JESUS,pois assim como há uma distinção entre ISAQUE e ISMAEL,existe uma diferença entre toda a criação e JESUS,já que ele possuia a natureza divina do Pai.
A TRANSFUSÃO DE SANGUE
As Tjs entendem que no sangue está a vida da alma,por isso,se depender deles,não doam nem recebem sangue,nem que isso custe a vida.Eles acreditam que não podemos adorar a Deus com toda nossa alma,pois segundo entendem,a alma é o próprio sangue.Ora,se o sangue é literalmente a vida da alma como dizem as Tjs,então vejamos o que a tradução do novo mundo nos mostra em 1Jo 3:16 e 17.
“Por meio disso chegamos a conhecer o amor,porque esse entregou a sua alma por nós,e nós temos a obrigação de entregar as [nossas] almas pelos [nossos] irmãos.Mas,todo aquele que tiver os meios deste mundo para sustentar a vida e observar que o seu irmão padece necessidade,e ainda assim lhe fechar a porta das suas ternas compaixões,de que modo permanece nele o amor de Deus?”
O texto é bem claro,se nós podemos ajudar nossos irmãos que padecem de alguma forma,desde que não venhamos a contradizer os ensinamentos morais das escrituras,devemos fazê-lo,caso contrário,o amor de Deus não permanece em nós.Mas os tjs podem alegar justamente isso,que ao se fazer transfusão de sangue,estamos violando os ensinamentos de Deus(Lv 17.3,10-13) e (At 15:20-28).Em nenhum lugar desses textos se proíbe a transfusão de sangue para ajudar a quem precisa,mas sim,de comer sangue de animais.Podemos matar o animal para o alimento,mas não devemos “comer” o sangue.Além do mais,se o texto for tomado de forma literal,ao se fazer uma transfusão de sangue,o que recebe o sangue não está literalmente comendo o sangue do doador,o que acaba de vez com as alegações dos Tjs.
Como vimos,a doutrina dos tjs não pode ser considerada como inspirada por Deus por Dois motivos:
1-O seu fundador não vivia nos princípios morais da verdade,o que caracterizava-o como filho do Diabo,pois quem anda na mentira é porque ainda não anda na verdade,e anda nas trevas,não na luz.
2-As falsas profecias comprovam que sua autoridade não era Divina,mas procede de Espíritos falsos,portanto,os que não seguem os estatutos Divino,são separados de sua face,pois segundo a própria tradução do novo mundo:
“nem fornicadores,nem idólatras,nem adúlteros,nem homens mantidos para propósitos desnaturais,nem homens que se deitam com homens,nem ladrões,nem gananciosos,nem beberrões,nem injuriadores,nem extorsores herdarão o reino de Deus.” 1 Co 6:9-10

As Mentiras das Testemunhas de Jeová

O dicionário Aurélio define mentira como:

1.Afirmar coisa que sabe ser contrária à verdade, dizer mentira(s);

2.Errar no que diz ou conceitua;

3.Dar uma indicação contrária à realidade; induzir em erro; ser causa de, ou dar margem a engano, iludir;

4.Não revelar; ocultar, esconder.


O corpo governante [os líderes das TJs] explica a posição de Jeová sobre a mentira:

“Nosso criador, cujo nome é Jeová, odeia o mentir, conforme expressa claramente Provérbios 6:16-19 (...) Este Deus veraz exige de nós que vivamos segundo as suas normas para receber sua aprovação. (...) Os que se apegam a negar o hábito de mentir não lhe são aceitáveis; não receberão dele a dádiva da vida eterna. Deveras, o Salmo 5:6 diz francamente que Deus ‘destruirá os que falam mentira’.(...) De modo que aceitarmos o conceito de Deus sobre a mentira dá-nos um motivo forte para falar a verdade.” (a Sentinela, 15/12/1992,pág. 23)

Será que as TJs praticam realmente o que pregam em suas revistas? Ou estarão seus líderes a enganar de modo proposital as pessoas?

