segunda-feira, 7 de outubro de 2013

TESTEMUNHO DE CURA DE CISTO NO OVÁRIO

Eu sou a Marlene , membra do MINISTÉRIOO GERAÇÃO GRAÇA E PAZ .
Fui diagnosticada pela medicina , com  cisto no ovário .
Os exames mostravam claramente .
Muito preocupada , procurei a ajuda do Bispo Roberto Torrecilhas , que de pronto me ajudou em oração .
O Bispo levou meu nome para o monte , e junto com a equipe de fé , oraram por mim.
Depois da oração , voltei ao médico , para marcar a cirurgia , e quando entreguei os novos exames para ela , a médica , ela olhou para mim e sorriu .
E me falou que não seria mais preciso a cirurgia , pois o cisto tinha desaparecido por completo  .
Peguei os exames do antes e do depois e contei meu testemunho em nossa igreja .
GLORIFICO A DEUS POR ESSA VITÓRIA E PELO MINISTÉRIO GERAÇÃO GRAÇA E PAZ .

Marlene de J. S .

DESCANSA , POIS AGORA É COM DEUS


DESCANSA EM DEUS , POIS ELE VAI CONCEDER OS DESEJOS DE  SEU CORAÇÃO .


"Porque onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração. Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro.
 Não podeis servir a Deus e às riquezas. Por isso vos digo: Não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vestuário? Olhai para as aves do céu, que nem semeiam, nem segam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. 
Não tendes vós muito mais valor do que elas? E qual de vós poderá, com todos os seus cuidados, acrescentar um côvado à sua estatura? 
E, quanto ao vestuário, por que andais solícitos? 
Olhai para os lírios do campo, como eles crescem; não trabalham nem fiam; E eu vos digo que nem mesmo Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como qualquer deles. Pois, se Deus assim veste a erva do campo, que hoje existe, e amanhã é lançada no forno, não vos vestirá muito mais a vós, homens de pouca fé? 
Não andeis, pois, inquietos, dizendo: Que comeremos, ou que beberemos, ou com que nos vestiremos? 
(Porque todas estas coisas os gentios procuram). De certo vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas; Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas." (Mateus 6:21,24,25-33)
Essas maravilhosas palavras do Senhor Jesus acalmam o nosso coração diante de tantos afazeres, compromisso e metas que temos e vamos acumulando. Um dos maiores desafios do cristão é viver o DESCANSAR EM DEUS.
Esse DESCANSO não tem nada a ver com desistir, largar de mão, deixar pra lá. O DESCANSAR EM DEUS é uma atitude de fé. É quando eu pego aquilo que tanto tem me preocupado, coloco à parte e em vez de me ocupar prejudicialmente com tal coisa, eu foco em Deus, busco mais intimidade com Ele. E então como disse Jesus, quando eu faço isso todas as coisas vão sendo resolvidas.
A nossa vida é dividida em duas condições:
1) Há coisas que devemos e podemos fazer.
2) Há coisas que precisamos, mas não podemos fazer, não temos tal capacidade.
Dos maravilhosos milagres que Deus operou e que estão registrados na Bíblia, o Espírito Santo me fez meditar em dois deles e que mostram claramente essas duas condições da nossa vida: a passagem do povo de Israel pelo Mar Vermelho (livro de Exodo, capítulo 14) e a ressurreição de Lázaro (livro de João, capítulo 11)
As duas situações tinham algo em comum: o impossível.
As duas situações tiveram um segundo ponto em comum: o milagre de Deus.
As duas situações tiveram um terceiro ponto em comum: o papel do homem no milagre de Deus.
Quando o povo de Israel fugia do faraó e estava encurralado (pois atrás do povo estava o exército dos egípcios e à frente estava o Mar Vermelho), o Senhor mandou que Moisés dissesse ao povo:
"Moisés, porém, disse ao povo: Não temais; estai quietos, e vede o livramento do SENHOR, que hoje vos fará; porque aos egípcios, que hoje vistes, nunca mais os tornareis a ver". (Êxodo 14:13)
Imagine você agora nesta situação: desarmado, com soldados atrás de você e o mar à sua frente. Qaundo Deus mandou Moisés dizer ao povo que o livraria, provavelmente muitos entre eles devem ter pensando no famoso COMO. Deus vai fazer? Ok! Mas COMO Ele vai fazer? Não tem jeito!

Sim, é por isso que Ele é Deus. Porque Ele faz o que nós não podemos, o que não está ao nosso alcance. Ele faz o que é papel Dele, sendo Deus.
Neste caso, a ordem que Deus de foi: façam a sua parte, o que eu ordeno, e aí então eu farei a minha.
"Então disse o SENHOR a Moisés: Por que clamas a mim? Dize aos filhos de Israel que marchem.E tu, levanta a tua vara, e estende a tua mão sobre o mar, e fende-o, para que os filhos de Israel passem pelo meio do mar em seco." (Êxodo 14:15-16)
Geralmente o que Deus nos pede é simples. Ele disse ao povo para seguir em frente e à Moisés para tocat o cajado no m ar e assim Deus abriria o mar. É tão simples que parece ridículo! E assim podemos refletir nas atitudes do nosso dia-a-dia: o que o Senhor nos pede é simples! O fardo Dele é leve e o jugo é suave. Ele nunca nos pede algo impossível. E se for difícil, Ele mesmo nos fortalece!
"Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o SENHOR teu Deus é contigo, por onde quer que andares." (Josué 1:9)
No outro milagre, o da ressurreição de Lázaro, vemos também que o Senhor deu uma ordem às pessoas que estavam perto do túmulo do servo de Deus. E a ordem foi simples, foi viável em termos de condições humanas: remover a pedra que vedada o túmulo.
"E alguns deles disseram: Não podia ele, que abriu os olhos ao cego, fazer também com que este não morresse? Jesus, pois, movendo-se outra vez muito em si mesmo, veio ao sepulcro; e era uma caverna, e tinha uma pedra posta sobre ela. Disse Jesus: Tirai a pedra." (João 11:37-39)
Jesus não disse: eu vou tirar a pedra. Ele disse: tirem a pedra. Foi uma ordem e os homens obedeceram.
"Disse-lhe Jesus: Não te hei dito que, se creres, verás a glória de Deus? Tiraram, pois, a pedra de onde o defunto jazia. E Jesus, levantando os olhos para cima, disse: Pai, graças te dou, por me haveres ouvido. Eu bem sei que sempre me ouves, mas eu disse isto por causa da multidão que está em redor, para que creiam que tu me enviaste. E, tendo dito isto, clamou com grande voz: Lázaro, sai para fora. E o defunto saiu, tendo as mãos e os pés ligados com faixas, e o seu rosto envolto num lenço. Disse-lhes Jesus: Desligai-o, e deixai-o ir". (João 11:40-44)
O impossível era livrar o povo das mãos do faraó. O impossível era trazer a vida de Lázaro de volta, depois de já em estado de decomposição. O impossível de Deus acontece quando a gente obedece.
O DESCANSO DE DEUS É BUSCAR A DEUS EM PRIMEIRO LUGAR ANTES DE SE PREOCUPAR COM AS QUESTÕES QUE APARECEM PARA NOS DESAFIAR. ESTÁ A NOSSO ALCANCE FAZER ISSO, DO CONTRÁRIO DEUS NÃO NOS ORDENARIA. O DESCANSAR EM DEUS É FAZER A NOSSA PARTE E CONFIAR NA AÇÃO DO IMPOSSÍVEL, QUE SÓ DEUS PODE FAZER.
Por isso, meu irmão, minha irmã em Cristo, o que o Senhor quer de nós é que tenhamos com Ele um relacionamento de pai e filho, onde o Pai sabe o que é melhor para os filhos e os filhos obedecem ao Pai.
Nosso Deus tem todo o poder, Ele sempre faz o melhor. Em nome de Jesus, na autoridade do Espírito Santo, eu repreendo todo espírito de ansiedade, de medo, de dúvida, e peço ao Senhor, que tudo sabe, ouve e vê, que o nosso coração seja preenchido da Paz que só Jesus pode dar. Na certeza de que, como está escrito em Romanos 8, TODAS as coisas cooperam para o bem dos que amam a Deus e tudo há de acontecer no tempo certo, como bem disse o sábio Salomão no capítulo 3 do livro de Eclesiastes. Há tempo para todo propósito debaixo do céu.

