quinta-feira, 8 de setembro de 2011

MEDITAÇÃO DO DIA

Companhia Dentro e Fora do Barco

Quando você atravessar as águas, Eu estarei com você; quando você atravessar os rios, eles não o encobrirão. Isaías 43:2


Ao participar de um curso de liderança para desbravadores no sul do Chile, conheci a cidade de Pucón, segundo polo turístico mais importante do país. Havia muitas atrações (vulcão para escalar, termas e cavernas), mas como fui acostumado à água do mar, a atividade que mais me fascinou foi o rafting do rio Trancura, um dos mais concorridos da América do Sul. Depois de experimentá-lo, disse comigo mesmo: “Tenho que trazer a liderança dos desbravadores de todo o continente para um campori neste lugar.” Alguns anos depois, decidimos realizar ali o 1º Campori Sul-Americano de Líderes de Desbravadores, em janeiro de 1999.


Três meses antes do evento, levei um grupo de líderes de algumas Uniões para conhecer o lugar e deixar tudo encaminhado. Numa das tardes, fomos fazer uma descida de rafting. Como em outubro começam a derreter as geleiras, o rio estava mais cheio e veloz que da primeira vez. Dividimos em dois botes o grupo de 14 pessoas. O que manejava o bote no qual eu estava era inexperiente na função. Avisou que os trechos mais perigosos do trajeto eram apenas três pequenas quedas. Ao nos aproximarmos do local, percebi que ele fez o sinal da cruz três vezes. Imaginei que não seria fácil. Não deu outra. Ele embicou por onde não devia e perdeu o controle do bote. A queda e a subida do bote foram tão violentas que o pastor Acílio Alves, que estava na proa, logo à minha frente, foi jogado para o ar, para trás da balsa. O bolsão de água jogou todos para fora. Mesmo com roupa de neoprene e colete salva-vidas, ser jogado para fora do bote na água com temperatura a quase zero não é nada empolgante. Socorridos pelo outro bote, voltamos a embarcar no nosso, que havia ficado encalhado numa ilha, e chegamos à sede tiritando de frio.


A reunião da noite teve um clima altamente pacífico. O susto tinha sido grande. Porém, três meses depois, por ocasião do Campori de Líderes, todos encararam sem medo o desafio de descer novamente o rio em rafting.


Diferentemente de nós, os discípulos enfrentaram uma tempestade no mar. Jesus, que estava a bordo, mandou o mar se acalmar e repetiu para eles o ensino mais simples da Bíblia, formulado em apenas duas palavras: “Não temam!”


A promessa de Deus vale não somente para o rio ou para o mar, mas para qualquer lugar e em todos os dias do ano: “Quando você atravessar as águas, Eu estarei com você; quando você atravessar os rios, eles não o encobrirão” (Is 43:2).

TRAIDORA DOS CRISTÃOS (GRITOS A.) - Marta: Criação de Estatuto tem relevância inquestionável




A senadora Marta Suplicy (PT-SP) elogiou a sugestão de Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que pretende assegurar direitos aos gays, lésbicas, transexuais e travestis de todo o País, como o de casamento civil, adoção e licença natalidade de 180 dias.

O texto, elaborado pela Comissão Especial de Diversidade Sexual da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), foi entregue à senadora nesta terça-feira (23/08), juntamente com o projeto de criação do Estatuto da Diversidade Sexual. O projeto pretende adequar à legislação brasileira todas as decisões tomadas pelo Supremo Tribunal Federal (STF) em relação à população LGBTT - Lésbicas Gays Bissexuais Transexuais e Travestis, como a união estável para casais homossexuais. Protegidas por lei os homossexuais ganharam vários direitos, dentre eles: adotar crianças e adolescentes, receber herança do companheiro, receber pensão alimentícia e unir-se com separação de bens.

Já a PEC tem como um de seus principais ponto a criminalização da homofobia e estabelece a pena de dois a cindo anos de reclusão para aqueles que praticarem atos de discriminação e preconceito em virtude da orientação sexual de alguém. A mesma punição se estende aos que incitarem o ódio ou pregarem a inferioridade de um indivíduo por causa de sua orientação sexual ou identidade de gênero.

A discriminação no mercado de trabalho e nas relações de consumo também são penalizadas com reclusão que varia de um a três anos.

Estratégia

Para a senadora, a única dificuldade existente é quanto à apresentação as medidas por meio de uma PEC, já que 1/3 dos senadores terão de apoiar a proposta para que ela tramite no Congresso Nacional. A exemplo do que acontece com o PLC 122/2006, que criminaliza todas as formas de preconceito – religioso, pessoas com deficiência, idosos e, inclusive homofobia - relatado por Marta, certamente a proposta também enfrentará resistência de setores como o da igreja.

"Ter uma PEC desse gabarito, elaborada por uma equipe da OAB desse nível, é uma proposta que nos deixa muito a vontade para apresentá-la, num momento conveniente. É um estudo muito completo", avaliou Marta Suplicy.

A senadora acredita que, estrategicamente, será importante aprovar primeiro o PLC 122/2006, até porque a sua tramitação está mais avançada, já foi aprovada pela Câmara dos Deputados e resta apenas a votação no Senado. O segundo passo, na avaliação de Marta, é apresentar a PEC, que é uma matéria mais ampla e complexa. "A PEC é bem mais difícil de aprovar. Então, vamos começar com a homofobia e avaliar o momento adequado para fazer uma PEC com essa amplitude, que é realmente o sonho que nós gostaríamos para todo o País", explicou a senadora.

Avanço

O Estatuto da Diversidade Sexual conta com 109 artigos, que alteram 132 dispositivos legais. O Estatuto criminaliza a homofobia, reconhece o direito à livre orientação sexual e iguala os direitos fundamentais entre heterossexuais e LGBTs.

"O Estatuto da Diversidade Sexual é um avanço. Isso nunca havia sido pensado em relação às questões LGBT", reconheceu Marta Suplicy, acrescentando que é inquestionável a importância da matéria.

Além do reconhecimento da união estável entre pessoas do mesmo sexo, o Estatuto estende o direito ao casamento civil, à adoção de filhos, à reprodução assistida por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), à hormonoterapia e cirurgia de adequação do aparelho sexual à identidade de gênero (troca de sexo) também pelo SUS, e à troca do nome em documentos e registros públicos.

O Estatuto prevê também a criação de delegacias especializadas para o atendimento de denúncias por preconceito sexual contra LGBTs, atendimento privado para exames durante o alistamento militar e assegura a visita íntima em presídios para companheiros ou companheiros.

Eunice Pinheiro

Leia a íntegra do Estatuto da Diversidade Sexual

Leia a íntegra da Proposta de Emenda Constitucional apresentada pela OAB

PLC 122/2006

Ouça a entrevista da senadora Marta Suplicy

Leia também

Marta Suplicy apresenta minuta de um novo projeto

De alguns pontos eu não abro mão", diz Marta Suplicy

Fonte: Assessoria de Imprensa da Liderança do PT no Senado

Goleiro do Corinthians conta seu testemunho e que sofre preconceito por ser um jogador de futebol evangélico

