terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Valdemiro Santiago quer representantes da Igreja Mundial na política


As eleições de outubro tem movimentado os bastidores das lideranças evangélicas em todo o país, e o apóstolo Valdemiro Santiago estaria planejando aumentar sua influência na política.

De acordo com o jornalista Lauro Jardim, o dirigente da Igreja Mundial do Poder de Deus estaria se empenhando para eleger o empresário Nilson Rangel (PSD) como deputado estadual no Rio de Janeiro.

Santiago apoiará Rangel, apresentando-o aos fiéis como representante da Mundial, segundo Jardim. Outro candidato da denominação, o deputado federal Francisco Floriano (PSD-RJ) tentará a reeleição à Câmara dos Deputados e também contará com o apoio de Valdemiro Santiago.

A receita usada pelo apóstolo da Mundial é a mesma seguida por outras denominações neopentecostais, como por exemplo, sua maior concorrente, a Igreja Universal do Reino de Deus.

A denominação do bispo Edir Macedo concentra seus candidatos no PRB, e possui parlamentares nos níveis municipais, estaduais e federal, incluindo um senador.

Fonte: Gospel +

Feliciano quer apoio do PSDB para vaga no Senado - O MEU APOIO ELE JÁ TEM .


Feliciano quer apoio do PSDB para vaga no SenadoFeliciano quer apoio do PSDB para vaga no Senado
O deputado Marco Feliciano (PSC-SP) quer apoio do PSDB para sua candidatura ao cargo de Senador pelo Estado de São Paulo.
Esse apoio está sendo negociado pelo presidente do PSC, Gilberto Nascimento, e a cúpula tucana paulista, mas Feliciano teme a rejeição.
“O Alckmin tem 40% das intenções de voto. Bem assim, é difícil que me apoie. Nesse cenário, ele não iria querer encarar a rejeição da comunidade LGBT, por exemplo”, disse ele ao jornalista Lauro Jardim.
Feliciano estava esperando a decisão do PSDB a respeito da candidatura de José Serra. O ex-prefeito de São Paulo tentará agora uma vaga na Câmara como deputado federal.
O PSDB ainda não decidiu quem do partido tentará a vaga do Senado competindo com o senador Eduardo Suplicy, ou se prestarão apoio político para outro partido.
Para poder tomar esta decisão o partido de Serra está realizando pesquisas. “O PSDB está fazendo pesquisas com meu nome para o Senado, e o resultado também deverá ser determinante para Alckmin me apoiar ou não”, afirma Feliciano.
Apesar da falta de apoio político, Marco Feliciano conta com a aprovação de diversos líderes religiosos, como o pastor Silas Malafaia, apóstolo Renê Terra Nova e apóstolo César Augusto que estão dispostos a conquistar votos junto a seus fiéis.
Nas eleições de 2014 o Estado de São Paulo terá apenas uma vaga no Senado, para ocupá-la será necessário conquistar mais de 10 milhões de eleitores.

Obra da Copa em Cuiabá terá nome de igreja


Obra da Copa em Cuiabá terá nome de igrejaObra da Copa em Cuiabá terá nome de igreja
O governador do Mato Grosso, Silval Barbosa (PMDB) anunciou nesta segunda-feira (10) que a estação  do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) que deverá ser instalada na Avenida do CPA receberá o nome de ‘Grande Templo’.
O nome que seria dado a estação se tornou uma grande polêmica na capital Cuiabá, pois os vereadores escolheram o nome “Grande Templo” e o prefeito, Mauro Mendes (PSB), sancionou a lei. Porém o governador havia escolhido o nome  ‘Jamil Boutros Nadaf’ para a estação.
Barbosa é evangélico, mas resolveu homenagear Jamil Nadaf, um importante empresário da cidade que faleceu em 2009.  “Hoje o estado está fazendo justiça a esse homem honrado, que presidiu por muitos anos a Federação do Comércio (Fecomércio), que fica nessa avenida”, disse o governador.
Mas para evitar confusão, Silval Barbosa resolveu aceitar o nome dado pelos vereadores da capital. O Grande Templo é o nome da sede da Assembleia de Deus de Cuiabá que fica em frente do viaduto.
A decisão do governador foi publicada no Diário Oficial do Estado, mas para evitar novos impasses ele se reunirá com o prefeito Mauro Mendes e com o presidente da Câmara de Cuiabá, Júlio Pinheiro (PTB) para decidirem os nomes das próximas obras da Copa que serão inauguradas no Estado.