Deus não sai do controle. Nós é que nos descontrolamos quando deixamos os pensamentos e as preocupações fazerem o nosso coração palpitar, a noite de sono ir embora. Confiemos no Senhor plenamente e não nos ocupemos dos nossos próprios pensamentos, pois Deus é que sabe da nossa vida e fará sempre acima das nossas expectativas porque Ele nos ama demais!
"Porque eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o SENHOR; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais." (Jeremias 29:11)
A fé na Palavra de Deus nos faz caminhar rumo à vitória. A Palavra é o nosso alimento espiritual e combate os maus pensamentos, a ansiedade, o medo. Não deixe de meditar na Palavra. Uma mente preenchida com os pensamentos de Deus é uma mente vencedora, que não se intimida.
"No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder.Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo. Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais. Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes. Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça; E calçados os pés na preparação do evangelho da paz; Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno. Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus". (Efésios 6:10-17)

Que o Senhor te abençoe abundantemente e que Ele seja a sua prioridade. Que o seu relacionamento com Deus seja mais importante do que todas as coisas e assim todas as coisas te serão acrescentadas. Não é você que tem que correr atrás das bençãos, elas é que virão até você.

Isso não quer dizer ficar sentado no sofá. Vá atrás, corra , faça a sua parte. Aquilo que você pode fazer, mesmo sendo pouquinho ou quase nada, Das mãos do Senhor vira milagre. Bata, pois assim  à porta se abrirá.


VIA GRITOS DE ALERTA

 
 

Cristãos são agredidos em Mianmar




Cristãos são agredidos em Mianmar Terça-feira (1º de outubro), um grupo de extremistas agrediu violentamente um pastor e outro cristão, no Estado de Rakhine, oeste de Mianmar. Os dois estavam em uma moto, a caminho de um seminário bíblico, quando o ataque aconteceu.

"Eles foram hospitalizados e estão se recuperando", disse uma fonte local, não identificada por razões de segurança. "Estamos tentando obter mais informações. Enquanto isso, por favor, ore e peça a Deus para que eles sejam curados, e interceda também pelas suas famílias e pela Igreja [em Rakhine]", concluiu.


O Estado de Rakhine já sediou vários confrontos religiosos entre budistas e muçulmanos, desencadeados, certa vez, pelo estupro de uma garota budista, em junho de 2012. Embora a tensão tenha diminuído um pouco, as relações entre os dois grupos é volátil e longe de ser cordial.


Os cristãos representam apenas 4% da população de 54 milhões. Cristãos das áreas rurais são perseguidos com frequência pelos governantes; as autoridades também desestimulam, e até proíbem, a construção de templos entre as religiões menores. Em alguns casos, funcionários do governo destroem os templos construídos sem autorização.


No Estado de Kachin, a igreja sofre muita pressão e discriminação, região de conflito onde grupos insurgentes de diferentes etnias que lutam contra o governo. 32º colocado na Classificação de países por perseguição, o governo de Mianmar ainda interfere nas reuniões e atividades de praticamente todas as organizações, inclusive as religiosas, de maneira explícita e implícita.



Fonte: Portas Abertas

Acidente mata seis idosos membros de Igreja Batista



Um acidente automobilístico matou oito pessoas numa estrada norte-americana do Tennessee, na última quinta-feira, 03 de outubro. Seis das oito vítimas fatais eram membros da Front Street Baptist Church, da cidade de Statesville, na Carolina do Norte.
A Polícia Rodoviária do estado do Tennessee disse que as seis vítimas do acidente incluem o motorista do ônibus da igreja, Randy Morrison e sua esposa, Barbara. As outras vítimas são Cloyce Matheny, Brenda Smith, Marsha McLelland e John Wright. Cerca de dezoito membros da Igreja Batista estavam no ônibus e eles faziam parte de um grupo sênior de membros da igreja chamado “Young at Heart”.

Acidente mata seis idosos membros de Igreja Batista “Seis de nossos entes queridos passaram para o Senhor no céu. Tem sido uma longa noite para todos nós aqui e esta manhã continuamos a receber informações”, afirmou Rick Cruz, ministro de música da igreja, segundo informações do Christian Post.
As causas do acidente estão sendo investigadas, mas a polícia já sabe que um dos pneus do ônibus estourou, causando as colisões.
“Este era um grupo dos nossos cidadãos mais velhos, nossos ‘jovens de coração’. Eles viajaram mais do que eu, que estava à espera de chegar a essa idade para que eu pudesse viajar tanto quanto eles faziam”, disse uma jovem que é membro da igreja desde sua infância. “Deus, com isso, está tomando estes santos ao céu, e eu sinceramente acredito que esta manhã eles estão adorando, aos pés de Jesus”, acrescentou.
Em uma nota em sua página no Facebook a igreja abriu as portas para todos os familiares e amigos que precisavam encontrar conforto na oração e revelou ainda o desgosto coletivo da congregação: “Recebemos uma tremenda demonstração de amor e apoio, e agradecemos a todos por suas orações contínuas. Nossos corações estão quebrantados”, dizia a nota, que acrescentou a informação de que mais dois membros estavam em estado grave e outros doze membros ficaram feridas no acidente.
“Nós sabemos que Deus está no controle e que Ele é capaz de curar. Mesmo nesse momento difícil, sabemos que seis de nossos membros da família da igreja estão com o Senhor no céu. Jesus Cristo deu a Sua vida por nós, para que possamos ter a vida eterna com Deus”, resumiu a nota.
Fonte: Gospel Mais

Como é a vida de um cristão na China de hoje?


