sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Cerca de 600 mil comem sanduíche de frango em favor do casamento entre 'Homem e Mulher'

Chick-fil-AApós ser alvo de boicote por grupos gays, a rede de lanchonetes norte-americana Chick-fil-A recebeu apoio de cerca 600 mil pessoas em um protesto inédito.

  • (Foto:Divulgação)
    Chick-fil-A recebeu apoio de cerca de 600 mil pessoas protestando a favor do casamento Bíblico entre Homem e MulherO dia 1⁰ de agosto foi marcado nos EUA como o dia do lanche de frango como uma forma de protesto e declaração de apoio ao casamento tradicional entre homem e mulher.
Tudo começou depois que Dan Cathy, o presidente da rede, declarou publicamente seu apoio à definição bíblica de casamento, apenas entre um homem e uma mulher e que a rede era contra o casamento gay.
No mesmo dia grupos gays protestaram e pediram um boicote à rede ganhando apoio até dos prefeitos de Chicago, Boston e Washington DC, criticando a empresa, dizendo que ela “não era bem vinda em suas cidades”.
Na contramão, os líderes batistas Mike Huckabee e o evangelista Billy Graham pediram que as pessoas que não concordassem com o casamento gay mostrassem isso comendo na rede no dia 1⁰ de agosto.
Embora a rede não tenha divulgado os números, estima-se que o objetivo inicial foi alcançado e possivelmente ultrapassado.
“Ao menos por hoje, comer um sanduíche de frango se tornou um símbolo do que significa expressar suas opiniões pessoais, sem medo de retaliação em um mundo onde tudo precisa ser “politicamente correto”, disse Lou Engle, co-fundador da TheCall e um dos líderes da Casa Internacional de Oração, em Kansas City.
“Quando eu vi Billy Graham tomar uma posição de apoio ao Chick-fil-A, reforçando o projeto glorioso de Deus para o casamento eu sabia que deveríamos tomar essa atitude também”, completou.
Por todos os Estados Unidos, os restaurantes estiveram lotados, enquanto filas do drive-thru em se estendiam ao longo da rua.
“Eu acho que tudo se resume a uma questão de liberdade de expressão. Quero dizer, eu acredito nos valores tradicionais de casamento entre um homem e uma mulher,” afirmou o pastor Stephen Lenahan à Fox News após um almoço
O Stephen Lenahan completou dizendo que Dan Cathy virou alvo, enquanto outros presidentes das empresas que apoiam abertamente o casamento homossexual não são igualmente criticados por conservadores.
Entre os grupos não cristãos envolvido no protesto do dia 1 estava o Projeto 21, uma organização ativista negra. Um de seus membros, Demetrios Minor, disse que os críticos de Dan Cathy foram infelizes.
”Eu acho que os liberais estão errando em um ponto vital no seu ódio cego ao Chick-fil-A,” disse Minor em um comunicado enviado à Fox News. ”Ser contra o casamento gay não é ser anti-gay”.
Embora a empresa Chick-fil-A tenha tentado se distanciar de qualquer conexão com o movimento marcado para o dia 1 de agosto, Donald Perry, vice-presidente de relações públicas corporativas agradeceu aos clientes.
“Agradecemos a todos os nossos clientes, não importa a sua razão para visitar o nosso restaurante e estamos contentes de servi-los a qualquer momento”.
A rede emitiu um comunicado oficial, onde afirma: “Chick-fil-A é uma empresa familiar decidida a servir as comunidades onde atua. Desde que Cathy Truett fundou a empresa, começamos a aplicar princípios bíblicos para gerenciar o negócio. Por exemplo, acreditamos que é preciso fechar domingos e investimos uma percentagem dos nossos lucros em beneficio de nossas comunidades. A cultura e a tradição dos restaurantes Chick-fil-A é tratar cada pessoa com dignidade, honra e respeito, independentemente da sua crença, raça ou orientação sexual. Vamos continuar esta tradição em nossos mais de 1.600 restaurantes. Olhando para a frente, nossa intenção é deixar o debate sobre o casamento homossexual nas mas do governo e da arena política”.


FONTE . CRISTIAN POST

Brasil Sem Aborto lança campanha para divulgar nomes de candidatos pró-vida

Governo vai atrasar o “plano pró-gay” para não perder votos entre evangélicos e católicos, afirma jornalista
Em função das eleições municipais desse ano, o governo federal estaria adiando o lançamento do Plano Nacional de Cidadania para Gays, Lésbicas, Bissexuais e Transexuais. Isso é o que afirma o colunista do Estadão, Roldão Arruda, que alega que essa suposta desaceleração na agenda gay por parte do governo federal é uma manobra para não afastar os eleitores cristãos.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
O jornalista afirma que assessores do governo haviam revelado a intenção do governo em adiantar o plano de políticas públicas em favor dos homossexuais, mas que esse plano agora se encontra estagnado por causa da proximidade com as eleições. Segundo ele, a proposta que estava prevista para ser lançada entre os meses de agosto e setembro agora não tem mais prazos definidos.
- Em maio, assessores envolvidos na elaboração da proposta haviam revelado que o Palácio do Planalto estava disposto a acelerar o processo e que o prazo de lançamento, previsto para dezembro, poderia ser adiantado para agosto ou setembro. Agora, porém, não se fala mais em prazos – relata.
De acordo com Roldão, no último mês a proposta foi discutida e aprovada em um conselho nacional ligado à Secretaria de Direitos Humanos, de onde seguiu para a Casa Civil da Presidência da República e, de lá, para os 18 ministérios que participarão das ações, que têm até setembro para apresentar suas propostas de orçamento para a pauta.
Roldão afirma que com essa redução de ritmo o lançamento do projeto pode vir a acontecer em dezembro, ou até mesmo no próximo ano. Ele aponta que esse adiamento tem por motivação cativar os eleitores evangélicos e católicos nas eleições municipais desse ano.
- O que preocupa o governo agora são as eleições municipais e suas articulações políticas. Elas envolvem, é claro, grupos ligados a igrejas evangélicas, cada vez mais presentes na cena eleitoral e, na maioria das vezes, contrários às reivindicações dos gays. Só em São Paulo, 15 pastores vão concorrer a cadeiras na Câmara dos Vereadores – critica o jornalista.

OLHOS ESPIRITUAIS

Quando criança eu usava óculos , e um certo dia fui nadar .
Pulei no lago com óculos e tudo , e quando me dei por conta ele tinha sumido nas águas barrentas do lago.
Fui embora para casa , e passados alguns dias , voltando para a consulta no oculista , foi constatado que eu não precisava usar óculos.
Pois a minha vista estava perfeita .
Aquele lago teria sido providencial para isso acontecer , pois caso contrário , estaria usando óculos até os dias de hoje , pois o vicio de usar óculos ia degradar minha visão  me fazer dependente deles. Meus olhos ficariam dependentes de um suporte para enchergar melhor .
Na vida espiritual, acontece essa situação  , de pessoas que tem seus olhos aleijados ,  e de outros que somente enxergam o que querem enxergar .
Conheci um pastor que via somente o que ele gostava , mas quando via um cobrador chegar perto para cobra lo  fingia não ve lo .
Vemos lideres famosos , membros de diversas denominações , levitas , que por terem deficiência em seus olhares (espirituais) , enchergam somente o que acham bom para seu corpo carnal.

ESSES QUE NÃO ENCHERGAM SEGUNDO REINO DE DEUS , MAS SEGUNDO REINO DE MAMON. SERVEM A DOIS SENHORES.
Infelismente tem lideres , que por ter seus olhos carnais super abertos , enchergam nas ovelhas apenas a pele delas , sem tem nenhuma afeição e amor .
São os devoradores , que consomem a gordura das ovelhas e as deixam magrelas, secas  , e nesse estado as abandonam.

Também ,muitos homens , que  se casaram com uma princesa , e com o passar dos tempos , vem os filhos , os trabalhos do lar , do  ministério , do dia a dia  etc ,e  fazem com que seus olhos não estejam mais vendo o que queriam ver , e começar a olhar para fora do casamento .
E por fim , buscam uma mulher mais bonita , pois seus olhos carnais estão cansados de ver as mesmas imagens;
De uma esposa cansada e acabada pelo tempo e desgaste dos trabalhos de casa , da cria dos filhos  ,  ministério etc.
Esses , são pessoas verdadeiros olheiros do diabo , pessoas que deixam o olhar espiritual e tomam para si o olhar carnal , que não gosta de ver rugas , varizes e desgastes.
Esses tipos de homens são puramente carnais , sem caráter , sem amor , sem afeição , sem nenhum sentimento para com aquela que entregou o melhor para ele , entregou a vida para ter filhos , costituir uma família , e agora o desumano age como um meliante da fé.
(Como dizem ai fora .
Trocam a de 50 por 2  de 25 .
Uma covardia.)

Mas isso se explica ,pois os mesmos são cegos espirituais, são aleijados na visão , e dependente das misericordias de Deus.
Depois que erram , acordam , e ficam como cachorros que cai da mudança , perdidos .
Arrebentam a sua vida , a vida da sua esposa , a vida dos filhos e a família , que abaladas pelo fato do cegueta espiritual , sem caráter., que  preferiu pular o muro ou a cerca .

Também vemos os lideres cegos , das cervejas , wiskes, charutos cubanos  etc .
Tem um bispo famoso por ai , que ele  mesmo afirma em varios vídeos no you tube  que bébe mesmo e não ve nada errado nisso , outros falam mal dos jogos de azar , mas se um membro da igreja  joga e ganha , logo querem abocanhar seu gordo dizimo, oriundo  de uma atitude céga,pois ambos estão cegos.
A palavra de Deus nos fala bastante sobre isso .

No capitulo 3  de Genesis , versiculos que vai do 1  ao 24  vemos uma situação em que os olhos carnais ocupam o lugar dos olhos espirituais , e nessa situação  Adão e Eva são expulsos do paraiso.


OS SEGOS ESPIRITUAIS SÃO EXPULSOS DO PARAISO , SEUS OLHARES CARNAIS IMPEDEM DE VER DEUS.



cego espiritual

O que é ser cego espiritual?

Estar cego espiritual é estar insensível às coisas de Deus. É quando você vai à igreja e não sente poder. É quando você se torna incrédulo passando a descrer até naquilo que antes você vi como um grande milagre. Também é estar insensível à moralidade. Se antes ao ver uma imagem ponográfica e sentia repulsa e hoje você acha bonito é bem provável que está perdendo a sensibilidade espiritual. Está se tornando cego. Muito cuidado.
A busca pela cura da cegueira pode ser um pouco difícil pois o cego espiritual, em contraste com o cego físico, não se acha enfermo. Um ateu se acha o tal e não quer acreditar em Deus. Um viciado em pornografia passa enxergar tudo como normal, sem indecência e chega a criticar aqueles que não dão uma “espiadinha”. Mas a cegueira espiritual tem cura. Jesus quer dar visão aos cegos. Ele quer passar o bálsamo em teus olhos.

"São os olhos a lâmpada do corpo. Se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo será luminoso;se, porém, os teus olhos forem maus, todo o teu corpo estará em trevas. Portanto, caso a luz que em ti há sejam trevas, que grandes trevas serão!" - Mateus 6:22-23

Esta ilustração foi proferida por Jesus especialmente para os Fariseus, e outras autoridades religiosas.
Por isso Jesus falou . Onde estiver o seu tesouro , ai estara seu coração .
Seus olhos carnais vão buscar o que você ama, quer, deseja etc.
Jesus acabara de dizer a verdade sobre os tesouros na terra e nos céus. Alguns desejavam possuir ambas as coisas, e, assim, pretendiam servir a dois senhores, ao Deus Criador dos céus e da terra, e a "Mamom" (isto é, às riquezas).
O olhar desses indivíduos era DUPLO, e não SIMPLES.
 "SE OS TEUS OLHOS FOREM BONS, TODO O TEU CORPO SERÁ LUMINOSO;"
"BONS" = significa: SIMPLES, ou NÃO MÚLTIPLOS.
Os olhos saudáveis vêem uma imagem só, e não duas, como sucede no caso de certas doenças dos olhos...
Assim também a alma banhada de luz espiritual:
- vê somente uma imagem
- é orientada por um só propósito
- serve a um só Deus
- busca exclusivamente as riquezas celestes, e não também as terrenas
- segue um só código de moral
O olho natural capta a luz que guia todo o corpo em suas ações. A ALMA, a mente SIMPLES, recebe de Deus a luz espiritual para guiar o homem no caminho de Deus.
A saúde dos olhos físicos determina se uma pessoa pode ver, ou não. A percepção espiritual é obtida pelos Olhos do Coração!( OLHOS ESPIRITUAIS)
Se o coração espiritualmente está enfermo, a visão espiritual é comprometida. "Iluminados os olhos do vosso coração" - Ef 1:18.
Os "olhos espirituais" de uma pessoa são "bons" quando o divino e o humano se encontram e interagem. Ou seja, quando o olhar do homem natural se submete à direção do olhar espiritual, gerando uma visão SIMPLES, e não dupla!
O indivíduo pleno da Luz do Senhor ilumina o mundo ao seu redor, assim como um candeeiro ilumina a sala toda.
"SE, PORÉM, OS TEUS OLHOS FOREM MAUS, TODO O TEU CORPO ESTARÁ EM TREVAS."

"Olhos maus" significa: "olhos enfermos" - que não funcionam corretamente, que não podem captar uma IMAGEM SÓ, ÚNICA, mas sempre enxerga duas imagens, distintas...
O Senhor Jesus está falando da faculdade espiritual, utilizando-se do símbolo da visão. Se essa faculdade não for NORMAL, mas enferma e fraca, o indivíduo não terá bom senso espiritual para evitar o servir a dois senhores. Os fariseus e os religiosos daquela época estavam sofrendo dessa DUPLICIDADE espiritual.
A única LUZ que pode iluminar verdadeiramente a alma é JESUS.
Se o ser humano troca esta LUZ por outras falsas luzes, então a luz que nele há são trevas, e quão grandes trevas!
Quando a pessoa vê Jesus, mas também vê os interesses mundanos, a sua visão está enferma, gerando visão dupla, ao invés da visão simples. Mas o corpo não poderá seguir duas visões, dois caminhos... Surge então o conflito interior, gerando insatisfação e levando esta pessoa a um caminhar inseguro, de indecisões, desacertos, fracassos e derrotas.
A luz pervertida produz trevas ainda maiores! "caso a luz que em ti há sejam trevas, que grandes trevas serão"!
É preciso buscar a cura para a visão enferma, enquanto ainda há tempo...
 LIÇÕES OU PRINCÍPIOS ESPIRITUAIS
1. NOSSA VISÃO DO REINO DE DEUS SERÁ SEMPRE MÍOPE, SE OS OLHOS DO NOSSO CORAÇÃO ESTIVEREM VENDO DUPLAMENTE!
2. PARA ENXERGARMOS A BELEZA QUE HÁ AO REDOR, PRECISAMOS RENOVAR PRIMEIRO A NOSSA VISÃO INTERIOR.
3. A VISÃO MÁ, ALÉM DE AGUÇAR A CEGUEIRA ESPIRITUAL, DEFORMA O CARÁTER DO INDIVÍDUO.
4. SOMENTE COM OS OLHOS DO CORAÇÃO PODEREMOS VER A GLÓRIA DE DEUS.

 Cuidado! As preferências do seu coração determinarão a direção do seu olhar, e do seu caminhar!

"Buscai as cousas lá do alto, onde Cristo vive, assentado à direita de Deus." (Colossenses 3:1-b)
Ame ao Senhor acima de todas as cousas. Estabeleça  como prioridade número um na sua vida! Eleja como o seu verdadeiro e único tesouro "...porque onde está o teu tesouro, aí estará também o teu coração" (Mateus 6:21). Não permita nunca que o seu coração esteja dividido. Dê o seu coração inteiramente e exclusivamente para Jesus!
Chegue para mais perto da Luz e você será ainda mais iluminado! Resista à carne, ao pecado e a satanás, a fim de que os olhos do seu coração sejam sempre "bons" e lhe permitam ver adequadamente, como convém aos santos.

E VOCÊ , ESTA INDO PARA QUAL CAMINHO ?

 

Via Gritos de Alerta



CAPITALIZANDO ALMAS OU ABOCANHADORES DE DINHEIRO


A grosso modo, capitalismo é a influência ou supremacia do capital ou do dinheiro. Em outras palavras, é um sistema pelo qual alguém investe capital ou dinheiro numa atividade produtiva com o objetivo de gerar lucros. Mas, qual a relação que isso tem com o Evangelho?
Bem. Com o Evangelho genuinamente bíblico, nenhuma; contudo, com o evangelho que muitos pregam em nosso dias, há uma intrínseca convivência. Lamentavelmente, o Evangelho tornou-se para um grande número de pessoas, num meio totalmente eficaz de enriquecimento, numa fórmula perfeita de ascensão financeira.
Grandes empresas, principalmente do ramo fonográfico e editorial, que nunca nutriram nenhum vínculo que o povo de Deus, infiltraram-se no meio evangélico, buscando dessa forma ampliar seus lucros; atingir um “mercado” em fase de expansão, afinal só no Brasil somos mais de 20 milhões!

Utilizam-se do Evangelho de forma, muitas vezes, inescrupulosa, bombardeando os crentes com um marketing estrategicamente elaborado, fazendo uso de uma linguagem cristã, dando uma roupagem aparentemente evangélica ou gospel aos seus produtos.
 É comum ouvirmos falar de “Plano de Saúde Evangélico”, “Cartão de Crédito Evangélico”, “Shopping Evangélico” etc. Em um periódico, uma agência de turismo anunciava uma excursão à “Disney Gospel”. Até Sindicato de Pastores já foi cogitado entre nós! O capitalismo, sob uma camuflagem cristã, penetrou no seio da igreja, conduzindo muitos crentes ao consumismo exacerbado e ao materialismo desenfreado. O desejo pela prosperidade financeira suplanta, em algumas denominações, o anseio pela intimidade com Deus.
E o pior: a ambição pelo dinheiro ganhou respaldo bíblico.
 Fazem uso da Bíblia para justificar suas doutrinas de prosperidade.
O dízimo, que deveria ser dado com o intuito de manter a obra de Deus, tornou-se numa espécie de “investimento” ou numa “fórmula mágica” para se obter dinheiro de Deus: “Se você der tudo, receberá em dobro”, dizem alguns; e outros: “O diabo segura a carteira do crente para ele não dar oferta”.
A famigerada Teologia da Prosperidade, que é motivo de controvérsia entre as diversas denominações evangélicas, ganhou terreno e já é naturalmente aceita por inúmeras igrejas. Em muitos casos é utilizada de forma apelativa, como um chamamento para os que enfrentam algum tipo de dificuldade financeira ou males físicos:

 “Se Jesus estivesse entre nós, hoje, ele sairia num Boeing particular e compraria emissoras de rádio e televisão para pregar o mais rápido possível a sua Palavra”, foi o que afirmou um pastor ligado ao movimento.
Para muitos que compartilham essas idéias, Jesus foi um grande milionário e até usava roupas de grife.]

 Frases tais como “eu peço”, “eu clamo”, “eu imploro”, “eu suplico” foram substituídas por “eu exijo”, “eu decreto”, “eu determino”, “eu reivindico” etc..

São, no dizer de um escritor cristão, os “super-crentes”, àqueles que podem tudo, que estão sempre “amarrando satanás” e que, aparentemente, estão isentos dos dissabores da vida. Todavia não são poucos os relatos de desapontamentos, quando percebem que a vida não é nenhum mar rosas e que, tais quais qualquer outra pessoa, estão sujeitas às mesmas procelas; quando sentem na própria pele, o “espinho na carne”.
A prosperidade financeira transformou-se numa espécie de “femômetro” (ou “fidemômetro”), capaz de medir o grau da fé de alguém: se prosperou, a fé é grande; se fracassou, é pequena. Provavelmente para estes, os crentes da Somália, da Etiópia, de Filipinas, de Serra Leoa, do Afeganistão etc. são todos fracassados, visto que vivem na miséria. Ao contrário, os suecos, os japoneses, os americanos (principalmente estes, que inventaram tal doutrina) são poderosos na fé, uma vez que vivem numa grande bonança financeira. É muito cômodo a quem tem dinheiro e saúde proclamar, como um arauto, que a escassez de dinheiro e a enfermidade significam ausência de fé!
Para esses pregadores, a fé só é fé se vier acompanhada de bênçãos materiais. Eles dizem - categoricamente - que se as nossas orações não estão sendo respondidas é porque não temos fé, e se a temos, ela é deve ser fraca. Não é à toa que muitas pessoas vivem atormentadas por culpas. Sentindo-se fracassadas espiritualmente, perguntam: Será que a minha fé é fraca? Será que estou em pecado?É deveras angustiante servimos a Deus, crermos na sua Palavra, e ainda assim sermos acusados de falta de fé. Esses “superpregadores” esquecem-se que, não obstante servirmos a um Deus Todo-Poderoso, maravilhosamente Poderoso, infinitamente Poderoso, ainda assim somos humanos, vivemos num mundo onde alegria e tristeza, pobreza e riqueza coexistem relativamente para cada pessoa. Se a chuva vem para os justos e injustos, conclui-se que as dificuldades não são diferentes. Conheço pessoas ímpias que não somente têm dinheiro, como também esbanjam saúde; também conheço pessoas cristãs, sinceramente cristãs, fiéis a Deus, que além de não terem saúde, têm escassez de dinheiro, vivem de aluguel, ganham um ínfimo salário. Também conheço o oposto: pessoas ímpias que não tem nada, vivem na miséria, e pessoas cristãs que tem saúde e dinheiro.

A DIFERENÇA NÃO ESTÁ EM NOSSOS BOLSOS, EM NOSSOS CORPOS FÍSICOS: ESTÁ DENTRO DE NOSSOS CORAÇÕES.


Se Deus é o nosso estandarte, então as circunstâncias, não importam quais, não impedem que sejamos verdadeiros filhos seus, e isso mesmo diante da pior tempestade.
O que nos conforta é sabermos que em nenhum instante estaremos sozinhos.
O apóstolo Paulo, diz a Bíblia, tinha um misterioso espinho na carne, e mesmo clamando a Deus não foi respondido. Vale a pena perguntar: será que ele também não tinha fé?
Se formos fazer uma análise dos chamados “Heróis da Bíblia” ou dos “Heróis da Fé”, perceberemos que a vida para eles não foi tão regalada como afirmam hoje os pregadores dessa teologia. Na antiga dispensação, é verdade, os homens de Deus, como Abraão, Jó, Salomão, entre outros, tiveram grandes riquezas; todavia, Moisés, Jeremias, Isaías e outros profetas não as tiveram. Então pergunto: Será que os primeiros eram diante de Deus melhores que os segundos?
Se formos analisar a vida dos homens de Deus, principalmente na Nova Aliança, após o advento de Jesus, concluiremos, começando por Jesus, que a vida para eles não foi tão abastarda assim. A Bíblia afirma que Jesus não tinha sequer onde reclinar sua cabeça. O diabo, quando o tentou, ofereceu-lhe as riquezas do mundo, os tesouros do reino da terra, mas Jesus o repreendeu. Foi Jesus quem disse que o nosso tesouro deve estar nos céus, porque lá a ferrugem não o corrói. Por que será que em vez de ter nascido num esplendoroso palácio, ele nasceu em uma manjedoura (Tabuleiro em que se põe comida para os animais nas estrebarias)?


Os discípulos de Cristo também não eram ricos. O único que se deixou levar pela ambição, Judas, teve um fim deveras trágico.

Quando algumas pessoas ricas chegavam para Jesus, como é o caso de Zaqueu e do jovem rico, foram motivados por ele a dividirem seus bens com o próximo.
A Igreja primitiva tinha esse hábito.
Diz a Bíblia que os irmãos prósperos dividiam com os menos favorecidos socialmente os seus bens.
O apóstolo Paulo não teve, como alguns supõem, uma vida maravilhosa.
Muito pelo contrário, sofreu pelo nome de Jesus, não somente açoites, mas prisões, e mesmo a morte. Em uma de suas epístolas, diz ter feito tendas para se manter, não querendo causar peso aos outros.
Que diremos de João que, mesmo estando preso numa ilha, permaneceu firme na fé, sem jamais questionar os desígnios de Deus?
Não estou fazendo apologia do fracasso, da doença, da pobreza.
Não, não é isso! Muito pelo contrário, não há nada de errado em desejarmos ter uma vida bem sucedida; não vejo nenhum problema em querermos uma vida com saúde. Tudo isso é bom e importante, contudo, se porventura nos faltarem essas coisas, nunca devemos achar que por isso não temos fé.
Nossa fé deve ultrapassar o limite humano.
 Se formos agir conforme a lógica, de acordo com o aparentemente óbvio, estaremos na verdade praticando o contrário da fé. Somos salvos pela fé, portanto, a fé não é uma “fórmula mágica” que faz surgir do nada aquilo que necessitamos. Não, não, não é isso. Oferecer algo a Deus é fé: Abel ofereceu a Deus o mais excelente sacrifício, pelo que, diz a Bíblia, obteve testemunho de ser justo, tendo a aprovação de Deus (Hebreus 11:4). Agradar a Deus é fé: Enoque foi transladado para não ver a morte, pois agradava a Deus (Hebreus 11:5). Obedecer a Deus é fé: Noé seguiu os conselhos de Deus, construiu uma arca sob à zombaria de seus conterrâneos, e desta forma deu continuidade à espécie humana (Hebreus 11:7). A fé fez com que Moisés abandonasse o conforto do Palácio de Faraó, para sofrer por seu povo. Muitos, por sua fé, foram apedrejados, provados, perseguidos, humilhados, açoitados, serrados pelo meio, mortos ao fio da espada. Outros, pela fé, tiveram de andar peregrinos, vestidos de peles de ovelhas, necessitados, aflitos, maltratados. Como diz a Bíblia, homens dos quais o mundo não era digno. Viviam pela fé, errantes pelos desertos, pelos montes, pelas covas, pelos antros da terra. Mesmo não tendo a concretização da promessa, eles não desistiram, perseveraram na fé. E a fé para eles foi sofrer pelo nome de Cristo. Muitos, movidos pela fé, foram jogados em arenas para serem devorados por leões. E a fé venceu.
E hoje o que é a fé para muitos? É viver regaladamente em suas lindas mansões, é ter o carro do ano, de preferência importado. É possuir saúde, e muitas vezes, fama. Pregar é mais cômodo pela televisão e no rádio. Para que ir à Índia, à Etiópia, à Somália, ao sofrido Iraque, aos submundos das favelas, se é possível viver “rompendo em fé” aqui em meu conforto?






O desejo por riquezas tem conduzido muitos crentes sinceros ao afastamento do verdadeiro Evangelho, da pureza e santidade da Palavra de Deus, os lideres são culpados por implantarem neles essa mentalidade. 



Com freqüência surgem novos movimentos que, de início, causam escândalos, porém logo são assimilados, ganham um rótulo evangélico ou gospel e, por ausência de questionamentos, passam a servir de modelo até mesmo para os mais conservadores.

E QUEM FOI CHAMADO PARA GANHAR ALMAS , PASSA A SE PREOCUPAR EM GANHAR MILHÕES DE DÓLARES ,POIS SEUS CUSTOS OPERACIONAIS SÃO ENORMES.
NÃO QUESTIONO OS TRABALHOS SÉRIOS E SIM SÓ QUE TROCARAM O GANHAR ALMAS PELO GANHAR DINHEIRO.
QUESTIONO IGREJAS QUE FAZEM O CULTO DA SEGUINTE FORMA.


DE 100 % DO TEMPO DO CULTO GASTAM;

60 % DO TEMPO FALANDO DE DINHEIRO.
30 % DO TEMPO FALANDO DO DIABO .
6 % DO TEMPO CANTANDO .
4% DO TEMPO EM UMA PREGAÇÃO BEM FURRECA.








Que o  Senhor tenha misericórdia!



VIA GRITOS DE ALERTA  / VIVOS  / PARA O SENHOR.

Brasil Sem Aborto lança campanha para divulgar nomes de candidatos pró-vida

Uma campanha para que sejam divulgados os nomes dos candidatos pró-vida foi lançada pelo movimento Brasil Sem Aborto para que os eleitores conheçam os candidatos que defenderão a vida quando forem eleitos.

Com o lema “A vida depende do seu voto!” o movimento nacional da cidadania pela vida (Brasil sem aborto) enviou o comunicado da divulgação dos nomes dos candidatos pró-vida aos partidos políticos, segundo a publicação ACI.

“O Movimento Nacional da Cidadania pela Vida – Brasil Sem Aborto comunica a todos os Presidentes dos Diretórios Municipal, Estadual e Nacional de todos os partidos políticos brasileiros que foi lançada a 2ª Edição da Campanha Nacional ‘Municípios em Defesa da Vida’, tendo como slogan ‘A VIDA depende do seu VOTO’”, afirma a carta.

O texto visa conscientizar os eleitores brasileiros da importância de considerarem na escolha de seus candidatos a “promoção e defesa da vida – desde a concepção, uma vez que o direito à vida é o primeiro e o mais fundamental de todos os direitos humanos”.

“Eleger prefeitos (as) e vereadores (as) comprometidos com esta causa constitui uma das prioridades do Movimento Nacional da Cidadania pela Vida – Brasil Sem Aborto, pois os futuros prefeitos (as) e vereadores (as) poderão contribuir muito para a implementação de políticas públicas de apoio à maternidade,” afirma a carta do movimento Brasil Sem Aborto.

O movimento explica que o apoio à maternidade se dá através de assegurar às gestantes brasileiras direitos como pré-natal, acompanhamento ginecológico e obstétrico, principalmente às mulheres pobres do país.

A nota recorda que os políticos que exercem mandatos no âmbito municipal podem futuramente levar seus compromissos com a promoção e defesa da vida – desde a concepção - para outras instâncias da esfera política.

“Eles também constituem base política fundamental dos membros do Congresso Nacional e da Administração Federal, formando elos importantes para a luta contra a descriminalização/legalização do aborto no Brasil”.

O Movimento Brasil Sem Aborto, está realizando o trabalho de identificação de possíveis candidatos aos dois cargos em disputa nas eleições de 2012 que desejam assinar Termo de Compromisso. Uma vez assinado o referido termo, os eleitores poderão ter acesso ao nome do candidato constando no site do movimento www.brasilsemaborto.com.br.

“Solicitamos aos presidentes dos diretórios partidários, em âmbito municipal, que façam chegar a todos os candidatos e candidatas de seu partido ou coligação este comunicado, a fim de que todos possam dele ter conhecimento. Os que desejarem aderir a esta Campanha ‘Municípios em defesa da Vida’ – ‘A VIDA depende do seu VOTO’ devem assinar o Termo de Compromisso, obter o reconhecimento de firma em cartório, enviar digitalizado através do email: cidadaniapelavida@gmail”, informa o comunicado.

Aprovado projeto de pastor evangélico que proíbe venda de bebidas alcoolicas em postos

O projeto do deputado pastor Edson Praczyk, que proíbe a venda de bebidas alcoolicas em postos de combustíveis e lojas de conveniência no Paraná, foi aprovado pela Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) nesta terça-feira (7).

O autor da proposta, Edson, que é pastor da Igreja Universal do Reino de Deus, justifica que isso ajudará na diminuição do número de motoristas que dirigem bêbados. Segundo ele, nos postos é possível presenciar jovens bebendo até se embrigarem e depois saem dirigindo. Muitas vezes, ele diz, essas reuniões terminam em briga ou acidentes de trânsito.

“Assim, a redução de locais disponíveis para consumo de bebidas alcóolica, mormente aqueles plenamente vinculados à condução de veículos – como são os postos e suas lojas de conveniência – é imperativo para diminuir os acidentes causados por motoristas alcoolizados ou em estado de embriaguez”, diz trecho da sua justificativa.

Ao todo, 19 parlamentares foram favoráveis e 16 contrários ao projeto.

Alguns dos parlamentares contrários ao texto, como Stephanes Júnior, acreditam que o projeto fere a Constuição.

O texto prevê uma multa de R$ 5.000,00 e a cassação da inscrição estadual para os estabelecimentos que descumprirem a lei.

A proposta ainda deve passar por uma segunda aprovação nesta quarta-feira e se houver emendas para acrescentar ao texto, ela deve novamente passar por outra votação na próxima segunda-feira. Após a terceira votação o texto irá para aprovação final e a regulamentação fica a critério do poder Executivo.

Fonte: The Christian Post

Reino Unido quer barrar turnê de Pastor que cura com socos e chutes em nome do Espírito Santo

Um evangelista, polêmico por usar violência em sua ministração como chutes e socos para curar as pessoas, pode ter sua visita ao Reino Unido barrada.

O pastor Todd Bentley ficou conhecido por um movimento de reavivamento no passado e gerou polêmica ao alegar que a violência, como um chute na cara de uma senhora, foi um mandamento do Espírito Santo, de acordo com um vídeo no YouTube.

“Assim que minha bota tocou o nariz dela, ela se sentiu sob o poder de Deus”, disse o pastor de 36 anos, segundo o site inglês “Daily Mail”.

Em uma outra ocasião, o pastor, que já foi acusado de abusar sexualmente de uma criança de 7 anos quando jovem, fez um homem perder um dente com o uso de gestos violentos.

Um parlamentar de Croydon North, Malcolm Hunt Wicks fez um pedido à secretária do Estado, Theresa May, que se proíba o pastor de entrar no Reino Unido.

Bentley tem uma turnê programada para acontecer no dia 30 de agosto no Conference Centre de Croydon com capacidade para 400 pessoas, antes de visitar Liverpool, Cwmbran e Co Armagh em setembro.

Para o Dr. Michael Nazir-Ali, o antigo Bispo de Rochester, a secretária de Estado deve decidir se a polícia deve participar, caso ela tenha qualquer suspeita de que violência será usada contra as pessoas que são doentes ou vulneráveis.

Bentley é canadense e recebeu atenção internacional por ser a figura chave no “Reavivamento de Lakeland”, na Flórida, em 2008. O fenômeno atraiu 10.000 pessoas por noite quando ele era o pregador principal.

O evangelista foi depois criticado por ocasionalmente usar de violência com alguns participantes.

Em uma reportagem investigativa pela ABC News’ Nightline no mesmo ano, foi revelado o seu passado criminal. Bentley saiu do movimento e logo depois anunciou um relacionamento extra-conjugal com uma membra de sua equipe. Ele veio a se casar de novo depois de sua separação.

Fonte: The Christian Post

Grupo islâmico exige que presidente cristão “converta-se ou renuncie”

O grupo islâmico Boko Haram, já decretou sua intenção de exterminar o cristianismo do país e matou centenas de pessoas.

Nigéria, o país mais populoso da África, continua vendo o massacre de cristãos. A nação se divide entre um Norte de maioria muçulmana e um sul com maior percentagem de cristãos. Na noite desta segunda-feira, homens armados abriram fogo em uma igreja evangélica matando 19 pessoas.

O incidente ocorreu na igreja ‘Deeper Life Bible Chuch’. “Sim, posso confirmar 15 mortes”, afirmou o porta-voz do governo do estado de Kogi, Jacob Edi. Entre os que morreram na hora estava o pastor e quatro fieis morreram depois, em conseqüência de seus ferimentos, explica o tenente-coronel Gabriel Olorunyomi, chefe da Força de Tarefa Conjunta do Estado de Kogi.

O grupo islâmico Boko Haram, já decretou sua intenção de exterminar o cristianismo do país e matou centenas de pessoas. Os membros deste grupo também atacam regularmente representantes do Estado, principalmente a polícia e o exército. Algum tempo atrás atacaram o prédio da ONU na capital do país, Abuja.

Um vídeo postado recentemente na internet mostra Abubakar Shekau, chefe do grupo radical, chamando Barak Obama de ‘terrorista’, e criticou a decisão do governo americano em acrescentar seu nome à lista dos terroristas procurados pelos Estados Unidos. No mesmo vídeo, a Boko Haram exige que o presidente da Nigéria, Goodluck Jonathan, converta-se ao Islã ou renuncie ao cargo.

“Quando a maioria dos nigerianos votaram em Jonathan na eleição presidencial de 2011, sabiam que estavam elegendo um cristão… como presidente, Jonathan é líder dos cristãos e dos muçulmanos do país”, declarou Reuben Abati, o porta-voz da presidência, no domingo. Ele afirma ainda que o presidente classificou a exigência como uma tentativa de “chantagem” e que ninguém pode esperar dele esse tipo de decisão. Segundo o presidente, o objetivo do grupo extremista é provocar uma crise religiosa no país, na tentativa de desestabilizar seu governo.

Embora o Boko Haram tenha sido criado em 2002, sua campanha violenta começou em meados de 2009, depois que seu fundador, Mohammed Yusuf, morreu sob custódia da polícia.

No início de 2010, o presidente Umaru Musa Yar’Adua faleceu e o então vice-presidente Jonathan assumiu a presidência e concorreu para a eleição no início de 2011.

Os objetivos declarados do Boko Haram, cujo nome significa “a educação ocidental é proibida”, são impor a sharia (lei islâmica) como regra na Nigéria. Atualmente, os muçulmanos já conseguiram fazer isso nos 12 estados do norte. Como somam 60% de toda a população, continuam exigindo mais representatividade. Eles fizeram recentemente incursões armadas em aldeias cristãs e o grupo já anunciou que os cristãos “não terão paz novamente” se não aceitarem o Islã.

O secretário de Estado adjunto para assuntos africanos dos EUA, Johnnie Carson, disse que existem “relatórios sobre os contato e as relações crescentes entre membros do Boko Haram e outros grupos extremistas da África, incluindo a al-Qaeda no Magreb Islâmico”.

Fonte: Gospel Prime - Traduzido de CNS News

Obra de igreja evangélica pode ser embargada em bairro de Piracicaba

União apura se construção está sendo executada de maneira irregular. Mulher do dono da igreja diz que propriedade é da família há 50 anos.

A construção de uma igreja evangélica pode ser embargada caso os proprietários não comprovem a posse do terreno, localizado no bairro IAA, em Piracicaba (SP). O lote pertence ao governo federal e atualmente está cedido à Prefeitura. A informação é da Superintendência do Patrimônio da União (SPU). Um morador do local, que não quis se identificar, denunciou a irregularidade à reportagem do G1 Piracicaba e Região.

De acordo com a SPU, responsável por administrar os imóveis da União, os responsáveis pela obra, localizada na rua João Pedro Correa, terão cinco dias, após serem notificados, para apresentarem a documentação sobre o terreno. Caso isto não aconteça, ou se a papelada não justificar a construção da igreja, ligada ao Ministério Peniel, o município será notificado para interditar o local.

Os lotes da rua João Pedro Correa foram cedidos pela Rede Ferroviária Federal em 2001 para a Prefeitura de Piracicaba, para o TRF (Tribunal Regional Federal) e para o TRT (Tribunal Regional do Trabalho). A Prefeitura instalou no local uma Unidade Básica de Saúde (UBS), um galpão e uma Escola Municipal. Com a Rede Ferroviária extinta em 2007, todos os imóveis passaram para a responsabilidade da SPU.

A Prefeitura, por meio da assessoria de imprensa, disse que não foi informada sobre as obras no terreno, pois o mesmo não consta nos registros do Sistema Integrado de Administração Tributária Municipal. “Diante desta denúncia, a fiscalização da Secretaria Municipal de Obras irá ao local para averiguações”, informou o Executivo, em nota.

Outro lado
Procurada pela reportagem para se posicionar sobre o caso, a esposa do dono da igreja, Rose Bispo, afirmou que a propriedade pertence à família do marido há 50 anos e que a situação é regular.

“Antes de começarmos a construir a igreja, aqui existia a casa do meu sogro, que faleceu ano passado”, afirmou. Ainda segundo Rose, o que levou à denúncia sobre supostas irregularidades nas obras é a inveja das pessoas. “Eles têm que parar de tentar vigiar a família dos outros”, disse Rose.

Fonte: G1

Mais de 1.300 crianças foram vítimas de abusos sexuais na Austrália

Pedofilia A Comissão Real para Respostas Institucionais ao Abuso Sexual Infantil, na Austrália, lançou, esta quinta-feira, um relatório ...