sexta-feira, 17 de março de 2017

TODOS OS NOMES da maior operação da história que chegou na JBS Friboi - 309 mandados















Mais de mil agentes vasculham sete Estados para cumprir 309 
mandados judiciais, inclusive, 
38 de prisão contra fiscais e empresários do agronegócio..

A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira, 17, a 
Operação Carne Fraca para 

combater corrupção de agentes públicos federais e 
crimes contra Saúde Pública.
 Executivos do frigorífico JBS foram presos. A empresa 
BRF Brasil também é alvo
 da operação. Publicado no Estadão, assinado pelos jornalistas

ALVOS DE MANDADO DE PRISÃO PREVENTIVA
1. CARLOS CESAR  - 285.657.389-49
2. DANIEL GONÇALVES FILHO  - 240.236.809-82
3. ERALDO CAVALCANTI SOBRINHO -  147.460.189-87
4. FABIO ZANON SIMÃO  - 004.855.239-90
5. FLAVIO EVERS CASSOU  - 274.744.109-15
6. GERCIO LUIZ BONESI  - 280.948.839-87
7. GIL BUENO DE MAGALHÃES  - 139.185.089-00
8. IDAIR ANTONIO PICCIN -  385.728.340-87
9. JOSÉ EDUARDO NOGALLI GIANNETTI  - 061.220.369-78
10. JOSENEI MANOEL PINTO  - 178.236.259-20
11. JUAREZ JOSÉ DE SANTANA  - 362.418.069-04
12. LUIZ CARLOS ZANON JUNIOR  - 084.118.914-53
13. MARIA DO ROCIO NASCIMENTO  - 299.582.379-20
14. NAIR KLEIN PICCIN - 588.280.100-10
15. NILSON ALVES RIBEIRO - 110.854.993-34
16. NILSON UMBERTO SACCHELI RIBEIRO   005.467.139-63
17 NORMÉLIO PECCIN FILHO  - 569.967.560-49
18. PAULO ROGÉRIO SPOSITO  - 107.683.568-65
19. RENATO MENON  - 567.272.089-72
20. ROBERTO BRASILIANO DA SILVA  - 445.188.899-91
21. RONEY NOGUEIRA DOS SANTOS  -019.854.899-02
22. SEBASTIÃO MACHADO FERREIRA  - 324.920.499-49
23. SERGIO ANTONIO DE BASSI PIANARO  - 354.322.489-87
24. TARCÍSIO ALMEIDA DE FREITAS  - 771.766.858-00
25. ANDRÉ LUIS BALDISSERA  - 007.005.439-88
26. DINIS LOURENÇO DA SILVA  - 067.562.551

ALVOS DE PRISÃO TEMPORÁRIA
1. ALICE MITICO NOJIRI GONÇALVES 486.788.309-30
2. BRANDÍZIO DARIO JUNIOR 479.843.929-00
3. CELSO DITTERT DE CAMARGO 404.672.019-00
4. LEOMAR JOSÉ SARTI 675.598.249-00
5. LUIZ ALBERTO PATZER 210.677.599-72
6. MARCELO TURSI TOLEDO 619.382.119-87
7. OSVALDO JOSÉ ANTONIASSI 080.134.549-91
8. RAFAEL NOJIRI GONÇALVES 041.480.529-10
9. SIDIOMAR DE CAMPOS 362.892.649-15
10. ANTONIO GARCEZ DA LUZ 340.614.799-20
11. MARIANA BERTIPAGLIA DE SANTANA - 058.852.099-36