Quando a banda cristã Rainbow Come apareceu no programa televisivo equivalente ao "The X Factor" (reality show de competição musical da televisão americana), os cristãos se voltaram para as redes sociais para angariar votos para a banda; assim, a música poderia alcançar mais chineses.

Como é a vida de um cristão na China de hoje?
Dentro de poucos dias, milhares de votos foram postados para a Rainbow Come. De acordo com o China’s Gospel Times, o suficiente para impulsioná-los a uma posição de liderança na sétima rodada de "Chinese Dream" no Zhejiang Television. O interessante é que justamente por conta do poder das redes sociais, a China proibiu oficialmente o acesso ao Facebook e ao Twitter no país.
No lugar desses, as autoridades chinesas permitiram o acesso ao microblog Weibos. Desde a sua criação, em 2009, a empresa de microblog Sina Weibo, líder na China, já teve a adesão de 400 milhões de usuários; e o número só tem aumentado. Empresas rivais também reivindicam centenas de milhões de assinantes.
De acordo com o Centro de Informações de Internet e Rede na China, 40 por cento da população chinesa é formada de usuários da internet; a maioria destes são microbloggers. Para colocar isso em perspectiva, há mais microbloggers na China do que as populações da Grã-Bretanha, Alemanha, França e Estados Unidos combinadas por alguma margem.
Fonte: Portas Abertas

História da ressurreição de Jesus Cristo será tema de nova produção de Hollywood


A história da ressurreição de Jesus Cristo é o tema da nova produção para o cinema anunciada em Hollywood. O filme, que está sendo financiado pela LD Entertainment, será dirigido por Kevin Reynolds e contará a história “dos primeiros 40 dias após a ressurreição de Jesus”. A expectativa dos produtores é lançar o filme na Páscoa de 2015.

História da ressurreição de Jesus Cristo será tema de nova produção de Hollywood
De acordo com o site The Hollywood Reporter, o filme, intitulado “The Resurrection” (A Ressurreição), contará com roteiro de Paul Aiello, e contará a história através dos olhos de um agnóstico centurião romano que recebe de Pôncio Pilatos a missão de investigar rumores de um Messias judeu ressuscitado e de localizar corpo desaparecido de Jesus, a fim de subjugar um levante iminente em Jerusalém. Junto à sua missão, o centurião viverá também suas dúvidas diante de uma ocorrência tão sobrenatural e seu encontro com os apóstolos e outros personagens bíblicos, o que mudará suas crenças.
De acordo com as informações divulgadas, o filme será produzido por Patrick Aiello. 
"Como The Resurrection é de alta prioridade para nós, estamos muito entusiasmados por trabalhar com um diretor tão ousado e talentoso como Kevin", comentou, sobre o diretor, o CEO da LD Entertainment, Mickey Liddell.
"Sua paixão pelo projeto e o histórico de filmes muito bem dirigidos é o ideal", completou Liddell.
 
Fonte: Gospel Mais

COMEÇA HOJE - Semana de Pentecostes - DE 07 A 13 DE OUTUBRO DE 2013 - MINISTÉRIO GERAÇÃO GRAÇA E PAZ

 

Do dia 07 ao dia 13 de Outubro .

MINISTÉRIO GERAÇÃO GRAÇA E PAZ .

Rua Maranhão , 156 -Centro - Jaguariúna-SP

 

7  DIAS DE MUITA UNÇÃO DE DEUS SENDO DERRAMADA SOBRE AS VIDAS DOS PRESENTES .



VAI SER FORTE O AGIR DE DEUS .

VENHA E TRAGA SUA FAMÍLIA .

CONTAMOS COM UM LOCAL ESPECIAL PARA SEUS FILHOS .

MINISTÉRIO GERAÇÃO GRAÇA E PAZ .

AQUI , VIVEMOS MILAGRES TODOS DIAS.

Presidente russo afirma que defenderá valores cristãos no país

Os valores cristãos e a perseguição religiosa sofrida por seguidores de Jesus Cristo em países onde estes são minoria foram tema de discursos do presidente russo Vladimir Putin.

Segundo Putin, as pessoas vão perder a sua dignidade humana sem os valores consagrados no cristianismo e outras religiões mundiais, e viver sem padrões morais que levaram milênios para tomar forma: “Acreditamos que é natural e apropriado defender esses valores. Qualquer minoria merece respeito pela sua identidade distinta, mas os direitos da maioria não devem ser questionados”, afirmou.

Preocupado com a influência que o secularismo globalizado poderia exercer na cultura russa, Putin lamentou o que tem sido visto no mundo ocidental: “Muitos países euro-atlântico embarcaram efetivamente num caminho de renúncia às suas raízes, inclusive valores cristãos, que são a base da civilização ocidental. Isso envolve a negação de princípios morais e qualquer identidade tradicional – nacional, cultural, religiosa ou mesmo sexual”, alertou.

De acordo com informações do Interfax, Vladimir Putin denunciou que a movimentação política dos grupos de ativistas gays visam impor seu estilo de vida sobre toda a sociedade.

“As políticas perseguidas por eles colocam grandes famílias e parcerias do mesmo sexo na mesma categoria, a crença em Deus e a crença em satanás. Excessos do politicamente correto chegam ao ponto onde há discussões sérias sobre o registro de partidos que têm propaganda da pedofilia como seu objetivo. Pessoas em muitos países europeus têm vergonha e medo de falar sobre sua religião, os feriados são abolidos ou renomeados com títulos que escondem timidamente a natureza dos feriados. Essas tentativas agressivas são feitas para forçar este modelo para o resto do mundo”, repudiou o presidente russo. “Este é um caminho direto para a degradação, primitivismo, crises demográficas e moral profundas. O que pode ser a melhor indicação de uma crise moral da sociedade humana do que a perda da capacidade de auto-reprodução?”, questionou.

Vladimir Putin também falou sobre a perseguição a cristãos em países de maioria islâmica e afirmou que observa “com preocupação” as muitas das regiões do mundo onde as “tensões religiosas estão aumentando, e os direitos das minorias religiosas estão sendo violados, incluindo cristãos e cristãos ortodoxos”.

Putin afirmou que é necessário que lideranças políticas de todo o mundo atuem no sentido de criar medidas que preservem os direitos das populações cristãs e evitem a violência infligida contra os fiéis em muitos países, segundo informações do Washington Post.

