quinta-feira, 31 de março de 2016

LIMPEZA PÓS OBRA EM JAGUARIÚNA - HOLAMBRA - SANTO ANTONIO DE POSSE - PEDREIRA - PINTOR - EPÓXI


Igreja de Campinas é citada na Operação Lava Jato na denúncia contra Eduardo Cunha

A FACE OCULTA DAS TESTEMUNHAS DE JEOVA



Milhões de pessoas sofrem por ter sido associadas a grupos religiosos radicais ou possuir parentes e amigos vítimas de seitas pseudocristãs. Muitas dessas pessoas perderam suas famílias, amigos, e até mesmo a saúde física e mental depois de descobrir que ao invés de servir a Deus, haviam sido enganadas e escravizadas. Outros infelizmente morreram ou viram a velhice chegar sem ver o cumprimento das promessas feitas por seus líderes.
Uma das seitas religiosas pseudocristãs mais conhecidas na atualidade são as Testemunhas de Jeová.
————

Como as Testemunhas de Jeová agem

As Testemunhas de Jeová, geralmente se apresentam como o “povo escolhido de Deus” e conquistam principalmente adeptos de denominações cristãs. Para isso, valem-se do artifício de denunciar erros praticados por membros de organizações religiosas e questionar seus ensinos e crenças. As Testemunhas de Jeová dizem que as igrejas cristãs são corruptas, repletas de pessoas gananciosas e imorais, que se desviaram de Deus a séculos e que ensinam mentiras e falsidades. Seu argumento acaba sendo  aceito por pessoas desinformadas após um bom tempo de doutrinação mental.
Elas porém, não contam jamais aos seus estudantes a verdade sobre a sua organização religiosa e escondem dos interessados o seu passado cheios de erros e contradições. Os mesmos erros que apontam nas outras religiões, são encontrados entre seus membros com a mesma naturalidade. Com o tempo, o estudante vai se envolvendo cada vez mais com os fiéis da seita e criando laços de amizade que acabam se tornando difíceis de ser rompidos. Quando o estudante começa notar flagrantes erros e crassos pecados de seguidores da seita, não raro é convencido com o argumento que as Testemunhas de Jeová são igualmente imperfeitas e pecadores como qualquer outra pessoa religiosa.
————

A Lavagem Cerebral

O Estudante é levado a crer que se não se tornar uma Testemunha de Jeová, ele não poderá ser salvo e é pressionado a abandonar suas crenças e a sua religião atual. Estas decisões costumam criar terríveis conflitos familiares. Para convencer o novato a continuar firme em sua decisão de ser um membro efetivo da seita, chegam a dizer que os membros de sua família, os quais chama de  opositores, estão sendo usados por Satanás para desviá-lo da verdade. Sutilmente, o estudante é ameaçado de perder a vida e a salvação. Afirmam que a qualquer hora o “armagedon” irá chegar, e apenas as TJs que se mantiveram firmes na doutrina apesar da oposição é que serão salvas de um fim do mundo catastrófico.
Pregar o fim do mundo, aliás, é uma das suas principais ocupações. Eles já pregaram o fim do mundo para o ano de 1914, 1925, 1975 e 2000. Quando fizeram isso, diziam que era um ensino de Jeová. Claro que este fim do mundo nunca chegou. As Testemunhas de Jeová é o grupo que mais pregou datas para o fim do mundo tendo falhado em todas elas. A prova está em suas antigas publicações que eles espertamente ocultam dos estudantes mais novos.
marionete
Quando o Estudante começa a assistir reuniões nos salões do reino, eles são bombardeados com expressões de amor e amizade. O novato se sente amado e claro, se sentirá muito bem neste ambiente.
Muitas das pessoas que se aproximam das Testemunhas de Jeová são pessoas depressivas, desiludidas com as religiões e com o sistema. Muitos estão à procura de atenção, de boas amizades, precisam da esperança de uma vida melhor imediata e vêem na mensagem pregada por elas o ideal que sempre desejaram para si.
————