MANDADOS DE CONDUÇÃO COERCITIVA
1. EDYMILSON PENA DOS SANTOS -  669.275.449-68
2. JOSÉ NILSON SACCHELLI RIBEIRO  - 005.467.149-35
3. LAIS NOJIRI GONÇALVES  - 041.477.919-30
4. MARA RUBIA MAYORKA  - 922.839.189-87
5. MARCELO ZANON SIMÃO  - 849.135.689-49
6. SONIA MARA NASCIMENTO  - 450.327.009-59
7. FABÍOLA BUENO DE MAGALHÃES LAMERS - 027.392.149-52
8. GABRIELA BERTIPAGLIA DE  SANTANA - 058.852.189-27
9. NATALIA BERTIPAGLIA DE SANTANA - 058.852.029-23
10. ALESSANDRA KLASS GUIMARÃES MARTINS - 038.595.909-52
11. ALEXANDRE PAVIN  - 036.290.879-65
12. ALMIR JORGE BOMBONATTO -  097.759.949-34
13. ANDRÉ DOMINGOS BERNARDI  PARRA - 090.452.109-59
14. ANDRÉ JANSEN DE MELLO DE SANTANA - 021.186.819-17
15. BERNADETE BUSATO POLLI  - 964.031.959-72
16. CELIA REGINA NASCIMENTO  - 299.582.029-72
17. CLAUDIA YURIKO SAKAI  - 015.705.169-28
18. DANIEL RICARDO DOS SANTOS -  025.604.939-42
19. DOMINGOS MARTINS  - 005.388.509-06
20. EDSON LUIZ ASSUNÇÃO -  538.954.879-53
21. EGLAIR DE MARI AMARAL -  318.482.909-00
22. EDUARDO VILELA MAGALHÃES  - 497.757.829-53
23. FABIANA RASSWEILER DE SOUZA -  016.662.999-52
24. FABIULA DE OLIVEIRA AMEIDA  - 320.516.848-80
25. FELISBERTO LUIS DE ANDRADE  - 307.730.249-72
26. FERNANDO POLLI -  005.719.259-60
27. FREDERICO AUGUSTO DE AZEVEDO LIMA -847.696.701-25
28. GUILHERME BIRON BURGARDT - 573.877.029-34
29. HENRIQUE FELIX ERICK BREYER  - 202.432.789-34
30. HEULER IURI MARTINS  - 009.952.039-70
31. INES LEMES POMPEU DA SILVA  - 574.676.099-49
32. ISAAC CORREIA DANTAS  - 003.556.339-73
33. ISMAEL LEACHI  - 086.340.929-68
34. JACKSON LUIZ PAVIN  - 254.497.539-34
35. JOSÉ ANTONIO DIANA MAPELLI  - 177.913.948-98
36. JOSÉ ROBERTO PERNOMIAN RODRIGUES - 058.787.588-73
37. JOSÉ RUBENS DE SOUZA  -323.389.299-34
38. JOSÉ TEIXEIRA FILHO - 142.909.799-04
29. JULIO CESAR CARNEIRO  - 168.274.651-87
40. KELLI REGINA MARCOS  - 056.310.649-28
41. LIEGE MARIA SALAZAR  - 035.512.339-85
42. LUCIMARA HONORIO CARVALHO  - 020.439.949-13
43. LUIZ FERNANDO GUARANA MENEZES  -347.883.808-89
44. LUIZ SANTAMARIA NETO  - 359.092.189-72
45. MARCIA CRISTINA NONNEMACHER SANTOS - 017.668.419-02
46. MARCOS CESAR ARTACHO  - 521.468.049-04
47. NAZARETH AGUIAR MAGALHÃES -  715.275.836-00
48. NELSON LEMES DE MOURA -  172.660.092-00
49. ORESTES ALVARES SOLDORIO  - 349.949.049-87
50. PÉRICLES PESSOA SALAZAR  - 018.752.119-00
51. PERITO GARCIA 532.755.009-53
52. ROBERTO BORBA COELHO JUNIOR -  043.103.809-05
53. ROBERTO MÜLBERT  - 661.720.559-68
54. RONALDO SOUSA TRONCHA  - 339.648.311-15
55. SIDNEI DONIZETE BOTTAZZARI  - 364.665.499-68
56. SILVIA MARIA MUFFO  - 012.275.688-60
57. SYLVIO RICARDO D’ALMAS  - 654.569.559-20
58. VALDECIO ANTONIO BOMBONATO - 335.683.759-15
59. VINICIUS EDUARDO COSTA DE SOUZA - 005.268.799-63
60. WELMAN PAIXÃO SILVA OLIVEIRA -794.666.485-00
61. ZELIA MARIA BUSATO PAVIN -  859.573.569-72
62. ANA LUCIA TEIXEIRA 052.843.389-01
63. FRANCISCO CARLOS DE ASSIS  - 166.557.961-72
64. VALDECIR BELANCON -  023.219.689-31
65. FLÁVIO RIBAS CASSOU  - 073.545.229-61
66. CLÉBIO HENRIQUE POLVANI  MARQUES  - 045.054.479-60
67. SOLANGE LINARES MACARI NOJIRI  - 628.848.089-49
68. MARCO AURÉLIO RODRIGUES  BINOTTI  - 024.721.429-94
69. ROBERTO BORBA COELHO  - 358.803.849-34
70. IDEFRED KONIG  - 491.766.849-20
71. SUELI TEREZINHA FARIA PIANARO - 955.953.509-97
72. FABIO MURILO PIANARO  - 047.423.459-24
73. ELIAS PEREIRA BARBOSA  - 016.593.119-18
74. ROBERTO PELLE  - 219.775.349-53
75. NELSON GUERRA DA SILVA - 895.394.439-20
76. VICENTE CLAUDIO DAMIÃO LARA - 365.895.199-0
77. DANILO LUCIANO - 055.719.299-44
78. CLÉBIO HENRIQUE POLVANI MARQUES - 045.054.479-60
79. VALDECIR BELACON - 023.219.689-31
80 CARLOS AUGUSTO GOETZKE - 231.972.509-15
81. SERGIO RICARDO ZANON - 880.047.089-00

