terça-feira, 27 de janeiro de 2015

ISLÂMICOS MATADORES DE CRISTÃOS AGEM LIVREMENTE , MATAM CRISTÃOS , QUEIMAM IGREJAS , ABUSAM DAS MULHERES ...

Franklin Graham acaba de informar em sua página que recebeu notícias do pessoal de campo, no Níger, dizendo que dezenas e dezenas de igrejas foram destruídas - queimadas até o chão por militantes islâmicos. Ele publicou a foto de um exemplar da Bíblia (abaixo) e, em seguida, perguntou: Você pode imaginar como seria o clamor internacional, se este livro fosse o Corão?Você pode imaginar como seria o clamor internacional, se este livro fosse o Corão? Mas não é , pois é uma BÍBLIA .

Milhares  de  cristãos estão sendo mortos todos os meses e  nenhuma emissora esta falando abertamente sobre o tema .
A ONU padrinha aberta da agenda  gay é outra conivente .Nossa governante , DILMA , nada fala sobre os cristãos mortos , pois ela também é amante do terrorismo , o passado dela mostra isso .
Outros paises também estão calados .
Os grupos terroristas estão agindo livremente , sem que nenhum pais tome alguma atitude.

ATÉ QUANDO VAMOS FICAR CALADOS , DEIXANDO QUE NOSSOS IRMÃOS MORRAM , SEM SEQUER TEREM O DIREITO DE SE DEFENDEREM ,POIS TEM MOMENTOS QUE NÃO BASTA ORAR , TEM QUE AGIR.


GRITOS DE ALERTA

Gabriel Medina dá testemunho na Bola de Neve Church

Open in new windowO campeão mundial de surfe esteve na Bola de Neve Church e encorajou jovens a perseverarem em seus sonhos.

Na noite da última quinta-feira, a sede da Igreja Bola de Neve recebeu o campeão mundial de surfe, Gabriel Medina e deu a oportunidade de que ele testemunhasse, ao lado de sua família, mais sobre a sua vida com Deus e expressasse sua gratidão ao Senhor pelas conquistas recentes.

Em uma postagem feita no Instagram, o atleta destacou que a capacitação para tornar-se um campeão não veio apenas do próprio esforço dele e sim pelo poder de Deus, acima de tudo.

"Obrigado, Senhor por tudo o que aconteceu e continua acontecendo na minha vida. Obrigado por me receberem na casa de Deus hoje! #Grato #DeusNoComando #Testemunho", publicou.

Em um trecho do testemunho, Medina também encorajou os que estavam ali presentes a perseverarem com seus sonhos.

"Se eu consegui, você também pode conseguir. A gente é tudo igual! Acreditem nos sonhos de vocês que um dia vão chegar lá!", destacou.

Neste mesmo dia, o líder e fundador da Bola de Neve Church, Ap. Rina elogiou o surfista e o destacou como um exemplo para os jovens dos dias atuais.

"O segredo do campeão, fé em Deus, honra os pais e humildade. Parabéns, Gabriel Medina, seu testemunho e sua perseverança estão inspirando uma geração", disse.

Após dar o testemunho de Medina, o Pr. Felipe Parente orou pelo atleta e sua família.

Fonte: Guia-me

Governo Federal vai monitorar intolerância religiosa nas redes sociais

O monitoramento será feito pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), braço do Governo Federal.

A Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), braço do Governo Federal, anunciou esta semana que irá começar a acompanhar mais de perto as manifestações de intolerância religiosa nas redes sociais.

Ao explicar a nova medida, a ministra da pasta, Ideli Salvatti, afirmou que isso se faz necessário porque “boa parte da intolerância religiosa se propaga pela rede”. De acordo com o portal iG, o monitoramento será feito pelo grupo de acompanhamento dos crimes de ódio pela internet, formado no final do ano passado.

O grupo de trabalho (GT) é formado pela a Polícia Federal (PF), pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e pelas defensorias públicas dos estados. Ideli explicou que, quando couber inquérito, os caminhos legais serão acionados.

De acordo com a representante do Governo, além de monitorar crimes de intolerância religiosa, o grupo atua em ocorrências de violação de direitos humanos como homofobia, racismo, machismo, apologia ao nazismo, além de questões de pedofilia e pornografia, que já têm ações estruturadas há mais tempo na pasta.

– Temos a convicção de que a questão da intolerância religiosa cresce no mundo. Estamos acompanhando atos terroristas com base na religião. Aqui no Brasil já tivemos fatos lamentáveis de intolerância, envolvendo religiões de matriz africana, e também casos lamentáveis, envolvendo evangélicos, católicos – afirma.

Fonte: Gospel +

DETURPAM O CULTO E AGORA QUEREM DINHEIRO ??? INFERNAL ISSO .


Jovens detidas por beijo gay em culto pedem R$2 milhões a FelicianoUm dos episódios mais marcantes da passagem de Marco Feliciano (PSC/SP) pela Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados ganhou um novo capítulo. As duas jovens detidas pela polícia por darem um “beijo gay” dentro de uma igreja evangélica durante o Glorifica Litoral, onde o pastor ministrou, entraram na justiça em São Paulo e pedem uma indenização de R$ 2 milhões por danos morais.

As jovens foram filmadas se beijando entre os fiéis enquanto o pastor se preparava para iniciar a pregação. Joana Palhares, de 18 anos, e Yunka Mihura, de 20, foram retiradas pela Polícia Militar por vilipendio ao culto e chegaram a afirmar que haviam sido agredidas pelos policiais.

No vídeo divulgado na época o locutor do evento chegou a alertar aos presentes que pela lei o local de culto é protegido e que a polícia estava ali para intervir em qualquer manifestação que tivesse o objetivo de prejudicar a reunião religiosa.

Na ocasião, Feliciano solicitou à polícia que retirasse as jovens daquele local, pois estavam desrespeitando os fiéis, durante culto em São Sebastião, no litoral paulista. “Essas duas precisam sair daqui algemadas”, disse Feliciano, que foi aplaudido pelos evangélicos que participavam do evento e assistiram à cena por meio de dois telões instalados no local.

“Elas alegaram homofobia, mas isso não existe nem na Constituição e nem no Código Penal. Elas estavam seminuas montadas nas costas de dois rapazes, foi ridículo. Elas estão fazendo o Judiciário perder tempo. Estamos tranquilos, serenos. A ação carece de fundamento. É mais um absurdo”, disse o chefe de gabinete do deputado, Talma Bauer.

O advogado das estudantes, Daniel Galani, afirmou que decidiu formalizar a denúncia contra o parlamentar porque ele teria cometido uma afronta gravíssima aos direitos humanos e ao direito de livre expressão.

Enquanto muitos dizem que o beijo era inocente e que a atitude do deputado foi homofóbica, juristas que analisaram o caso afirmam que a conduta de Feliciano é legítima e foi pautada pela “inviolabilidade da liberdade de consciência e de crença”.

Para o doutor Rubens Teixeira o Código Penal é claro e a constituição protege o direito ao culto. “O direito à reunião pública é garantido na forma do Artigo 5o., XVI, da Constituição da República. O vídeo postado no Youtube não deixa dúvidas de que houve uma perturbação ao culto por um ato intencional e desrespeitoso”, explica.

Estado Islâmico ameaça acabar com cristãos e judeus de todo o mundo




Estado Islâmico ameaça acabar com cristãos e judeus de todo o mundo
Embora muitos líderes mundiais, como a presidente Dilma Rousseff, defenda que poderia haver alguma chance de diálogo com o grupo terrorista Estado Islâmico (EI), essa premissa se mostra impossível.

Em outubro de 2014, o EI declarou que os cristãos eram seus maiores inimigos, embora nenhum grupo cristão tenha atacado os muçulmanos extremistas. Porém, o porta-voz do grupo, Abu Muhammad al-Adnani, enfatizou que eles preparam uma “limpeza religiosa” de escala mundial para os próximos anos.

“O Estado Islâmico é apenas 1% do movimento islâmico no mundo. Mas este 1% tem o poder de um tsunami nuclear. É incrível”, disse o jornalista alemão Juergen Todenhoefer, que conseguiu viver entre os jihadistas por algum tempo.

Os líderes do EI vêm amaçando constantemente os países que fazem parte da coalização que luta contra eles na Síria e no Iraque. Pediram inclusive que os muçulmanos que vivem nesses países lutem contra as autoridades em nome de Alá. “Quebre a cabeça deles com uma pedra, ou mate-os com uma faca, ou atropele-os com seu carro, ou derrube-os de um lugar alto, ou sufoque-os, ou envenene-os… você pode destruir tanto seu sangue quanto sua riqueza”, ensinaram em um vídeo divulgado na internet.

Convictos que estão lutando (e vencendo) a batalha do final dos tempos, o EI agora emitiu uma nova mensagem que ameaça tanto judeus como cristãos de todo mundo. “Assim que essa campanha de cruzadas acabar aqui, depois, se Deus quiser, nos encontraremos em Jerusalém e depois atacaremos Roma. Mas, antes, os exércitos da cruz serão derrotados em Dabiq”, insta o novo comunicado do EI divulgado esta semana.

Profecias dos escritos sagrados muçulmanos chamados de Hadith apontam para a batalha de Dabiq como o marco do “fim do mundo”. Também ensina que o Apocalipse será anunciado pela guerra em Damasco, capital da Síria, por um “anticristo”, chamado pelo Islã de ad-Dajjal.

Esse ad-Dajjal declarará uma grande guerra até ser derrotado após o surgimento de uma figura messiânica chamada de “Madhi”. Esse poderoso guerreiro se levantará na Arábia Saudita, na cidade sagrada de Meca, onde reunirá seu exército. Receberá então o apoio de Jesus Cristo que, segundo o Hadith, aparecerá “em algum momento durante o final dos dias”.

Com o nome de “Morra na sua raiva”, a mensagem desta semana mostra que os jihadistas apostam que mais voluntários farão ataques em nome do EI fora do Oriente Médio. “Prometemos aos cristãos que vão continuar a viver em estado de terror, medo e insegurança”, afirma al-Adnani, no áudio difundido na internet. Lembrando de ataques de terroristas que agiram de forma independente no Canadá, Austrália e Bélgica. “Vocês ainda não viram nada”, finalizou.

Esse tipo de apelo já deu resultado na África, através dos ataques de grupos como Boko Haram e Al-shabab, além de outros menos conhecidos que atuam nessa rede internacional de terrorismo islâmico especialmente na Ásia e África. Reforça ainda que o ataque a uma cafeteria na Austrália realmente tinha ligação com o EI, embora as autoridades do país tenham negado.

Porém, com os ataques em Paris à redação do semanário Charlie Hebdo, ficou claro que nenhum país ocidental está a salvo. Ao exigir que os muçulmanos se unem e derrotem todos os “inimigos” em seu próprio território, virtualmente nenhuma nação está segura. No Brasil já foram identificados ativistas nas redes sociais e um homem andou pregando em favor do EI numa mesquita no Rio de Janeiro.

A FÉ CONTRA A FOFOCA


Onde há pessoas há o ‘disse me disse’, fofocas, intrigas, críticas, e coisa e tal.
Não importa se as pessoas são adultas, jovens ou até crianças. A língua sempre vai trabalhar.
Na maioria das vezes, para o mal.
Na igreja não é diferente. Mesmo entre os supostamente espirituais.
Ora oram, rezam, fazem preces e, logo em seguida, criticam os demais.
Usam tanto para o bem quanto para o mal.
Com ela tentam servir a Deus, mas, com certeza, servem ao diabo.
Como administrá-la só para o bem?
Como defender-se da língua alheia?
Só há um caminho: o da fé.
A fé sem alma, sem coração, sem sentimentos…
Quando ouvir vozes que não estejam de acordo com a Palavra de Deus,
Isto é, vozes produtoras de dúvidas, mal estar, conflitos íntimos, medos, preocupações, enfim, vozes que estressam,
Imediatamente há que se mandá-las para o quinto dos infernos.
Os da fé sem sentimentos não julgam segundo a aparência, não dão atenção às coisas visíveis, não são receptíveis às coisas que vêm deste mundo tenebroso.
Antes, FIRMAM SEUS PENSAMENTOS E SEUS PASSOS NAS PROMESSAS DE DEUS.
Não se interessam por abobrinhas, picuinhas e muito menos pelas opiniões alheias.
Não se preocupam com a sua imagem, o que vão dizer, etc.
Sejam sábios, meus caros; blindem a sua fé com o poder da Palavra de Deus, desprezando os sentimentos.
Não deem crédito a comentários que tirem a sua paz.
Sejam espertos e pratiquem este conselho:
“…não atentando nós nas coisas que se veem, mas nas que se não veem; porque as que se veem são temporais, e as que se não veem são eternas”.  2 Coríntios 4.18






BLOG UNIVERSAL