Normalmente em sua busca por prosélitos de porta em porta, as Testemunhas de Jeová tentam projetar nas pessoas a visão de uma religião superior, tentam passar uma imagem de pureza e lealdade à Bíblia sagrada. Chegam a dizer que é a única religião verdadeira na face da terra e que fora da organização não pode haver salvação. Diz ainda que sua religião é o único canal de comunicação entre Deus e o homem. Mas antes disso, porém, eles usam as táticas que muitos políticos usam em dias de eleições, qual seja, tentam primeiro denegrir a imagem de outras igrejas, de seus membros e doutrinas para então mostrar que são os únicos cristãos verdadeiros sobre a face da terra, tendo as demais igrejas da “cristandade” caído na total apostasia.

Mas vale a pena perguntar: estarão sendo sinceras as Testemunhas de Jeová com as pessoas? Os fatos indicam que não!

MENTIRAS E MAIS MENTIRAS...

SOBRE OS DÍZIMOS -


A Mentira: Em todos os seus folhetos de apresentação as TJs dizem que não cobram dízimos ou fazem coletas. Fazem isto à primeira vista para impressionar as pessoas. Depois acusam os pastores evangélicos de ladrões; de extorquir dinheiro do povo.

A Verdade Dos Fatos: As Testemunhas de Jeová de fato não têm o temor de Jeová, pois se tivessem, não ocultaria a verdade de modo inescrupuloso ás demais pessoas. A verdade dos fatos é que elas cobram ofertas e arrecadam muito mais do que nas igrejas evangélicas, vejamos como se sustentam as TJs:

“Como se dava no primeiro século, hoje todos têm parte em arcar com esta responsabilidade, inclusive os menos abastados, que, com suas contribuições pequenas, têm sido o sustentáculo do apoio financeiro à Sociedade.(...) e reserva regularmente parte de seus fundos pessoais para contribuir no Salão do Reino local.” (A Sentinela, 01/12/1989, pág. 27)

Observe a expressão “arcar” e “regularmente”. Ora, se um TJ tem responsabilidade em “arcar” com as despesas de sua religião e fazem isto de modo “regular”. Pergunto: Qual a diferença real entre elas e os que são dizimistas? No fundo a real diferença é apenas de nome e não de fato.

“E visto, que é no salão do Reino que a maioria das nossas reuniões se realizam, contribui você regularmente com recursos financeiros e esforça-se arduamente para mantê-lo em bom estado?” (a Sentinela, 15/06//1988, pág. 13)

Realmente elas mentem quando dizem que não cobram dízimos e ofertas. Ainda são incentivadas a fazerem isto arduamente!

Mas não para por aí, em A Sentinela de 1º de Dezembro de 1991 na pág. 29, sob o título “Como Alguns Contribuem para a Obra do Reino”, Pendem o que devem e o que não devem, vale tudo, desde pequenas doações até mesmo testamentos, propriedades, seguro de vida e muito, muito mais...

SOBRE O AMOR AO PRÓXIMO -

A Mentira: Dizem que são os únicos que demonstram amor uns pelos outros, cumprindo assim o mandamento de Jesus de serem conhecidos como seus discípulos. Ao contrário disso a cristandade não faz outra coisa a não ser odiar seu semelhante, praticando até guerra uns contra os outros, demonstrando assim que não fazem parte dos discípulos de Cristo porque não demonstram amor uns pelos outros. Quem lê este tipo de propaganda enganosa poderia pensar que ao adentrar no grupo das TJs estaria no meio do paraíso. Contudo ledo engano!

A Verdade Dos Fatos: A verdade é que a crueldade das tjs para com as pessoas é deverás repugnante. Se porventura você abandonasse a religião das TJs por descobrir suas falsidades, faz idéia de como seria tratado? Vejamos como elas são incentivadas a tratar tais pessoas:

As TJ’s odeiam aqueles que têm pontos de vista diferente e se apartaram da Organização? Como elas os tratam?

“nunca os receba em seu lar nem os cumprimente...Estas são palavras enfáticas, orientações claras.” (A Sentinela 15 de Março de 1986 pág.13)

Então ela é ensinada a odiá-los?

“Queremos ter a lealdade que o rei Davi evidenciou ao dizer: “Acaso não odeio os que te odeiam intensamente, ó Jeová...?Odei-os com ódio consumado...” (A Sentinela 15 de Março de 1996 pág.16)

Agora preste atenção na hipocrisia:

“É verdade que as pessoas talvez discordem veementemente entre si nas suas crenças religiosas, mas não existe base para odiar uma pessoa só porque ela tem um ponto de vista diferente...” (o Homem em busca de Deus, pág. 10)

Então porque elas ensinam a odiá-los?