MANDADOS DE BUSCA E APREENSÃO
1. ATEFFA
2. BALABAN & GONÇALVES ADVOGADOS
3. BG CONSULTORIA EMPRESARIAL LTDA. ME
4. BIG FRANGO INDUSTRIA E COM. DE ALIMENTOS LTDA.
5. BIO-TEE SUL AM. IND. DE PROD. QUÍM E OP. LTDA
6. BRF – BRASIL FOODS/ BRF S.A.
7. BRF – BRASIL FOODS/BRF S.A.
8. BRF – BRASIL FOODS/BRF S.A. 01.838.723/0102-70
9. BRF – BRASIL FOODS/BRF S.A. 01.838.723/0304-68
10 BRF – BRASIL FOODS/BRF S.A. 01.838.723/0182-55
11. BR ORGAN FERTILIZANTES DO BRASIL LTDA. 15.621.509/0001-29
12. CODAPAR/CLASPAR (EADI/FOZ) 76.494.459/0081-35
13. DAGRANJA AGROINDUSTRIAL LTDA./DAGRANJA S/A AGROINDUSTRIAL 59.966.879/0026-21
14. DALCHEN GESTÃO EMPRESARIAL LTDA. 10.597.190/0001-20
15. DINÂMICA IMP. EXP. IND. COM. ALIMENTOS LTDA. 04.755.950/0001-87
16. DOGGATO CLINICA VETERINÁRIA LTDA.ME 05.822.910/0001-73
17. E.H. CONSTANTINO 07.912.350/0001-73
18. ESCRITÓRIO CENTRAL SUBWAY BRASIL / SUBWAY SYSTEMS 
DO BRASIL LTDA 02.891.567/0002-01
19. MAPA – Esplanada dos Ministérios, BL. D, 8º Andar, sala 847 Brasilia/DF
20. FENIX FERTILIZANTES LTDA./PORTAL OPERAÇÕES 
PORTUÁRIAS 01.304.503/0001-13
21. FORTESOLO SERVIÇOS INTEGRADOS LTDA. 80.276.314/0001-50
22. FRANGO A GOSTO 19.483.501/0001-02
23. FRATELLI COMERCIO DE MASSAS, FRIOS E 
LATICINIOS LTDA. ME 07.197.112/0001-23
24. FRIGOBETO FRIGORÍFICOS E COMERCIO DE
 ALIMENTOS LTDA. 16.956.194/0001-33
25. FRIGOMAX- FRIGORÍFICO E COMERCIO DE CARNES
 LTDA. 04.209.149/0001-36
26. FRIGORÍFICO 3D 05.958.440/0001-70
27. FRIGORÍFICO ARGUS LTDA. 81.304.552/0001-95
28 FRIGORÍFICO LARISSA LTDA. 00.283.996/0001-90
29. FRIGORIFICO OREGON S.A. 11.410.219/0001-85
30. FRIGORÍFICO RAINHA DA PAZ 03.990.431/0001-30
31. FRIGORÍFICO SOUZA RAMOS LTDA. 82.345.315/0001-35
32. INDUSTRIA DE LATICINIOS S.S.P.M.A. LTDA. 05.150.262/0001-56
33. JBS S/A 03.853.896.0001-40
34. LARA CONSULTORIA EMPRESARIAL LTDA. 20.274.224/0001-07
35 LABORAN ANÁLISES CLINICAS LTDA. – EPP 76.652.122/0001-24
36. MASTERCARNES
37 MC ARTACHO CIA LTDA. 04.976.126/0001-57
38. MEDEIROS, EMERICK & ADVOGADOS ASSOCIADOS 10.890.129/0001-76