Fonte: Gospel+

RADICAIS ISLÃMICOS - CRISTÃ FINGE DE MORTA PARA ESCAPAR DO MASSACRE CONTRA CRISTÃOS NO QUÊNIA

Faith Wambua aparece deitada com os dois filhos em uma das fotos marcantes do ataque ao shopping no Quênia Foto: ReutersFingi estar morta', diz mãe que escapou com os dois filhos de ataque no Quênia

Faith Wambua passou mais de quatro horas deitada com os filhos no chão do shopping Westgate até ser resgatada por um policial

Faith Wambua estava no centro comercial com a filha de 9 anos, Sy Foto: BBCBrasil.com

Faith Wambua aparece deitada com os dois filhos em uma das fotos marcantes do ataque ao shopping no Quênia
Foto: Reuters

Uma das imagens mais icônicas do ataque ao shopping Westgate, no Quênia, no mês passado, foi a de uma mãe deitada no chão com os dois filhos tentando se esconder dos atiradores.

Seu nome é Faith Wambua. Ela estava no centro comercial com a filha de nove anos, Sy, e o filho Ty, de 1 ano e nove meses, quando o ataque aconteceu.

Faith passou quatro horas e meia fingindo-se de morta e garantindo que as crianças ficassem quietas, até serem resgatados pelo policial Iyad Adan.

Ela ouviu uma mulher ser morta a dois metros de onde estavam escondidos e relatou os momentos de agonia que passou ao repórter da BBC Gabriel Gatehouse.

​"Nós estávamos procurando o florista quando ouvimos um barulho muito alto: 'bang'. Eu achei que o prédio estava caindo e que a melhor coisa a fazer era deitar em uma área aberta.

Faith Wambua estava no centro comercial com a filha de 9 anos, Sy
Foto: BBCBrasil.com

Então eu disse às crianças: 'deitem-se, deitem-se'. Eu achei que se tratava de um roubo e que em seis minutos estaria tudo resolvido. Mas o tempo passou e ninguém apareceu para dizer 'ok, podem levantar, eles se foram'.

Minha filha começou a rezar alto dizendo: 'Jeová, jeová, por favor, nos proteja'. Eu lhe pedi que abaixasse o volume por medo que ela denunciasse nossa localização. Eu não sabia o que estava acontecendo, só tinha certeza de que tinha de manter as crianças quietas.

Estava preocupada com meu filho porque ele estava havia horas sem comer e temia que levantasse e começasse a chorar. Então coloquei meu dedo em sua boca para confortá-lo.

VIA GRITOS DE ALERTA / INF. TERRA.COM.BR

Quem é Jorge Mario Bergoglio, o Papa Francisco I?

Em 1973 ele foi nomeado o “provincial” da Argentina para a Companhia dos Jesuitas.
Neste cargo, Bergoglio foi o mais alto dignitário da Ordem Jesuíta da Argentina durante a ditadura militar liderada pelo General Jorge Videla (1976-1983).
Mais tarde ele foi nomeado bispo e depois arcebispo de Buenos Aires. O Papa João Paulo II consagrou-o Cardeal em 2001.
Quando a junta militar abandonou o poder em 1983, o devidamente eleito presidente Raúl Alfonsin abriu um inquérito, a Comissão da Verdade, para investigar os crimes relacionados com o que ficou conhecido como a Guerra Suja – “La Guerra Sucia”.
Operação Condor
Um grande julgamento foi ironicamente aberto em 5 de Março 2013, uma semana antes da investidura do Cardeal Bergoglio como Pontífice. O processo sendo desenvolvido em Buenos Aires tem em vista:
“Uma avaliação da totalidade dos crimes cometidos sob a alçada da Operação Condor, uma campanha coordenada por vários ditadores da América Latina, apoiados pelos Estados Unidos nos anos de 1970 e 1980, para caçar, torturar e matar dezenas de milhares de opositores desses regimes militares”
Para mais detalhes veja «Operation Condor: Trial On Latin American Rendition and Assassination Program» de Carlos Osorio e Peter Kornbluh10 de Março de 2013.
doc01
videla

