quarta-feira, 27 de junho de 2012

Quem eram os saduceus e os fariseus?

Pergunta: "Quem eram os saduceus e os fariseus?"

Resposta:
A Bíblia menciona freqüentemente os fariseus e saduceus, especialmente no Novo Testamento, já que Jesus estava em constante conflito com eles. Os fariseus e saduceus formavam a classe espiritual dominante de Israel. Há muitas semelhanças entre os dois grupos, assim como diferenças importantes.

Os saduceus - Durante o tempo de Cristo e do Novo Testamento, aqueles que eram saduceus eram aristocratas. Eles tinham a tendência de ser ricos e de ocupar cargos poderosos, incluindo o cargo de primeiro sacerdote e de sumo sacerdote. Eles também ocupavam a maioria dos 70 lugares do conselho regente chamado de Sinédrio. Eles trabalhavam muito duro para manter a paz através de sempre seguir as decisões de Roma (Israel nesta época estava sob o controle romano) e, na realidade, pareciam estar mais preocupados com a política do que com o religioso. Porque eles estavam sempre tentanto acomodar os gostos de Roma, e porque eles eram ricos e da classe alta, eles não se relacionavam bem com o homem comum nem o homem comum os enxergava com alta estima. O homem comum se relacionava melhor com aqueles que pertenciam ao grupo dos fariseus. Embora os saduceus ocupavam a maioria dos lugares no Sinédrio, a história indica que a maior parte do tempo eles tinham que concordar com as idéias da minoria farisaica, já que os fariseus eram os mais populares com o povo.

Religiosamente, os saduceus eram mais conservadores na área de doutrina do que os fariseus. Os fariseus enxergavam a tradição oral como tendo autoridade igual à Palavra escrita de Deus, enquanto os saduceus consideravam apenas a Palavra Escrita como sendo de Deus. Os saduceus trabalhavam arduamente para preservar a autoridade da Palavra escrita de Deus, especialmente os livros de Moisés (Gênesis até Deuteronômio). Enquanto eles poderiam ser elogiados por isso, eles definitivamente não foram perfeitos em suas opiniões doutrinárias. Segue-se uma breve lista de suas crenças que contradizem as Escritura:

1. Eles eram extremamente auto-suficientes, ao ponto de negar o envolvimento de Deus na vida quotidiana.

2. Eles negaram qualquer ressurreição dos mortos (Mateus 22:23; Marcos 12:18-27; Atos 23:8).

3. Eles negaram qualquer vida depois da morte, defendendo a crença de que a alma perecia com a morte; eles acreditavam que não há qualquer penalidade ou recompensa depois da vida terrena.

4. Eles negaram a existência de um mundo espiritual, ou seja, anjos e demônios (Atos 23:8).

Porque os saduceus estavam mais preocupados com a política do que com a religião, eles não se preocuparam com Jesus até quando as coisas chegaram ao ponto de que Jesus iria chamar a atenção indesejada de Roma. Foi a esta altura que os fariseus e saduceus se uniram e planejaram que Cristo fosse morto (João 11:48-50; Marcos 14:53; Marcos 15:1). Outras passagens que mencionam os saduceus são Atos 4:1, Atos 5:17, e os saduceus foram implicados na morte de Tiago pelo historiador Flávio Josefo (Atos 12:1-2).

Os saduceus deixaram de existir em 70 D.C. Já que este grupo existia por causa de seus laços políticos e sacerdotais, quando Roma destruiu Jerusalém e o Templo em 70 D.C., os saduceus também foram destruídos.

Os fariseus - Em contraste com os saduceus, os fariseus eram em sua maioria empresários de classe média e, por conseguinte, tinham contato constante com o homem comum. Os fariseus eram muito mais estimados pelo homem comum do que os saduceus. Apesar de serem uma minoria no Sinédrio, eles pareciam controlar o processo decisório do Sinédrio muito mais do que os saduceus, já que tinham o apoio do povo.

Religiosamente, eles enxergavam a Palavra Escrita como inspirada por Deus. Na época do ministério terreno de Cristo, a Palavra Escrita teria sido o que é agora o nosso Antigo Testamento. No entanto, eles também enxergavam a tradição oral com a mesma autoridade e tentaram defender sua posição ao argumentar que estas tradições podiam ser traçadas de volta para Moisés. Isso era nada menos do que legalismo. Estas tradições tinha evoluído ao longo dos séculos. Estas tradições acrescentaram à Palavra de Deus, e isso era proibido (Deuteronômio 4:2; Apocalipse 22:18-19). Os fariseus procuravam obedecer rigorosamente a estas tradições juntamente com o Antigo Testamento. Os Evangelhos abundam com exemplos dos fariseus tratando essas tradições como sendo iguais à Palavra de Deus (Mateus 9:14, 15:1-9, 23:5, 23:16, 23; Marcos 7:1-23; Lucas 11:42) . No entanto, eles permaneceram fiéis à Palavra de Deus com referência a algumas outras doutrinas importantes. Em contraste com os saduceus, os fariseus acreditavam no seguinte:

1. Eles acreditavam que Deus controlava todas as coisas mas que decisões tomadas por indivíduos também contribuíam para o que acontecia no curso da vida de uma pessoa.