Goleiro do Corinthians conta seu testemunho e que sofre preconceito por ser um jogador de futebol evangélicoNo Corinthians, ele conquistou a admiração da maior torcida do Brasil e chamou a atenção da mídia nacional. Júlio Cesar defende o gol do time alvinegro com profissionalismo, talento e evidente amor à camisa. Fora dos gramados, é um dos pregadores das boas-novas de Cristo. Atualmente, o goleiro do Timão é um dos responsáveis pelas reuniões de oração nas concentrações da equipe, nas quais já houve até conversões. Lulinha, que agora defende as cores do Bahia, foi um deles, diz
Júlio: “Muitos jogadores participavam, foi quando o Lulinha, que estava passando por momentos difíceis no time, começou a comparecer às reuniões. Pouco tempo depois, ele se converteu. Fiquei muito feliz”.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Júlio, por sua vez, se converteu em 2005 e foi batizado nas águas em 2007. Desde então, vive o equilíbrio entre o esporte mais famoso do mundo e a religião. “Futebol é alegria e paz, e Deus nos ensina isso”, afirmou, em entrevista exclusiva à revista Exibir Gospel.
Sobre o poder transformador do Evangelho, o goleiro tem muito a dizer. Ele é testemunha de que a fé em Jesus Cristo de fato muda a vida de quem o aceita em seu coração. O atleta conta que, quando ainda namorava Simone, agora sua esposa, passou por alguns momentos complicados no seu relacionamento. Foi quando conheceu Jesus e sua vida passou a ter um novo sentido, mais real e verdadeiro.
No time, todos respeitam a sua fé e até o procuram quando precisam de uma oração. Mas fora do clube, nem sempre é assim. O goleiro conta que a sua opção religiosa nem sempre é bem aceita, especialmente nas redes sociais. “Principalmente no Twitter, sempre tem alguém que se manifesta de forma agressiva, mas eu não dou a mínima importância a isso. Vou sempre falar da Palavra e do amor de Deus”.
Para o futuro, Júlio tem planos bem definidos e o Corinthians está na lista. O atleta deixa claro que só pretende sair do alvinegro paulista no fim da carreira, para jogar, quem sabe, nos Estados Unidos. Mas o grande sonho do goleiro é vestir a camisa canarinha: “Sonho e peço a Deus para que um dia Ele me abençoe em poder defender as cores do meu País”.
Fonte: Exibir Gospel

Ônibus cai em ribanceira na BR-101 no ES e deixa feridos

Acidente aconteceu no trevo de Nova Carapina, na Serra. Segundo PRF, 30 evangélicos estavam no coletivo, 5 ficaram feridos.

Um ônibus de turismo caiu em uma ribanceira na BR-101 Norte, na altura do trevo de Nova Carapina, no município da Serra, na Grande Vitória.

O acidente aconteceu na tarde desta quarta-feira (7), no sentido Serra-capital. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), cinco pessoas tiveram ferimentos leves, foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) e encaminhadas para o hospital Dório Silva, na Serra.

De acordo a PRF, havia mais de 30 pessoas dentro do ônibus no momento do acidente. Todas eram fiéis de uma igreja evangélica que seguiam para um evento no Centro de Vitória. Segundo a polícia, na altura de Nova Carapina, o motorista jogou o veículo para o lado para não bater em um carro que estava parado no semáforo.

O ônibus atravessou toda a pista e atingiu a traseira de um caminhão. Depois da batida, o veículo ainda atravessou a pista lateral da BR-101 até despencar na ribanceira, por cerca de 80 metros.

Fonte: G1

Sacerdote quebra perna de menino por ter esquecido trecho do Corão



Um professor de oração — e também sacerdote — bateu tanto em um menino de 7 anos por ele ter esquecido um trecho do Corão, que lhe quebrou a perna esquerda.
Aconteceu na sexta-feira (2), em uma mesquita de Vehari, na província de Punjob, Paquistão. O menino é uma das crianças que vinham tendo lições sobre o Islã com o sacerdote.
O Paquistão tem a maior população de muçulmanos do mundo – cerca de 96% de seus 178 milhões de habitantes.
De acordo com testemunhas, o professor ficou enfurecido com o garoto por ele não se lembrar de um versículo de um capítulo do Corão.
Ele tirou o menino da mesquita e o dependurou em uma árvore, de cabeça para baixo, para que se lembrasse do versículo.
A cada afirmação errada que fazia, o menino recebia pancada, até que desmaiou e teve de ser levado a um hospital. Lá, além das escoriações, os médicos constataram que a perna do garoto estava esmagada.
O pai do menino reclamou com a polícia, que prometeu apurar o que houve. Não deve dar em nada.
Fonte: Paulo Lopes
VIA GRITOS DE ALERTA

RADICALISMO ISLÂMICO - A FESTA DO DIABO .

O Jihad, ou guerra santa: é a batalha por meio da qual se atinge um dos objetivos do islamismo, que é reformar o mundo. Qualquer muçulmano que morra numa guerra defendendo os direitos do islamismo ou de Alá, já tem sua vida eterna garantida. Por esta razão, todos que tomam parte dessa “guerra santa”, não têm medo de morrer ou de passar por nenhum risco. Diz o livro santo dos Islâmicos “Alcorão”:

“... Matai os idólatras onde quer que os encontreis e capturai-os e cercai-os e usai de emboscada contra eles... Quando, no campo de batalha, enfrentardes os que descrêem, golpeai-os no pescoço. Combatei os que não crêem no último dia e não proíbem o que Deus e Seu Mensageiro (Maomé) proibiram... Até que paguem, humilhados, o tributo (Jyza, uma taxa especial para os que não eram muçulmanos)... E combatei-os até que não haja mais idolatria e que a religião pertença exclusivamente a Deus (Ala)...
Surata 9:5; 47:4; 9:29; 8:39” (parênteses nosso).
Detalhe, entre os idólatras, estão os cristãos que acreditam na Trindade(Surata 4:171; 5:72-73) que, para os Islâmicos, é idolatria por serem três deuses. A questão não é se há islâmicos radicais e Islâmicos não radicais, ser islâmico já é radical, pois no dorso doutrinário do Islã está o problema. Quando alguém aceita o Alcorão e Maomé como mensageiro de Deus essa pessoa já é um perigo radical.

O ocorrido nos EUA nos montra um pouco da ameaça que essa religião pode vir a ser a todo o mundo. Mesmo eu ao escrever estas linhas tremo interiormente, pois sei o quanto o islamismo é perigoso e suicida. Imaginem se no dia de amanhã há uma dissidência entre o nosso governo e algum país islâmico! O perigo que seria para nossa nação! Sem contar o número imenso de missionários que já foram mortos em países islâmicos e o quanto o Islã é contrário à fé cristã.

É claro que não devemos odiar ou ter mágoas desses Islâmicos, pois são almas que necessitam do único profeta que pode salvar as suas vidas – Jesus. Acredito que devemos responder as ofensas islâmicas com o grande amor de Cristo. Entretanto, é lógico, que isso não nos exclui de uma responsabilidade em níveis governamentais, pois todos os países do mundo que têm islâmicos devem tomar cuidados extremos, pois nós nunca podemos confiar nessa espécie de religiosos.

Em minha cosmovisão, o Islamismo é um achaque para a humanidade, sendo que pode arrasar os seus seguidores e, na questão terrorista, matar milhares de inocentes. A tentativa midiática de passar uma imagem pacífica e de boas obras a respeito do islã, não passa de uma argumentação falaciosa e demagoga, fugindo das verdadeiras raízes islâmicas, que são guerreiras.

Que os islâmicos possam seguir os ensinos de Jesus Cristo, pois Ele sim pregou a verdadeira paz: “Eu, porém, vos digo que não resistais ao homem mau; mas a qualquer que te bater na face direita, oferece-lhe também a outra” (Mateus 5.39).

VIA GRITOS DE ALERTA

Malafaia é destaque na Revista Piauí de setembro

A Revista Piauí de setembro traz um perfil com o pastor Silas Malafaia escrito pela jornalista Daniela Pinheiro. Com o título de “Vitória em Cristo – Com uma leitura singular da Bíblia, o pastor Silas Malafaia ataca feministas, homossexuais e esquerdistas enquanto prega que é dando muito que se recebe ainda mais”, a jornalista conta o que viu durante dias analisando e entrevista os passos do líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo.
Entre os pontos destacados pela reportagem estavam os discursos sobre a arrecadação de ofertas durante um culto, a forma como ele fala de usos e costumes e, claro, os ferrenhos disparos contra o homossexualismo.
A jornalista reproduz um trecho das palavras do pastor sobre o sustento de seus ministérios. “Eu gasto milhões, milhões e milhões por mês com horário na televisão, congressos, cruzadas evangélicas, treinamento de pastores, abrindo novas igrejas. Como se paga isso? Não é um anjo do céu que desce com um cheque em branco para mim”.
A repórter traça um perfil de Malafaia dizendo que ele é “onomatopeico, careteiro e versátil no uso da voz – com a qual percorre uma escala extensa, do falsete quando imita alguém que faz uma pergunta tola, ao grave profundo que enfatiza uma frase mais solene”.
O conservadorismo dos discursos do líder da Advec também recebe destaque. Em especial para uma pregação onde ele exorta as irmãs que usam roupas decotadas e apertadas. ”Aí vem a irmã dentro da igreja com a roupa arrochada, os dois melões de fora e o cara do lado só olhando, só no somebody love. (…) Se você está indecorosa, você peca e faz outro pecar! E se você deixa sua mulher sair assim, você é um mané, um otário! Bota o silicone que você quiser, minha irmã! Mas se você quiser ser o instrumento do pecado, a glória de Deus vai embora e você vai pagar a conta com Jeová!”.
Sobre o homossexualismo a matéria comenta que a esposa de Silas, Elizete Malafaia, que também é psicóloga fala que acompanhou inúmeros casos de homossexuais que se tornaram gays depois de ser abusados. “A homossexualidade é uma desorganização emocional e espiritual. Se a pessoa não perdoou o abuso, ela canaliza aquela raiva para a vingança e, inconscientemente, se torna um abusador também”.
Já as palavras de Malafaia foram contra os projetos anti-homofobia. “Cada um faz sexo com quem quiser. O que tenho é o direito de falar que isso é pecado, que é condenado por Deus e que a Bíblia diz que é uma perversão. Agora, o que esse pessoal quer não é o direito de fazer sexo – porque isso já fazem e não vão parar de fazer. Eles querem é colocar uma mordaça na nossa boca para nos proibir de falar qualquer coisa sobre eles”.
A íntegra desse texto está na edição nº 60 que está nas bancas, na internet apenas assinantes podem acessar o conteúdo on line da revista.

VIA GRITOS DE ALERTA

FIM DOS TEMPOS - "CAIXAS DE SEXO" PARA O JARDIM DE INFÂNCIA

BASILEIA, Suíça, 25 de agosto de 2011 (Notícias Pró-Família) — Crianças do jardim da infância na cidade de Basileia, Suíça, receberão modelos de fábrica dos órgãos sexuais humanos numa “caixa de sexo” para lhes ensinar que “entrar em contato com partes do corpo pode dar prazer”.
O kit dos professores que darão as lições de educação sexual para crianças da escola primária usa modelos e recomenda que as crianças façam massagens umas nas outras ou se esfreguem com sacos de areia quentes, com o acompanhamento de música suave, de acordo com o jornal The Local, um jornal em inglês.
“As crianças precisam ser incentivadas a desenvolver e experimentar sua sexualidade de um modo prazeroso”, Daniel Schneider, vice-diretor do jardim da infância em Basileia que ajudou a desenvolver o currículo de educação sexual junto com especialistas, havia dito no começo deste ano.
Ele acrescentou: “É importante que elas aprendam a dizer ‘não’ se não querem ser tocadas em certa área”.
Conforme foi noticiado, as autoridades educacionais que estão recebendo uma enxurrada de mais de três mil queixas vindas de pais indignados concordaram em mudar o nome do programa, mas não farão nada para impedir os materiais de serem distribuídos nas escolas, de acordo com o The Local.
Christoph Eymann, secretário da educação de Basileia e membro do Partido Democrático Liberal (PDL), disse para o jornal SonntagsBlick, “Sem dúvida alguma foi burrice chamar aquilo de ‘caixa do sexo’ — mudaremos seu nome. Mas continuaremos firmes em nossa meta: comunicar claramente para as crianças que a sexualidade é algo natural. Sem forçar nada nelas ou tirar nada de seus pais”.
Eymann disse que entendia que um termo do programa, “dá para se gozar de coração os toques”, poderia ser mal interpretado, mas acrescentou: “Não é sobre ‘toque-me, sinta-me’. Queremos dizer às crianças que há contato que elas podem achar prazeroso, mas alguns contatos para os quais elas deveriam dizer ‘não’. As crianças podem infelizmente se tornar vítimas de violência sexual já na idade da pré-escola”.
As crianças deveriam, idealmente, aprender sobre sexo em casa, disse Eymann, mas já que as crianças vivem numa “sociedade com excesso de sexo” em que crianças novas conseguem acessar a pornografia por meio da internet, as autoridades educacionais precisam responder às realidades de nossa época.
“Algumas crianças de escola primária”, disse ele, “conhecem os horários da programação da TV até às 2h da madrugada. Gostaríamos de oferecer a essas crianças um apoio firme, que muitas vezes não está disponível na família. A caixa é só um auxílio. Tenho a confiança de que os professores introduzirão o material com cuidado”.
Eymann vem se opondo a pedidos dos pais para isentar seus filhos das lições, dizendo que o governo precisa usar as escolas para ter acesso irrestrito às crianças.
“As escolas primárias podem ser a única audiência grande que nossa sociedade tem”, disse ele. “Os valores comuns que a escola ensina são muito importantes. Eu com absoluta certeza gostaria de manter essa programa. A lição explicativa pode ser mostrada de um jeito que não ofenda”.
Líderes pró-família na Europa têm expressado que estão horrorizados com a ideia de demonstrar o programa para crianças de cinco anos de idade.
Daniel Trappitsch, da associação Cidadãos pelos Cidadãos, chamou a ideia de um “evento catastrófico”. “Certamente, isso é educação sexual, mas não deveria ser feito nesta idade e certamente não deveria ser obrigatório”, disse ele. Sua organização disse que lutaria contra os planos do governo.

Denúncia: Exército estaria ajudando muçulmanos a matarem cristãos


Ao menos 24 cristãos foram mortos na Nigéria por extremistas muçulmanos com a ajuda de pessoas ligadas ao exército. Os crimes aconteceram em agosto no estado Plateau, centro do país, segundo informações da área.
Os ataques perpetrados em 11 de agosto na aldeia de Ratsa Foron e em 15 de agosto deixaram 6 pessoas mortas. Extremistas muçulmanos mataram nove membros de uma família cristã, juntamente com outro cristão, afirmam fontes.
“Eles estavam com uniformes do exército. Eu mesmo conheço alguns deles, pois vieram junto com os muçulmanos para nos atacar”, disse Nnji John, que perdeu sua família no ataque. “Eu posso jurar pelo Deus Todo-Poderoso que o ataque foi realizado com o apoio de soldados, pois eu os vi.”
No dia 14 de agosto outros dois cristão foram mortos por extremistas muçulmanos, dessa vez na comunidade de Chwelnuyap, em Jos. Além dos mortos uma mulher foi ferida, de acordo com moradores. Relatos confirmam os ataques e testemunhas garantem que a Força Tarefa do Exército, que deveria protegê-los, não fez nada.
Jonah Jang, governador da região, exigiu a retirada imediata do exército nigeriano da área, porque, segundo ele, os muçulmanos e o exército exerceram posições de violência contra os cristãos.
“Estou certo de que as forças armadas estão sendo poluídas com esta crise religiosa no país”, disse Jang. “Antes os soldados costumavam ficar mais no quartel, mas hoje as forças armadas começaram a tomar partido nesta crise religiosa. Se não lhes chamarem a atenção, a ordem do país estará em perigo.”
Com informações Portas Abertas

Aos 92 anos, Billy Graham deixa de pregar para multidões e começa a divulgar a Palavra através da internet

Aos 92 anos, Billy Graham deixa de pregar para multidões e começa a divulgar a Palavra através da internetBilly Graham não pode estar pregando em estádios por causa da sua idade avançada, mas começou um novo trabalho.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Ele tomou a iniciativa de evangelizar através da internet e poder assim alcançar pessoas on-line com o evangelho.
A Associação Evangelística Billy Graham lançou o programa em versão beta no final de abril, e milhares já viu uma apresentação do evangelho online que incentiva as pessoas fazer um compromisso com Jesus Cristo.
“Todos os dias, as pessoas estão procurando por respostas on-line”, diz Preston Parrish, vice-presidente executivo do ministério para a BGEA. “Em seu momento de necessidade, estamos apresentando a única esperança que temos neste mundo a esperança encontrada através de um relacionamento com Jesus Cristo.”
Veja como funciona: Quando as pessoas entram frases como “O que acontece quando eu morrer?” ou “Por que estou aqui?” nos motores de busca populares, o projeto de evangelismo de Internet BGEA vai dirigir o pesquisador para páginas web relevantes que tratem das questões do pedido e oferece a esperança do evangelho como a solução definitiva e verdadeira de acordo com a necessidade. O pesquisador pode fazer um compromisso com Jesus Cristo, então será capaz de conversar com um “conselheiro” para aprender mais. Conheça como funciona o projeto de evangelização pela Internet, visite SearchForJesus.net. No site, os visitantes poderão ver como o programa funciona, bem como em tempo real compromissos sendo feitas ao redor do mundo.
Nos próximos meses, voluntários treinados “discípuladores” estarão disponível para bate-papo online com os buscadores espirituais em um esforço para levar ainda mais pessoas a ter um relacionamento com Cristo. Além do mais, “discípuladores” vão realizar um acompanhamento de treinamento para aqueles que assumiram um compromisso e incentivá-los a encontrar uma igreja em sua área.
O programa é uma extensão do compromisso BGEA para proclamar o evangelho por todos os meios eficazes disponíveis e incentivar os outros a fazerem o mesmo. Billy Graham foi pioneira no uso de imagens de televisão, rádio e movimento para difundir o Evangelho em todo o mundo. Hoje, BGEA continua, no espírito de inovação através do uso da Internet e mídia social.
“A geração de hoje vive na Internet”, diz Parrish. “Assim como nossa estratégia histórica de ir aonde o povo está-em estádios, arenas cívica e coleta de áreas públicas, estamos fazendo o mesmo chegando no ciberespaço com a Boa Nova do amor de Deus e Sua oferta de perdão e vida eterna por meio de fé em Cristo.
Fonte: O Diário

Pastor faz série de pregações sobre sexo e afirma: “Vamos ser honestos, a imoralidade sexual está na igreja”

Pastor faz série de pregações sobre sexo e afirma: “Vamos ser honestos, a imoralidade sexual está na igreja”
Um pastor de uma megaigreja na Carolina do Sul escolheu pressionar sobre a dificuldade e falar sobre o um número crescente de igrejas abordando do púlpito – o sexo.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
O Pastor Perry Noble da Igreja NewSpring deixou claro para sua congregação que quando se trata de sexo, a igreja tem muito a aprender.
“Vamos ser honestos. A Imoralidade sexual está aqui em casa”, ele disse à sua congregação, acrescentando que ele viu a imoralidade sexual em cada uma das três igrejas que ele tem servido.
“Não podemos ficar bravos com as pessoas que não são cristãs, porque elas agem confrome elas não são Cristãos. Mas o que podemos fazer é falar sobre a bagunça que temos em nossa própria casa e tentar limpá-la. ”
Perry começou uma sério de duas semanas sobre “Sexo na Igreja” na semana passada e concluirá no domingo 4 de setembro.
Ainda que seja um assunto desconfortável, ele deixou claro que a igreja não deve se calar sobre o sexo especialmente considerando que a Bíblia “fala muito sobre o assunto do sexo”.
“O mundo não está em silêncio sobre o assunto do sexo. Eles estão falando sobre isso”. Começando com os homens, Perry pediu aqueles que têm uma lista de músicas que degradam as mulheres para excluí-las imediatamente.
“Se temos uma canção em nossa lista do IPod que se refere a uma mulher como uma vadia ou uma prostituta, não a ouça. Na verdade, excluí-as hoje, porque um homem de Deus nunca se refere a uma mulher como uma vadia ou uma prostituta “, o pastor disse sem hesitar.
“Eu sei o que eu disse, não me mande um e-mail,” Noble acrescentou.
“Se vamos estimar as mulheres, não podemos ouvir ou ver coisas em uma base consistente que constantemente as entristecem”.
Abordando especificamente o sexo, Noble leu várias passagens de Cantares de Salomão do Antigo Testamento da Bíblia, onde um marido e mulher detalaham como estão desfrutando do sexo.
“Estou lendo a Bíblia aqui,” Noble esclareceu conforme lia as passagens.
“Deus”, disse ele, “quer que cada um de nós tenha uma vida sexual inacreditável e sem culpa. Mas a satisfação sexual só virá a nós à medida que procuramos a direção de Deus”.
Noble está dedicando duas semanas para falar sobre sexo porque existem alguns na igreja que não vão entregar suas vidas a Cristo, acreditando que eles não serão perdoados por seus pecados do passado sexual, ele explicou. Ele também está abordando o assunto, porque alguns não estão dispostos a desistir de suas atuais atividades sexuais, quando na verdade Jesus iria substituí-la por algo melhor.
No domingo, os planos Noble vão mais longe em matéria do pacto de casamento . Fornecendo uma pré-visualização, o pastor disse que não há alternativa para o que Deus estabeleceu – que é o casamento entre um homem e uma mulher.
“Estou falando sobre o casamento homossexual”, ele disse claramente.
“Governo e cultura não podem redefinir o que Deus definiu claramente”.
Reconhecendo que os homossexuais frequentam a NewSpring, Noble disse que eles são bem-vindos lá e ninguém está mais animado com a sua presença do que ele. Ele ainda pediu desculpas a eles pela “forma como a igreja tem tratado você.”
“Somente na cultura da igreja, especialmente no Sul, um homem viciado em pornografia pode com superioridade para alguém que tem problemas com a homossexualidade “, lamentou.
“Isto acabou nesta igreja. Acabou. Eu simplesmente não vou endossar isto”.
Mas ele também enfatizou, “Eu te amo o suficiente para dizer a verdade. O que você está fazendo agora não é o melhor de Deus para sua vida. … Nas Escrituras, é chamado de pecado.
“Jesus Cristo é poderoso o suficiente para retirá-lo de que o pecado e o que eu estou articulando agora não é discurso de ódio, porque eu diria ao adúltero e ao pornógrafo a mesma coisa que eu diria a você. Este é um pecado sexual que precisa se arrepender”.
A igreja Newspring tem atualmente cinco campi e também difunde seus cultos ao vivo na Internet.

MARA MARAVILHA ASSINA CONTRATO COM A GRAVADORA DA QUADRANGULAR .( Square Records)

A Square Records é a gravadora da Igreja do Evangelho Quadrangular e no dia primeiro de setembro Mara Maravilha se tornou a mais nova contratada. No Conselho Nacional de Diretores, em São Paulo, foi organizado um coquetel para assinar o contrato e celebrar a nova fase que a gravadora vive.
O Rev. Celso Nascimento, Secretário Geral de Comunicação, é o responsável pela gravadora Square Records, e falou durante o evento sobre a vontade da IEQ possuir uma gravadora. A ideia começou a tomar corpo no final do ano passado, quando o Reverendo se encontrou com Carlinhos, da Banda GerD. A intenção da Square Records, que tem uma parceria com o Carlinhos, é buscar grandes talentos do cenário gospel para compor o novo quadro de músicos.
O Rev. Celso expressou sua alegria em contar com a cantora na gravadora. “A primeira grande contratação é a Mara Maravilha e ela vai fazer a obra de Deus acontecer”. Mara se emocionou com as palavras do Reverendo e agradeceu a Deus pelo momento que está vivendo.
Mara Maravilha teve a vida transformada no ano de 1996, neste ano ela se converteu e passou a trabalhar na obra de Deus. No ano de 1998 gravou seu primeiro CD Gospel e não parou mais.
Assim que assinou o contrato, ela cantou a música “Deus de Maravilhas” com os funcionários do Conselho Nacional de Diretores. Com muita simpatia e bom humor a cantora se misturou em meio as pessoas que prestigiaram o coquetel.
Mara Maravilha encerrou o evento com uma oração. Ela agradeceu a Deus pelo o dia e pediu para que este trabalho seja marcado pela vontade de Deus.

Fonte: Gospel Prime
VIA GRITOS DE ALERTA

Neemias e a Restauração da igreja

Neemias e a Restauração da igreja Como nos tempos de Neemias, é hora de restauração. Vivemos os últimos dias, nos quais toda a carga profética do fim tem sido cumprida. São dias difíceis, trabalhosos e confusos. Tempos de engano e de falsa fé, de doutrinas estranhas e de blasfêmias. São tempos trabalhosos para a igreja, pois em meio a tudo isso o Senhor tem cumprido a sua promessa de restaurar, derramar a chuva serôdia, de limpar o limpo e de levantar um povo zeloso.

As verdades de Deus têm sido restauradas e homens e mulheres têm se levantado para vivê-las, custe o que custar. Todavia, é um tempo de confusão, de engano e de destruição. Muito se perdeu ao longo do tempo, os absolutos de Deus foram colocados de lado, pela prevalência da vontade da maioria, da experiência dos homens, das suas conveniências. Muitas vezes, a Palavra de Deus é tratada como uma massa de silicone, isto é, que se amolda numa fôrma. Os homens que assim agem (e infelizmente talvez seja a maioria nos dias de hoje), colocam os princípios do Senhor na sua fôrma, moldam conforme as suas conveniências.

É uma geração maleável, sem firmeza no Senhor, que vive conforme as contingências e negociam, muitas vezes sorrateiramente, os princípios de Deus. Poucos há que possam afirmar como Paulo: o evangelho que recebi não foi da parte de homem, mas de Deus. Entendemos hoje por que o senhor questionou se na sua volta acharia fé na terra. Fé não é confiança, como muitos pensam, fé é firmeza, é firme fundamento: fé é estar firmado em Cristo.

Restaurar a igreja é tarefa de Deus. Mas Ele conta com a própria igreja para isso. Conta com homens comprometidos e firmes, que estejam dispostos a se gastar nessa tarefa e que O amem o suficiente para isto. Muitas vezes podemos nos desanimar ao contemplar a realidade da igreja hoje, mas não é isto que Deus espera de nós. Deus aperfeiçoará a Sua igreja, pois esta é a sua vontade e será cumprida. Cristo em nós é o que Deus espera. Cristo revelado a cada um, não teorizado, mas revelado de fato.

A igreja é o corpo de Cristo, logo, é o Seu complemento. Cristo e a igreja são um. A igreja está unida a Cristo como o corpo à cabeça e como a esposa ao marido. Tudo aquilo que não provém de Cristo não é a igreja. Cristo é o princípio e o fim. Não há igreja sem Cristo. Mas isto é experiência individual e não mero conhecimento teológico.

Jerusalém estava desolada, seu muros rachados, seus portões destruídos. Precisava ser restaurada. Deus moveu o coração de homens e mulheres, de servos e soberanos para esta obra. Deus tem igualmente movido o coração de homens e mulheres nos dias de hoje para cumprir o seu intento de restaurar a sua igreja.

1. Neemias não se conformou com a situação de Jerusalém (cap. 1). Ao ser informado do estado em que se encontrava a Grande Cidade, Neemias se pertubou e não se conformou. Sabia que algo precisava ser feito. Deus sempre tem levantado homens comprometidos com a restauração da Verdade.

2. Neemias se levantou a orar e a chorar diante do Senhor (cap. 1). A atitude de Neemias não foi de crítica, pois ele bem sabia porque Jerusalém tinha ficado desolada, nem de apatia. Ele pranteou diante do Senhor e clamou por restauração. A atitude diante da situação da igreja hoje precisa ser digna de um verdadeiro profeta. Enxergar apenas não basta. É preciso choro, pranto e desejo de restauração.

3. Humilhou-se, chamou para si a responsabilidade (cap. 1). Toda obra que Deus quer fazer através de nós deve começar em nós.

4. Teve ousadia e disposição em fazer a sua parte (cap. 2:1-10). Deus quer contar com homens que estejam dispostos a se gastar pela igreja. Neemias foi ao rei e se dispôs a realizar o trabalho de reconstrução de Jerusalém. Ele não sabia sequer se contaria com ajuda de alguém. Mas estava disposto e firme no seu propósito. Saiu de uma posição de conforto, posto que era mordomo do rei. Aqueles que enxergam e que até têm o desejo de ver a igreja restaurada necessitam também ter a disposição em fazer a sua parte. Viver a revelação e os princípios do Senhor, independentemente de quem esteja vivendo.

5. Ao chegar em Jerusalém, Neemias primeiro tomou noção do que precisava ser feito, do que havia sido destruído ou danificado (cap. 2). Há muito a ser restaurado hoje, mas deve haver a noção do que é o alvo desta restauração. O que foi perdido e o que foi esquecido, o que ficou no vazio, o que precisa ser revisto. Tudo estava destruído, mas Neemias viu primeiro que os muros e a porta estava destruídas. E note-se que a restauração começou justamente por aí. Ao longo dos anos muitos se levantaram na tentativa de cooperar com a restauração da igreja, mas dando ênfase na obra do Espírito Santo, ou na fé, ou na vida em família, na comunhão... A restauração começa na porta de entrada: Cristo.

A igreja tem que partir deste ponto, não adianta enfatizar outros. Neemias sabia que não adiantaria restaurar as casas, os prédios, e tudo que estava depois da porta e que tinha sido destruído se primeiro não fossem restaurados os muros e a porta. Assim também não adianta restaurar ou relembrar a igreja a obra do espírito, a vida em família ou qualquer outra coisa se Cristo não for restaurado na igreja em toda a sua posição de senhorio e glória. Se a ênfase não estiver em Cristo, nada subsistirá na igreja. Se Cristo não for a vida, a experiênca, a doutrina, a fé, o tudo de cada cristão, todo o resto será comprometido. Mas se Cristo estiver restaurado na igreja, se cada um tiver conhecimento e compromisso com Ele, a restauração será completada.

6. Na restauração, Neemias:

6.1. Desprezou as críticas e pressões dos que não eram judeus (2:19-20). A primeira resistência na restauração da verdade é enfrentar as pressões do mundo. A vida normal da igreja, tal como estabelecida por Deus é totalmente contrária aos padrões mundanos e aos seus valores. Pena que a tendência dos cristãos de hoje é mesclar o mundo na igreja, cedem às pressões por mínimas que sejam. O mundo não tem parte nem herança na obra de restauração da igreja, não nos interessam os seus valores e pressões.

6.2. começou a restauração pela porta das ovelhas (3:1). De tudo o que havia para ser restaurado, a prioridade foi a porta das ovelhas. De tudo o que precisa ser restaurado na igreja hoje, a prioridade é Cristo. Ele é a porta das ovelhas. Não há doutrina, obra do Espírito, vida de comunhão, fé, ou qualquer outra coisa no meio da igreja sem Cristo. Por isso tanta superficialidade na experiência de muitos dos cristãos de hoje, pois falta Cristo. E qualquer um que deseje ver e cooperar com a restauração da igreja deve começa por Cristo. Se Jesus fosse o nosso alvo inicial como igreja, talvez não teríamos uma geração de cristãos tão almática, carnal e inconstante (se é que isso é cristianismo). Havia muito a ser restaurado, mas a porta das ovelhas era prioridade. Embora muito necessite ser restaurado nos dias de hoje, Cristo é a prioridade. Ele não só é o princípio, mas o fim.

Ao longo dos anos, vemos homens se levantando e diagnosticando que a restauração da igreja passa pela restauração dos dons, da obra do Espírito Santo, da vida de corpo. Amém, é tudo isso mesmo, mas primeiro, deve Cristo ser restaurado com toda a sua vida, poder, presença e governo. Essa geração de hoje precisa ouvir falar de Jesus, mas não só isso, precisa ver o povo que se chama pelo Seu nome, que diz que o segue refletir a sua presença como resultado de uma vivência diária, prática e não retórica.

6.3. após, continuou a edificar todas as portas e a fechar todas as fendas (cap. 3). Uma vez Cristo sendo restaurado e pregado com ousadia, é necessário que sejam fechadas as brechas por onde penetram tantos inimigos e que enfraquecem a estrutura dos muros. A revelação de Cristo na vida do cristão deve ser acompanhada de uma reestruturação de mente e alma. Devem ser retiradas as falsas noções, as experiências que não provêm do Espírito. Enfim, não se trata de uma experiência emocional. Todos os focos de lacunas no conhecimento de Cristo devem ser preenchidos com a sã doutrina. Falta nesta geração de hoje o conhecer as escrituras que testificam de Jesus. Não apenas o conhecer teórico, mas a revelação proveniente do Espírito e, por outro lado, a submissão à autoridade da Palavra.

Vivemos numa geração de Cristãos que escolhem a quem devem ouvir, e isso Paulo já chamava de carnalidade, desde a experiência dos Corintos. Ouvem a Palavra, caso seja proferida por fulano, ou beltrano, que, em regra, são líderes ou presbíteros. Mas, se a mesma Palavra vem de sicrano, o qual não conseguiu ainda penetrar na restrita lista aqui falada, a Palavra é desprezada. Quase não se vê aquele temor reverencial à Palavra, que só pelo fato de ser a Palavra, não importa quem a profira, faz emudecer o coração contrito a Cristo, que sabe que Ele é a Palavra.

6.4. não se acovardou, mas armou-se (cap. 3). As ofensivas, pressões e ameaças do inimigo foram ficando mais pesadas. Neemias não desistiu, nem parou o trabalho. Antes, se armou. Quantos cristãos voltam atrás em tuas posturas diante do Senhor por causa das pressões. Param, tornam-se infrutíferos, distraídos, vão cuidar dos seus próprios interesses. Quantos homens começam a obra de edificação da igreja e após param para lutar contra o inimigo, desviam o tempo para se ocuparem com os cuidados da vida, que muitas vezes são demasiadamente agravados por satanás para nos distrair. Deus quer homens que edifiquem armados. As armas são espirituais e o Senhor as dispõe a quem se dispõe a servi-lo.

6.5. os edificadores trabalhavam lado a lado (cap. 3). A vida de comunhão da igreja vai sendo desenvolvida a medida que Cristo vai sendo restaurado. É um erro grave achar que estar junto, reunidos aqui e acolá, até mesmo todos os dias, de casa em casa, no partir do pão, vá gerar Cristo. Vai, sim, mas para aqueles em que Ele já foi implantado, isto é aqueles que apenas estão prosseguindo em conhecê-lo, mas já o conhecem. Os cristãos desse século se afeiçoam muito pela revelação de corpo, de estar junto, freqüentar a casa e a intimidade do outro, mas na prática da maioria, a vida de ‘comunhão’ não passa disso.

E as reuniões e os encontros de que tomam parte, muitas vezes servirão para encobrir a triste realidade de que não estão unidos a Cristo, portanto, não podem estar unidos a seu corpo. Re-unir significa unir novamente. Uma reunião de pessoas que não foram anteriormente unidas não tem sentido, pelo menos para Deus. Cristo é que vai nos unir e a nossa união nEle vai gerar uma verdadeira re-união, todas as vezes que nos encontrarmos, seja no passeio da rua, no ônibus, nas casas, em qualquer lugar haverá salmo, hino, palavra, profecia. Como seria se existisse um equipamento que fizesse um raio-x do coração (alma) daqueles que estão reunidos em nome do Senhor! Quanta reserva pessoal, quanta insinceridade, quanta hipocrisia, quanta rejeição seriam diagnosticados!

A Igreja deve se mover no dia-a-dia, no partir do pão, nas orações, mas tudo isso com o início e fim em Cristo, caso contrário haverá muito problema a solucionar. A vida em família, como Deus quer, diga-se, é um milagre e só pode ser promovida pelo ‘Cristo em vós’ que gera amor, perdão, sinceridade, misericórdia, respeito, serviço, humildade, mansidão.....

7. Ainda, neemias enfrentou:

7.1. Os inimigos de fora - Todavia, não os temeu, mas se armou contra eles. Também não cessou a obra de edificação enquanto os resistia e sempre os edificadores tinham a espada embainhada e a água consigo, enquanto trabalhavam (cap. 4:23). A espada do Espírito é a Palavra de Deus e a água é o próprio Espírito. A igreja precisa da Palavra, mas precisa do Espírito, que revela a Palavra.

Muitos tem se apegado excessivamente à literatura Cristã, apostilas, textos impressos, o que muitas vezes os torna cegos e deixam de lado a Palavra. Por mais que seja idônea esta ou aquela obra literária cristã, não substitui a Palavra, visto que a Palavra não tem limite, nem material, nem temporal, mas a literatura sim. Bom lembrar que muitas vezes essa ou aquela direção ou Palavra de Deus é para um momento ou situação. Mas aí vem os homens cristãos dessa época, que adoram um ritual, por mais disfarçado que seja, e transforma em regra. O aproveitamento das estruturas podres tem gerado um edifício tendente a ruir, pois muitas de suas partes estão apoiadas em escombros. Deus quer terra limpa para cavar profunda vala.

A igreja rompeu as barreiras quando rompeu com o catolicismo. Pena que o movimento protestante conservou a estrutura humana, isto é, o lugar de adoração, o sistema clérigo, a estrutura formal, só que com outros nomes e ênfases. Hoje, corremos o mesmo risco: aprisionar a obra do Espírito segundo a nossa estrutura. Quando o homem tem uma experiência diária com Cristo, isso vai gerar nele uma direção do Espírito, um amor, uma sinceridade, uma humildade, uma mansidão, um desejo e necessidade de estar em comunhão com os demais membros do corpo, uma obrigação de pregar o Evangelho, de se doar por Cristo e isso ele vai fazer naturalmente e espontaneamente. Cancelem-se as reuniões, programas e etc.. e quantos terão esse mover (??).

7.2. as questões internas (cap. 5). Neemias tratou o pecado, não se preocupando com a posição dos transgressores. Eram magistrados e nobres, mas não estavam agindo conforme o exigido para a sua posição. A crise de liderança é um mal dos dias de hoje. Muitos lideram sem condição para isso, e algumas vezes, não se trata de maturidade apenas, mas de idoneidade. É aquela estória: para sustentar a estrutura é melhor deixar qualquer um à frente do que não ter ninguém. Ora, lembremo-nos que é o Senhor da Seara que envia os obreiros. Nosso dever é orar, mas enquanto eles não chegam é melhor não se impor precipitadamente as mãos sobre ninguém. Lembremo-nos, ainda, que os critérios de Deus são terrivelmente profundos para os que estão na linha de frente, mas constantemente o cristianismo de hoje tolera os descredenciados para a obra, que muitas vezes podem ter boa vontade, amor, sinceridade, e acabam se prejudicando por serem colocados diante de uma responsabilidade que não têm condição, pelo menos por enquanto, de assumir.

8. Quando o muro e as brechas foram restaurados, o inimigo tentou fazer aliança (cap. 6). Neemias não cedeu, não quis acordo, não se aliou a eles. Satanás age dessa forma. Tenta desanimar destruir de fora, mas depois quer penetrar para contaminar. É o joio no meio do trigo. O joio é tão parecido que se confunde com o trigo, salvo quando este último cresce. Pena que o joio exerce muita influência e contamina com os seus valores. Quanto joio no meio da igreja! Esse joio não é representado apenas por pessoas, mas pelos valores e padrões que elas introduzem no meio da igreja. É fácil perceber o que é joio, pois ele é vulnerável, mundano, superficial. Quanto padrão mundano nos cristãos desse século, quanta linguagem profana, torpe. O uso da liberdade em Cristo é interpretado pelo joio como credencial para andar, deter-se e se assentar com o pecado.

Não nos esqueçamos que as liberdades de que trata Paulo na carta aos Gálatas e aos Colossenses se referem às práticas judaicas. Não é possível que alguém imagine Paulo, Pedro e o próprio Jesus andando por essa terra falando palavras de duplo significado, ouvindo músicas profanas, deliciando-se com a programação da tv, com as novelas. Isso é joio. Mas é joio também a inserção de certos valores como a desonestidade disfarçada de ‘desequilíbrio financeiro’, a terceirização da criação dos filhos (muito normal nos dias de hoje, sendo anormal o contrário), a ambição, o desejo de Ter. O destino do joio é o fogo, mas para lá vai qualquer um que se assemelhe a ele.

9. Enfrentou o falso profeta (cap. 6). Mas teve discernimento. Tinha firmeza na Palavra, sabia que esta era autoridade e que se entrasse no templo seria morto. Mais uma vez, a autoridade da Palavra, o conhecimento da mesma e o discernimento. Aquele que os tem, saberá resistir como Neemias, saberá reconhecer o que é direção de Deus ou não. Mas isso só se alcança através de Cristo, não se ensina em qualquer escola ou se aprende em qualquer reunião ou encontro. É só com Cristo mesmo.

10. Uma vez acabados os muros e vendo os inimigos que não prosperarm em seus intentos, temeram a Deus (6:16). A igreja vivendo como igreja tem um reino aqui na terra, pois foi chamada para reinar. As portas do inferno não prevalecem contra ela. Mas, o contrário, é um povo que anda em círculos, não estabelece seu reino. Quantos cristãos têm o respeito dos de fora, dos colegas de trabalho, vizinhos, familiares? Quantos podem pregar a Cristo de boca fechada, apenas refletindo a sua pessoa, a sua vida? Quantos são referência para que os de sua casa sirvam a Cristo com zelo e sinceridade? O mundo não respeita os hipócritas e aqueles que usufruem de seus bens e valores. Gosta deles, é claro, mas não os respeita.

A conclusão de tudo isso é que Deus quer homens que:

- guardem o Evangelho (II Tm 1:14)

- sofram pelo Evangelho (II Tm 2:3)

- permaneçam no Evangelho (II Tm 3:14)

- preguem o Evangelho (II Tm 4:2)


VIA GRITOS DE ALERTA

PMs de Cristo representam 25 mil policiais do Estado de São Paulo

Com o objetivo de levar uma palavra de fé e esperança para os próprios Policiais Militares do Estados de São Paulo, surgia há 19 anos a associação sem fins lucrativos e interdenominacional chamada PMs de Cristo que é fruto da inquietação de alguns militares cristãos que na época viam-se distantes de suas igrejas e oprimidos pela ideia de que o binômio Deus e Polícia não combinava com a realidade das ruas.
A primeira reunião foi organizada pelo jovem Alexandre Marcondes Terra, um cadete do Barro Branco, hoje Tenente Coronel da Polícia Militar, com 32 anos de carreira militar, chefe da Assistência Policial Militar da Coordenadoria Estadual dos Conselhos Comunitários de Segurança (Consegs). Ele havia tomado conhecimento da existência da União dos Militares Cristãos Evangélicos do Brasil (UMCEB) e da União dos Policiais Militares Evangélicos do Estado do Rio de Janeiro (UEPMERJ) ele buscou o apoio do Capitão Alberto Resende de Oliveira para implantar em São Paulo uma associação nos mesmos moldes.
Após três meses de oração, buscando a direção de Deus, eles conseguiram reunir 74 militares para sua primeira reunião. Hoje,sustentada por contribuições voluntárias de parceiros e abnegados associados , a associação possui cerca de 1.500 integrantes e aproximadamente 50 Núcleos em todo Estado e um batalhão de policiais militares evangélicos para unir. O último censo realizado internamente pela Polícia Militar em 2011 indica que entre os 138 mil policiais militares – 100 mil da ativa e 38 mil aposentados – há em torno de 25 mil policiais militares evangélicos em todo o Estado.
“Hoje, graças a Deus, temos mais policiais sensíveis ao chamado de Deus e a própria igreja começou a compreender o papel do policial, a serviço do bem comum e também da Associação PMs de Cristo, como missão interdenominacional. A própria Polícia valoriza mais o policial militar como figura humana e incentiva a espiritualidade”, disse o Ten Cel Alexandre Marcondes Terra sobre o que mudou nesses 19 anos de PMs de Cristo.
De acordo com ele no começo do ministérios muitos policiais tinham vergonha de assumir que eram cristãos, outros acabavam se desviando assim que iniciavam a carreira e tinha até alguns que eram desprezados pelas igrejas por se tornarem policiais.
Para manter os PMs de Cristo como uma associação interdenominacional é necessário deixar os interesses pessoais para poder não colocar em xeque as diferenças doutrinárias, conforme explica o tenente. “Nós compreendemos que este chamado de Jesus é muito maior que nossos interesses pessoais; que a desunião é destruição, porque ela faz com que vidas deixem de conhecer o Evangelho e se percam. Somos uma missão e não discutimos costumes denominacionais. Sabemos que maior é o que nos une do que nossas eventuais diferenças”.
Hoje os PMs de Cristo tem também um papel importante não só na corporação como também na sociedade. “O PM de Cristo pode fazer a diferença ao atuar como um facilitador e mobilizador comunitário, aproximando os seus amigos, a sua igreja e a sua comunidade da unidade policial do bairro, divulgando os serviços, sites e ações positivas e também chamando pessoas para participarem do Conselho Comunitário de Segurança local. Ele deve se posicionar como instrumento de Deus, colocado por Ele para promover a paz e proteger as pessoas”, explica o Ten Coronel Alexandre Terra.


Fonte: Gospel Prime
VIA GRITOS DE ALERTA

A IGREJA CUMPRINDO O SEU PAPEL - PROJETO DA UNIVERSAL PARA ALFABETIZAÇÃO EM LUANDA

Mais de 14 mil pessoas foram alfabetizadas em todo o país pela Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), desde o ano 2007, presente data, informou hoje, em Luanda, o coordenador do projecto Ler e Escrever, Mário Gonçalves.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Em declarações à Angop sobre as vantagens sociais da alfabetização, Mário Gonçalves informou que deste número, a maior parte foi constituída por mulheres, pelo que exortou a necessidade de um trabalho sensibilização dirigida a homens iletrados.
Referindo-se ao projecto Ler e Escrever, deu a conhecer que vai beneficiar primeiramente jovens e adultos sem condições de enquadramento numa escola pública ou privada.
Desta feita, deu a conhecer que o projecto tem ramificações em vários municípios de Luanda, como Rangel, Maianga, Samba, Kilamba Kiaxi, Cacuaco, Viana e ainda em outros pontos a nível das províncias do país.
Quanto aos professores, Manuel Gonçalves disse que todos ministram aulas a base de um trabalho de voluntariado, isto é, sem compromissos remuneratórios ou religiosos.
As aulas, referiu, são leccionadas nos três turnos, sendo que alguns são subdivididos em duas ou três partes, “o que facilita o alcance de um maior número de pessoas ao dia”.
Cada turma alberga no máximo 25 alunos e no que toca as idades começa dos 12, mas, as vezes, chegam a receber pessoas entre os 60 e 72 anos.
Nestas aulas de alfabetização, as pessoas, independentemente da religião em que estão inseridas, têm a oportunidade de concluir até a quarta classe, seguindo depois para outras escolas caso queiram continuar.
No tocante ao material de apoio para o alfabetizando, o projecto tem contado com a cooperação do Ministério da Educação (MED).
Só em Luanda, neste trabalho de alfabetização efectuado pela IURD, diariamente 500 pessoas têm tido aulas de alfabetização.

MEDITAÇÃO DO DIA

O Sentido da Visão

Os olhos são a candeia do corpo. Quando os seus olhos forem bons, igualmente todo o seu corpo estará cheio de luz. Lucas 11:34


Há imagens que facilmente ficam retidas na retina e nos trazem satisfação: o peixe cortando a água, o espectro do arco-íris, o pôr do sol vermelho em zarcão, aquela fita branca que o jato deixa no céu, o mar de encontro às rochas, um pássaro de plumagem multicolorida, o céu estrelado de verão.


O olho é chamado de “o órgão imperial do corpo humano”. Do começo ao fim da Bíblia, os olhos são mencionados em relação a muitas coisas: onipresença – “Os olhos do Senhor estão atentos sobre toda a Terra” (2Cr 16:9); cuidado de Deus – “como a menina dos Seus olhos” (Dt 32:10); inspeção divina sobre o funcionamento da igreja: rodas cheias de olhos (Ez 1:18; 10:12); algo repentino – “num abrir e fechar de olhos” (1Co 15:52). E no Sermão do Monte, Jesus diz: “Os olhos são a candeia do corpo” (Lc 11:34).


Não há nenhum outro órgão no corpo humano que se compare em estrutura e adaptabilidade e que tenha mecanismos tão complexos como o olho humano. Temos a pupila com acomodação automática para maior ou menor entrada de luz. Temos a lente com foco e acomodação automática. Posso enxergar perto ou longe ao mesmo tempo. Posso ver a caneta ou o microfone que está na mão e, ao mesmo tempo, olhar para o céu.


