segunda-feira, 31 de agosto de 2015

EM BREVE NOS CINEMAS - Eu Acredito na Cruz

Mulher é morta a facadas após culto religioso em Ribeirão Preto

Reprodução / Facebook
Regina Roma foi morta a facadas em canavial de Jardinópolis (foto: Reprodução / Facebook)
Uma mulher, de 55 anos, foi vítima de latrocínio (roubo seguido de morte) na noite de ontem (30), na zona rural de Jardinópolis. Regina Lúcia Roma foi morta por um casal a quem deu carona na saída de um culto religioso, que acontecia na Vila Monte Alegre, em Ribeirão Preto. Segundo a Polícia Civil, a mulher foi atingida com diversos golpes de faca no pescoço, rosto e costas.
De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima foi levada até o canavial de uma fazenda, onde o casal exigiu que ela entregasse os cartões bancários e também a senha. Nervosa, a mulher não conseguiu lembrar os números e acabou morta.
Segundo o delegado Cezar Augusto de França, titular da Delegacia de Polícia de Jardinópolis, o crime foi premeditado, “ele confeccionou a faca, um tipo de punhal, colocou um pedaço de cabo de vassoura e acoplou parte de uma tesoura”.
Após o crime, os dois suspeitos, Roger Max Soares, de 26 anos, e Rebeca Soares da Silva, de 25, retornaram a Ribeirão Preto com o carro da vítima para buscar a filha de Rebeca, de apenas 6 anos, mas foram parados durante uma blitz da polícia quando voltavam a Jardinópolis. O casal pretendia se esconder no sítio de um primo do homem. No veículo foi encontrada a faca utilizada no crime.
“Estava tudo premeditado para a ocorrência, independente dela reagir ou não, ele iria matar ela”, afirmou o delegado. Segundo a polícia, foi o homem quem matou Regina, mas Rebeca também responderá pelo crime dentro das responsabilidades cabíveis.
Paulo Souza / EPTV
Os indiciados foram ouvidos na manhã desta segunda-feira (31). O homem foi encaminhado ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Pontal, já a mulher levada para a Cadeia Pública Feminina de Cajuru.
Roger e Rebeca confessaram o assassinato de Regina Roma em Jardinópolis (foto: Paulo Souza / EPTV)


JORNAL DA CIDADE

Prestes a enviar ao Congresso Orçamento com déficit, Dilma chama Cunha para conversar


Prestes a enviar ao Congresso Orçamento com déficit, Dilma chama Cunha para conversar
No dia em que o governo irá enviar para o Congresso o Orçamento de 2016 com previsão de grande déficit, a presidente Dilma Rousseff chamou o presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para uma conversa. O encontro, no entanto, não ocorrerá hoje, já que Cunha está em Nova York, participando da Conferência Internacional entre Parlamentos na ONU.
A relação entre Cunha e o Palácio do Planalto foi se deteriorando desde o início do ano, quando o presidente da Câmara começou a impor uma série de derrotas ao governo no Congresso. Em julho, o peemedebista rompeu oficialmente com o governo Dilma, alegando ser alvo de perseguição para incriminá-lo no âmbito da operação Lava-Jato. Este seria o primeiro encontro dos dois desde o rompimento.
Neste domingo, Cunha disse ao GLOBO, por meio de mensagem, ter receio de que o déficit real seja ainda maior que o previsto. Segundo o presidente da Câmara, cabe agora ao governo enviar para análise dos parlamentares propostas para recuperar a economia. Cunha adiantou que qualquer aumento de imposto não será aprovado.
"Mesmo com déficit no Orçamento, está arriscado o déficit real ser maior do que eles vão prever. E não podem errar de novo. Dar déficit e aumentar esse déficit depois será um desastre fenomenal", disse o presidente da Câmara.
Cunha acrescentou que isso terá um forte impacto sobre o nível de credibilidade da economia, o que aumenta o risco de o Brasil perder o grau de investimento:
"É a realidade do governo. É melhor mandar a realidade do que ficar pedalando depois", disse ele, numa referência às “pedaladas fiscais” que o Tribunal de Contas da União afirma que o governo deu para chegar as contas de 2014.

Escolhido e empossado novo Presidente da AD em Alagoas


Escolhido e empossado novo Presidente da AD em Alagoas
Após 35 dias do falecimento do pastor José Antonio dos Santos, carinhosamente conhecido como pastor José Neco, a Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Alagoas(IEADAL) e a Convenção de Ministros das Assembleias de Deus no Estado de Alagoas(COMADAL) receberam hoje seu novo Líder. Cumprindo todo que determina o estatuto de ambas instituições, em reuniões contando com a presença do presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB), pastor José Wellington Bezerra da Costa e do presidente da União dos Ministros das Assembleias de Deus sediadas nos Estados do Nordeste (UMADENE), pastor José Carlos de Lima, em culto realizado na noite deste sábado, 29 de agosto de 2015, pastor José Orisvaldo Nunes de Lima foi empossado como Presidente.
O pastor José Neco foi eleito presidente da AD e Convenção Alagoana no dia 03 de junho de 1986; permaneceu na liderança por 29 anos; seu ministério foi marcado pela paz, harmonia e crescimento, porém, quis Deus promovê-lo a eternidade no último dia 24 de julho de 2015, aos 83 anos.
Com o falecimento de seu líder maior, observando o que determina os estatutos de ambas instituições, com campanha de oração de trinta dias em todas as congregações do estado teve início o processo sucessório que foi realizado em três etapas. A primeira foi a Assembleia Geral Extraordinária com os pastores e evangelistas que fazem a COMADAL e que foi realizada na noite de sexta-feira, 28 de agosto de 2015, nela, em unanimidade, demonstrando prudência e harmonia os ministros escolheram o nome do pastor José Orisvaldo Nunes de Lima como seu novo Presidente.
No sábado, 29 de agosto pela manhã, reunidos no templo-central no bairro do Farol em Maceió, contando com a presença de dezenas de líderes, presidentes de convenções de diversas regiões do país, os presbíteros da AD em Maceió aprovaram assim como  os ministros o nome do pastor Orisvaldo como presidente também da Igreja em todo estado, restando apenas a homologação por parte dos membros no culto que foi realizado na noite do mesmo sábado. De forma ordeira, em um culto marcado pela presença de Deus, obreiros e membros de diversas regiões do estado, aprovaram o que foi definido pelos Pastores, Evangelistas e Presbíteros e após oração conduzida pelo líder da denominação no país, pastor José Wellington Bezerra da Costa, pastor José Orisvaldo Nunes de Lima foi empossado na liderança da IEADAL e COMADAL.
"Substituir um líder como o pastor José Neco exige muita responsabilidade, pastor Neco não deixou uma lacuna apenas em sua família, mais na Assembleia de Deus por ele presidida, no estado onde nasceu e viveu e nas Assembleias de Deus no Brasil, mas estaremos orando e cremos que Deus abençoará o trabalho das mãos do pastor Orisvaldo" frisou pastor José Wellington. Já pastor Orisvaldo, após assumir a nova responsabilidade se comprometeu diante da membresia e liderança presente no culto à cuidar da igreja do Senhor com zelo e carinho. O pastor e missionário Joel Freire da Costa, presidente da AD Ministério do Belém nos Estados Unidos foi o preletor do culto de posse.
Irmã Francisquinha, viúva do pastor José Antonio dos Santos, acompanhada dos filhos, genros, noras e netos esteve presente no ato de posse e foi homenageada pela Igreja a qual dispensou ao lado de seu esposo mais de 30 anos de sua vida.
Além do pastor José Wellington, da Mesa Diretora da CGADB acompanhou o momento de eleição e posse do novo líder da AD alagoana os pastores, Pedro Aldi Damasceno, 4º vice-presidente, presidente da AD em Viana e da Convenção das ADs no Maranhão (CEADEMA)e Roberto José dos Santos, 4º secretário, presidente da AD e Convenção com Sede em Abreu e Lima, Pernambuco (COMADALPE). Além do pastor José Carlos, presidente da AD em João Pessoa, da Convenção das ADs na Paraíba (COMADEP) e da UMADENE, estiveram presentes os pastores presidentes das respectivas convenções, João Bezerra (CONADEC); Aílton José Alves (CONADEPE); Wellington Rocha (CADESGO); Daniel Nunes (COMEAD-CGPB); Vírginio José (CONEADESE); Valdomiro Pereira (CEADEB); Joel Costa (CONFRADEB-EUA) e o pastor Samuel Câmara, presidente da AD em Belém (PA). O prefeito de Maceió, Rui Palmeira, diversos deputados federais, estaduais e vereadores do estado prestigiaram o momento de transição.
Pastor José Orisvaldo Nunes de Lima
Tem 52 anos de vida, nasceu na cidade de Palmeira dos Índios (AL), no dia 05 de dezembro de 1962; em 13 de setembro de 1977, fundou o grupo carismático em sua terra e o dirigiu até a sua conversão ao Evangelho, ocorrida em 07 de outubro de 1979, na Assembleia de Deus. Atuou de 1997 a 2004 como 1º secretário da Convenção de Ministros da Assembleia de Deus no Estado de Alagoas (COMADAL) e desde 2004, por três mandatos consecutivos, estava servindo na Mesa Diretora como 1º vice-presidente. Além de estar à frente do campo da AD na cidade de São Miguel dos Campos (AL), atualmente fazia parte também do Conselho de Missões, Conselho de Doutrina e da Comissão Jurídica. Casado com a psicóloga Edivanilda Nunes, tem três filhos: Wesley; Gunnar Berg e Jafya.

MARCO FELICIANO SERÁ CANDIDATO A PREFEITO POR SÃO PAULO .

PSC decide lançar Feliciano à Prefeitura de São Paulo
O Partido Social Cristão decidiu lançar o deputado Federal, Marco Feliciano, pré-candidato à Prefeitura de São Paulo. A reunião que definiu a candidatura própria ocorreu na manhã desta segunda-feira, 31, com a presença do presidente nacional do PSC, Pastor Everaldo.
Para o deputado Federal Marco Feliciano, a pré-candidatura dará a oportunidade ao eleitor paulistano em ter uma nova opção nas eleições de 2016. Nos próximos dias, Feliciano pretende organizar uma equipe técnica para mapear os problemas de São Paulo e iniciar a estruturação da pré-campanha.
Marco Feliciano pretende diminuir o distanciamento que existe hoje entre o prefeito e a comunidade. “A grande diferença do nosso governo será estar perto das pessoas. Não é porque São Paulo é uma grande metrópole que isso justifica o distanciamento do prefeito do dia a dia do paulistano; faremos um governo para as pessoas”, afirmou.

Com ataque à Globo, Domingo Espetacular debate a arte com apologia à pedofilia

Programa Domingo Espetacular, na Record TV O debate sobre as exposições de arte com apologia à pedofilia e outros temas no Brasil marc...