2. Eles acreditavam na ressurreição dos mortos (Atos 23:6).

3. Eles acreditavam em uma vida depois da morte, com a devida recompensa e punição individual.

4. Eles acreditavam na existência de anjos e demônios (Atos 23:8).

Apesar dos fariseus serem rivais com os saduceus, eles conseguiram colocar suas difereças de lado em uma ocasião - o julgamento de Cristo. Foi neste ponto que os fariseus e saduceus se uniram para colocar Cristo à morte (Marcos 14:53, 15:1, João 11:48-50).

Embora os saduceus tenham deixado de existir após a destruição de Jerusalém e do Templo por serem um grupo em grande parte de natureza política, os fariseus, os quais estavam muito mais preocupados com o estado religioso de Israel, continuaram a existir muito além da destruição de Jerusalém. Na verdade, os fariseus eram contra a rebelião que causou a destruição de Jerusalém em 70 D.C, e foram os primeiros a fazer a paz com os romanos depois. Os fariseus também foram responsáveis pela compilação do Mishnah, um documento importante com referência à continuação do judaísmo após a destruição do lugar central de culto, o Templo.

Tanto os fariseus quanto os saduceus foram muito censurados por Jesus. Talvez a melhor lição que podemos aprender com os fariseus e saduceus é a de não ser como eles. Ao contrário dos saduceus, devemos acreditar em tudo o que a Bíblia diz, incluindo no supernatural e em vida após a morte. Ao contrário dos fariseus, não devemos tratar tradições como tendo igual autoridade com a Escritura, e não devemos permitir que o nosso relacionamento com Deus seja reduzido a uma lista legalista de regras e rituais.

VIA GRITOS DE ALERTA

Deputado Jean Wyllys amplica crítica contra cristãos e chama seus opositores de “ratazanas do esgoto homofóbico”


Deputado Jean Wyllys amplica crítica contra cristãos e chama seus opositores de “ratazanas do esgoto homofóbico”O deputado federal e ativista gay Jean Wyllys (PSOL-RJ), publicou nessa terça feira em seu site um texto ampliando suas críticas aos cristãos e comparando o regime ditatorial do presidente iraniano Mahmoud Ahmadinejad à politicas adotadas por parlamentares evangélicos.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Reverberando mensagens que havia publicado no Twitter, o deputado afirmou que “fundamentalistas cristãos brasileiros só estão protestando contra Ahmadinejad porque este não tolera outras religiões no Irã”. Ampliando as críticas que havia publicado anteriormente, Wyllys afirmou: “fundamentalistas cristãos, se invadirem meus perfis em redes sociais pra me cobrar crítica a Ahmadinejad, receberam criticas (merecidas) também a vocês!”.
Junto a um link para o texto em seu site onde critica os cristãos, Wyllys critica: “Imbecis homofóbicos como vocês deveriam aprender a ler”. Em outra mensagem que faze menção ao mesmo texto, o deputado afirmou: “lixos humanos como vocês podem até mentir, mas a verdade é essa”, criticando seguidores que discordaram de suas afirmações.
Na tarde dessa quarta feira o deputado voltou a criar polêmica na rede social ao discutir com seus seguidores sobre um possível caso de homofobia, e sobre suas críticas a Ahmadinejad.
Para se referir às pessoas que o criticaram através da rede social, Jean Wyllys usou termos como “débil mental”, “ratos asquerosos”, “ratazanas do esgoto homofóbico”, “analfabeto político”, e chegou a chamar diretamente alguns de seus críticos de imbecis.
Quando confrontado por julgar as pessoas sem um conhecimento prévio o deputado respondeu a um de seus críticos: “Pra um imbecil como você, que não tolera o candomblé nem a umbanda, só existe intolerância quando fundamentalistas são criticados!”.