Coisas que são ocultas dos novatos

As Testemunhas de Jeová não contam porém, que se um dia a pessoa sair de seu grupo, os membros não mais lhe dirigirão a palavra e até mesmo mudarão de calçada para não o cumprimentar. Da noite para o dia, um membro expulso da seita ou que saiu por conta própria, pode perder todas as amizades que conquistou.
Isso mesmo. Ex Testemunhas de Jeová que saíram dessa seita porque não acreditavam mais em seus ensinos são discriminados e perseguidos e encarados como servos de satanás, mesmo que continuem sendo boas pessoas e crendo em Deus. Os membros são proibidos sob pena de expulsão de dizer mesmo um simples “oi” a alguém que saiu ou foi expulso.
Assim, muitos pais não falam mais com seus filhos e noras, netos e avôs, sobrinhos e amigos. Eles chamam isso de “desassociação”. Um membro que saiu, só poderá falar com os anteriores amigos ou parentes se voltar para a igreja.
Você acha que isso está de acordo com as palavras de Jesus? ele disse:
– “Amai uns aos outros como eu vos amei. Se cumprimentardes apenas os que vos amam, que bem fazeis? não fazem isso também os que não servem a Deus? amai os vossos inimigos, orai pelos que vos perseguem. Somente assim mostrareis ser filhos de vosso pai que está nos céus…” (João 13:34; Mat. 5:44-47; )
————

Regras absurdas que escravizam e causam mortes de inocentes

As Testemunhas de Jeová proíbem transfusões de sangue e dizem que é mandamento de Deus… mas o que elas não contam aos novatos, é que eles já proibiram as vacinas e também os transplantes de órgãos afirmando que os que o faziam estavam contra as leis de Deus… milhares de pessoas morreram por se negar a ser vacinadas ou receber um órgão em transplante ou a transfusão de sangue, inclusive bebês e crianças indefesas, pois eles diziam que as vacinas eram coisas do diabo, que os transplantes era canibalismo, e atualmente continuam afirmando que Deus proíbe transfusões que salvam vidas … tudo isso está nas publicações antigas, as quais eles ocultam dos estudantes novatos…
Será que uma religião que diz que algo é proibido por Deus e depois muda de ideia pode estar sendo orientada por Ele?
————

Escândalos de Pedofilia em toda a terra habitada

No caso do ancião pedófilo Gonzalo Campos, a Torre de Vigia foi obrigada a pagar 13,5 milhões de dólares em indenizações a vítimas.
Atualmente, as Testemunhas de Jeová estão sendo processadas e sendo obrigadas a pagar milhões de dólares de indenizações a vítimas de pedofilia. Muitos pastores desta seita abusam sexualmente de crianças e inocentes usando sua posição de respeito e continuam impunes. De acordo com a lideranças das Testemunhas de Jeová, uma acusação contra um pastor/ancião, só será aceita se houver duas testemunhas de seu crime ou se este confessar o erro. Como em casos de abuso de crianças e incapazes dificilmente há testemunhas, os abusadores continuam livres. Se um membro levar o caso à polícia, ele pode ser acusado de injúria e calúnia e pode ser imediatamente expulso.
Em um caso conhecido, uma mulher e duas filhas foram expulsas das Testemunhas de Jeová porque denunciaram o marido e padrasto à polícia depois que este abusou das enteadas. Como ele era líder na igreja, a acusação não foi aceita. A esposa o denunciou às autoridades e a congregação ainda depôs a favor do criminoso. Este caso foi abordado em um documentário publicado pela agência de notícias britânica BBC.
Mas estas coisas, as TJs não falam aos novatos, pois se estes soubessem, jamais aceitariam estudar a bíblia com elas.
————

