Postagens

Mostrando postagens de Novembro 25, 2014

Seminário ensina jovens na Índia a serem imitadores de Jesus Cristo

Imagem
Flores de boas-vindas, sorrisos e muitos gritos de "Aleluia! Louvado seja o Senhor!". Foi assim que o pequeno grupo de colaboradores da Portas Abertas foi recebido no Retiro e Centro de Estudos William Carey, no leste do estado de Orissa, na Índia. Duzentos jovens cristãos de toda a região sentados de pernas cruzadas no chão, os meninos de um lado, as meninas, em saris coloridos, do outro; todos ansiosos para o Seminário da Juventude que aconteceria naqueles próximos quatro dias e que tem como base o treinamento Permanecendo Firme Através da Tempestade, da Portas Abertas. O tema principal do encontro foi a "imitação de Cristo". Ao longo dos últimos seis anos, a perseguição aos cristãos tem se agravado em Orissa. Alguns dos jovens ali reunidos ainda estão traumatizados pelos ataques de 2008, que provocou a destruição de suas casas, na região do Kandhamal, por extremistas hindus. Outros são cristãos de origem hindu. Em lágrimas, os adolescentes compartilharam sobre as …

Cerca de 500 alemães se juntaram ao Estado Islâmico -

Imagem
Uma estimativa dos serviços secretos alemães mostra que o número de combatentes de cidadãos do seu país aliados ao Estado Islâmico é de mais de 500. Hans-Georg Maassen, chefe dos serviços secretos, demonstrou preocupação com o número, em entrevista ao jornal Welt am Sonntag. O número de alemães combatento na Síria e no Iraque aumentou mais nas últimas semanas. A revelação faz da Alemanha um dos países europeus com mais combatentes junto do Estado Islâmico. A última contabilização apontava para 450, mas agora o contingente alemão atinge a dimensão do francês, do belga ou do britânico. Outro número apontado pelos serviços secretos é o de alemães mortos nos combates, que é de 60. Desses, nove foram em atentados suicidas. O movimento jihadista atrai, principalmente, os jovens. “É uma triste vitória da propaganda islamita”, lamentou Maassen. A cautela agora é nas saídas de cidadãos alemães do país e no seu regresso, para que não representem ameaças à segurança nacional. Uma estimativa mais conse…

Pastor é morto em Mombasa

Imagem
Jovens muçulmanos que protestavam contra uma batida policial em duas mesquitas em Mombasa mataram quatro homens, incluindo um pastor local chamado Josué Muteti. Cinco homens foram feridos. O ataque aconteceu na segunda-feira, 17 de novembro, por volta das 20h, em Kisauni, conhecido por ser um ponto de acesso para atividades de radicais muçulmanos. A partir dos relatos da mídia, dez jovens, armados com catanas e outras armas rudimentares, atacaram pessoas que estavam em uma estação de ônibus antes de desaparecer nas ruas. Há relatos conflitantes sobre o número de mortos – alguns relatórios indicam que três homens morreram. O pastor Muteti faleceu após ter recebido uma pancada na parte de trás de sua cabeça. Sua idade é desconhecida. Fontes locais afirmam que ele estava com sua esposa e três outras senhoras na hora do incidente, mas não se sabe se ele tinha filhos. As mulheres saíram ilesas ao ataque. Testemunhas disseram ao jornal Daily Nation que os jovens ordenaram que as vítimas recita…