39. MORAR ASSESSORIA E EMPREENDIMENTOS 78.973.641/0001-10
40. NOVILHO NOBRE INDUSTRIA E COMERCIO DE CARNES LTDA.
41. PAVIN FERTIL INDUSTRIA E TRANSPORTE LTDA. / AJX TRANSPORTES LTDA. 05.762.689/0001-05
42. PECCIN AGRO INDUSTRIAL LTDA. / ITALLI ALIMENTOS 09.237.048/0001-92
43. PRIMOCAL IND. E COM. DE FERTILIZANTES LTDA. 77.518.439/0001-35
44. PRIMOR BEEF – JJZ ALIMENTOS S.A. 18.740.458/0002-23
45. RADIO CASTRO LTDA. 76.106.772/0001-74
46. SANTA ANA COMERCIO DE ALIMENTOS LTDA. 17.622.097/0001-77
47. SEARA ALIMENTOS LTDA. 02.914.460/0130-58
48. SIMÃO SOCIEDADE DE ADVOGADOS LTDA. 09.601.896/0001-39
49. SMARTMEAL COMERCIO DE ALIMENTOS LTDA. 07.782.913/0001-56
50. SUB ROYAL COMERCIO DE ALIMENTOS LTDA. 19.412.845/0001-12
51. SUPERINTENDENCIA FEDERAL DE AGRICULTURA EM MINAS GERAIS
52. SUPERINTENDENCIA FEDERAL DE AGRICULTURA EM GOIAS
53. SUPERINTENDENCIA FEDERAL DE AGRICULTURA NO PARANÁ
54. SERVIÇO DE VIGILÂNCIA AGROPECUÁRIA NA FRONTEIRA DE
 FOZ DO IGUAÇU SVA/PR
55. SERVIÇO DE VIGILÂNCIA AGROPECUÁRIA EM PARANAGUÁ – SVA/PR
56. UNIDADE TÉCNICA REGIONAL AGRÍCOLA DE LONDRINA – UTRA/PR
57. UNIDADE DE VIGILÂNCIA AGROPECUÁRIA ADUANA 
ESPECIAL DE MARINGÁ – UVAGRO/PR
58. UNIDOS COMERCIO DE ALIMENTOS LTDA. 16.588.374/0001-00
59. UNIFRANGOS AGROINDUSTRIAL S.A. / COMPANHIA INTERNACIONAL DE LOGISTICA  - 04.883.352/0001-93
60. BREYER E CIA LTDA. 75.130.245/0001-32
61. FABRICA DE FARINHA DE CARNE CASTRO LTDA. EPP 77.720.076/0001-16
62. LOGISTICA DISTRIBUIDORA LTDA. (INTEGRACAO LOGISTICA, 
DISTRIBUICAO LTDA) 06.962.645/0001-91
63. TRANSFRIOS TRANSPORTE LTDA. 80.654.387/0001-39
64. PECIN AGROINDUSTRIAL LTDA. ME 09.237.048/0001-92
65. CENTRAL DE CARNES PARANAENSE 73.368.151/0001-70
66. WEGMED – CAMINHOS MEDICINAIS LTDA. 11.933.999/0001-48
67. ARTACHO CASINGS
68. INDUSTRIA E COMERCIO DE COUROS BRITALI LTDA. - 07.419.292/0001-40
69. MORRETES AGUA MINERAL LTDA. 12.445.182/0001-93
70. BRF – BRASIL FOODS/BRF S.A. em Mineiros/GO
71 MAPA – Esplanada dos Ministérios


https://cristalvox.blogspot.com.br
/2017/03/policia-federal-todos-os-nomes-da-maior.html

JBS e BRF Foods produzem carne podre com dinheiro público

A Operação Carne Fraca, deflagrada hoje pela Polícia Federal, explicita o total desrespeito dos frigoríficos JBS, dono da Friboi e da Seara, e BRF Foods, proprietária das marcas Sadia e Perdigão. As empresas, gigantes do setor, com mais de 60% do mercado de carnes no país, vendem produtos podres, vencidos, moídos com papelão.

JBS e BRF Foods não têm o menor compromisso com a população. O pior é saber que boa parte dos negócios dessas empresas foi financiada com recursos públicos, por meio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Ou seja, dinheiro do Tesouro foi usado para enganar os consumidores.

Todo esse esquema teve a complacência de fiscais agropecuários, que estão em plena campanha na tevê para defender a carreira, pregando o quanto ela é importante para o país. Para o país? Na verdade, os fiscais  são importante, mesmo, para as empresas, por encobrirem irregularidades. Estamos falando de saúde pública, e os fiscais só preocupados em engordar a conta bancária.

Fiscalização falha

De nada adiantará a ação da Polícia Federal se órgãos fiscalizadores como os ministérios da Agricultura e da Saúde e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) não fizerem nada. Vai haver uma intervenção séria nas empresas para averiguar as reais condições de produção? É difícil acreditar nisso.

Daqui a pouco, virá o discurso oficial de que é preciso cuidado, que os fatos são isolados, que é preciso preservar a JBS e a BRF Foods, porque são grandes exportadoras. Com certeza, veremos uma reação muito mais forte do exterior, dos países que consomem produtos desses frigoríficos, do que aqui.

Tudo está errado no Brasil. É carne podre sendo vendida como a melhor do país, com campanhas milionárias na tevê, em jornais e em revistas. É carne moída com papelão. É leite ofertado com soda cáustica. Enfim, a saúde pública que se lixe. O importante, mesmo, é dar lucro.

A lista de envolvidos na Operação Carne Fraca é enorme. Inclui, inclusive, redes de fast food, como o Subway.  Está tudo disseminado. Não por acaso, estamos diante da maior operação da história da Polícia Federal.

Estão sendo cumpridos 309 mandados judiciais, sendo 27 de prisão preventiva, 11 de prisão temporária, 77 de condução coercitiva e 194 de busca e apreensão em residências e locais de trabalho dos investigar os e em empresas supostamente ligadas ao grupo criminoso.

http://blogs.correiobraziliense.com.br/vicente/jbs-e-brf-foods-produzem-carne-podre-com-dinheiro-publico/

De carne estragada a uso de produtos cancerígenos: veja as irregularidades dos frigoríficos Leia mais: http://oglobo.globo.com/oglobo-21076007#ixzz4bbiARbw7

De carne estragada a uso de produtos cancerígenos em doses altas, passando por reembalagem de produtos vencidos, carne contaminada por bactérias e venda de carne imprópria para consumo humano. A lista de irregularidades encontradas nas denúncias da operação “Carne Fraca”, da Polícia Federal”, é de assustar.
Carne estragada era usada para produzir salsichas e linguiças e promovia-se “maquiagem” de carnes estragadas com ácido ascórbico, substância cancerígena que disfarçava a qualidade do produto. Outra fraude encontrada foi a produção de derivados com uma quantidade de carne muito menor que a necessária, o que exigia a complementação com outros itens. Foram encontradas também carnes sem rotulagem e sem refrigeração.
Em alguns casos, como do frigorífico Peccin, a operação da PF denuncia “armazenamento em temperaturas absolutamente inadequadas, aproveitamento de partes do corpo de animais proibidas pela legislação, utilização de produtos químicos cancerígenos, produção de derivados com o uso de carnes contaminadas por bactérias e, até, putrefatas”.
Os diferentes casos de irregularidades são citados na decisão da 14ª Vara Federal de Curitiba, que esclarece, no entanto, que nem todos os frigoríficos investigados cometem todas as fraudes listadas.

Embaixadora dos EUA exige que a ONU pare de atacar Israel

A embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Nikki Haley fez duras críticas às Nações Unidas, depois que a Organização divulgou um relatório, no qual chamando Israel de uma nação racista e que promove o 'apartheid'.
Imagem redimensionadaO relatório tem a co-autoria do pesquisador Richard Falk, que é conhecido por acusar os Estados Unidos e Israel de serem "impérios coloniais". O relatório chama Israel de "um regime institucionalizado de opressão e dominação sistemática" e apela aos países para que tomem medidas contra Israel, por meio de boicotes e desinvestimentos.

Haley foi rápida em condenar as alegações de Falk, chamando seu texto de "propaganda anti-Israel".

"Os Estados Unidos estão com nosso aliado Israel e continuarão a se opor às ações tendenciosas e anti-Israel em todo o sistema da ONU e em todo o mundo", disse Haley.

Ela também pediu às Nações Unidas para tomar medidas contra o documento e retirar o estudo.

Um porta-voz do secretário-geral da ONU, António Guterres, afirmou que seu representado não tem relação com o controvertido relatório. No entanto, a embaixadora Haley acredita que isto não é suficiente e pediu às Nações Unidas para retirarem completamente o relatório.

"Isto foi redigido por Richard Falk, um homem que repetidamente fez comentários tendenciosos e profundamente ofensivos sobre Israel e defendeu teorias de conspiração ridículas, incluindo algumas sobre os ataques terroristas de 11 de setembro. Isso é igualmente previsível", disse Haley. "O Secretariado das Nações Unidas teve razão em se afastar deste relatório, mas deve ir mais longe e retirar o relatório completamente".

O relatório chega em um momento no qual o governo Trump está reconsiderando seu papel em vários programas da ONU e assumindo uma postura pró-Israel mais ousada. O governo está analisando sua participação no Conselho dos Direitos Humanos, que emitiu numerosas resoluções contra Israel, ignorando abusos de direitos humanos em países como Arábia Saudita e Síria.

Fonte: Guia-me

Igreja anglicana recebeu mais de mil denúncias de abusos sexuais



A Igreja Anglicana da Austrália recebeu mais de 1.115 queixas de abusos sexuais por parte de clero ou figuras ligadas à instituição no espaço de 35 anos, entre 1980 e 2015.

Os dados foram revelados no âmbito da Comissão de Inquérito que ao longo das últimas semanas tem apresentado conclusões sobre o panorama de abusos sexuais de crianças no país. A Igreja Católica já foi alvo de análise, revelando-se a existência de mais de quatro mil queixas no mesmo espaço de tempo. Os católicos na Austrália representam cerca de 23% da população e os anglicanos cerca de 17%.

As queixas contra a Igreja Anglicana envolvem 569 figuras ligadas à Igreja, incluindo 247 membros do clero, segundo dados da comissão, citados pela BBC, e responsáveis da Igreja admitem que em várias situações tentaram encobrir os casos para salvaguardar a reputação da Igreja.

“Gostaria de exprimir o meu sentido de vergonha e tristeza pela forma como as vozes dos sobreviventes foram muitas vezes silenciadas e os interesses da Igreja colocados em primeiro lugar”, afirmou o arcebispo de Melbourne, Philip Freier, na comissão.