Idealizador do FLIC Salão Gospel fala sobre expectativas para 2014


Nos dias 18, 19 e 20 de setembro deste ano (2014), São Paulo receberá uma das maiores feiras cristãs / de negócios do Brasil: O III FLIC Salão Internacional Gospel. 
 
Em entrevista recente, o idealizador da Feira, Marcelo Rebello falou sobre os diferenciais que o evento irá apresentar também sobre suas expectativas em relação à Exposição.
 
Entre os principais diferenciais que Marcelo apresentou, estão a harmonia entre a exposição de material literário / editorial e o setor fonográfico.
 
“[Os diferenciais] são vários, como questão do foco, da manutenção dos valores cristãos como prioridade, no relacionamento saudável com todos do setor e o formato: são dois pavilhões interligados, mas independentes entre si, mais 9 auditórios simultâneos, com uma entrada única e uma só saída. Ou seja, a pessoa vai poder entrar no evento e ter contato com a tranquilidade do segmento editorial, depois, entrar em contato com o segmento musical, midiático e ministerial, tudo em harmonia”, lembrou. 
 
Quando questionado sobre o que o visitante poderá encontrar de forma geral na Feira, Marcelo destacou a qualidade e seriedade do evento e de seus organizadores. 
 
“Uma feira cristã, feita por cristãos unidos em uma só fé. Grandes expositores e marcas, bons produtos e serviços, boas Palestras, congressos, performances musicais, de dança, teatro, cinema, exposições culturais, grandes oportunidades de comunhão e de relacionamento. Um clima agradável, despojado. Muito critério e profissionalismo nos detalhes, muito trabalho duro para entregar uma feira que seja uma grande oportunidade para as empresas e pessoas que querem se comunicar de forma eficaz com este promissor segmento, no qual o céu parece ser o limite para se fechar bons contatos, mas sem jamais perder o foco principal: a união e o amor em torno da fé em Jesus Cristo! Resumindo: o público vai poder, gratuitamente, visitar a feira e sair diferente da forma que entrou!”, disse.
 
O evento terá entrada franca e se realizará no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo.
 
Serviço
FLIC – Salão Internacional Gospel
Data: 18 a 20 de Setembro / 2014
Local: Centro de Exposições Imigrantes
Endereço: Rodovia dos Imigrantes, km 1,5 - São Paulo (SP)
 
Com informações da MR1 Comunicação

Assembleia de Deus não é mais a mesma, diz José Wellington




Assembleia de Deus não é mais a mesma, diz José WellingtonAssembleia de Deus não é mais a mesma, diz José Wellington
Durante uma reunião com obreiros da Convenção Fraternal das Assembleias de Deus no Estado de São Paulo (CONFRADESP) o pastor José Wellington Bezerra da Costa criticou a inclusão de usos e costumes que não fazem parte da doutrina da Assembleia de Deus.
“Nós estamos, paulatinamente, imitando e aceitando os costumes dos samaritanos”, disse ele. José Wellington lembrou a criação da Assembleia de Deus que é uma igreja avivada, não por mãos de homens, mas pelo Espírito Santo.
“Estamos caminhando para uma igualdade, já existe muitas coisas do costume dos samaritanos que nós já estamos aceitando. Há muita coisa entre nós que não é da Assembleia de Deus”, disse o líder.
José Wellington citou que essas influências estão deixando os cultos mais frios, sem a presença do Espírito Santo que cura e liberta as pessoas.
O presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB) também falou sobre as igrejas que não tocam mais hinos da harpa para tocar aqueles que fazem as pessoas baterem palma.
“Os samaritanos trouxeram alguns corinhos e muita ‘bateção’ de palma,  alguns conjuntos que começam o culto para animar… irmãos, culto não é programa de auditório”, disse.
Mulheres com cabelos curtos, enfeites de jóias, homens com cavanhaque, grupos de dança nas igrejas e outras coisas foram criticados por José Wellington que afirmou que a “Assembleia de Deus já não é mais a mesma”.
Assista:



GOSPEL PRIME

“Não chame meninas de princesas”, diz campanha da Avon

Uma campanha da Avon tem gerado polêmica nas redes sociais por pedir aos pais que não chamem suas filhas de “princesas”, dizendo que o elo...