“Não tem sido culpadas de representar uma farsa por dizerem ‘amamos a Deus’ ao passo que odeiam seus irmãos de outra nacionalidade, tribo ou raça.” (Poderá Viver para sempre no Paraíso na Terra, pág. 189/90)”

O que temos lido acima pode ser chamado de amor ao próximo?

SOBRE IMORALIDADE -


A Mentira: Dizem que sua religião não se mistura em imoralidades como acontece com os clérigos da cristandade.

A Verdade dos Fatos: O caso é que todos os anos milhares são desassociados de sua organização por se relacionarem com casos de imoralidade. A propósito, as TJs não hesitaram em explorar a questão da pedofilia no meio do catolicismo romano. Mas neste ano [2002] estourou o que estava encoberto no meio das TJs, qual seja, casos de pedofilias envolvendo anciãos das TJs. Veja ainda estes depoimentos:

“...todo ano milhares são desassociados da congregação por causa de imoralidade sexual” (a Sentinela, 15/12/1989, pág. 18)

“Lamentavelmente, todos os anos, milhares sucumbem à imoralidade. Alguns aumentam esta deslealdade por levarem uma vida dupla, persistindo num proceder de transgressão ao passo que fingem ser cristãos fiéis.” (A Sentinela, 01/08/1997, pág. 11)

Mostramos aqui apenas algumas das muitas mentiras propaladas pelas TJs, em especial seus líderes, que são os verdadeiros mentores desta parafernália. Não cuidamos em mostrar uma lista exaustiva de tais mentiras para provar que as TJs faltam com a verdade de maneira vergonhosa para com as pessoas. Não precisamos mostra 50 exemplos destes para provar que elas são mentirosas, assim como um ladrão não precisa roubar 10 vezes para provar que é realmente um ladrão, uma vez só basta.

CGADB recebe requerimento de processo disciplinar contra o pastor Samuel Câmara, que pode resultar em seu desligamento da convenção. Confira


CGADB recebe requerimento de processo disciplinar contra o pastor Samuel Câmara, que pode resultar em seu desligamento da convenção. ConfiraA Assembleia Geral Extraordinária realizada pela CGADB (Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil) entre os dias 06 a 08/06 em Alagoas, foi palco de uma manifestação organizada pelo pastor Samuel Câmara, que discordava da pauta da reunião.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
As manifestações do pastor Samuel Câmara se tornaram alvo de um requerimento do pastor Davidson Gomes Vieira à CGADB, que pede a instalação de um processo disciplinar interno contra Câmara.
Vieira, que é advogado, pede à CGADB que as manifestações de Câmara sejam analisadas, pois em seu ver, o pastor presidente da Assembleia de Deus em Belém, Pará, “transgrediu literalmente” o regimento da convenção.
Nos documentos protocolados publicados em seu blog, o pastor Davidson afirma que as manifestações de Câmara “perturbaram gravemente a boa ordem dos trabalhos” e culminaram com o encerramento antecipado da Assembleia Extraordinária.
O pastor Davidson Vieira afirma que no dia, o pastor Samuel Câmara estava “insolente e revoltoso” e que por diversas vezes, “sem que lhe fosse autorizado o uso da palavra manifestou-se em Assembleia com vistas a ridicularizar autoridade da mesa diretora”.
Em seu blog, o pastor Vieira afirma que se instalado, o processo disciplinar contra Samuel Câmara poderá resultar no desligamento do pastor.
Confira abaixo, cópias escaneadas do requerimento protocolado pelo pastor Davidson Gomes Vieira contra o pastor Samuel Câmara:









Fonte: Gospel+

TA NA HORA DE FALARMOS NÃO TAMBÉM AOS PRODUTOS DA AVON - Livros do pastor Silas Malafaia e da editora Central Gospel permanecem de fora do catálogo da Avon