O astrônomo ajusta o telescópio até chegar ao ponto exato do espaço; o pesquisador ajusta o microscópio para ver detalhes da imagem. Posso olhar para a montanha que quero escalar e imediatamente, com focalização automática, ver em meu relógio se já é hora de sair. Com razão, Leonardo Da Vinci disse: “Quem acreditaria que um espaço tão pequeno pudesse conter as imagens de todo o Universo?”


Os olhos também têm sua linguagem que não dá para esconder. Os olhos fulminam quando estão indignados; piscam de contentamento; brilham quando estão entusiasmados ou são doces quando mostram simpatia. Permanecem imóveis quando você está com medo; caídos quando você está triste; ou em fogo quando quer vingança. Há ternura nos olhos da criança e dos noivos sobre o altar. Se os olhos dizem uma coisa e a boca diz outra, em qual dos dois você vai acreditar?


Para aqueles que nasceram cegos e nunca chegaram a ver ou para aqueles que sempre tiveram a felicidade de enxergar, a Bíblia tem uma promessa: “Olho nenhum viu [...] o que Deus preparou para aqueles que O amam” (1Co 2:9).


Agradeçamos a Deus as maravilhas do sentido da visão.

Celebração evangélica leva multidão ao Anhangabaú

Cerca de 300 mil pessoas participaram do Festival das Maravilhas com o líder da Igreja Internacional da Graça de Deus, R. R. Soares.

Fiéis da Igreja Internacional da Graça de Deus lotaram ontem de manhã o vale do Anhangabaú, no centro de São Paulo, para uma celebração comandada pelo fundador da igreja, Romildo Ribeiro Soares, conhecido como "missionário R. R. Soares".

De 250 mil a 300 mil pessoas participaram do Festival das Maravilhas, de acordo com os organizadores. A Polícia Militar, que fez a segurança do evento, não divulgou estimativa de público.

A comoção foi grande nos momentos em que R. R. Soares puxou as orações -com os dois lados do vale bastante ocupados, muitos fiéis chegaram a se reunir em cima do viaduto do Chá para ouvi-lo.

A celebração, que foi das 9h às 11h30, teve apresentação de astros da música gospel, como os cantores Bruna Martins e David Fantazzini.

Fonte: Folha de São Paulo

SBB Promove Treinamento para Evangelização com Literatura

A Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) realiza, no dia 17 de setembro, mais uma edição do Treinamento para Evangelização com Literatura, na Igreja Assembleia de Deus– Ministério Rio Branco, na capital do Acre.
O evento term como objetivo capacitar e incentivar Cristãos de todo o País a espalhar a mensagem bíblica entre a população brasileira.
A cada ano, o número de edições do evento tem aumentado. Em 2010, foram realizadas 14 edições, em 11 estados, contabilizando um total de cerca de cinco mil participantes.
“Estes encontros permitem que as necessidades dos sócios evangelizadores sejam conhecidas e compartilhadas. Além de ajudá-los a desenvolver esse trabalho tão importante, queremos também atrair novos sócios para este programa, que tem levado a Palavra de Deus a milhares de pessoas em todo o País”, afirma Mário Rost, gerente de Desenvolvimento Institucional da SBB e responsável pela coordenação nacional do programa, que há mais de 30 anos está em funcionamento.
De abrangência nacional, o programa prevê a distribuição de folhetos bíblicos ilustrados em locais de grande movimento. As seleções bíblicas, como são chamados estes folhetos, trazem passagens bíblicas selecionadas com o objetivo de provocar uma reflexão sobre temas recorrentes no dia a dia da população urbana, como solidão, violência e valor da vida humana, bem como sobre os valores eternos expressos na Bíblia como fé, salvação, nova vida.
A programação de 2011 prevê 15 edições do Treinamento para Evangelização com Literatura, nas seguintes cidades: Paulista (PE), Natal (RN), ABC, Osasco e Parelheiros (SP), Palmas (TO), Curitiba (PR), Rio Branco (AC), Salvador (BA), Blumenau (SC), São Luiz (MA), Rio de Janeiro e Miracema (RJ), Porto Alegre (RS).
O evento é aberto aos sócios evangelizadores já cadastrados e ao público interessado em conhecer melhor os objetivos do programa Sócio Evangelizador da SBB.

Pastor é Solto da Prisão para Eenfrentar Julgamento

IRã (2º) - Preso sob a acusação de blasfêmia contra o islã, o Pastor Matthias Haghnejad agora está livre, sob fiança de 30 mil dólares.
"Um membro da família penhorou sua propriedade para que ele pudesse sair da prisão", disse Jason DeMars, do Ministério Present Truth. "Obrigado por orarem por ele e por tornarem isso conhecido em todo o mundo. Deus operou através de suas orações e abriu caminho para sua libertação".
"A acusação contra ele é grave. Então, peço que continuem a orar por ele e sua família. Deus abriu caminho para sua absolvição anteriormente e creio que Ele fará isso novamente".
Jason disse que Matthias foi aprisionado sem acesso a um advogado do Ministério de Inteligência e Segurança Nacional. Ele foi preso durante uma visita pastoral a uma família na região de Rasht.
"Tipicamente, sob tais circunstâncias", disse Jason, "os pastores são torturados a fim de que se obtenha deles o máximo de informação possível". Ele disse que o MOIS, um dos ministérios mais poderosos no governo iraniano, opera muitas de suas instalações sem nenhuma fiscalização do governo.
"Essas instalações são reservadas para aqueles considerados ameaças à segurança nacional, frequentemente prisioneiros políticos", disse ele. "Mais uma vez, o regime iraniano prova que se importa muito pouco com direitos humanos de qualquer tipo. Aqui, um simples pastor de Bandar-e Anzali é preso, mantido incomunicável e presumivelmente torturado.
Como lembrete, Jason disse que o Pastor Youcef Nadarkhani ainda permanece na prisão por apostasia, enquanto aguarda que seu caso seja reexaminado.
"Continuem a orar por ele, escrevam-lhe cartas e enviem e-mails às embaixadas iranianas pedindo sua libertação", disse Jason. "Com Deus, todas as coisas são possíveis!".


Por favor, continuem a sustentar esses dois homens em oração.
Fonte: Worthy Christian News

Cinema contará história de Davi e Golias


Cinema contará história de Davi e GoliasCinema contará história de Davi e Golias
Adaptação da história bíblica deve ser lançada em 2012

A história bíblica de Davi e Golias vai ganhar uma adaptação para o cinema, provisoriamente intitulada Goliath (Golias), e deve contar com o ator Taylor Lautner, da Saga Crepúsculo, como protagonista vivendo o rei israelita.

De acordo com o site americano Twitch, os produtores do longa-metragem já começaram a pensar em seu elenco e outro nome bastante cotado, além de Lautner, é o de Dwayne Johnson (Velozes e Furiosos cinco), para viver o gigante Golias.

Aliás, Johnson é o único que já começou as negociações, enquanto Lautner não chegou a ser procurado. No entanto, como Marty Bowen e Wyck Godfrey, os produtores do projeto, são os mesmos da Saga Crepúsculo, é possível que esse primeiro contato seja mais direto e até informal.

Goliath não será a única adaptação de uma história bíblica em 2012, ano do possível lançamento. O diretor Darren Aronofsky também fará uma adaptação da história de Noé e sua arca que o salvou, junto com um par de todas as espécies animais existentes, do dilúvio.

Dwayne Johnson, que estrelou filmes como "Velozes e furiosos 5", "Fada dos Dentes", “Escorpião Rei”, “Treinando papai”, está atualmente filmando um "GI Joe".

Taylor Lautner é mais conhecido por seu papel como Jacob, o lobisomem da “Saga o Crepúsculo”.

Fonte: The Christian Post / R7

Exposição que mostra pedofilia e zoofilia provoca bate boca entre deputados

Não foi só nas redes sociais que a mostra “QueerMuseu” gerou debates e bate boca. Na noite desta terça-feira (12) o assunto foi amplam...