G+

ISSO É TRAIÇÃO ?Valdemiro Santiago irá apoiar Fernando Haddad, afirma jornalista

Valdemiro Santiago irá apoiar Fernando Haddad, afirma jornalista
A jornalista Monica Bergamo escreveu em sua coluna na Folha de São Paulo que o apóstolo Valdemiro Santiago poderá apoiar a candidatura de Fernando Haddad para a prefeitura de São Paulo.
De acordo com ela, ao fazer acordo com o PP (Partido Progressivo), o PT vai conseguir o apoio do líder da Igreja Mundial do Poder de Deus que vai lançar por esse partido um vereador para representar a igreja.
Haddad enfrenta rejeição da maioria dos líderes evangélicos por ter apoiado e financiado, como ministro da Educação, o kit anti-homofobia que seria distribuído nas escolas públicas de todo o Brasil.
O kit continha material que para muitos fazia apologia ao homossexualismo, chegando a criar muita polêmica no Congresso Nacional, precisando da intervenção da presidenta Dilma Rousseff que acabou cancelando o projeto.
Recentemente o ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva esteve participando do programa do Ratinho, no SBT, e o apresentador disse ao entrevistado que o apóstolo Valdemiro teria enviado um abraço ao ex-presidente. Lula teria respondido: “Diga pra ele que nós precisamos conversar”.

Gospel Prime

VIA GRITOS DE ALERTA

DEUS CAPACITOU A DAVI .

 Quando meditamos ma palavra de Deus , mas precisamente nessa passagem maravilhosa , que nos mostra um jovem enfrentando um gigante , ficamos maravilhados em ver as formas que Deus age em nosso favor .

segue abaixo um pequeno estudo sobre como Deus capacitou a Davi naquele momento de luta forte .

lêia e pratique .


1. CAPACIDADE DE FICAR INDIGNADO – vs 26.Deus nos capacita a ficarmos indignados da forma correta:
a) Uma indignação não-egoísta: Davi não tomou aquelas afrontas de Golias como se fossem contra si mesmo, mas contra seu povo.
b) Uma indignação não-conformista: Ele não ficou sentado exigindo que alguém fizesse alguma coisa, ao contrário, ofereceu-se voluntariamente para enfrentar o gigante.
c) Uma indignação não-interesseira: Ele não estava preocupado consigo mesmo, nem com sua segurança, nem com seu conforto pessoal, nem com as generosas recompensas oferecidas pelo rei para quem vencesse Golias (vs 25).
c) Uma indignação não-vulgar: Ele não podia aceitar que Golias afrontasse o Deus de Israel. Havia um belíssimo elemento de zelo santo em sua indignação.

2. CAPACIDADE DE RESISTIR ÀS CRÍTICAS - vs 28-30.As críticas que sofreu foram duras e severas, pois vieram do seu irmão mais velho, que o classificou como presunçoso, maldoso e bisbilhoteiro, mas Davi não se abalou com elas.

3. CAPACIDADE DE AGIR COM CORAGEM – vs 31-37. Coragem sim; suicídio, não! Davi era corajoso, mas não era suicida.
Sua coragem não estava baseada em discursos bem elaborados, nem em especulações pseudo-teológicas ou doutrinas positivistas.

Não! Sua coragem estava baseada em suas anteriores experiências pessoais com o Deus vivo, que o livrara das garras do leão e do urso e certamente o livraria das mãos do filisteu - vs 34-37.

4. CAPACIDADE DE AGIR COM SIMPLICIDADE – vs 38-40. Nada de coisas espetaculares. Nada de espada, armadura ou capacete de bronze.
Nada de amuletos, sinais divinos, profecias ou milagres.
Tão somente uma funda, 5 pedrinhas lisas e sua fé em Deus.

5. CAPACIDADE DE IR ATÉ O FIM – vs 48-51. Davi foi correndo ao encontro do gigante e o acertou na cabeça. Quando Golias caiu já estava morto, mas, mesmo assim, ele fez questão de sedimentar a vitória do seu povo: cortou a cabeça do gigante e a levantou, para horror dos seus inimigos, que fugiram correndo e foram destruídos na derrocada.




CONCLUSÃO


O Senhor nosso Deus nos faz vencer, dando-nos:
- Capacidade de ficar indignado da forma correta.
- Capacidade de resistir às críticas.
- Capacidade de agir com coragem.
- Capacidade de agir com simplicidade.
- Capacidade de ir até o fim.

Aleluia. Deus seja louvado!

VIA GRITOS DE ALERTA



Senado aprova pena maior para exploração sexual de crianças

O Senado Federal aprovou nesta quarta-feira (27) projeto que aumenta pena para quem explora sexualmente crianças e adolescentes. A proposta, aprovada na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) em decisão terminativa, eleva a pena dos atuais 4 a 10 anos de reclusão para 6 a 12 anos. Se não houver recurso para votação no Plenário do Senado, o projeto segue para a Câmara dos Deputados.