Livros do pastor Silas Malafaia e da editora Central Gospel permanecem de fora do catálogo da Avon
A ausência dos produtos da Editora Central Gospel do catálogo da Avon, incluindo os livros do pastor Silas Malafaia permanece.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Na nova edição do catálogo, referente ao mês de julho, são encontrados livros de diversos autores cristãos, nacionais e internacionais, como por exemplo, a bispa Sonia Hernandes, Stormie Omartian, Max Lucado, Philip Yancey, Benny Hinn, entre outros.
Quando noticiado que a empresa havia retirado os livros do pastor Silas Malafaia e demais produtos da editora Central Gospel, o líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo rebateu dizendo que os sites de notícias evangélicos estavam “comendo na mão” dos ativistas gays, por divulgarem informações sem confirmações.
À época, consultou a Avon a respeito da ausência dos livros da editora Central Gospel em seu catálogo, e a empresa confirmou a retirada, afirmando que não havia programação para a volta dos produtos.
Entre os livros editados pela Central Gospel e que foram retirados do catálogo da Avon estava o título “A Estratégia: o plano dos homossexuais para transformar a sociedade”, que atualmente é alvo de uma petição da ABGLT para que o Ministério Público proíba sua distribuição.
O imbróglio envolvendo a presença dos livros do pastor Silas Malafaia e demais produtos publicados por sua editora no catálogo começou em abril deste ano, com uma petição pública promovida por ativistas gays que pediam à Avon a retirada desses títulos, por considerarem Malafaia um líder religioso homofóbico.
Inicialmente a empresa se negou a retirar os livros do pastor ou os demais títulos de sua editora por ter “como um de seus mais importantes pilares o respeito à diversidade, em todos os seus aspectos”, porém a pressão dos ativistas se manteve, e a empresa retirou os produtos, sem divulgar um comunicado oficial.
Na consulta ao catálogo deste mês, que é disponibilizado pela empresa na internet, encontrou-se diversos títulos de conteúdo religioso, e livros cristãos, voltados desde o público infantil até o público adulto. Confira abaixo, imagens das páginas do catálogo que contém títulos cristãos:

G+

Radicais islâmicos matam mais de 100 cristão na Nigéria no fim de semana e afirmam: “Os cristãos não voltarão a saber o que é paz”


Radicais islâmicos matam mais de 100 cristão na Nigéria no fim de semana e afirmam: “Os cristãos não voltarão a saber o que é paz”No último final de semana os cristãos da Nigéria enfrentaram uma nova onda de violência, que levou à morte de mais de 100 cristãos. Os ataques foram feitos por um grupo de muçulmanos da etnia fulani, que fortemente armados invadiram diversas cidades.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
O primeiro ataque aconteceu no sábado (07) e atingiram as cidades de Kakuruk, Kuzen, Ngyo, Kogoduk, Ruk, Dogo, Kufang, Kpapkpiduk e Kai. De acordo com as Forças Especiais de Intervenção (STF) mais de 100 homens participaram do ataque.
- Os criminosos, mais ou menos 100 homens que estavam fortemente armados com fuzis e usavam roupas camufladas e coletes à prova de balas, mataram vários moradores da região e queimaram muitas casas – relatou a STF.
De acordo com o portal Opera Mundi no primeiro momento foram divulgados 30 mortos, mas depois as autoridades encontraram 50 corpos, em sua maioria mulheres e crianças, dentro da Igreja de Cristo na Nigéria (COCIN, sigla em inglês).
Os ataques prosseguiram no domingo, quando os extremistas voltaram a atacar e vitimaram outras dezenas de pessoas, entre elas dois legisladores nigerianos, o senador por Plateau Norte, Gyang Daylop Dantong, e um membro do parlamento estatal de Plateau, Gyang Filani.
Nessa terça feira (10), o grupo radical islâmico Boko Haram assumiu a autoria dos atentados. Em comunicado divulgado na cidade de Maiduguri, o grupo rebelde informou que os ataques vingaram os massacres de muçulmanos e que continuarão acontecendo, segundo informou a revista Veja.
- Os cristãos não voltarão a saber o que é paz até que aceitem o islã e deixem de matar muçulmanos – afirmo o grupo terrorista em seu comunicado.
A rivalidade entre a população cristã do estado de Plateau e os pastores muçulmanos da etnia fulani já existe há décadas, e já ocasionou milhares de mortes.