Livros preparados para Lavagem Cerebral, substituem a Bíblia

As Testemunhas de Jeová não estudam a “bíblia” com as pessoas. Elas usam a bíblia apenas como referência, e os livros e revistas que trazem e obrigam as pessoas a usar é que possuem a autoridade final. Eles inicialmente dizem que o estudante pode usar qualquer tradução da bíblia, mas com o tempo, trazem a própria versão que fizeram. Isso mesmo, as Testemunhas de Jeová têm uma bíblia que eles mesmos traduziram e modificaram para se adaptar à sua doutrina e poder enganar as pessoas.
As Testemunhas de Jeová seguem o “Corpo Governante” que é um Papado coletivo que vivem nos Estados Unidos. Qualquer crítica às ordens e ensinos destes homens que são considerados os únicos representantes de Deus na terra, é punida com a expulsão e o ostracismo. Eles se auto-intitulam os “Únicos representantes de Deus na terra” e o “seu profeta hodierno”.
A Sociedade Torre de Vigia é a maior editora de publicações religiosas do mundo. Sua revista A Sentinela tem mais autoridade para as Testemunhas de Jeová que a própria Bíblia.
O processo de lavagem cerebral das seitas é quase imperceptível. Muitos que começam a associar-se às TJs, afastam-se de seus anteriores amigos, parentes e se isolam. Esse isolamento é crucial para que as seitas ampliem ainda mais seu controle mental. Neste ponto, uma vítima de seitas religiosa se torna totalmente manipulável e vulnerável pois passa a depender física e emocionalmente do seu novo grupo. Quando um parente ou amigo procura tentar aconselhar ou ajudar a vítima, a pessoa que já foi “preparada” mentalmente, acha estar sendo “perseguida” e que isso seria uma das “provas” de estar agrandando a Deus. Eles dizem:
- “Seus parentes e amigos bem intencionados, irão procurar desviá-lo de ser uma Testemunha de Jeová, mas se você desistir, como poderá ajudá-los no futuro?”
O processo de doutrinação mental começa a surtir efeito. Neste ponto é muito difícil mostrar a realidade a uma vítima das seitas. É preciso que a mesma se conscientize, realizando uma pesquisa sobre seitas e como elas agem. Familiares e amigos precisam se unir em um esforço conjunto para fazer com que a vítima se aperceba do engano.
————

Ajuda contra seitas disponível em abundância

Na internet, há milhões de artigos, sites e vídeos expondo as mentiras e os enganos perpetuados pelas Testemunhas de Jeová. Entretanto, as TJs, o instrutor, parente ou amigo que procura fazer um discípulo para a seita, procurarão impedi-lo de buscar informações sobre sua organização religiosa na internet ou com ex-membros. Geralmente dizem que se você der ouvidos a pessoas que criticam sua organização, estará desobedecendo a Deus e arriscando perder a vida. Mas, quando alguém procura bloquear seu acesso a alguma informação, está esta pessoa provando ser sincera e imparcial? ou estará esta pessoa com o rabo preso? com medo de que você descubra coisas para as quais ainda não foi mentalmente preparado?
Jesus disse que os justos buscam a luz, mas os iníquos se escondem na escuridão. Não tenha medo de analisar imparcialmente os dois lados a fim de ter um quadro justo e claro da realidade. – (João 3:19-21)
————

Liberdade apenas em Cristo Jesus

Jesus Cristo não nos chamou para ser escravos de homens vis, corruptos e mentirosos; ele nos chamou à liberdade gloriosa dos filhos de Deus. As seitas vêm para destruir, roubar e enganar (João 10:10). Deus porém, avisa amorosamente aqueles que estão no caminho para o precipício pois tem amor à suas almas. Talvez este artigo seja uma ajuda para alguém, por isso, se puder, compartilhe-o com pessoas que você conhece que estejam correndo perigo de cair nos laços de alguma seita religiosa.
Oramos a Deus pelas vítimas das seitas escravizadoras e pedimos que todos os despertos procurem ajudar e raciocinar com tais pessoas. Vivemos em tempos críticos onde o diabo procura desviar, explorar e controlar o maior número possível de pessoas. Ele persiste em se apresentar como anjo de luz, porém, quando a vítima percebe, pode já estar imersa em terrível escuridão.
Sirva a Cristo Jesus e seja verdadeiramente livre







Osmanito Torres – Ex-Ancião da Organização Torre de Vigia




http://www.extj.com.br/a-face-oculta-das-testemunhas-de-jeova/

ROBERTO TORRECILHAS - PORQUE EU SOU A FAVOR DO IMPEACHMENT DA DILMA ?



Lula-e-Dilma-em-Salvador
Tchau, hein!
É  de dar nojo , quando leio uma matéria onde vejo evangelicos ( ou como diria henri cristi , evanjegues ) se dizendo ser contra o impeachment da Dilma .
Dilma Rousseff é uma presidente ilegítima, eleita de maneira criminosa, e tem de cair. O PT é uma gigantesca lavanderia de dinheiro sujo e tem de ser extinto.
As novas denúncias dos delatores da Operação Lava Jato confirmam ambas as teses de 2,2 milhões de brasileiros que foram às ruas, enquanto a oposição dorme e jornalistas se perdem em irrelevâncias.
Os 300 milhões de dólares roubados pelo PT na Petrobras já eram 300 milhões de motivos para o impeachment de Dilma.
Agora temos mais 5:
1) 
O tesoureiro do PT pediu mais de 10 milhões de reais de propina à Camargo Corrêa em 2010.
denúncia foi feita pelo vice-presidente da empreiteira, Eduardo Leite, em seu depoimento de delação premiada à força-tarefa da Operação Lava Jato.
vaccari-sergio-castro-estadao-1024x683João Vaccari Neto, segundo Leite, cobrou-lhe um valor “superior a 10 milhões de reais” de propinas atrasadas e sugeriu que elas fossem pagas por meio de doações ao PT.
Ou seja: depositadas diretamente no caixa do partido.
O testemunho demonstra que o PT usou as doações legais das empreiteiras para lavar o dinheiro roubado da Petrobras, o que ridiculariza o argumento petista da legalidade:
Eram doações legais de dinheiro ilegal – e “Vaccari tinha consciência” disso, como disse o procurador Deltan Dallagnol, da Lava Jato.
Detalhe: a delação do presidente da Camargo Corrêa, Dalton Avancini, será concluída na sexta-feira, devendo incluir ainda episódios “estarrecedores” como o dos 100 milhões de reais de propina na usina de Belo Monte – ou o ‘belo monte’ de 100 milhões de reais do PT.
Relembre AQUI.
2)
A distribuição das doações da Camargo Corrêa em 2010 está disponível no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
chovendo-dinheiroDilma Rousseff recebeu 13 milhões de reais, enquanto o candidato tucano José Serra recebeu menos da metade: 6 milhões de reais.
Nas campanhas locais, como mostrou O Antagonista, o PT também arrecadou mais do que os outros partidos.
Veja a lista dos maiores beneficiários petistas:
Aloizio Mercadante: 4 milhões de reais;
Marta Suplicy: 2 milhões de reais;
Tarso Genro: 2 milhões de reais;
Angela Portela: 2 milhões de reais;
Fernando Pimentel: 2 milhões de reais;
Jaques Wagner: 1,5 milhão de reais;
Lindbergh Farias: 1 milhão de reais;
Humberto Costa: 1 milhão de reais;
Gleisi Hoffmann: 1 milhão de reais.
3)
Os procuradores do Ministério Público Federal, em suas denúncias contra Vaccari e Renato Duque,explicaram como a propina das empreiteiras foi contabilizada como doação legal ao PT:
“A vinculação entre as doações políticas e os pagamentos feitos pela Petrobrás aos Consórcios Interpar e Intercom pode ser comprovada pela comparação entre as datas em que a Petrobrás pagou os consórcios e as datas, subsequentes, em que empresas controladas por Augusto Mendonça promoveram a transferência de propina disfarçada de doações oficiais para partido político”.
O MPF fez uma tabela cruzando os dados sobre os desembolsos da Petrobras e as doações das empreiteiras ao PT.
Para derrubar Dilma e extinguir esta gigantesca lavanderia de dinheiro sujo chamada PT, só falta a oposição cruzar a tabela do MPF e a vergonha na cara.
tabela-comparada-doações-e-pagamentos
Lula 54)
Dilma Rousseff e a cúpula do PT, “em conversas reservadas”, pressionam Vaccari a deixar o cargo de tesoureiro do partido, segundo o Estadão.
A estratégia repete a do auge do mensalão, em 2005, quando o PT expulsou o tesoureiro Delúbio Soares para tentar acalmar a opinião pública.
Em julho de 2011, no entanto, Delúbio foi readmitido nos quadros do partido, como era de se esperar do PT.
Quando Vaccari teve de largar a boquinha de R$ 21 mil por mês na Itaipu Binacional para comparecer a seis reuniões por ano, escrevi aqui:
“Como nenhum petista fica desempregado – ou sem receber pelo devido silêncio -, resta a pergunta enquanto o impeachment da presidente não vem:
Quanto será que o PT vai arrumar para Vaccari agora?”
Não sei. Aparentemente, a contrapartida para o silêncio do tesoureiro segue em negociação e ainda não foi quantificada.
5)
Na véspera da eleição de 2010, o operador de propinas da SBM, Júlio Faerman, deu 300 mil dólares à campanha de Dilma.
size_590_pedro_barusco
Barusco na CPI
A denúncia foi feita na CPI da Petrobras pelo ex-gerente da estatal Pedro Barusco.
Um documento divulgado pela Folha confirma a autorização da SBM para um repasse de 311,5 mil dólares de uma subsidiária da empresa nas Ilhas Virgens para uma empresa de fachada de Faerman, justamente na véspera da eleição de 2010.
Condenada por um tribunal holandês, a SBM admitiu que distribuía propinas no Brasil.
Um diretor definiu Faerman, em e-mail interno da companhia, como o “mais fedorento de todos os fedorentos”. E acrescentou: “Não se pode excluir que os pagamentos no Brasil tenham financiado partidos políticos”.
Outro diretor da SBM, empenhado em acobertar a corrupção, escreveu: “Enquanto não houver evidência de movimentação de dinheiro através de contas bancárias, não há como provar os pagamentos”.
Falta apenas, neste caso, encontrar essa evidência para entender como os 300 mil dólares da empresa de fachada de Faerman chegaram ao caixa da campanha de Dilma. Assim, abre-se caminho também para a extinção do PT, com base na lei nº 9.096:
“Art. 28. O Tribunal Superior Eleitoral, após trânsito em julgado de decisão, determina o cancelamento do registro civil e do estatuto do partido contra o qual fique provado:

I – ter recebido ou estar recebendo recursos financeiros de procedência estrangeira”.

E MAIS .

MENTIRAS , ENGANOS , ROUBOS , DESVIOS , PATROCINANDO COM NOSSO DINHEIRO O COMUNISMO EM VÁRIOS PAÍSES , TENDO UM PASSADO CRIMINOSO , ENRIQUECIMENTO DE SEUS FAMÍLIARES E DOS QUIE AS CERCAM , ETC , ETC , ETC .


Sou presidente da UBPES , união brasileira dos bispos e pastores evangélicos , e SOU SIM A FAVOR DO IMEDIATO IMPEACHMENT DA DILMA , BEM COMO A  PRISÃO DO LULA , E  A  DEVOLUÇÃO DE TUDO O QUE ELES DESVIARAM DOS COFRES DO BRASIL.
A IMEDIATA COBRANÇA DOS VALORES EMPRESTADOS AOS COMUNISTAS .
PENHORAR TODOS BENS DOS QUE FICARAM RICOS AS CUSTAS DOS ROUBOS CONTRA O BRASIL.

AP . ROBERTO TORRECILHAS
MINISTÉRIO APOSTOLICO GERAÇÃO GRAÇA E PAZ.
JORNAL IMPACTO REAL
BLOG GRITOS DE ALERTA .
REDE GRAÇA E PAZ ONLINE .

Sobram crimes de responsabilidade’ no processo de impeachment

Nas caras pedaladas, a “gerenta” conseguiu o maior número de acusações de toda história da América Latina, mas ainda existem os que vergonhosamente a defende, sabedores de que serão os próximos da fila de abate.

Da comissão do impeachment ficará guardada uma lista que, dificilmente, algum corrupto da história futura conseguirá suplantar. Os governos Lula & Dilma serão eternamente imbatíveis.

Não se trata de um ou alguns deslizes. Trata-se de uma enorme série de irregularidades conscientes que não caberiam num só processo. Para afastar imediatamente a presidente, bastaria uma pequena fração de suas infrações, porém, nossa constituição não é tão funcional quanto a do Paraguai que, em poucas horas lista, julga e condena. As brechas permitem que a burocracia e chances de defesa tornem o processo moroso e complicado, com a agravante do aparelhamento do Estado que, de forma barulhenta e descarada, ainda permite um coro de beneficiários – futuros acusados – clamarem aos quatro ventos que se trata de uma perseguição política seguida de tentativa de golpe de estado.
As 10 medidas é apenas a primeira dose do amargo remédio para que a justiça ganhe agilidade e precisão no tratamento deste câncer chamado corrupção.
Celso Brasil 
da redação OEB



Juristas acusam Dilma na comissão do impeachment:
‘Sobram crimes de responsabilidade’

Juristas Janaína Paschoal e Miguel Reale em audiência pública da Comissão Especial do Impeachment
Em sessão tumultuada, os juristas que apresentaram denúncia contra a presidente Dilma Rousseff prestaram depoimento nesta quarta-feira à comissão do impeachment. Aos deputados, o ex-ministro da Justiça Miguel Reale Júnior e a advogada Janaína Paschoal acusaram a presidente da República de recorrer a expedientes que configuram tanto o crime de responsabilidade quanto crimes comuns ao maquiar os cofres públicos e fazer promessas durante a campanha eleitoral que, por causa do déficit fiscal, não poderiam ser cumpridas. “Crime não é apenas pôr a mão no bolso do outro e tirar dinheiro. Crime também é eliminar as condições desse país de ter desenvolvimento, cuja base é a responsabilidade fiscal”, disse Reale Júnior.
Os juristas são autores da denúncia que deu início ao processo de impeachment de Dilma. O fundador do PT, Hélio Bicudo, também assina o documento. Ele não compareceu à sessão nesta quarta, mas esteve representado por sua filha, Maria Lúcia.
Os autores da ação acusam a presidente de infringir a lei brasileira em ao menos três momentos: na prática das chamadas pedaladas fiscais, já condenada pelo Tribunal de Contas da União (TCU), na edição de decretos financeiros sem a autorização do Congresso, o que é proibido, e no comportamento “omisso-doloso” de Dilma no episódio do escândalo do petrolão. “Eu tenho visto várias frases que dizem que impeachment sem crime é golpe. Essa frase é verdade. A questão é que estamos diante de um quadro que sobram crimes de responsabilidade”, afirmou a advogada Janaína Paschoal.
“Foi necessário baixar decretos não autorizados, abrindo credito não autorizado, quando se sabia que o superávit não era real. Foi necessário lançar mão de pedaladas fiscais porque do outro lado estava acontecendo uma sangria. Isso tudo é um conjunto de uma mesma situação que, ao meu ver como eleitora, como cidadã brasileira, mostra que nós fomos vítimas de um golpe. Para mim, vítima de golpe fomos nós”, continuou Paschoal.
De forma didática, Reale Júnior comparou as maquiagens feitas no orçamento a um cheque especial. “As pedaladas fiscais se constituíram num expediente malicioso por via do qual foi escondido o déficit fiscal que transformaram despesa em superávit. Falseou-se o superávit primário, falseou-se a existência de uma capacidade fiscal que o país não tinha”, disse o ex-ministro da Justiça. “É tal como um cheque especial: jogou-se para frente uma imensa dívida que só com relação às pedaladas fiscais alcançou 40 bilhões de reais. Essas dívidas não foram registradas. Isso constitui crime de falsidade ideológica, que é omitir declaração juridicamente importante”, continuou, reforçando que a prática continuou acontecendo em 2015, ou seja, no atual mandato de Dilma.
“O que aconteceu é que de repente percebeu-se que o Estado estava falido. E a consequência foi emissão de títulos e aumento dos juros que tinham sido artificialmente reduzidos. Esse aumento levou a um processo inflacionário, a uma redução da atividade econômica, e o que é pior de tudo, levou à expectativa de mudança (…) à perda da confiança e da credibilidade. Sequestraram a nossa esperança”, continuou Reale Júnior.
Ao fim das explanações, os juristas foram aplaudidos de pé por deputados pró-impeachment. Eles ergueram, ainda, cartões vermelhos que carregavam a frase “impeachment já”. Parlamentares governistas, por outro lado, acusaram os autores de denúncia de transformarem a comissão em um comício político.
Nesta quinta-feira, será a vez de depoentes ligados ao governo prestarem esclarecimentos. Participarão da comissão o ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, e o professor da Universidade do Estado do Rio de Janeiro Ricardo Lodi Ribeiro.

“Farto” de escândalos, bispo Edir Macedo autoriza ruptura de aliança do PRB com Dilma

A Igreja Universal do Reino de Deus encerrou sua longa relação de apoio ao governo petista com a saída do Partido Republicano Brasileiro (PRB) da base aliada a Dilma Rousseff (PT).
O anúncio do rompimento foi feito pelo partido na última quinta-feira, 17 de março, e expôs a fraqueza política do governo federal e a indisposição de seus aliados a se manterem no barco na véspera de um desfecho negativo para os petistas com o avanço das investigações da Operação Lava-Jato e do processo deimpeachment na Câmara dos Deputados.
De acordo com o jornalista Ricardo Feltrin, o rompimento do PRB teve o aval do líder da Igreja Universal, bispo Edir Macedo, uma vez que o partido é formado, essencialmente, por políticos ligados à denominação.
“O rompimento se deu com o aval do próprio Edir Macedo, líder da Universal. Embora se preocupe mais com a evangelização e evite se imiscuir em assuntos tanto da TV como da política, o bispo estaria ‘farto’ dos escândalos e da corrupção envolvendo o PT, disse uma fonte da igreja a esta coluna, na noite desta sexta, pedindo anonimato”, informou Feltrin, em seu espaço no portal Uol.
A relação de Macedo com as administrações petistas já durava 14 anos, desde o primeiro mandato de Luís Inácio Lula da Silva, em 2002. “A igreja de Macedo sempre adotou uma atitude de completo apoio aos governos petistas. Em 2003, quando o embrião do PRB surgiu, o partido rapidamente se integrou à base do ex-presidente”, recapitulou.

Pastor muda de partido

A saída do PRB – conhecido no meio político como o “partido da Universal – da base de apoio a Dilma, no entanto, não aconteceu sem traumas. O pastor George Hilton, que ocupa o posto de ministro do Esporte, deixou o PRB e ingressou no PROS, para se manter no cargo.
Fiel a Dilma, o pastor licenciado da Igreja Universal preferiu se manter no cargo de ministro de Estado a seguir a escolha política de sua antiga legenda.

Com ataque à Globo, Domingo Espetacular debate a arte com apologia à pedofilia

Programa Domingo Espetacular, na Record TV O debate sobre as exposições de arte com apologia à pedofilia e outros temas no Brasil marc...