A junta militar liderada pelo General Jorge Videla (na foto à esquerda), foi responsável por incontáveis assassinatos, incluindo assassinatos de sacerdotes e freiras que se opuseram ao domínio militar que acompanhou o golpe patrocinado pela CIA, golpe esse que derrubou o governo de Isabel Péron, em 24 de Março de 1976.
Videla estava entre os generais que foram condenados por crimes contra os direitos humanos, crimes esses que incluíam “desaparecimentos”, tortura, assassinatos e sequestros. Em 1985Videla foi sentenciado a prisão perpétua, na prisão militar de Magdalena.
Wall Street e a Hierarquia da Igreja Católica
francisco_videlaA Wall Street esteve apoiou solidamente a junta militar que se empenhava na “Guerra Suja” em benefício da mesma, contando sempre com a participacão da hierarquia da Igreja Católicaque teve um papel central e importante de manter a legitimidade da junta militar.
A Ordem dos Jesuítas – que representava a mais influente facção da Igreja Católica - estava intimamente associada com a elite econômica da Argentina, e isso contra os chamados “de esquerda” do movimento Peronista.
“A Guerra Suja”: Alegações dirigidas contra o Cardeal Jorge Mario Bergoglio (atual Papa Francisco)
Em 2005, a advogada de direitos humanos Myriam Bregman entrou com um processo judicial contra o Cardeal Jorge Bergoglio (atual Papa Francisco I), acusando-o de conspirar com a junta militar quando do sequestro de dois padres jesuítas em 1976.
Alguns anos mais tarde, os sobreviventes da “Guerra Suja” acusaram abertamente o Cardeal Jorge Bergoglio de cumplicidade nos sequestros dos padres Francisco Jalics e Orlando Yorio, assim como nos sequestros de seis membros das suas paróquias, (El Mundo, 8 de Novembro de 2010)
Bergoglio, que na época era o “provincial” da Companhia dos Jesuitas, tinha dado ordens para que os dois padres, jesuitas, “de esquerda”, e opositores do governo militar, “deixassem os seus trabalhos paroquiais” demitindo-os, acompanhando divisões na Companhia dos Jesuitas quanto ao papel da Igreja Católica em relação à junta militar.
Enquanto os dois padres – Francisco Jalics e Orlando Yorio – sequestrados pelos esquadrões da morte em Maio de 1976 foram soltos cinco meses mais tarde depois de terem sido torturados; outras seis pessoas relacionadas à paróquia, pessoas essas que também tinham sido sequestradas na mesma operação, foram dadas como “desaparecidas”. Esses sequestrados desaparecidos eram quatro professores e dois dos maridos de duas das professoras do grupo dos seis.
Quando da sua libertação, o padre Orlando Yorio acusou Bergoglio de efetivamente os ter entregue [incluindo as seis outras pessoas] aos esquadrões da morte… Jalics recusou-se a discutir sobre a acusação depois de ter entrado em reclusão num mosteiro alemão.” (Associated Press, 13 de Março de 2013, ênfases acrescentadas).
“Durante o primeiro julgamento da junta militar em 1985, Yorio declarou: “Eu tenho a certeza de que ele mesmo deu uma lista com os nossos nomes à Marinha.” Os dois padres tinham sido levados para o centro de tortura da Escola de Mecânica da Marinha (ESMA na sigla inglesa) e mantidos lá por cinco meses antes de serem arrastados e jogados numa cidade dos subúrbios. (Veja Bill van Auken, «The Dirty War Pope», World Socialist Website e Global Research, 14 de Março de 2013)
Entre aqueles “desaparecidos” pelos esquadrões da morte estavam Mónica Candelaria Mignone e María Marta Vásquez Ocampo. Mónica Mignone era filha do fundador do Centro de Estudos Legais e Sociais (CELS) e María Marta Ocampo era filha da presidente das Madres de Plaza de Mayo, Martha Ocampo de Vásquez (El Periodista Online, Março de 2013).
María Marta Vásquez, o seu marido César Lugones e Mónica Candelaria Mignone alegadamente “entregues aos esquadrões da morte” pelo provincial” jesuita Jorge Mario Bergoglio, estão entre os milhares de “desaparecidos da “Guerra Suja” da Argentina, a qual foi encobertamente apoiada por Washington, sob a “Operação Condor”. (Veja memorialmagro.com.ar)
No decorrer do julgamento iniciado em 2005:
“Bergoglio (Papa Francisco I) por duas vezes invocou o seu direito sob a lei argentina de poder recusar-se a se apresentar num tribunal público, e quando finalmente testemunhou em 2010, as suas respostas foram evasivas”. “Pelo menos dois casos envolviam Bergoglio diretamente. Um examinava a tortura de dois dos seus padres jesuitas – Orlando Yorio e Francisco Jalics – que tinham sido sequestrados em 1976 em bairros pobres onde defendiam a teologia da libertação. Yorio acusou Bergoglio de efetivamente os ter entregue aos esquadrões da morte (…) quando se recusou a declarar ao regime que ele endossava o trabalho desses dois seus padres. Jalics recusou-se a comentar o caso depois de se ter retirado para um mosteiro alemão.” (Los Angeles Times, 1 de Abril de 2005)
As acusações dirigidas contra Bergoglio em relação aos dois padres jesuitas e aos seis membros das mesmas paróquias, seriam somente a ponta do icebergue. Conquanto Bergoglio fosse uma pessoa importante da Igreja Católica, ele não seria o único a apoiar a junta militar.
De acordo com a advogada Myriam Bregman: “As próprias declarações de Bergoglio provam que representantes oficiais da Igreja sabiam-no logo desde o inicio das torturas e matanças por parte da junta” e ainda assim endossaram publicamente os ditadores. “A ditadura não poderia ter agido dessa maneira sem esse apoio chave,” (Los Angeles Times, 1 de Abril de 2005)
Toda a hierarquia católica estava a apoiar a ditadura militar patrocinada pelos Estados Unidos. Vale a pena recordar queem 23 de Março de 1976, na véspera do golpe militar:
“Videla e outros conspiradores receberam a benção do arcebispo do Paraná, Adolfo Tortolo, que também serviu como vigário das forças armadas. No próprio dia da tomada do poder, os líderes militares tiveram um longo encontro com os líderes da conferência dos bispos. Quando saiu dessa conferência, o arcebispo Tortolo declarou que mesmo que “a Igreja tenha a sua própria missão específica (…) há circunstâncias nas quais não pode deixar de participar, mesmo quando isso se relacione a problemas da ordem específica do estado.” Ele fez mesmo pressão moral para que os argentinos “cooperassem duma maneira positiva” com o novo governo.” (The Humanist.org, Janeiro de 2011)
Numa entrevista conduzida pelo El Sur, o General Jorge Videla, que agora está a cumprir uma pena de prisão perpétua, por causa dos seus crimes contra a humanidade confirmou que:
“Ele tinha mantido a hierarquia católica do país informada quanto a “fazer desaparecer” opositores políticos, e que os líderes católicos tinham oferecido conselhos de como “conduzir” a política de desaparecimentos.”
Jorge Videla afirmou que tinha mantido “muitas conversas” com o Cardeal Raúl Francisco Primatesta, da Argentina, a respeito da guerra suja do governo contra os ativistas de esquerda. Afirmou também terem existido conversações com outros bispos líderes da conferência episcopal na Argentina, assim como com o núncio papal do país na época, Pio Laghi. “Eles aconselharam-nos a respeito da maneira de como lidar com a situação,” disse Videla”(Tom Henningan, «Former Argentinian dictator says he told Catholic Church of disappeared», Irish Times, 24 de Julho de 2012)
É de valor observar-se, que de acordo com uma declaração do arcebispo Adolfo Tortolo, os militares deveriam sempre aconselhar-se com algum membro da alta hierarquia católica no caso de “prisão” de algum membro das alas mais baixas da hierarquia do clero. Essa declaração foi feita especialmente em relação aos dois padres jesuitas sequestrados, dos quais as atividades pastorais estavam abaixo da autoridade do “provincial” da Companhia Jesuita, Jorge Mario Bergoglio [atual papa Francisco]. (El Periodista Online, Março de 2013).
Endossando a junta militar, a hierarquia católica foi cúmplice de tortura e de assassinatos em massa, num número estimado de “22.000 mortos e desaparecidos, de 1976 a 1978. (…) milhares de outras vítimas foram mortas entre 1978 e 1983, quando os militares foram forçados a deixar o poder.” (Arquivo da Segurança Nacional, 23 de Março de 2006).
O papel do Vaticano
O Vaticano abaixo da direcção do Papa Paulo VI e do Papa João Paulo II fez um papel central em apoiando a junta militar argentina.
Pio Langhi, o Núncio Apostólico do Vaticano na Argentina admitiu o conhecimento a respeito de tortura e massacres.
Langhi tinha contactos pessoais com membros da direcção da junta militar incluindo o General Videla e o Almirante Emilio Eduardo Massera.
O Almirante Emilio Massera, em próximo contacto com seus dirigentes americanos, foi o mentor “da Guerra Suja”.

Abaixo dos auspícios do regime militar ele estabeleceu:
“Um centro de interrogatório e tortura na Escola Naval de Mecânica – Naval School of Mechanics, ESMA [perto de Buenos Aires], (…) era um estabelecimento sofisticado, para muitos fins, vital ao plano militar de assassinar cerca de 30.000 “inimigos do estado”. (…) Muitos milhares dos prisioneiros da ESMA, incluindo, por exemplo, duas freiras francesas, foram de maneira rotineira torturados brutalmente sem misericórdia, antes de serem assassinados ou jogados de algum avião no Rio de la Plata.
Massera, o membro mais vigoroso do triunvirato, fez o seu melhor para manter seus elos com Washington. Ele participou no desenvolvimento do Plano Condor, que era um plano de colaboração para coordenar o terrorismo sendo praticado pelos regimes militares sul-americanos. (Hugh O´ Shaughnessy, «Amiral Emilio Massera: Naval officer who took part in the 1976 coup in Argentina and was later jailed for his part in the junta’s crimes», The Independent, 10 de Novembro de 2010)
Relatórios confirmam que o representante do Vaticano Pio Laghi e Amiral Emilio Massera eram amigos.
A Igreja Católica: Chile vs Argentina
Tem valor por si mesmo o notar-se que nas águas do golpe militar no Chile, em 11 de Setembro de 1973, o Cardeal de São Tiago do Chile, Raul Silva Henriquez, tinha condenado abertamente a junta militar liderada pelo General Augusto Pinochet. Em forte contraste com a Argentina, a posição da hierarquia católica no Chile foi eficaz em pôr freio às ondas de assassinatos políticos, assim como conter a extensão das violações dos direitos humanos cometidas contra os apoiantes de Salvador Allende e os oponentes do regime militar.
O homem atrás do ecuménico, e não-partidário, Comité Pro-Paz era o Cardeal Raúl Silva Henríquez.
Logo depois do golpe, Silva (…) tomou o papel de “actor upstander”, sendo esse um termo em inglês que a autora e activista Samantha Power criou para distinguir pessoas que se levantavam contra a injustiça – muitas vezes a custo de grandes riscos pessoais – dos que denominava então, de “espectadores”.
(…) Logo após o golpe, Silva e outros líderes da igreja do Chile publicaram uma declaração condenando as acções dos golpistas e exprimindo dor e desgosto pelo derramamento de sangue. Esse foi um ponto fundamental de reversão para muitos membros do clero chileno (…) O Cardeal Raul Silva Henriquez visitou o Estádio Nacional, e escandalizado pela escala da violência desintegradora, instruiu os seus auxiliares a começarem a documentar os acontecimentos reunindo informação das milhares de pessoas que se voltavam para as igrejas, para refúgio.
As acções do Cardeal Silva levaram-no a um conflito aberto com Pinochet, que não hesitou em ameaçar a Igreja e o Comité Pro-Paz. («Taking a Stand Against Pinochet: The Catholic Church and the Disappeared» – pdf)
Jorge Mario Bergoglio não era, nas palavras de Samantha Powers um espectador passivo. Foi cúmplice em crimes contra a humanidade, crimes esses que foram muito abrangentes.
O Papa Francisco I não é “um homem do povo” comprometido a “ajudar os pobres” nas pegadas de São Francisco de Assis, como retratado em côro pelo mantra da imprensa ocidental. Muito pelo contrário: os seus esforços durante a junta militar, atacando consistentemente membros progressivos do clero católico, assim como activistas empenhados em salvaguardar os direitos humanos, activistas esses envolvidos em implementar programas contra a grande miséria e pobreza.
Ao apoiar a “Guerra Suja” argentina, José Mario Bergoglio (papa Francisco) violou abertamente os próprios dogmas e doutrinas da moralidade cristã.
O QUE É O VATICANO
A instituição que o (José Mario Bergoglio – Papa Francisco) representa o pior e mais perigoso lugar para qualquer pai ou mãe consciente permitir a seus filhos frequentar e quem está falando aqui não é um ateu. Há mais de 2000 anos esta instituicão e seus representantes estão sequestrando, torturando, abusando sexualmente de criancas e matando. O vaticano possui a maior reserva de ouro do mundo, possuem uma quantidade de imóveis incalculável, o banco do vaticano especula nas bolsas do mundo inteiro, fazem investimentos em empresas de tabaco, bebidas e armas, são acusados de acobertar casos de pedofilia em diversos países, cúmplices do nazismo e fascismo, entre outras milhares de acusações e falcatruas ao longo da história. Na igreja católica não tem santos. Por trás de cada santo tem uma história suja e como pais amorosos, por favor, leiam mais e procurem informacões.



http://paradigmatrix.net/?p=8826#sthash.JhFJesKs.dpufVATICANO
Banco católico pede desculpas por investir em armas, cigarros e pílulas…
http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2009/08/090803_banco_acoes_dg.shtml
.
ONU quer ter acesso ao que o Vaticano sabe sobre pedofilia…
http://www.publico.pt/mundo/noticia/onu-quer-ter-acesso–ao-que-o-vaticano-sabe-sobre-pedofilia-1599883

.
Igreja Católica apoiou o Nazismo e o Fascismo…
http://telacrente.org/2010/03/25/igreja-catolica-e-o-nazismo-facismo/

.
As 13 máquinas de tortura mais terríveis da História…
http://super.abril.com.br/blogs/historia-sem-fim/as-13-maquinas-de-tortura-mais-terriveis-da-historia/

.
A IGREJA CATÓLICA ROMANA TEM AS MAIORES RESERVAS DE OURO DO MUNDO…
http://pt.apocalisselaica.net/focus/la-piovra-cattolica/la-chiesa-cattolica-romana-ha-la-riserva-di-oro-piu-grande-al-mondo

.
Vaticano é dono oculto de imóveis caros em Londres…
http://www1.folha.uol.com.br/mundo/1218976-vaticano-e-dono-oculto-de-imoveis-caros-em-londres.shtml

.
Reino Unido, França e Suiça : Imóveis da Igreja Católica valem cerca de 2 bilhões de reais, diz o The Guardian…
http://betobertagna.com/2013/01/24/imoveis-da-igreja-catolica-na-europa-valem-cerca-de-2-bilhoes-de-reais-diz-o-the-guardian/

“Casamento” homossexual e os últimos dias


Antiga tradição rabínica sustenta que a homossexualidade, mais especificamente o “casamento” homossexual, foi o “insulto final” a Deus que fez com que Ele trouxesse o Grande Dilúvio

Dr. Scott Lively e Kevin Abrams
De uma perspectiva bíblica a perversão sexual ritualizada e principalmente a homossexualidade ritualizada marcam a rebelião mais extrema contra Deus. A antiga tradição rabínica sustenta que a homossexualidade, mais especificamente o casamento homossexual, foi o “insulto final” a Deus que fez com que Ele trouxesse aquele Grande Dilúvio do qual só Noé e sua família sobreviveram. Em seu livro “Ancient Post-Flood History” (História Antiga da Época depois do Dilúvio), o teólogo Ken Johnson cita três proeminentes fontes rabínicas nessa questão:
O rabino Huna disse no nome do rabino Joseph: “A geração do Dilúvio só foi exterminada depois de escreverem documentos de casamento para a união de um homem com outro homem ou com um animal.” Gênesis Rabbah 26:4-5; Levítico Rabbah 23.9.
O rabino Hiyyah ensinou: “A passagem diz ‘Sou o Senhor, seu Deus’ duas vezes — Sou Aquele que castigou a geração do Dilúvio, e o povo de Sodoma e Gomorra, e o Egito; e no futuro castigarei aqueles que agirem como eles agiram. As gerações do Dilúvio eram reis, e foram eliminados da terra quando se encharcaram de pecado sexual.” Levítico Rabbah 23:9 (comentário sobre Levítico 18:3.)
E o que eles fizeram? Um homem se casou com outro homem, e uma mulher com outra mulher, e um homem se casou com uma mulher e sua filha, e uma mulher se casou com dois (homens). Portanto, se diz: “E vocês não andarão nos estatutos deles.” Sifra Acharei Mot, Parashaw 9:8 (comentário sobre Levítico 18:3.19)
Imediatamente depois do Dilúvio vemos que a semente da perversão homossexual sobreviveu na família humana por meio da linhagem de Cam. Em Gênesis 9, Noé caiu inconsciente depois beber vinho demais e enquanto ele estava assim sem condições de se mover Cam [ou melhor, Canaã, o filho de Cam] “viu [ou descobriu] sua nudez.” Esse termo “descobrir a nudez,” usado principalmente no livro de Levítico, é um eufemismo hebraico para relações sexuais.
Na Bíblia Novo Padrão Americano (New American Standard), a passagem diz:
Cam, o pai de Canaã, viu a nudez de seu pai… Quando Noé despertou de seu vinho, ele soube o que seu neto mais novo lhe havia feito. Então ele disse: ‘Maldito seja Canaã’ (Gênesis 9:22-25).
No livro “Call of the Torah” (Chamada da Torá), o rabino Elie Munk cita estudiosos de hebraico que também interpretam o estupro cometido por Canaã como “um ato de homossexualidade” — (Munk:220).
Portanto, como resultado de seu ataque sexual a seu avô, Canaã foi amaldiçoado por Noé e banido de sua presença. Canaã então toma posse do próprio território que mais tarde seria prometido aos descendentes de Abraão: a “Terra Prometida de Israel.”
O que é muito importante é que poucas gerações depois que Canaã foi banido, quatro cidades que seus descendentes haviam fundado, inclusive Sodoma e Gomorra, foram destruídas por Deus por causa da homossexualidade. A perversão sexual havia corrompido de forma tão profunda a sociedade que rivalizava com a apostasia que havia provocado o Grande Dilúvio. Todos os homens de Sodoma, tanto jovens quanto idosos, foram à casa de Ló, sobrinho de Abraão, com a intenção de estuprar os dois anjos enviados por Deus para julgar a cidade. A lascívia deles era tão insaciável que eles continuaram a alcançar sua meta vil mesmo depois de serem cegados pelos anjos. A destruição deles veio rapidamente em seguida (Gênesis 19:1-11).
Traduzido, com permissão, por Julio Severo do Capítulo Dois: “Homo-Occultism” (Homo-Ocultismo) do livro “The Pink Swastika,” do Dr. Scott Lively e Kevin Abrams.
Versão em inglês deste artigo: Homosexual “Marriage” and the Last Days
VIA GRITOS DE ALERTA / Fonte: www.juliosevero.com

Por que nós, humanos, choramos?

Há relatos de animais que apresentam padrões de comportamento parecidos com o choro, só que eles não soltam lágrimas, além de o comportamento não existir mais após a infância. Os humanos choram quando já são adultos não só por razões egocêntricas, mas também por empatia (capacidade de se identificar com os problemas das outras pessoas). Especula-se que o ato estimula o sistema nervoso parassimpático e libera substâncias nas lágrimas responsáveis por reduzir o estresse e a ansiedade, como a oxitocina Getty Images/Thinkstock
De todos os animais que existem no mundo, apenas os humanos conseguem produzir lágrimas emocionais e chorar mesmo quando já são adultos.
Há relatos de animais que apresentam padrões de comportamento parecidos com o choro - um filhote de pássaro, por exemplo, emite sons chorosos ao se separar da mãe. Só que animais não soltam lágrimas, e o comportamento deixa de existir após a infância.
Já em humanos, chorar faz parte da vida. Enquanto na maioria das vezes, as crianças choram com mais frequência, emitindo sonoros gritos e lamentos, os adultos bastam-se apenas com as lágrimas.
Outra diferença entre o choro de crianças e adultos é que os pequenos choram, na maioria das vezes, por razões egocêntricas - necessidades de chamar atenção para um problema que está acontecendo com elas, como se dissessem através do 'berreiro' frases como "minha fralda está suja", "estou com fome", ou "quero ganhar este brinquedo".
Nos adultos, o choro pode acontecer não só por razões egocêntricas, como também por empatia a situações externas. Ao assistir a um filme, por exemplo, o adulto experimenta as mesmas emoções que os outros, mesmo que esses outros sejam personagens da ficção.
A empatia é uma capacidade intrínseca ao ser humano de se identificar com as outras pessoas. Ainda não existe um consenso entre estudiosos do assunto, mas há a hipótese de que existe uma relação entre chorar e a evolução natural: nossas lágrimas podem ter facilitado o desenvolvimento de sentimentos empáticos e contribuído para que nós nos tornássemos uma espécie ultrassociável.
Chorar alivia?
Será que chorar pode trazer algum tipo de paz de espírito ou alívio do stress? Os cientistas não sabem ao certo, mas já apontam pistas de que nem sempre é assim. Depende de basicamente duas coisas: por qual motivo a pessoa está chorando e como outras pessoas reagiram a esse choro.
É possível que o choro estimule o sistema nervoso parassimpático, e libere substâncias responsáveis por reduzir o estresse e a ansiedade, como a oxitocina. Só que isso é apenas especulação. Não se sabe muito sobre as características fisiológicas do cérebro no momento do choro - é um quebra-cabeça difícil de montar, já que pouco foi descoberto sobre os complexos mecanismos desse órgão.
O choro pode ser cultural
A cultura pode ter uma relação direta nas razões do choro, na frequência dele e nos seus efeitos. Também pode definir o comportamento de reação de terceiros.
Por exemplo: sociedades que vivem em países frios tendem a chorar mais do que as que estão em regiões mais quentes.
Mesmo que na maioria das vezes, humanos chorem para pedir ajuda, conforto ou reduzir algum tipo de agressão, em algumas sociedades, os adultos não costumam chorar em frente a pessoas desconhecidas - isso pode sugerir que a pessoa é fraca, emocionalmente instável ou até mesmo manipuladora. 
Além disso, nessas sociedades, pessoas que veem alguém desconhecido chorar ficam desconcertadas e raramente sentem-se à vontade para ajudá-la. É por isso que, talvez, o choro de adultos seja tão contido, reservado e só para íntimos.
Consultoria: A.J.J.M. Vingerhoets, professor da Universidade Tilburg, da Holanda, e autor do livro Why only humans weep. Unravelling the mysteries of tears; e prof. doutora Denise Pará Diniz, psicóloga-coordenadora do Setor de Gerenciamento de Estresse e Qualidade de Vida da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo)
  



FONTE . http://noticias.uol.com.br/ciencia/ultimas-noticias/redacao/2013/10/01/clique-ciencia-por-que-nos-humanos-choramos.htm

A "maldição" da Galinha Pintadinha



 
Uma produção nacional, que se tornou conhecida por causa do Youtube e se consagrou como uma franquia milionária, a Galinha Pintadinha é sucesso inegável. Tanto que se tem sua marca licenciada para cerca de 600 produtos e está prestes a ser assistida um bilhão de vezes na rede social de vídeos.
A “maldição” da Galinha PintadinhaCriada “meio que sem querer” pelos amigos Juliano Prado e Marcos Luporini em 2006, os vídeos infantis reúnem animação básica com músicas infantis populares. Aos poucos o material foi sendo compartilhado entre os pais. Veio o primeiro DVD e ela hoje é “a maior estrela de vídeos na internet do Brasil e da América Latina”, conforme indica a matéria de capa da Revista Época desta semana. Uma inegável demonstração do quanto o assunto está em pauta.
Seus criadores lançaram versões da animação em inglês e espanhol. Os vídeos na língua espanhola já tiveram mais de 200 milhões de acessos. Aproveitando o sucesso internacional, eles anunciam que irão produzir um longa-metragem, com um faturamento estimado em R$ 20 milhões.
Contudo, nas últimas semanas as redes sociais vêm reproduzindo o testemunho de uma mãe evangélica que acredita haver uma “maldição” nos vídeos. Postado primeiramente em 27/9 no fórum de mães do site “Baby Center”, em poucos dias começou a ser reproduzida freneticamente na internet. Classificada por muitos como “bobagem” ou “loucura”, o depoimento foi inclusive retirado do ar pelo site. Mas transcrições da mensagem e capturas de tela foram mantidas e copiadas.
mestr andre A maldição da Galinha PintadinhaO site ateu Ceticismo.net ridicularizou a “campanha” antiGalinha na matéria intitulada “Galinha Pintadinha é coisa do demônio, segundo mamãe crente” e outros sites ateístas reproduziram o material. Depois, sites de humor colocaram o assunto em pauta sempre criticando os evangélicos por ver “demônio em tudo”.
As colocações polêmicas foram comentadas por muitos evangélicos no Facebook e em fóruns, concordando que existe uma inegável semelhança entre o personagem “mestre André” dos desenhos com a entidade conhecida como “Zé Pelintra”. No clipe em questão, a música também usaria o ritmo comumente usado nos centros de religião afro-brasileiras. Outro problema identificado era entender o que significam as palavras da música “Fli Flai Flu”, se é que elas têm sentido.
depoimento galinha pintadinha A maldição da Galinha PintadinhaEntre os muitos comentários, a usuária Jahaisa escreveu “Vamos orar a Deus e repreender as influencias que foram infiltradas através desses desenhos em nossas crianças”. Outros faziam um link para um vídeo de março que tentava provar a “mensagem subliminar” da música “Fli Flai”.
Certamente tratam-se de opiniões pessoais, que refletem preocupações de alguns e geram estranheza em outros. Absurda ou não, a lição que fica é clara: os pais devem estar atentos aos que seus filhos veem e ouvem nesses dias onde a internet abre portas para o que o mundo tem de melhor e de pior.
Leia o testemunho na íntegra e tira suas próprias conclusões:



VIA GRITOS DE ALERTA / INF. GOSPEL PRIME

O mundo assiste impassível à extinção do cristianismo no Oriente Médio

Diante do crescente movimento anticristão em diferentes países do Oriente Médio e do norte da África nos últimos meses, o sheik Abdullah bin Abdul Aziz, afirmou que é necessário “destruir todas as igrejas” da região.
Ele é o grão-mufti da Arábia Saudita, maior autoridade espiritual da nação que é berço do Islamismo. Segundo a Missão Portas, é o segundo país que mais persegue os cristãos, Abertas. O líder religioso é o chefe do “Conselho de Ulama” [eruditos islâmicos] e da Comitê Permanente para a Investigação Científica e Emissão de Fatwas (decretos religiosos). Suas palavras sempre têm grande repercussão, sobretudo entre os muçulmanos sunitas.
O mundo assiste impassível à extinção do cristianismo no Oriente Médio, alerta historiador
Sua afirmação recente é a mesma que foi divulgada no ano passado. Desta vez o motivo foi a divulgação que enquanto países como o Kuwait proíbem a construção de novas igrejas, em junho foi inaugurado um novo templo cristão perto de Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. Outra está em construção em Abu Dhabi.
No início de 2013, o rei do Bahrain doou um terreno para a construção de uma nova catedral católica no país. Na Árabia Saudita, estima-se que existem cerca de 3 milhões cristãos, todos trabalhadores imigrantes que não podem construir uma igreja pois a lei não permite.
Esse tipo de convocação ocorreu poucos dias antes do evento “Relatório do Oriente Médio: Porque a verdade está se perdendo” realizado em Londres. Entre seus oradores estava o historiador inglês Tom Holland. Em sua opinião, o mundo está assistindo impassível à extinção do cristianismo na mesma região onde ele se originou.
Sua “avaliação apocalíptica”, como foi definida pela imprensa, é baseada em farta documentação de evidências e estatísticas do avanço na região do Islã militante. “É o clímax de um processo que iniciou ao longo do século XX e pode resultar em breve na extinção efetiva do cristianismo no Oriente Médio”, afirmou ele durante um painel do evento. Segundo ele, o estopim foi a onda de ataques contra cristãos no Egito desde a chamada Primavera Árabe.
Também presente no evento, Nina Shea, diretora do Instituto Centro Hudson de Liberdade Religiosa Hudson, com sede em Washington, disse que a destruição de dezenas de igrejas, mosteiros, escolas, orfanatos e empresas cristãs foi planejada para passar despercebida enquanto a imprensa cobria apenas os processo político em andamento nesses países.
Referindo-se aos coptas, asseverou “É a pior perseguição em 700 anos contra a maior e mais antiga minoria cristã restante no Oriente Médio”. Ao falar sobre a Síria, destacou que os cristãos que fogem de suas casas para não serem mortos pelos jihadistas da Al Qaeda sequer podem ir para os campos de refugiados. A maioria deles é dominado por extremistas que os usam para recrutar soldados e não se mostram simpáticos aos cristãos.
O público ouviu uma lista de atrocidades e devastação em cidades onde existem comunidades cristãs. Betsy Hiel, correspondente do jornal americano Tribune-Review, ressaltou que a cobertura desses eventos é deliberadamente ignorada pelos grandes órgãos de imprensa. Segundo ela, a propaganda islâmica de busca pela liberdade vendida ao Ocidente foi “comprada” inclusive pelas igrejas cristãs. Enquanto elas não se manifestam sobre o assunto, os cristãos vão sendo exterminados um pouco a cada dia naquela região. Com informações de Protestante Digital e World Watch Monitor.