G+

NOTÍCIAS DA "TROMBETA DE SALVAÇÃO PARA ISRAEL"


AMANDO OS NOSSOS IRMÃOS JUDEUS



ELIAS - o profeta judeu
"Deus concedeu até mesmo
aos gentios o arrependimento
para a vida!"
Atos 11:18


Estamos todos gratos por termos um relacionamento com o Deus de Abraão, Isaque e Jacob, por termo recebido a Bíblia e o Espírito de Deus. De forma a expressarmos a nossa gratidão, muitos de nós fazemos esforços para compartilhar a nossa esperança com os nossos irmãos e irmãs judeus "menos privilegiados" que ainda não encontraram o seu Messias. Quando examinamos a fonte do nosso relacionamento com Deus num espírito de humildade, é claro que em vez de vermos o povo judeu como tendo algo a menos, nós vimos honrar e mostrar compaixão por este grupo amado de pessoas. Só neste espírito e com um cultivado ponto de vista é que poderemos ser eficazes no nosso ministério aos nossos irmãos e irmãs judeus.
Uma discípula da Trombeta abraça
uma nova amiga judia
A Bíblia torna claro em Romanos 9 que é a partir dos nossos pais judeus que nós recebemos a "adopção como filhos, a glória, as alianças, a dádiva da Lei e o serviço do Templo, as promessas, e o nosso Messias!" Desde o tempo de Abraão (que literalmente significa: 'pai de muitos gentios', Génesis 17;5) que esta grande riqueza espiritual à qual hoje chamamos de judaísmo, não é apenas para os hebreus, mas é dedicada a cada pessoa no mundo! Isaías diz-nos que o Messias judeu será uma luz para os gentios, Pedro alcançou Cornélio, Paulo gastou a sua vida com os gentios (embora em cada cidade ele visitasse a sinagoga em primeiro lugar) e o próprio Yeshua trouxe muitos à salvação na área gentílica de Samaria. Estamos tão gratos pelo amor e generosidade que são parte da fé judaica!
Com grande apreciação pelas riquezas do Reino, as equipas da Trombeta de Salvação para Israel saiem diariamente às ruas para alcançar os israelitas, além do Hotel Gilgal e das produções mediáticas. É uma alegria podermos receber no Hotel Gilgal conferências de lideranças das igrejas, além de conferências pró-vida e juvenis, de forma a fortalecer a próxima geração de líderes israelitas messiânicos. Foi também um privilégio ter connosco "Umar" - um poderoso evangelista que não morreu, mas que sofreu ataques físicos por causa do seu corajoso trabalho entre os muçulmanos.
Amor prático
Estamos muito gratos por Você se juntar a nós ao compartilharmos a verdade do Evangelho, edificarmos o corpo local e também ensinarmos os nossos amigos do mundo inteiro a poderem compreender as raízes da sua fé e como podem alcançar o povo amado de Deus de uma forma judaica.
Ore por favor pela distribuição eficaz e pelo impacto do docudrama em Israel e pelo mundo fora, e por todos os outros projectos que o Senhor confiou nas nossas mãos.
Que o Senhor continue a mostrar o Seu favor a si e à sua família, à medida que Você O serve.
Com muito amor, oração e coração grato, Jacob e a equipa da Trombeta.

"O Outro lado da Cruz"
O nosso departamento mediático acabou o docudrama "O Outro Lado da Cruz" (alterámos o título antigo: 'O re-julgamento de Jesus'), estando agora pronto para reprodução e distribuição! Sabemos que muitos de vós têm esperado um longo tempo por este filme. Agora já podem finalmente vê-lo e também compartilhá-lo com os vossos amigos. Podem ver aqui o trailer ou encomendar o filme ainda hoja a: Sales@HotelGilgal.com. Não estabelecemos um preço, pedindo apenas que nos enviem aquilo que acharem justo. Se quiserem oferecer o DVD aos vossos amigos judeus, por favor avisem-nos quando fizerem a encomenda, e enviaremos um DVD com a capa em hebraico.
Trumpet of Salvation to Israelwww.TrumpetofSalvation.org



