quinta-feira, 28 de abril de 2011

Evangélica é estuprada e executada na Baixada

Jovem de 19 anos foi atacada no caminho entre o ponto de ônibus e a sua casa, ao voltar de culto. Ela ficou até tarde na igreja por causa da chuva
Um crime bárbaro assustou moradores de Jardim Laranjeiras, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. A estudante Tairine de Morais da Silva, 19 anos, foi encontrada morta na Estrada de Madureira, na manhã de ontem. Ela teria sido atacada de madrugada, quando voltava de um evento religioso. Segundo a polícia, Há indícios de que a jovem tenha sido estuprada.
Tairine frequentava a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias no bairro Rosa dos Ventos. Ela vinha de uma atividade para jovens na sede de Jacarepaguá. Por causa da chuva que inundou o Rio na noite de segunda-feira, a jovem só conseguiu voltar para casa já de madrugada.
Segundo testemunhas, Tairine desceu do ônibus na Estrada de Madureira por volta de 1h da manhã. A polícia acredita que a jovem tenha sido atacada durante o trajeto até a sua casa. O corpo da estudante foi localizado por volta das 6h, mas só foi retirado do local já na tarde de ontem. A mãe da jovem, Társila Silva de Morais, ficou em estado de choque ao ver a filha, segundo informações passadas por representante da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.
À espera de laudo
O delegado-adjunto da 56ª DP (Comendador Soares), Renato Mariano, espera o resultado de exames para confirmar se houve violência sexual. "Mas há indícios de que a jovem foi estuprada antes de ser morta. Solicitei um exame cadavérico, somente o laudo poderá confirmar", afirmou o delegado, que não quis dar mais detalhes sobre o caso para não atrapalhar as investigações. "Estamos colhendo informações para auxiliar no esclarecimento desse crime. Ouviremos parentes e amigos que estavam com ela na igreja".

Fonte Meia Hora Online

OS REBELDES SEMPRE APARECEM - Pato recém-nascido (e já rebelde) se recusa a encarar foto de família - ---------- para rir

  • O original da família: Assim que a foto ia ser 
tirada, um pato muito rebelde virou as costas para a câmera O original da família: Assim que a foto ia ser tirada, um pato muito rebelde virou as costas para a câmera
Pelo visto, com apenas três dias de idade, não é difícil identificar quem vai ser o encrenqueiro da turma, o rebelde sem causa, a ovelha negra da família (no caso, pato)...
Assim que os sete patinhos fofos da foto (acima) se alinharam, pareceu uma ótima oportunidade para mostrar ao mundo a linda família que formam.
Só que um dos membros resolveu fazer do momento a chance de expressar sua individualidade, e virou as costas para a câmera.
Logo depois se levantou e causou, acidentalmente, a queda de seus irmãos do poleiro, que estava em Pennywell Farm, na cidade de Devon, no Reino Unido.
"Os patinhos foram incubados e este foi a primeira aparição após o nascimento", contou o fazendeiro Chris Murray, de 60 anos, ao site britânico "Mail Online".
"Como o tempo estava ótimo, pensamos que seria bom para eles aproveitarem o sol. Patinhos são animais curiosos, que gostam de andar em fila. Eles seguem uns aos outros e procuram pelo melhor ponto de observação, já que gostam de examinar os arredores", examinou.
Murray acha engraçado que um dos patinhos tenha virado de costas na hora da foto, antes de se levantar e fazer os outros caírem como dominó.


UOL

Terremotos alteram o eixo da Terra a ponto de mudar o clima?

P. As mudanças no eixo da Terra produzidas pelos terremotos alteram o clima mundial?
R. “Em resumo, não”, disse Allegra N. LeGrande do Centro de Pesquisa de Sistemas Climáticas da Universidade Columbia. “As alterações são pequenas demais”.
Pesquisadores do Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa calculam que o terremoto recente no Japão deslocou o eixo rotacional da Terra em mais de 16,5 centímetros, alterando levemente a distribuição de massa no planeta.
Porém, “alterações naturais na massa da Terra na atmosfera e oceanos também causam mudanças de aproximadamente 99 centímetros no eixo rotacional todo ano”, segundo LeGrande. “Trocando em miúdos, as mudanças ligadas a terremotos são muito menores do que as alterações imperceptíveis que acabam ocorrendo todos os anos”.
De acordo com LeGrande, alterações maiores no eixo provocam mudanças climáticas. A mudança cíclica na inclinação do eixo associada a deslocamentos astronômicos, chamadas de obliquidade, tem um ciclo bastante longo, cerca de 41 mil anos, e mudam a inclinação de cerca de 22,1 graus para 24,5 graus. No presente momento, ela está ao redor de 23,4 graus.
Em latitudes mais altas, uma obliquidade maior significa maior irradiação anual total. Nas latitudes baixas, o oposto é válido e, nas médias, praticamente inexiste mudança. Segundo LeGrande, quando a obliquidade é elevada, as diferenças entre o equador e os polos na irradiação total e, também, na temperatura, é mais ampla, em resultado o ciclo das estações do ano se torna mais extremo. “Só que as alterações que acontecem todo ano com a obliquidade são tão minúsculas que não percebemos”.

FONTE . New York Times News Service

SINAIS DOS FINS DOS TEMPOS - Mais de 300 tornados atingiram EUA em uma semana; mortos passam de 250

O Serviço Meteorológico Nacional dos Estados Unidos anunciou que mais de 300 tornados já foram registrados no país desde a última sexta-feira (22), dos quais mais de 130 só nesta quarta (27). Ao todo, mais de 250 pessoas morreram em consequência dos estragos climáticos.
O Estado mais atingido pelos fenômenos, Alabama, onde morreram 162 pessoas, chegou a declarar estado de "enorme desastre" nesta quinta-feira e pediu ajuda de Washington. O presidente Barack Obama prometeu enviar ajuda e equipes de busca e resgate.
"Nossos corações estão com todos aqueles que foram afetados por esta devastação e estamos de prontidão para continuar a ajudar o povo do Alabama", disse Obama em uma mensagem no Twitter nesta quinta.
As autoridades contabilizam até este momento 258 mortos, mas sobreviventes e socorristas acreditam que este balanço ainda deve aumentar.


UOL

QUER SER MISSIONÁRIO DE VERDADE ? VAI AI ALGUMAS IGUARIAS DAS COZINHAS DE ALGUNS PAISES.

Quais as dez comidas mais estranhas do mundo?

Lí isso n Revista mundo estranho, interessante...

                                                    Carne de cachorro? argh!!!


Nosso menu exótico apresenta guloseimas de todo o mundo: macaco chinês, formiga tailandesa, canguru australiano... Esse banquete de arrepiar qualquer paladar foi elaborado com a ajuda do livro Extreme Cuisine ("Cozinha Extrema"). Vai arriscar uma boquinha?
10. ESCORPIÃO FRITO
País/Região - Cingapura
Ué, mas o escorpião não é venenoso? É, sim, mas como o bicho é cozido antes de ser frito em óleo, as altas temperaturas do preparo desencadeiam uma reação química que neutraliza o veneno. Aí, é só deglutir o bichão - inteiro mesmo, das garras até a cauda. A espécie preferida é o escorpião-negro, que é maior e tem menos veneno que o escorpião-marrom.
Curiosidade - O escorpião é um prato admirado pela maioria dos povos asiáticos. Grande parte dos países do continente degusta o pestisco usando hashi, esse par de varetas usado para levar a comida à boca.
9. FILÉ DE PEIXE VENENOSO
País/Região - Japão
O tal peixe venenoso é o fugu ou baiacu, que tem muita tetrodotoxina, um veneno dez vezes mais forte que o cianeto. Para que a iguaria não mate ninguém, o chef retira uma bolsa perto das brânquias com o veneno. Depois, ele fura a bolsa e espalha sobre a carne do peixe uma pequena dose da toxina, para provocar um certo "efeito alucinógeno" em quem come!
Curiosidade - Por causa dos riscos da ingestão do alimento, os cozinheiros e chefs de restaurantes são exaustivamente treinados até ganharem o aval para preparar o fugu para consumo. Mesmo assim, cerca de 20 pessoas morrem por ano, intoxicadas pelo veneno do peixe!
8. FAROFA DE FORMIGA
País/Região - Brasil
O inseto aparece no cardápio rural brasileiro em certas áreas do Sudeste. A variedade preferida é o içá ou saúva - uma formiga que, dizem, tem um gosto parecido com amendoim. Além de consumida em farofas, ela também pode ser torrada com tempero ou congelada para comer durante o ano. E faz bem! Como vários outros insetos, as formigas são ricas em proteína, têm baixo teor de gordura e alto teor de fósforo.
Curiosidade - Do outro lado do mundo, os chineses usam formigas para fabricar um vinho que é útil no tratamento de reumatismo e no fortalecimento dos músculos e ossos.
7. MORCEGO À CAÇAROLA
País/Região - China, Vietnã, sudeste da Ásia
Os morcegos que fazem parte do cardápio humano são os que se alimentam de frutas. Escolhidos por não serem venenosos e por sua dieta saudável, os morcegos frutívoros têm baixo teor de gordura e uma carne cuja textura é comparada à dos frangos. Além da caçarola (um guisado com carne, vegetais e batatas), outras boas pedidas (quer dizer, boas pelo menos para os povos asiáticos) são a sopa e a lasanha de morcego.
Curiosidade - Os entusiastas da carne de morcego acreditam que ela aumenta a potência sexual masculina e as chances de ter uma vida longa e feliz.
6. CANGURU AO VAPOR
País/Região - Austrália
O hábito de comer cangurus começou com os nativos australianos, que cortavam o animal em diversas partes e mandavam ver. Hoje em dia, a carne do bicho é picada e cozida em vapor, com a adição de bacon, sal e pimenta para dar um temperinho. Não sobra nada: até o rabo é aproveitado para fazer sopa! O gosto é comparado ao da carne de avestruz, uma carne vermelha bem forte.
Curiosidade - Os pratos feitos com canguru são vendidos em mais de 900 restaurantes, desde pizzarias até serviços de quarto em hotéis cinco estrelas.
5. SOPA DE CACHORRO
País/Região - Coréia do Sul, Sul da China, Hong Kong
Eis o lado polêmico da diversidade cultural: para nós, ocidentais, comer esse prato é uma tremenda cachorrada. Mas, entre os coreanos, o cão é considerado bastante energético e, de acordo com a crença, melhora o desempenho sexual dos homens. Além da carne dos au-aus, a sopa leva legumes e tem um cheiro forte, principalmente por causa do tempero - em geral, especiarias como açafrão, cravo e canela.
Curiosidade - A venda da carne de cachorro já foi proibida por causa de protestos de protetores dos animais. Mas, em países como a Coréia do Sul, a fiscalização é frouxa e muitos restaurantes continuam fornecendo o prato.
4. OMELETE DE LARVA DO BICHO-DA-SEDA
País/Região - Tailândia, China
Na China, as larvas são fritas com cebola cortada e um molho grosso ou misturadas em omelete com ovos de galinha. Se você não curtir a textura tenra do recheio, também dá para comer a crisálida, a "embalagem" da larva, que parece uma casquinha crocante tipo um salgadinho.
Curiosidade - Na Tailândia, depois de ser incluída na lista de comidas locais, em 1987, a crisálida do bicho-da-seda passou a ser adicionada às sopas na alimentação de crianças nas escolas tailandesas.
3. CÉREBRO DE MACACO
País/Região - África
Séculos antes do Indiana Jones, os africanos já cultivavam o costume de deglutir miolos de primatas. Anote o modo de preparo: primeiro, lave o cérebro (do bicho, claro) com água fria. Depois, acrescente vinagre ou suco de limão, retirando membranas e vasos sanguíneos da camada mais superficial. Conserve em salmoura e, finalmente, ponha a iguaria para cozinhar. Em todas as espécies de macaco, o órgão é rico em fósforo, proteínas e vitaminas.
Curiosidade - Prefere outros cérebros? Tente o de gorila, considerado afrodisíaco. Na áreas rurais da Europa, fazem algum sucesso os cérebros de porco, de cordeiro e de carneiro...
2. CALDO DE TURU
País/Região - Brasil
O turu é um molusco de cabeça dura e corpo gelatinoso, tem a grossura de um dedo e vive em árvores podres, caídas. Consumido na ilha de Marajó e no interior da Amazônia vivo e cru, em caldo com farinha ou em moquecas, o bichinho é rico em cálcio e tido como afrodisíaco. O gosto é semelhante ao dos mariscos.
Curiosidade - O macaco-do-mangue também é um apreciador de turu. Os caçadores sabem disso e abusam, passando pimenta no molusco. Quando o macaco come o bicho, o ardor da pimenta desorienta o primata, tornando-o presa fácil dos caçadores.
1. CARANGUEJEIRA FRITA
País/Região - América do Sul, sul da África, Austrália
É preciso muita coragem para mandar esse bichão peludo para dentro, certo? Mas no caso da caranguejeira ou tarântula, as aparências enganam. Apesar de pavorosa, a espécie não é venenosa - e é a mais consumida no mundo por ser maior que as outras aranhas. A parte mais cobiçada é o abdômen do aracnídeo. É lá que fica a maior parte da carne - na cabeça estão as vísceras e no restante do corpo não há muito mais o que comer.
Curiosidade - Os maiores consumidores de caranguejeira são os índios na América do Sul e os aborígenes na Austrália.

Pastor Marco Feliciano apresenta projeto de lei que impede que trabalhador seja demitido se a esposa estiver grávida

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel De acordo com a assessoria do Pastor, o projeto visa evitar problemas de saúde da gestante ao saber da dispensa do companheiro, dar estabilidade financeira para o funcionário prover a família e “estabelecer um maior entrosamento” entre empregador e empregado.
Segundo a assessoria o projeto não é protecionista, “pois visa apenas manter uma situação já existente de relação de trabalho sem custo adicional, nem prejuízo para o empregador”.
A proposta recebeu a identificação de Projeto de Lei de Nº1148-2011 (PL 1148) e foi concebida após uma comparação com outros projetos semelhantes não aprovados pela Câmara. Ainda não há previsão para que ele seja votado.
Fonte: Gospel+

Os perversos, imorais, idólatras, adúlteros, homossexuais, ladrões, avarentos, alcoólatras, caluniadores, trapaceiros, covardes, incrédulos, depravados, assassinos, feiticeiros, mentirosos, os que praticam imoralidade sexual não entrarão no reino de Deus, o lugar deles será no lago de fogo.

Meditando nessas palavras me pego a pensar nas seguintes questões.

LIDERES DE IGREJAS GRANDES  E PEQUENAS QUE FALAM MAL UNS DOS OUTROS VÃO PARA O CÉU ?

LIDERES DE GRANDES E PEQUENAS IGREJAS QUE USAM OS DÍZIMOS PARA FINS PRÓPRIOS IRÃO PARA O CÉU ?

LIDERES DE GRANDES E PEQUENAS IGREJAS QUE MALTRATAM SUAS ESPOSAS E FILHOS VÃO PARA O CÉU ?

LIDERES DE GRANDES E PEQUENAS IGREJAS QUE SE MANCO MUNAM COM POLÍTICOS CORRUPTORES E CORRUPTOS VÃO PARA O CÉU ?

VEJA DESSES TELE EVANGELISTAS QUE QUASE TODOS ESTÃO DE BIRRA UNS COM OS OUTROS.
MINISTÉRIO VIVENDO O TEMPO DAS TRIBOS , SENDO QUE SOMOS UM SÓ CORPO , JESUS É O CABEÇA DO CORPO.
NÕA PODEMOS VIVER EM UM CORPO SEPARADO , ONDE SEUS MEMBROS SE DISTANCIAM DO RESTANTE DO CORPO.

PARECE ESTAR TUDO ERRADO .
PARECE QUE MUITOS ESCOLHIDOS ESTÃO DE BRAÇOS DADOS COM O INIMIGO.
DEUS , VENHA EM SOCORRO DE SUA IGREJA.

 MEU DEUS , TENHA MISERICORDIA DE NOSSAS VIDAS E NOS LIVRE DO MAL .

Traficantes de drogas sequestram pastor no México


   
 Cerca de 500 pessoas estavam reunidas para o culto de domingo, 10 de abril, no Centro Cristão El Shaddai, na cidade mexicana de Lázaro Cárdenas, em Michoacan, quando quatro homens mascarados invadiram o local e atiraram para o alto.

Antes que os cristãos amedrontados percebessem o que estava acontecendo, seu pastor, Josué Ramírez Santiago, tinha sido levado. Alguns relatos na mídia afirmam que os sequestradores, possíveis traficantes de drogas, estavam em dez homens.

No dia seguinte, a família do pastor recebeu notícias de que os criminosos queriam um resgate de 20 milhões de pesos (cerca de US$ 1,7 milhão). Mesmo se a família conseguisse reunir essa enorme quantia, o pagamento não seria garantia de que a vítima retornaria viva.

Arturo Farela, diretor da Fraternidade Nacional de Igrejas Evangélicas, assegurou que os ligados ao crime organizado e cartéis de droga têm os cristãos como alvo porque eles veem as igrejas como fonte de renda e também porque os cristãos apoiam programas de reabilitação de viciados em drogas e álcool.

“A maior parte dos centros de reabilitação que foram atacados pelo crime organizado em Ciudad Juarez, Tijuana, Tepic e outros lugares, pertencem à comunidade evangélica”, disse Farela. “Além disso, mais de 100 pastores mexicanos e estrangeiros que viviam em Ciudad Juarez tiveram que abandonar a cidade por causa das ameaças e tentativas de suborno. É claro que muitos pastores e suas famílias já foram vítimas de extorsão, ameaças, sequestros e homicídios”.

Tradução: Deborah Stafussi

* Este país não se enquadra entre os 50 mais intolerantes ao cristianismo.

Fonte: Compass Direct

SINAIS DOS FINAIS DOS TEMPOS - A NATUREZA EM FURIA -Número de mortos por tempestades e tornados passa de 170 nos EUA


Estado mais afetado é o Alabama, no sul, com 128 mortes.
Sete estados estão em estado de emergência.


O número de mortos pelas violentas tempestades e tornados que atingiram grande parte do território dos EUA na véspera atinge173, informaram autoridades na manhã desta quinta-feira (28).
O estado mais afetado é o Alabama, onde 128 pessoas morreram, segundo o escritório do governador Robert Bentley. Os danos se espalham por uma grande área.
Também há mortos no Mississippi (32), na Geórgia (11), no Tennessee (1) e na Virgínia (1). Autoridades e imprensa temem que o número de vítimas cresça.
As autoridades declararam estado de emergência em sete estados: Alabama, Arkansas, Kentucky, Mississippi, Missouri, Tennessee e Oklahoma.
Em todos eles, os governadores convocaram a Guarda Nacional para ajudar nas operações de resgate e limpeza.
De um total de 50 estados, 21 foram afetados por temporais, em uma região que vai dos Grandes Lagos, no extremo norte do país, até o Golfo do México, no sul.

O presidente Barack Obama ordenou que o governo “aja rapidamente” no Alabama.
No estado, um gigantesco tornado de quase um quilômetro passou sobre Tuscaloosa, arrasando a região. O prefeito da cidade, Walter Maddox, disse que “algumas zonas estão literalmente irreconhecíveis”.
Muitas pessoas ficaram presas em suas casas, com as portas bloqueadas por árvores. As ruas estão repletas de destroços.
Casa destruída por possível tornado em Concord, no Arizona, é
 vista nesta quinta-feira (28) (Foto: AP)Casa destruída por possível tornado em Concord, no Arizona, é vista nesta quinta-feira (28) (Foto: AP)
Em Birmingham, maior cidade do Alabama, outro tornado causou enorme destruição no norte da zona urbana, arrastando automóveis e arrancando árvores. Ao menos 375 mil pessoas ficaram sem eletricidade no estado, segundo as autoridades.
Centenas de pessoas foram retiradas para abrigos no Missouri (centro), após o rompimento de diques do Rio Black, próximo à localidade de Poplar Bluff. Imagens da televisão americana mostram equipes de resgate enfrentando a forte correnteza para salvar pessoas bloqueadas pelas águas.
Segundo o serviço meteorológico nacional (NWS, National Weather Service), a previsão é de uma breve calmaria para esta quinta (28) e sexta-feira (29), antes da chegada, no sábado (30), de uma nova tempestade.


G1 / AG  INTERNACIONAIS

Sancionada a lei que reconhece a VINACC comoUtilidade Pública.

Foi sancionada pelo prefeito Veneziano Vital do Rêgo, a Lei Municipal 4.981 que Reconhece de Utilidade Pública a Visão Nacional Para a Consciência Cristã. O Vereador Fernando Carvalho, autor da propositura, explica que a partir de agora a instituição passa a ter efetivamente este reconhecimento tão merecido. Para Carvalho, o reconhecimento através da sanção do Prefeito, vem para fortalecer ainda mais o grandioso e irrefutável trabalho realizado por essa instituição, na promoção de eventos da maior significação para a Paraíba, na divulgação da Palavra de Deus, e os frutos positivos que têm sido colhidos, principalmente no Encontro para a Consciência Cristã (Uma Visão Cristocêntrica). Hoje o Encontro pode e deve ser apontado como o maior evento evangélico da América Latina e um dos principais do mundo, congregando milhares de cristãos da Paraíba e de todas as regiões brasileiras. O Encontro Para Consciência Cristã tem sido um instrumento de Deus para o avivamento espiritual da comunidade nacional. Em sua primeira edição, o Encontro para a Consciência Cristã ocorreu de 13 a 16 de fevereiro de 1999, no salão de eventos do antigo Museu Vivo da Ciência e Tecnologia, hoje o Parque do Povo ficou pequeno para a dimensão que tomou. Além da Comunidade Evangélica, representada pela a Ordem dos Ministros Evangélicos do Brasil (OMEB), o Conselho Estadual da Paraíba, e da Associação dos Pastores Evangélicos da Paraíba (APEP), a VINACC recebe apoios das igrejas, da Prefeitura de Campina Grande, e da iniciativa privada e mantenedores. Este ano lamentavelmente o evento não contou como apoio do Governo do Estado.

Filha de Brizola morre aos 56 anos no Rio

Neusa Maria Goulart Brizola, a Neusinha, morreu na tarde desta quarta-feira aos 56 anos. Ela era filha do ex-governador do Rio Leonel Brizola (1922-2004).
Internada desde domingo na Clínica São Vicente, na Gávea (zona sul do Rio), Neusinha morreu por complicações pulmonares decorrentes de uma hepatite.
Ela tinha dois filhos --Laila e Paulo César-- e foi casada três vezes.
"Neusinha, que com todos os desentendimentos que a imprensa sempre explorou, foi sempre objeto de um carinho especial de meus avôs e será sepultada ao lado deles em São Borja", afirmou o deputado Brizola Neto (PDT-RJ) em seu blog.

EUA respondem acusações de Franklin Graham Porta-voz Jay Carney disse aos jornalistas que considera as acusações ´lastimáveis - ` U.S. responds to accusations Franklin Graham

EUA respondem acusações de Franklin Graham

Porta-voz Jay Carney disse aos jornalistas que considera as acusações ´lastimáveis`
EUA respondem 
acusações de Franklin Graham A Casa Branca respondeu os comentários feitos por Franklin Graham sobre o presidente Barack Obama, chamando as acusações de “absurdas.”

“Acho que é lamentável que um líder religioso escolha o domingo de Páscoa para fazer acusações absurdas,” disse o porta-voz Jay Carney aos jornalistas quando questionado sobre o apoio aparente de Graham para a questão da certidão de nascimento.

Franklin Graham, presidente da Associação Evangelística Billy Graham, impulsionou a credibilidade da alegação de ser nascido nos EUA – alegando que Barack Obama não nasceu nos Estados Unidos e, portanto, não está qualificado para ser presidente do país – quando disse a jornalista Christiane Amapour da ABC News que não sabe por que Obama não pode simplesmente produzir sua certidão de nascimento e acabar com a controvérsia.

“Eu nasci em um hospital em Ashville, NC, e eu sei que meus registros estão lá. Provavelmente, você pode até mesmo ir até lá e descobrir o quarto de minha mãe estava quando eu nasci,” disse Graham no “This Week”.

O filho mais velho do evangelista Billy Graham, que muitas vezes era carinhosamente chamado de ‘pastor para os presidentes’, também parecia questionar a definição de Obama de cristão quando ele foi questionado se ele acredita que Obama é um cristão ou muçulmano. Graham disse que Obama tem dito que é um cristão, mas o líder evangélico disse que o debate é como é que Obama define Cristão.

Mais tarde, o mesmo programa da ABC, Richard Land, porta-voz de política pública para a Convenção Batista do Sul, denunciou aqueles que acreditam que Obama é um muçulmano secreto.

“Acho que eles são irracionais, e um pouco desequilibrados,” disse Land durante a parte da mesa redonda “This Week.” “Não tenho nenhuma dúvida de que Barack Obama é típico protestante do século 21. Ele chegou, e converteu à fé cristã, como ele diz pelo reverendo Wright.”

Os líderes cristãos fizeram parte de um especial de Páscoa no “This Week” da ABC, onde discutiram questões relacionadas a Deus e ao governo.


Fonte: Christian Post

Em tempo de crise, ore!

“E sucedeu que, depois disto, os filhos de Moabe, e os filhos de Amom, e com eles outros dos amonitas, vieram à peleja contra Jeosafá. Então vieram alguns que avisaram a Jeosafá, dizendo: Vem contra ti uma grande multidão dalém do mar e da Síria; e eis que já estão em Hazazom-Tamar, que é En-Gedi. Então Jeosafá temeu, e pôs-se a buscar o SENHOR, e apregoou jejum em todo o Judá. E Judá se ajuntou, para pedir socorro ao SENHOR; também de todas as cidades de Judá vieram para buscar ao SENHOR. E pôs-se Jeosafá em pé na congregação de Judá e de Jerusalém, na casa do SENHOR, diante do pátio novo. E disse: Ah! SENHOR Deus de nossos pais, porventura não és tu Deus nos céus? Não és tu que dominas sobre todos os reinos das nações? Na tua mão há força e potência, e não há quem te possa resistir.” 2 Crônicas 20:1-6

Todos nós podemos passar por lutas e problemas em diferentes áreas. Algumas pessoas passam por problemas terríveis com filhos desobedientes, atrevidos, que se envolveram com drogas, ou com coisas ilícitas. Se esse é o seu caso, fique calmo (a), cite a Palavra de Deus. Ainda que seu filho (a) esteja perdido (a), não se desespere, Deus está no controle. Profetize que ele (a) ainda será uma bênção no Reino de Deus.

Às vezes o problema é no casamento. Não desista, duas pessoas diferentes morando numa mesma casa podem passar por conflitos, confie no Senhor e entregue toda situação difícil nas mãos d’Ele.

Talvez seu problema seja uma enfermidade. Não se turbe seu coração, fique calmo, confie no Senhor e na sua Palavra que diz que pelas feridas de Jesus nós fomos sarados.

Ref: Isaías 53.4 e 5.

A Palavra de Deus relata a história de um rei que vivia maravilhosamente bem.

Ref: 2 Cr 17.1-12. Trata-se de Josafá. Além de ser próspero, ainda nasceu como filho de rei. Sua vida era linda, mas um dia ele fez uma aliança com um homem chamado Acabe.

O Rei Acabe casou-se com uma mulher macumbeira e era inimigo dos povos que Josafá dominava. Ele resolveu usar Josafá, dado que este estava bem diante dos inimigos dele.

Dessa artimanha de Acabe, podemos tirar uma lição: Fique atento as alianças, busque direção do Senhor para investir numa sociedade. Josafá resolveu fazer uma aliança com Acabe sem consultar a Deus.

Existem pessoas que querem nos usar para provocar inimizades. Josafá não tinha não tinha inimigo nenhum, mas como passou andar com Acabe, entrou numa enrascada junto com ele. Os adversários uniram-se numa batalha e mataram Acabe, ele foi atingindo por uma flecha que se cravou em sua virilha, e ficou de 12h até o por do sol sangrando, vindo a falecer.

Dessa aliança malfadada, Josafá percebeu que foi usado e que havia entrado numa enrascada. Que Deus nos livre de sermos usados! Num ambiente de trabalho, isso é a coisa mais comum.

Diante dessa situação complicada, Josafá teve medo.

Então Jeosafá temeu, e pôs-se a buscar o SENHOR, e apregoou jejum em todo o Judá. II Cr 20.3.

Na vida muitas vezes temos medo. Medo do amanhã, medo de casar, medo de um recomeço, medo de abrir uma empresa, de não ter condições de pagar uma faculdade, enfim; diante do perigo nos amendontramos.

Quando um rei era capturado naquela época, eles não somente o matavam, mas o mutilavam. E Josafá temeu por sua vida e também pelo povo.

Diante do medo, podemos ter duas reações:

Iº) Entrar em depressão
IIº) Enfrentarmos o medo

Existem pessoas que diante da adversidade querem se matar, se isolar, etc. E outras ao contrário, buscam a Deus e se fortalecem no Senhor.

É obvio que diante de perdas se passa por emoções fortes, mas devemos buscar o socorro no Senhor, participando do culto, de campanhas, orando, intercedendo, etc.

Diante da adversidade, saia pra vida! Se te roubaram, não se desespere, não fique amedrontado, amargurado. Não murmure, fortifique-se em Deus. O medo que devemos ter é o de entristecer o Espírito Santo.

A atitude de Josafá diante do medo foi de buscar a Deus. Devemos aprender com ele. “Então Jeosafá temeu, e pôs-se a buscar o SENHOR, e apregoou jejum em todo o Judá. E Judá se ajuntou, para pedir socorro ao SENHOR; também de todas as cidades de Judá vieram para buscar ao SENHOR.” VS 3 e 4.

Está passando por dificuldades? Jejue, ore, busque a presença do Senhor. Em face de um problema muitas pessoas relaxam, passam mais tempo na frente da televisão, ou descarregam todas as frustrações na comida, ao invés de procurar direção de Deus.

Se sua empresa passa por crise, busque a Deus. Fale pouco com os homens, e fale mais com Deus.

Josafá apregoou um jejum em toda a Judá, porque se ele fosse pego e morto, a nação também pereceria. Quando um chefe de família é mandado embora do emprego, a família padece, o padrão de nível cai, o supérfluo é descartado e o básico tem a prioridade.

Se um líder cair no pecado, várias pessoas podem abalar-se. Quando o líder da casa morre, a situação também muda. Não era somente Josafá que corria perigo, todos corriam. A derrota de uma pessoa pode significar a nossa derrota.

Na hora do perigo, reúna sua família, orem, jejuem, estejam na igreja, não fiquem em casa assistindo televisão.

“E pôs-se Jeosafá em pé na congregação de Judá e de Jerusalém, na casa do SENHOR, diante do pátio novo.” Vs 5

O exemplo de Josafá é tão pertinente para as nossas vidas, porque ele não desesperou-se, ao contrario do que fez Saul que se suicidou, ele buscou ao Senhor.

No seu clamor ao Senhor, ele reconheceu que estava afastado dos caminhos de Deus, quando diz: “Ah, Senhor, Deus de nossos pais.”Vs 6. Enquanto ele consultou a Deus e andou nos seus caminhos, as coisas deram certo pra ele, mas foi só dar as costas, tomar uma decisão sem consultar ao Senhor que as coisas deram errado pra ele.

Não espere você ter problemas para buscar a Deus, mas se você já esta enrascado, busque ao Senhor e se você está bem, busque-O também. Em todo o tempo, busque a Deus, ore.

Depois de se humilhar perante o Senhor ele diz: “Ah nosso Deus...” Vs12

Está com problemas, busque ao Senhor, venha pro altar. Quando Josafá reconheceu o erro e se humilhou, Deus tomou a guerra pra si e deu o escape. A batalha é do Senhor, não tenha medo.

A minha oração é: Senhor entra com providência nas nossas famílias, nas empresas, na cidade, no governo, no país. Tem misericórdia de nós, oh Deus e nos dê a paz!

“Crede no Senhor, vosso Deus e estareis seguros, crede nos seus profetas e prosperais.”

2 Crônicas 20.20.

Pr. Jorge Linhares

Após chegar aos 20 mil seguidores, promoção dará 20 prêmios



Para comemorar com vocês os 20 mil seguidores, preparamos um show de promoção, serão 20 ganhadores  de prêmios mais que especiais! Há assinaturas das Revistas Igreja, Música Cristã & Sonorização; Camisetas. Para participar é fácil. Leia o regulamento e corra pois a promoção termina dia 1º de maio.
Post a frase promocional: A @EXPOCRISTA comemora 10 anos em setembro de 20 a 25 no Anhembi – SP  #EXPOCRISTA10ANOS. As 20 pessoas que mais postarem a frase do twitter faturam os prêmios.

Prêmios:
1º lugar: Assinatura da revista Igreja por 6 meses
2º lugar: Assinatura da revista Música Cristã & Sonorização por 6 meses
3º lugar: 5 convites da EXPOCRISTÃ 2011 – vale ingresso (por não estar impresso faremos o vale ingresso) + 1 camiseta da @GRACAMUSIC
4º lugar: Kit 1 CD +1 livro “ Vida após as drogas de André Lourenço “ + 2 exemplares da revista Igreja/MCS (edição recente) + 1 camiseta da @GRACAMUSIC
5º lugar: 2 convites da EXPOCRISTÃ 2011 – vale ingresso (por não estar impresso faremos o vale ingresso) + 1 camiseta da @GRACAMUSIC
6º lugar até o 20º - 1 CD da @GRACAMUSIC
CDs como: Ao cubo, Chris Durán, Dany Grace,  Mauricea,  Ministerio Unção de Deus, Rafael Araújo, Sandro Nazireu, Ministerio Nova Jerusalém,  Thalles, Giselle di Mene, Trazendo a arca,André Valadão e Luiz Arcanjo
Para participar é simples!
Poste a frase promocional individualmente para seus followers (numerada) , as 20 pessoas que mais repassar a frase será o ganhador!
Você terá 5 dias para realizar sua postagem!
Inicio:  27/04/2011                                      
Termino: 01/05/2011 as 00:00h horário de Brasília.
Frase promocional: A @EXPOCRISTA comemora 10 anos em setembro de 20 a 25 no Anhembi – SP (link do creio)  #EXPOCRISTA10ANOS
Regras:
1-      Os participantes devem numerar as postagens para que a organização mensure os ganhadores;
2-      A postagem deve ser a frase promocional;
3-      A postagem deve ser individual;
4-      Os Cds serão enviados por Correio e terá um prazo para entrega;
5-      O resultado sairá em 24 horas e será comunicado no Portal Creio e será postado no twitter;

Igreja Assembléia de Deus precisa de voluntários para o Centenário

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel “Precisamos de pessoas das mais diversas competências. Sejam médicos, enfermeiros, até aqueles que recepcionarão, nos pontos de acesso da cidade, as diversas caravanas que virão à Belém para este grande marco, que são os 100 anos da Assembleia de Deus”, ressalta o pastor Isaías Chagas, do comitê de hospedagem e voluntariado do Centenário da AD.
Os cadastros já começaram e ainda podem ser realizados pelo site da Igreja, e também em qualquer templo da Assembleia de Deus, através de um formulário, que deverá ser preenchido e entregue no Templo Central da igreja. “Toda a sociedade paraense é convidada a participar desse momento. Não esperamos somente membros da AD. O Centenário é patrimônio não só da Igreja, mas da cidade que há 100 anos recebeu a semente lançada por Daniel Berg e Gunnar Vingren”, convida o pastor Isaías.
Números – A organização tem como meta 1800 voluntários, e já contabiliza aproximadamente 600 voluntários inscritos para as comemorações, que receberão cerca de 450 mil pessoas do Pará, do país e do mundo. Para hospedar a multidão de fiéis que vem de fora do Estado, o comitê de organização tem buscado parcerias de possíveis hospedagens, além da rede hoteleira da região metropolitana de Belém. Até então já se contabiliza 80% da meta para hospedagens. São sítios, chácaras, escolas municipais e estaduais, campings, e também os membros da Igreja, que abrirão suas casas para acomodar os visitantes.

Origem

A Assembleia de Deus foi criada, em Belém, pelos suecos Daniel Berg e Gunnar Vingren, em 18 de junho de 1911. Nos anos seguintes, pastores levaram a evangelização para outros estados e países e, hoje, a Igreja é considerada o maior movimento pentecostal do mundo. Segundo dados o Censo 2000, divulgado pelo Instituo Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em todo o Brasil são cerca de 10 milhões de assembleianos.
Em 2011, a Igreja celebra o seu Centenário e prepara uma grande programação. Estão previstas celebrações, peças teatrais, apresentações musicais, entre outras iniciativas. O ponto alto das comemorações acontecerá no dia 18 de junho, quando uma marcha reunirá cerca de 200 mil pessoas, de todas as religiões, e será concluída num grande culto com a participação do evangelista Reinhard Bonnke, da missionária Helena Raquel e do pastor Silas Malafaia, além de outros pregadores nacionais e internacionais.


Fonte: Assessoria de Imprensa

Centenário da Assembleia de Deus busca união entre pastores

Depois de tantas polêmicas, os pastores José Wellington, Malafaia, Câmara, Manoel Ferreira foram convidados para a festa da denominação.

18 de junho de 2011. Nesta data a Assembleia de Deus comemora cem anos de fundação, após a chegada de Daniel Berg e Gunnar Vingren.

Mesmo com antas divisões, inclusive de campos e costumes, a Assembleia de Deus busca a união no centenário. José Wellington, Silas Malafaia, Sâmuel Câmara, Manoel Ferreira foram convidados para programação que acontecerá entre os dias 16 e 18 de junho em Belém do Pará.

Já que foi lá que tudo comecou, deve ser lá o principal ponto de comemoração. Sâmuel Câmara, bispo Manoel Ferreira e Silas Malafaia já confirmaram participação e inclusive sendo um dos preletores.

José Wellington até o momento ainda não confirmou presença. Mas a expectativa é que ele participe confirmando a união dos assembleianos no Brasil.

O convite já foi protocolado na secretaria da Convenção Geral das Assembleias de Deus. No site do Centenário, a CGADB informa que fará no dia 09 um culto em gratidão pelo Centenário. Mas a torcida é que os líderes estejam juntos nesta importante data para o pentecostalismo. Tanto que já circula na internet uma campanha de oração para que as barreiras de costumes sejam derrubadas e os líderes estejam juntos na festividade.

Fonte: Creio

Pastor diz que a igreja evangélica hoje não é a que Deus quer

A Igreja, hoje, tornou-se previsível, diz autor de best-seller e pregador influente Francis Chan.

“Você vai para um prédio, alguém lhe dá um boletim, você se senta em uma cadeira, você canta algumas músicas, talvez um rapaz dá uma mensagem polida, talvez não, alguém canta um solo, você vai para casa,” disse Chan no seu mais vídeo recente, “BASIC.”

O autor de Crazy Love se preocupa com a grande desconexão entre o que a Igreja se parece hoje e o que parecia 2.000 anos atrás.

“Quando você lê o Novo Testamento, você vê o Espírito Santo deveria mudar tudo para que desta maneira esse agrupamento de pessoas que chamam a si mesmos Cristãos eles tivessem este elemento sobrenatural sobre eles,” explica Chan na série de vídeo, produzido pela Flannel. Sua fala sobre o Espírito Santo recentemente estreou no RelevantMagazine.com.

Foi o Espírito Santo, que desceu depois que Jesus subiu ao céu, que empoderou milhares de Cristãos de anos atrás. Através do poder do Espírito Santo, as pessoas começaram a falar em línguas diferentes, ficaram curadas, e os crentes tinham um amor sobrenatural uns pelos outros.

O fogo que desceu do céu, aquela lufada de vento, contudo, parece ter desaparecido, Chan assinalou.

“Você realmente vê esse poder sobrenatural a trabalho quando os crentes se reúnem para o que chamamos de Igreja?” ele pergunta. “Não é o mesmo Espírito Santo que deveria estar disponível para nós hoje? Por que é tão diferente?”

As frustrações de Chan, com a Igreja de hoje é o que inspirou a série “BASIC.” Ele estava conduzindo com sucesso uma mega-igreja em Simi Valley, Califórnia, quando começou a questionar e repensar o “como fazemos Igreja.” Comecei a me sentir desconfortável com as pessoas que dirigem longas distâncias apenas para ouví-lo falar todo fim de semana e com a Igreja se tornando uma rotina uma vez por semana.

Após 16 anos na Igreja Cornerstone, ele deixou de dar as rédeas em 2010 e viajou para ásia, onde ele e sua família passaram o tempo com os Cristãos perseguidos e órfãos.

Ele está ainda para anunciar o próximo movimento de seu ministério mas uma atualização em seu blog revelou que ele está residindo atualmente em São Francisco. “Estou trabalhando em projetos que eu creio que podem ajudar a saúde como um todo da Igreja nos Estados Unidos,” escreveu ele no início deste ano.

Chan filmou uma série de curta-metragem de sete partes com Flannel que visa desafiar os Cristãos a serem a Igreja que é ilustrada nas Escrituras. Os vídeos estão sendo liberados lentamente e o Espírito Santo é o terceiro e mais recente na série que está sendo disponibilizada.

Nela, Chan observa o que a Igreja se parece hoje e o que supostamente deveria parecer, de acordo com a Bíblia.

“Eu ouvi uma pessoa dizer que a Igreja hoje não é super e nem natural,” disse ele. “Tudo é previsível tudo é esperado.”

“Há uma verdade nisso,” eu admito. “Eu me sinto mal com isso. Estando em torno de uma cultura de Igreja, mesmo conduzindo uma reunião de crentes, já comecei a ficar muito bom em prever o que iria acontecer em um culto da Igreja. Era desse jeito que deveria acontecer?”

“Quando Jesus disse: esse poder (do Espírito Santo) viria em cima de você, ele realmente veio sobre eles, e eles eram seres poderosos (os discípulos de Jesus),” assinalou Chan. “Por que é que na Igreja tantas pessoas são derrotadas, enfraquecidas ou inseguras, é porque olhamos muito para nós mesmos ao invés de Deus? Não faz sentido.”

Embora os Cristãos acreditem em um Deus Todo-Poderoso e poderoso, que coloca o Seu Espírito nos crentes, a resposta do meio de Seu povo hoje é: “Olá, bem vindo à Igreja. Aqui está o seu boletim. Estará livre para ir em uma hora. Volte na próxima semana.”

“Quero dizer, sério? Será que isso é tudo o que Deus destinou para nós?” desafiou Chan.

Enquanto ponderava se os Cristãos realmente acreditam que o Espírito Santo existe hoje e pode trabalhar com força, ele fez uma pungente pergunta: “Qual seria a aparência de Igreja, hoje, se nós realmente parássemos de ter o controle disso e deixássemos o Espírito Santo conduzir?”

“Acredito que isto é exatamente o que o mundo precisa ver.”

Fonte: The Christian Post

CARTA DO PASTOR RICARDO GONDIN EXPLICANDO SOBRE A SUA POSTURA COMO PASTOR .

Estou cansado!
Cansei de ter de explicar que há uma diferença brutal entre a fé bíblica e as crendices supersticiosas.
Cansei! Entendo que o mundo evangélico não admite que um pastor confesse o seu cansaço. Conheço as várias passagens da Bíblia que prometem restaurar os trôpegos. Compreendo que o profeta Isaías ensina que Deus restaura as forças do que não tem nenhum vigor. Também estou informado de que Jesus dá alívio para os cansados. Por isso, já me preparo para as censuras dos que se escandalizarem com a minha confissão e me considerarem um derrotista. Contudo, não consigo dissimular: eu me acho exausto.
Não, não me afadiguei com Deus ou com minha vocação. Continuo entusiasmado pelo que faço; amo o meu Deus, bem como minha família e amigos. Permaneço esperançoso. Minha fadiga nasce de outras fontes.
Canso com o discurso repetitivo e absurdo dos que mercadejam a Palavra de Deus. Já não agüento mais que se usem versículos tirados do Antigo Testamento e que se aplicavam a Israel para vender ilusões aos que lotam as igrejas em busca de alívio. Essa possibilidade mágica de reverter uma realidade cruel me deixa arrasado porque sei que é uma propaganda enganosa. Cansei com os programas de rádio em que os pastores não anunciam mais os conteúdos do evangelho; gastam o tempo alardeando as virtudes de suas próprias instituições. Causa tédio tomar conhecimento das infinitas campanhas e correntes de oração; todas visando exclusivamente encher os seus templos. Considero os amuletos evangélicos horríveis. Cansei de ter de explicar que há uma diferença brutal entre a fé bíblica e as crendices supersticiosas.
Canso com a leitura simplista que algumas correntes evangélicas fazem da realidade. Sinto-me triste quando percebo que a injustiça social é vista como uma conspiração satânica, e não como fruto de uma construção social perversa. Não consideram os séculos de preconceitos nem que existe uma economia perversa privilegiando as elites há séculos. Não agüento mais cultos de amarrar demônios ou de desfazer as maldições que pairam sobre o Brasil e o mundo.
Canso com a repetição enfadonha das teologias sem criatividade nem riqueza poética. Sinto pena dos teólogos que se contentam em reproduzir o que outros escreveram há séculos. Presos às molduras de suas escolas teológicas, não conseguem admitir que haja outros ângulos de leitura das Escrituras. Convivem com uma teologia pronta. Não enxergam sua pobreza porque acreditam que basta aprofundarem um conhecimento “científico” da Bíblia e desvendarão os mistérios de Deus. A aridez fundamentalista exaure as minhas forças.
Canso com os estereótipos pentecostais. Como é doloroso observá-los: sem uma visitação nova do Espírito Santo, buscam criar ambientes espirituais com gritos e manifestações emocionais. Não há nada mais desolador que um culto pentecostal com uma coreografia preservada, mas sem vitalidade espiritual. Cansei, inclusive, de ouvir piadas contadas pelos próprios pentecostais sobre os dons espirituais.
Cansei de ouvir relatos sobre evangelistas estrangeiros que vêm ao Brasil para soprar sobre as multidões. Fico abatido com eles porque sei que provocam que as pessoas “caiam sob o poder de Deus” para tirar fotografias ou gravar os acontecimentos e depois levantar fortunas em seus países de origem.
Canso com as perguntas que me fazem sobre a conduta cristã e o legalismo. Recebo todos os dias várias mensagens eletrônicas de gente me perguntando se pode beber vinho, usar “piercing”, fazer tatuagem, se tratar com acupuntura etc., etc. A lista é enorme e parece inexaurível. Canso com essa mentalidade pequena, que não sai das questiúnculas, que não concebe um exercício religioso mais nobre; que não pensa em grandes temas. Canso com gente que precisa de cabrestos, que não sabe ser livre e não consegue caminhar com princípios. Acho intolerável conviver com aqueles que se acomodam com uma existência sob o domínio da lei e não do amor.
Canso com os livros evangélicos traduzidos para o português. Não tanto pelas traduções mal feitas, tampouco pelos exemplos tirados do golfe ou do basebol, que nada têm a ver com a nossa realidade. Canso com os pacotes prontos e com o pragmatismo. Já não agüento mais livros com dez leis ou vinte e um passos para qualquer coisa. Não consigo entender como uma igreja tão vibrante como a brasileira precisa copiar os exemplos lá do norte, onde a abundância é tanta que os profetas denunciam o pecado da complacência entre os crentes. Cansei de ter de opinar se concordo ou não com um novo modelo de crescimento de igreja copiado e que vem sendo adotado no Brasil.
Canso com a falta de beleza artística dos evangélicos. Há pouco compareci a um show de música evangélica só para sair arrasado. A musicalidade era medíocre, a poesia sofrível e, pior, percebia-se o interesse comercial por trás do evento. Quão diferente do dia em que me sentei na Sala São Paulo para ouvir a música que Johann Sebastian Bach (1685-1750) compôs sobre os últimos capítulos do Evangelho de São João. Sob a batuta do maestro, subimos o Gólgota. A sala se encheu de um encanto mágico já nos primeiros acordes; fechei os olhos e me senti em um templo. O maestro era um sacerdote e nós, a platéia, uma assembléia de adoradores. Não consegui conter minhas lágrimas nos movimentos dos violinos, dos oboés e das trompas. Aquela beleza não era deste mundo. Envoltos em mistério, transcendíamos a mecânica da vida e nos transportávamos para onde Deus habita. Minhas lágrimas naquele momento também vinham com pesar pelo distanciamento estético da atual cultura evangélica, contente com tão pouca beleza.
Canso de explicar que nem todos os pastores são gananciosos e que as igrejas não existem para enriquecer sua liderança. Cansei de ter de dar satisfações todas as vezes que faço qualquer negócio em nome da igreja. Tenho de provar que nossa igreja não tem título protestado em cartório, que não é rica, e que vivemos com um orçamento apertado. Não há nada mais desgastante do que ser obrigado a explanar para parentes ou amigos não evangélicos que aquele último escândalo do jornal não representa a grande maioria dos pastores que vivem dignamente.
Canso com as vaidades religiosas. É fatigante observar os líderes que adoram cargos, posições e títulos. Desdenho os conchavos políticos que possibilitam eleições para os altos escalões denominacionais. Cansei com as vaidades acadêmicas e com os mestrados e doutorados que apenas enriquecem os currículos e geram uma soberba tola. Não suporto ouvir que mais um se auto-intitulou apóstolo.
Sei que estou cansado, entretanto, não permitirei que o meu cansaço me torne um cínico. Decidi lutar para não atrofiar o meu coração.
Por isso, opto por não participar de uma máquina religiosa que fabrica ícones. Não brigarei pelos primeiros lugares nas festas solenes patrocinadas por gente importante. Jamais oferecerei meu nome para compor a lista dos preletores de qualquer conferência. Abro mão de querer adornar meu nome com títulos de qualquer espécie. Não desejo ganhar aplausos de auditórios famosos.
Buscarei o convívio dos pequenos grupos, priorizarei fazer minhas refeições com os amigos mais queridos. Meu refúgio será ao lado de pessoas simples, pois quero aprender a valorizar os momentos despretensiosos da vida. Lerei mais poesia para entender a alma humana, mais romances para continuar sonhando e muita boa música para tornar a vida mais bonita. Desejo meditar outras vezes diante do pôr-do-sol para, em silêncio, agradecer a Deus por sua fidelidade. Quero voltar a orar no secreto do meu quarto e a ler as Escrituras como uma carta de amor de meu Pai.
Pode ser que outros estejam tão cansados quanto eu. Se é o seu caso, convido-o então a mudar a sua agenda; romper com as estruturas religiosas que sugam suas energias; voltar ao primeiro amor. Jesus afirmou que não adianta ganhar o mundo inteiro e perder a alma. Ainda há tempo de salvar a nossa.
Soli Deo Gloria.
Pr. Ricardo Gondim

Autor de "A cruz e o punhal", David Wilkerson morre em acidente

Open in new windowDavid Wilkerson perdeu o controle do carro e se chocou com um caminhão que vinha no sentido contrário.

O pastor David Wilkerson, 79 anos, fundador da Times Square Church em Nova York, e autor de livros conhecidos como “A Cruz e o Punhal”, faleceu nesta quarta-feira em um acidente de carro numa rodovia do Texas.

Sua esposa Gwen também estava no carro e foi levada para o hospital juntamente com o motorista do caminhão. Não há notícias do hospital quanto ao estado de saúde deles.

A notícia do acidente começou a se espalhar rapidamente na noite de quarta-feira em sites de redes sociais como Facebook e Twitter. Rich, um primo de Wilkerson, confirmou a morte no Twitter. “Confirmo que meu querido primo David Wilkerson perdeu a vida num trágico acidente de carro esta tarde. Suas orações são necessárias neste momento”, escreveu ele.

Wilkerson postou em seu blog um artigo datado de 27 de abril – o dia da sua morte. Intitulado “Quando tudo mais falhar”, ele incentivou as pessoas que estão enfrentando dificuldades a “permanecerem firmes na fé”

“Para quem passa pelo vale da sombra da morte, ouça esta palavra: o choro vai durar por algumas noites escuras e teríveis, mas em breve você vai ouvir o sussurro do Pai: ‘Eu estou com você’. Amado, Deus nunca deixou de agir, sempre com bondade e amor. Quando tudo mais falhar, o seu amor ainda prevalece. Segure firme em sua fé. Permaneça firme na sua Palavra. Não há outra esperança neste mundo. ”

Wilkerson passou a primeira parte do seu ministério trabalhando em Nova York com membros de gangues e viciados em drogas, conforme relatou em seu best-seller “A Cruz e o Punhal”.

Em 1971, iniciou o World Challenge, ministério que cuidava de suas cruzadas, conferências, evangelismo e outras atividades. Em 1987 fundou a Igreja de Times Square, que hoje é liderada pelo pastor Carter Conlon e tem mais de 8.000 membros.

Wilkerson também fundou o Desafio Jovem, um programa cristão para recuperação de jovens viciados. Ele deixou esposa, quatro filhos e 11 netos.

Fonte: CBN e Guia-me

Silas Malafaia nega aluguel de limousine para passear durante congresso

O jornal Bahia OnLine noticiou que o pastor Silas Malafaia teria alugado uma limousine de 7 mil reais de diária para participar de um congresso. Em nota, Malafaia nega as acusações.

Recentemente o Jornal Bahia On Line noticiou que o pastor Silas Malafaia esteve participando do Congresso de Resgate da Nação em Porto Seguro e durante sua estadia na cidade ele teria alugado uma limousine e frequentado restaurantes à beira-mar. A matéria publicada informava que o pastor chamava a atenção pelas ruas da cidade ao desfilar em uma loumisine que teria o custo de 7 mil reais de diária..

A notícia foi rapidamente copiada pelos sites sensacionalistas voltados ao público evangélico gerando grande polêmica em volta do pastor Silas Malafaia sem apurar se os fatos eram reais.

Diante da repercussão dessa notícia a assessoria do pastor enviou um comunicado à imprensa alertando de que o jornal baiano noticiou uma inverdade e por esse motivo aceitou publicar a carta com o direito de resposta.

O texto da assessoria da igreja Vitória em Cristo esclareceu que o pastor Silas Malafaia não estava presente em Porto Seguro no período informado na matéria, tampouco participou do 12º Congresso de Resgate da Nação realizado na cidade.

Leia a nota enviada ao jornal:

“Srs. responsáveis pelo Jornal Bahia Online,
A falta de profissionalismo é notória na matéria divulgada pelo site do Jornal Bahia Online. É inadmissível um veículo que deveria zelar pela veracidade das informações propagar difamações e calúnias, porque sua equipe não se deu ao trabalho de apurar os boatos a respeito do pastor Silas Malafaia.

Recentemente divulgaram nesse site, mais precisamente no endereço , uma reportagem difamatória afirmando que o pastor Silas Malafaia teria participado do 12º Congresso de Resgate da Nação em Porto Seguro, na Bahia, evento este que aconteceu de 19 a 23 de abril de 2011. A tônica da referida matéria, intitulada Pastor anda de limousine em Porto durante evento que debate o resgate da Nação, era a celeuma provocada pelo luxo do “polêmico pastor Silas Malafaia”, que haveria percorrido as ruas da cidade e frequentado restaurantes à beira-mar, desde 18 de abril, em uma limusine especialmente alugada para ele.

Diante das deslavadas mentiras, vimos trazer alguns esclarecimentos. O pastor Silas Malafaia não estava presente em Porto Seguro no período informado na matéria, tampouco participou do 12º Congresso de Resgate da Nação realizado na cidade. No dia 19 de abril, ele ministrou na Assembleia de Deus Vitória em Cristo na Penha (RJ), igreja presidida por ele. Nos dias 20 e 21, o pastor Silas continuou no Rio de Janeiro, para atender aos seus compromissos. No dia 22, ele embarcou para o exterior, para cumprir agenda.

Informamos ainda que o pastor Silas Malafaia se desligou da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB) em maio de 2010. Portanto, não é vice-presidente dessa instituição, conforme é afirmado na reportagem.

Por fim, o pastor Silas Malafaia não comprou um avião por R$ 20 milhões, como consta na matéria. O valor dessa aquisição foi infinitamente menor, e a compra foi feita em nome da Associação Vitória em Cristo (AVEC). Sendo assim, a aeronave não é propriedade dele, e sim da AVEC, para atender às necessidades do ministério.

Após o exposto, desafiamos a equipe do Jornal Bahia Online a provar que era realmente o pastor Silas Malafaia quem usufruiu do veículo de luxo (a limousine) em Porto Seguro. O redator da matéria, que não se identificou, fez tanta questão de dizer que, “depois de muitas tentativas, uma fonte do Jornal Bahia conseguiu fotografar o veículo estacionado”. Por que ele mesmo não se preocupou em apurar os boatos para saber se eram falsos? Aquela foto não prova nada!

Lamentamos pelo fato de o Jornal Bahia Online tentar denegrir a imagem do pastor Silas Malafaia e, garantidos pela Lei de Imprensa, solicitamos o Direito de Resposta, com o mesmo espaço da matéria publicada, no prazo de 48 horas, a contar da data de hoje, 27 de abril de 2011. Caso o pedido não seja atendido, tomaremos imediatamente as medidas judiciais cabíveis.”


Fonte: Guia-me

“Que Deus não nos livre de um país evangélico”, afirma o bispo Robinson Cavalcanti

Open in new windowO texto seria uma resposta ao polêmico pastor Ricardo Gondim que recentemente publicou um texto com o título “Que Deus nos livre de um país evangélico”.

O bispo Anglicano Robinson Cavalcanti escreveu um texto agradecendo a Deus por ele não ter livrado o Brasil dos imigrantes que trouxeram o evangelho até nós.

Ele fala também sobre os problemas sociais que temos no país e que acredita que o Brasil seria melhor “com uma Igreja madura que, sem fugas alienantes, adesismos antiéticos ou tentações teocráticas, possa “salgar” e “iluminar” com os valores do Reino.”

Por esse motivo é que ele escreve pedindo para que Deus não nos livre de ter um país cada vez mais evangélico. Vale lembrar que alguns dias atrás, o pastor Ricardo Gondin causou polêmica ao escrever um artigo com o titulo “Deus nos livre de um país evangélico“

Apesar da abordagem e foco diferentes, ambos os textos falam sobre a influência evangélica na sociedade brasileira. Confira na integra abaixo:

Uma primeira constatação é que estamos ainda distantes de ser um “país evangélico”: quarenta milhões da população é formada por miseráveis; uma insegurança pública generalizada; uma educação pública de faz-de-conta; uma saúde pública caindo aos pedaços, assim como as nossas estradas, a corrupção endêmica no aparelho do Estado, o consumo da droga ascendente, prostituição, discriminação contra os negros e os indígenas, infanticídio no ventre, paradas de orgulho do pecado, uma das maiores desigualdades sociais do mundo. Uma grande distância do exemplo de vida e dos ensinamentos de Jesus de Nazaré, cujas narrativas e palavras somente conhecemos por um livro chamado de Bíblia, que o mesmo citava com frequência, e que foi organizado por uma entidade fundada pelo próprio: uma tal de Igreja. Uma grande distância da ética e da “vida abundante” apregoada pelas Boas Novas, o Evangelho.

Percebemos sinais do sagrado cristão em nossa História e em nossa Cultura, mas, no geral, ficando na superfície. Se os símbolos importassem tanto, o Rio de Janeiro, com aquela imensa estátua do Cristo Redentor, deveria ser uma antecâmara do Paraíso.

Como cidadão responsável, e como cristão, como eu gostaria que o meu País fosse marcado pela justiça, pela segurança, pela paz, fruto do impacto das Boas Novas, do Evangelho. Sinceramente, gostaria muito que tivéssemos um Brasil mais evangélico.

Fico feliz que Deus não tenha nos livrado da imigração dos protestantes alemães, suíços, japoneses, coreanos, e tantos outros. Fico feliz pelo seu trabalho e por sua fé.

Fico feliz por Deus não nos ter livrado do escocês Robert R. Kalley, médico, filantropo e pastor escocês, fugindo do cacete na Ilha da Madeira (Portugal), pioneiro da pregação do Evangelho entre nós, nos deixando as igrejas congregacionais. Ele nem era norte-americano, nem fundamentalista, pois esse movimento somente surgiria meio século depois. Eram norte-americanos, e também não-fundamentalistas os pioneiros das igrejas presbiteriana, batista, metodista e episcopal anglicana que vieram ao Brasil na segunda metade do século XIX.

Fico feliz por Deus não nos ter livrado desses teimosos colportores que varavam os nossos sertões sendo apedrejados, vendendo aquelas Bíblias “falsas”, cuja leitura, ao longo do tempo, foi tirando gente da cachaça e dos prostíbulos, reduzindo os seus riscos de câncer de pulmão, cuidando melhor de sua família, como trabalhadores e cidadãos exemplares.

Fico feliz por Deus não ter nos livrado desses colégios mistos, desses colégios técnicos (agrícolas, comerciais e industriais), trazidos por esses missionários estrangeiros, em cujo espaço confessei a Jesus Cristo como meu único Senhor e Salvador. E, é claro, tem muita gente agradecendo a Deus por não nos ter livrado do voleibol e do basquetebol introduzido pioneiramente nesses colégios… nem pelo fato do apoio à Abolição da Escravatura, à República ou ao Estado Laico.

Por essas e outras razões, é que vou comemorar (com uma avaliação crítica) com gratidão, dentro de seis anos, os 500 anos da Reforma Protestante do Século XVI, corrente da Cristandade da qual sou militante de carteirinha desde os meus dezenove anos.

Essa gratidão ao Deus que não nos livrou dos protestantes de imigração e dos protestantes de missão, inclui, sinceramente, os protestantes pentecostais, herdeiros daquela igreja original, dirigida por um negro caolho (afro-descendente portador de deficiência visual parcial, na linguagem do puritanismo de esquerda, conhecido por “politicamente correto”)…, mas que abalaria os alicerces religiosos do mundo. Eu mesmo sou um velho mestiço brasileiro e nordestino, e não me vejo como um ítalo-luso-afro-ameríndio de terceira idade…

Olhando para o termo “evangélico”, usado sistematicamente na Inglaterra, a partir de meados do século XIX, como uma confluência da Reforma e de alguns dos seus desdobramentos, como o Confessionalismo, o Puritanismo, o Pietismo, o Avivalismo e o Movimento Missionário, com paixão missionária pelo Evangelho que transforma, dou graças a Deus que Ele não nos tenha livrado da presença dos seus seguidores e propagadores. Até porque, por muito tempo, não tivemos presença fundamentalista (no sentido posterior) e nem do liberalismo, pois esses últimos são bons de congressos e revoluções de bar, mas não muito chegados a andar de mulas por sertões nunca antes trafegados…

Minha avó é quem dizia que “toda família grande vira mundiça”, se referindo ao fato de que quando qualquer instituição, grupo ou movimento social cresce, é inevitável que ao lado do crescimento do trigo haja um aumento significativo do joio. Nesse sentido, o protestantismo e o evangelicalismo brasileiro são normais (com desvios e esquisitices), mas, garanto que temos muitíssimo mais trigo (às vezes armazenados nos celeiros, quando deveriam estar sendo usados nas padarias). No meu tempo só tinha crente militante e desviado; depois apareceram os descendentes, os nominais, os de IBGE, os bissextos e os ocasionais.

No sentido histórico dou graças a Deus pelo localizado movimento fundamentalista nos Estados Unidos, em reação ao racionalismo liberal, pois também afirmo a autoridade das Sagradas Escrituras, o nascimento virginal, a cruz expiatória, o túmulo vazio e a volta do Senhor. Depois o termo foi distorcido por um movimento sectário, antiintelectual, racista, e hoje é aplicado até ao Talibã, em injustiça à proposta original

Quanto ao Tio Sam, nem todo republicano é evangélico, nem todo evangélico é republicano, embora, de época para época, haja deslocamentos religiosos-políticos naquele país. Eu mesmo não tenho muita simpatia (inclusive aqui) pelo Partido do Chá (Tea Party), pois tenho longa militância no Partido do Café e no Partido do Caldo de Cana com Pão Doce.

A Queda do Muro de Berlim assinalou o ocaso da modernidade e o início de uma ainda confusa pós-modernidade, com a mundialização da cultura anglo-saxã, no que tem de bom e no que tem de mau, mas, como nos ensina Phillip Jenkins, a Cristandade está se deslocando do hemisfério Norte para o hemisfério Sul, e, inevitavelmente, revelamos nossas imaturidades, que devem e podem ser superadas.

Agora, todo teólogo, historiador ou sociólogo da religião sérios, perceberá a inadequação do termo “protestante” ou “evangélico” (por absoluta falta de identificação caracterizadora) com o impropriamente chamado “neo-pentecostalismo”, na verdade seitas para-protestantes pseudo-pentecostais (universais, internacionais, mundiais, galáxicas ou cósmicas), e que é algo perverso e desonesto interpretar e generalizar o protestantismo, e, mais ainda, o evangelicalismo brasileiro, a partir das mesmas.

O avanço do Islã e a repressão aos cristãos onde eles dominam é um “óbvio ululante”, a defesa da vida em relação ao aborto, à eutanásia, aos casais que não querem ter filhos, ao homossexualismo, o atentado ao meio ambiente (“cultura da morte”) é coerente com o princípio da Missão Integral da Igreja na “defesa da vida e da integridade da criação”.

A identidade evangélica se faz por um rico conteúdo e não por antagonismo ou relação reativa a conjunturas.

Sabemos que o mundo jaz do maligno, que o evangelho será pregado a todo ele, mas não que todos venham a se converter, e que descendentes de cristãos nem sempre continuam nessa fé. Assim, o Brasil nunca será um País totalmente cristão, protestante ou evangélico, mas creio que será bem melhor com uma Igreja madura que, sem fugas alienantes, adesismos antiéticos ou tentações teocráticas, possa “salgar” e “iluminar” com os valores do Reino.

Para isso necessitamos (na lícita diversidade protestante quanto a aspectos secundários e periféricos) de líderes sólidos e firmes, vestindo a camisa do nosso time com entusiasmo e garra para o jogo, sem se perderem em elucubrações estéreis, de quem já perdeu a fé na Palavra, não acredita mais na Queda, nem na Redenção, nem na singularidade de Cristo, deixando uma geração órfã de heróis.

Assim, espero que Deus não nos livre dessa presença cultural transformadora; que Deus não nos livre de ser, cada vez mais, um País evangélico.

A Ele, Onipotente, Onisciente e Onipresente, Senhor do Universo e da História, com os anjos e arcanjos, coma Igreja Triunfante e a Igreja Militante, intercedendo por todos que atravessam crises espirituais, seja toda a honra e toda a glória!

Robinson Cavalcanti


Fonte: Gospel Prime

BELA ENGENHARIA DE TRANSITO - Depois de reforma, poste fica no meio da rua na região de Curitiba Comec informou que retirada será feita por companhia de energia. Via liga os municípios de Colombo e Almirante Tamandaré.

Depois do alargamento de uma rua que liga dois municípios da Região Metropolitana de Curitiba, Colombo e Almirante Tamandaré, um poste fixado no meio da via é um problema para motoristas. Na Rua Nelson Argenta, ele está no meio do caminho. A Coordenação da Região Metropolitana (Comec), responsável pela obra, informou que a retirada será feita pela companhia de energia elétrica.

G1

Na Câmara, Bolsonaro se diz vítima de preconceito por ser heterossexual


Deputado do PP do Rio bateu boca com Jean Wyllys e Manuela d’Ávila.
Episódio aconteceu na reunião da Comissão de Direitos Humanos da Casa.


O deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) voltou a provocar momentos de constrangimento na Câmara nesta quarta-feira (27) ao criticar homossexuais durante audiência da Comissão de Direitos Humanos da Câmara, destinada a debater segurança pública com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo.

Depois de tornar a dizer que “não teria orgulho de ter um filho gay” e criticar a ideia do Ministério da Educação de divulgar vídeos anti-homofobia nas escolas, o parlamentar do PP traçou um paralelo entre uma “professora prostituta” e o deputado assumidamente homossexual Jean Wyllys (PSOL-RJ), que seria, segundo Bolsonaro, “o professor de homossexualismo da Câmara”, como interpretou o próprio Wyllys.
As declarações irritaram a presidente da comissão, Manuela d’Ávila (PCdoB-RS), que interrompeu Bolsonaro.
Estou sofrendo preconceito heterossexual"
Deputado Jair Bolsonaro  (PP-RJ)
“Disse a ele [Bolsonaro] que enquanto fosse presidente da Comissão de Direitos Humanos, ele não faria piadas sobre homossexuais nas reuniões”, relatou a deputada. O G1 entrou em contato, por telefone, com o deputado Bolsonaro e ainda aguarda retorno das ligações.
Ao ser censurado pela deputada gaúcha diante da explícita referência ao deputado Jean Wyllys, que defende os direitos GLBT (gays, lésbicas, bissexuais e transgêneros), Bolsonaro até tentou argumentar que suas críticas a homossexuais não teriam ofendido os integrantes da comissão. Aos gritos, Manuela reagiu. “Vossa Excelência se faz de ingênuo", afirmou.
Diante da confusão, o próprio Jean Wyllys assumiu a palavra para dizer a Bolsonaro que estava “profundamente ofendido” com as declarações dele. “Disse ao deputado Bolsonaro que estava ofendido, sim. Foi meu primeiro bate-boca com ele”, afirmou.
Aos gritos, Bolsonaro afirmou que estava sofrendo preconceito por ser heterossexual. “Estou sofrendo preconceito heterossexual”, gritou Bolsonaro.
Disse ao deputado Bolsonaro que estava ofendido, sim. Foi meu primeiro bate-boca com ele"
Deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ)
O deputado do PP ainda criticou a possibilidade de distribuição de livros com a temática GLBT para crianças e adolescentes nas escolas e chamou de "vergonhoso" o plano nacional GLBT.
Acompanhando todo o bate-boca, o ministro da Justiça foi solidário ao deputado do PSOL. “O limite do direito é o direito do outro. É na escola que se combate os preconceitos”, afirmou Cardozo em clara manifestação de defesa dos programas do governo de combate à homofobia nas escolas.
Na última semana, Bolsonaro entregou à Corregedoria da Câmara a defesa para acusações de racismo e homofobia, durante entrevista concedida a um programa humorístico.


nota do GRITOS .

Veja a frase da musica do Falcão.


Porque homem é homem, CHAMA SE HOMEM
menino é menino, MENINO
macaco é macaco  .  MACACO
viado é viado . VIADO
homem é homem,  HOMEM
menino é menino, MENIMO
politico é politico POLITICO
e baitola é baitola  BAITOLA

o que tem de errado falar a verdade ?

se não querem serem chamados de gays , sejam homens e mulheres e ponto final  , pois se forem gays serão chamados de gays , pois o são .

Falar a verdade  no Brasil  é crime , o que eles querem é ser gay e não serem chamados de gays , oras me façam um favor.

“Não chame meninas de princesas”, diz campanha da Avon

Uma campanha da Avon tem gerado polêmica nas redes sociais por pedir aos pais que não chamem suas filhas de “princesas”, dizendo que o elo...