Segundo os dados revelados pela comissão, as 1.115 queixas foram feitas por 1.082 pessoas e a idade média das vítimas era de 11 anos, sendo 75% rapazes. Em média levou 29 anos para que cada queixa fosse tornada pública. Apenas uma das 23 dioceses anglicanas da Austrália não teve qualquer queixa, todas as outras tiveram pelo menos uma e dos 84 alegados abusadores que foram referidos à polícia apenas quatro foram já constituídos arguidos, estando 23 ainda sob investigação.
Imagem redimensionadaUm dos testemunhos que a Comissão ouviu foi do bispo Greg Thompson, de Newcastle, na Austrália. O bispo admitiu que foi abusado quando era mais novo e que durante a sua vida sofreu pressões para não falar publicamente sobre o assunto, admitindo que essas pressões tinham afetado a sua saúde.

A secretária-geral do sínodo dos bispos anglicanos da Austrália admitiu que a Igreja errou ao tentar silenciar as vítimas. “Testemunhamos em primeira mão o sofrimento daqueles que partilharam as suas histórias. Vimos nas suas caras e ouvimos nas suas vozes não só a dor do abuso que sofreram em crianças, mas os danos acrescidos que lhes infligimos quando em adultos vieram procurar justiça e conforto e nós os afastamos”, disse Anne Hywood.

Fonte: Renascença - Portugal

Preto no Branco lança novo single e clipe em formato de animação


:: [No ar!] ::



Integrantes da banda viram divertidos desenhos animados em novo trabalho, “Fé na Vida”


Misture um arranjo dançante, uma animação divertida e uma mensagem positiva e você terá o novo single/clipe do Preto no Branco (PNB), “Fé na Vida”. Lançado nesta sexta-feira (17), no canal da banda no YouTube, o trabalho está disponível em todas as plataformas digitais. Com direção de Alex Passos e ilustrações e animação assinadas por Juliano Castro, o clipe foge dos formatos tradicionais ao trazer os integrantes transformados em desenho.

Composição de Weslei Santos, “Fé na Vida” chega em um momento de crise no país para levar uma mensagem de foco, força e esperança por dias melhores. A reflexão do single se baseia na passagem de João 16, em que Jesus – a vida à qual a canção se refere – encoraja seus discípulos a manterem o bom ânimo diante das aflições.

Artistas que conferiram o trabalho, como Leonardo Gonçalves, Kleber Lucas, Pregador Luo, DJ PV, André Valadão, Luiz Arcanjo, Seo Fernandes, Cristina Mel, Marquinhos Gomes, Priscilla Alcantara, entre outros, não só aprovaram o que viram como se surpreenderam com a criatividade. “Ficou maravilhoso”, avaliou Kleber Lucas. “Os caras estão vindo mais uma vez surpreendendo”, disse o Pregador Luo. “Vai ser mais um sucesso do Preto no Branco”, apostou Priscilla Acantara.

Este é o primeiro trabalho inédito do PNB desde o lançamento de seu primeiro DVD, que consagrou a banda, em dezembro de 2015. Apesar do curto tempo de estrada – pouco mais de um ano –, a banda já é reconhecida como uma das mais influentes no cenário gospel, com milhões de seguidores e visualizações nas redes sociais. Uma das músicas do grupo - “Ninguém explica Deus” - foi a mais pedida nas rádios evangélicas de todo o país no ano passado.
________

Site: pretonobrancooficial.com.br
Inscreva-se para acompanhar as novidades:https://www.youtube.com/pretonobrancovevo

Link clipe “Fé na Vida”:https://youtu.be/HAIwj0gMXp4

Escritório Balaio Music: +55 31 3166-7226
Informações: Assessoria de Imprensa



Bruna Moura
Gospel l Sony Music

“Não chame meninas de princesas”, diz campanha da Avon

Uma campanha da Avon tem gerado polêmica nas redes sociais por pedir aos pais que não chamem suas filhas de “princesas”, dizendo que o elo...