JACOB DAMKANI

IURD nega que dono do carro abandonado com R$100 mil seja um de seus pastores

IURD nega que dono do carro abandonado com R$100 mil seja um de seus pastores
A Igreja Universal do Reino de Deus nega que José Rodrigo da Costa, suposto dono do carro em chamas que foi abandonado na Via Dutra com R$100 mil seja pastor da denominação.
A notícia foi dada pelo jornal O Globo no dia 9 de julho baseada no depoimento de Emerson Pereira, dono de uma revendedora de carros de São Paulo, que vendeu o veículo Mitsubishi Airtreck a vista para o homem que se identificou como pastor.
Em um vídeo divulgado na internet o bispo Guaracy diz que os arquivos da IURD foram revistados e não encontraram nenhum pastor com esse nome, por isso ele alega que tal notícia foi forjada para prejudicar a imagem da Igreja Universal que completava 35 anos no dia que a matéria foi publicada.
Para enfatizar a palavra do bispo Guaracy, o pastor Paulo Cezar, assessor da Igreja Universal enviou ao nosso site uma nota garantindo que José Rodrigo da Costa não faz parte do quadro de obreiros. “Afirmo categoricamente que não há nenhum registro ou cadastro dele na igreja, onde fica claro que é uma notícia tendenciosa. Ele não é e nunca foi pastor na Igreja Universal”, disse.
A testemunha chegou a dar entrevista para uma rádio dizendo que o dono do carro afirmou que estava viajando para o Rio de Janeiro para abrir uma igreja. Os R$100 mil foram escondidos no motor do carro que na altura do quilômetro 276 da Via Dutra pegou fogo.
Assista o Bispo Guaracy:

Gospel Prime / via Gritos de Alerta

Adolescente paquistanesa tem rosto desfigurado por causa de sua fé

Adolescente paquistanesa tem rosto desfigurado por causa de sua fé
Quando Julie Aftab tinha 16 anos, um homem entrou no escritório onde ela trabalhava no Paquistão, e perguntou se ela era cristã. Quando respondeu afirmativamente, o homem jogou ácido de bateria no rosto dela e, em seguida, agarrou-a pelos cabelos e forçou-a beber parte do líquido. Com isso, ela queimou o esôfago, de acordo com o jornal Houston Chronicle.
No final, Aftab apresentava queimaduras de terceiro grau no peito, nos braços e na maior parte do lado direito do rosto. Sua família a levou para um hospital, que não quis atendê-la. Depois foram para outro onde a situação se repetiu. A mãe pediu tanto a um médico no terceiro hospital para tratar de sua filha que ele acabou concordando.
A jovem não podia falar nem mover os braços. Os médicos disseram que 67% de seu esôfago foi queimado. Ela perdera o olho direito. Os dentes remanescentes podiam ser vistos através dos buracos em seu rosto. Os médicos disseram que ela iria morrer naqueles dias.
Aftab lembra que sentia muita raiva no início, e disse: “Deus, por que você fez isso comigo? Por que me fez passar por isso?”
Lentamente, ela começou a cicatrizar. Três meses e 17 dias depois de ser queimada, ela voltou a falar e recuperou a vista de seu olho esquerdo. Ela passou quase um ano no hospital, se recuperando.
O rosto mutilado da adolescente foi estampado em noticiários, associado ao crime de insultar o islã. Sua família foi perseguida, e sua casa foi incendiada.
“Eles queriam me enforcar”, disse ela. “Eles pensaram que seria um insulto ao Islã se eu vivesse.”
Aftab e seus pais procuraram a um pastor no Paquistão, que prometeu lhes ajudar. Ele contatou o Hospital Shriner para Crianças, que ofereceu o tratamento para ela em Houston.
O pastor deu um conselho valioso antes que ela deixasse o Paquistão, em 2004: “Sua ferida vai curar sem qualquer medicação. Você pode curar de dentro para fora. Se você os perdoar”, disse ele.
Agora, 10 anos e 31 cirurgias depois, Aftab encontrou uma nova vida no Texas, onde está se especializando em contabilidade na Universidade de Houston-Clear Lake e se preparando para receber a cidadania americana este mês.
Ajudado pelos “pais americanos” Lee e Gloria Ervin, aos 26 anos, Afta diz que o ataque apenas aumentou a sua fé.
“Aquelas pessoas… elas acham que fizeram uma coisa ruim para mim, mas me levaram mais para perto de Deus”, explica. “Eles me ajudaram a realizar meus sonhos. Eu nunca imaginei que poderia ser a pessoa que sou hoje.”
Lee e Gloria são evangélicos ativos em sua igreja e ofereceram sua casa prontamente quando souberam que a jovem paquistanesa cristã que viria se submeter a tratamento médico em Houston.
No início, eles se ofereceram para ficar com Aftab seis meses. Lembram que, quando ela chegou, mostrou ser extremamente tímida, olhando para o chão o tempo todo e só andava vestida de preto, da cabeça aos pés.
Como ela não falava inglês, eles a ensinaram a língua usando livros infantis que pagaram na biblioteca da igreja.
O casal diz que sentavam-se com Aftab para consolá-la quando ela acordava assustado no meio da noite, gritando e chorando. Aftab foi visitando uma lista de médicos, que ajudaram na reconstrução de seu rosto, pescoço e orelhas. Cada um deles o fez de graça, desejando ajudá-la.
“Talvez os médicos não sabem o que fizeram. Talvez eles pensem que apenas fizeram o seu trabalho”, disse ela. “Mas para mim, eles me deram uma vida.”
O tempo passou até que, em 2007, Aftab solicitou e recebeu asilo com a ajuda de instituições de caridade. Depois desse ataque, Aftab pôde fazer coisas que nenhum membro de sua família havia feito, incluindo formar-se no ensino médio e ir para a faculdade.
“Eu sou a primeira pessoa de toda a minha família que se formou no ensino médio… e a primeira pessoa da família que entrou para a faculdade. Eu mudei a história da minha família”, comemora.
Ela parou de usar roupas pretas e agora chama suas cicatrizes de “minhas jóias, meu presente de Deus.”
“Você não precisa mais ver as cicatrizes”, disse Lee, 71. “Você tem tanta beleza.”
“Estamos muito orgulhosos dela”, disse Gloria, 72.
A jovem trabalha durante o dia e estuda à noite. Ela planeja se formar em teologia e ser uma missionária. Seu sonho é juntar dinheiro o suficiente para ter uma casa segura para as meninas perseguidas no Paquistão.
“Há uma razão pela qual Deus me deu a vida”, disse ela. “Eu não quero perder nenhum segundo dela.”
A perseguição aos cristãos no Paquistão é um problema constante. No ano passado, as escolas cristãs no Paquistão ficaram fechadas três dias como protesto pelo assassinato do ministro do país que cuida das minorias religiosas.
Os líderes cristãos paquistaneses dizem que se a perseguição das pessoas que “exercem a sua liberdade de consciência e de expressão” continuar sendo permitida, dentro de pouco tempo as coisas irão ficar fora de controle, de acordo com a Associated Press.
Traduzido de Huffington Post .
Com Inf . Gospel Prime.

VIA GRITOS DE ALERTA

“Nada a Perder” é o nome da autobiografia de Edir Macedo

“Nada a Perder” é o nome da autobiografia de Edir Macedo
Como já foi noticiado pelo Gospel Prime, o bispo Edir Macedo vai lançar uma autobiografia contado os principais momentos de sua vida, a fundação da Igreja Universal, a compra da Rede Record e outros episódios.
Essa história será divida em três livros sendo que o primeiro já teve o título revelado “Nada a Perder”, um comercial com o conteúdo desse livro já foi produzido, mostrando imagens de uma reportagem exclusiva que ele concedeu para a equipe da emissora que ele preside.
Macedo contou com o apoio de Douglas Tavolaro, diretor de jornalismo da Rede Record, para poder escrever sua história que será lançada durante a Bienal Internacional do Livro que vai acontecer em agosto na cidade de São Paulo.
Outros dois livros serão lançados em seguida, a expectativa é que 1 milhão de cópias sejam vendidas, se baseando no sucesso do livro “Bispo – A História de Edir Macedo”, lançado em 2007 que bateu essa marca de vendas.
Ao que parece Macedo resolveu contar ele mesmo tudo o que passou, tanto a prisão como as perseguições que já sofreu e até mesmo as brigas com a Rede Globo, a principal concorrente da Record.
Assista o comercial: