terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Crianças cristãs são queimadas vivas em ataques muçulmanos

O grupo terrorista islâmico Boko Haram invadiu vilarejos no noroeste da Nigéria neste final de semana. O maior, Dalori, que tem cerca de mil casas, segundo o jornal “The Premium Times”, foi saqueado e quase totalmente queimado. Está situada a apenas 5 km de Maiduguri, berço do Boko Haram e maior cidade no nordeste da Nigéria.
Testemunhas afirmam que os extremistas queimaram vivas várias crianças. Dezenas de corpos foram jogados pelas estradas de acesso ao local. Muitos foram mortos enquanto tentavam escapar. Pelo menos duas mulheres-bomba se explodiram no meio dos fugitivos, causando mais danos. Até agora o número oficial de mortos é 85, mas nas próximas horas serão confirmadas mais mortes.
O ataque ocorreu no sábado (30), mas o Exército da Nigéria só chegou ao local no domingo (31). Também foram atacados dois acampamentos próximos, que abrigam 25.000 refugiados.
Este foi mais um dos ataques dos terroristas que desejam formar um califado no norte do território nigeriano. Em 2015, fizeram juramento de lealdade ao Estado Islâmico e ameaçaram matar todos os cristãos do país.
Estima-se que eles já tenham matado mais de 20 mil pessoas nos últimos seis anos. Cerca de 2,5 milhões de nigerianos foram obrigados a deixar suas casas por causa do grupo. Com informações deBosnewslife e Premium Times NG

Com ataque à Globo, Domingo Espetacular debate a arte com apologia à pedofilia

Programa Domingo Espetacular, na Record TV O debate sobre as exposições de arte com apologia à pedofilia e outros temas no Brasil marc...