O Projeto de Lei do Senado (PLS) nº 495/2011, de autoria do senador Renan Calheiros (PMDB-AL), amplia a punição para quem explora sexualmente crianças e adolescentes e para quem submete menores à prostituição. A pena também será ampliada para quem facilitar ou estimular essas práticas pela internet. As modificações constarão no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Se a lei for aprovada, será formada uma parceria entre a União, os estados e os municípios para promover campanhas educativas de combate à exploração sexual de jovens. A Política Nacional de Turismo, em vigor desde 2008, também sofrerá modificações. A exploração de sexual de crianças e adolescentes fará parte das “práticas a serem combatidas” pelo setor.

Durante reunião da CCJ na manhã de hoje, o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) comentou a proposta e afirmou que sua aprovação é importante para punir casos de turismo sexual durante eventos que o Brasil sediará, como a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016.

G1

CZAR PUTIN EM VISITA A JERUSALÉM: "O PASSADO JUDEU ESTÁ GRAVADO NAS PEDRAS DE JERUSALÉM"

PUTIN JUNTO AO MURO
Na sua terceira visita a Israel iniciada ontem, o presidente russo Vladimir Putin (a que prefiro chamar de czar), visitou o Muro Ocidental (ou das Lamentações), com o kippa na cabeça, para a sua oração junto às milenares pedras. Qual seria a sua oração? Só Deus sabe...
O CZAR RUSSO ORANDO JUNTO AO MURO
O presidente russo tinha anteriormente visitado a Igreja do Santo Sepulcro e não quis deixar de estar junto so símbolo mais estimado pelos judeus de todo o mundo: o Muro.
O czar russo chegou hoje à Cidade Velha às 13H30, dizendo que não queria perder a visita a estes dois lugares sagrados, que para ele têm "um significado especial".
Esta é já a terceira visita do presidente russo ao Muro. A sua primeira visita foi ainda antes de ser eleito presidente pela primeira vez, e a segunda foi em 2005, durante a Festa da Páscoa.
Durante toda a visita, Putin demonstrou curiosidade, fez muitas perguntas sobre a História do local e falou acerca da ligação judaica ao lugar sagrado: "Podemos ver como o passado judeu está gravado nas pedras de Jerusalém" - referiu Putin.
A HIPOCRISIA DOS POLÍTICOS...
Esta visita tardia encerrou um dia bem preenchido com reuniões com as mais altas autoridades de Israel, incluindo o presidente Shimon Peres, o primeiro-ministro BenjaminNetanyahu e o ministro dos Negócios Estrangeiros Avigdor Lieberman.
Nem todos se alegraram no entanto com a visita e recepção dada ao czar russo em Jerusalém. O campeão russo de xadrez, Garry Kasparov, um activista opositor na Rússia e um forte adversário de Putin, fez duras críticas à calorosa recepção dada por Israel ao presidente russo, uma vez que este tem constantemente vetado as sanções internacionais contra o Irão, tem fornecido armas ao regime sírio e tem agido contra os interesses nacionais de Israel.
"Putin é um ditador. Ele tem apagado todos os elementos restantes de democracia na Rússia, ele apoia Ahmadinejad, o líder do Irão, ele apoia Chavez, e agora Bashar Assad, por isso não consigo compreender o raciocínio do sr. Netanyahu e do seu governo ao acolherem o sr. Putin, que por definição é seu inimigo, uma vez que Israel é uma democracia e Putin um ditador" - afirmou Kasparov ao canal de TV israelita Channel 10.
Putin encontrou-se esta manhã com o presidente palestiniano Mahmoud Abbas, logo após a sua visita à Igreja da Natividade, em Belém.
PUTIN COM NETANYAHU
As reuniões oficiais de Putin com as autoridades israelitas focalizaram-se principalmente no assunto do programa nuclear iraniano. Ontem à noite Putin assegurou ao presidente israelita que a Rússia está interessada na preservação da paz para o estado judaico, ainda que avisou contra um ataque preventivo ao Irão, alegando que Jerusalém deveria aprender as lições das experiências dos EUA no Iraque e no Afeganistão.
É fácil para o sr. Putin dar lições aos outros, quando ele próprio não as pratica...
Shalom, Israel!

STJ decide a favor do Google contra a Xuxa no caso do nome da apresentadora ligado à pedofilia

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu nesta terça-feira 26 que o Google não é responsável pelo resultado de pesquisas de busca ligando o nome da apresentadora Maria da Graça Xuxa Meneghel ao termo “pedofilia”.
A 3ª turma do STJ analisou recurso na ação proposta por Xuxa contra o Google, na qual solicitava que o provedor removesse do seu site de pesquisa todos os resultados diante da busca pelos termos “Xuxa pedófila”.
A turma acompanhou, por unanimidade, o voto da relatora.
A relatora do processo, ministra Nancy Andrighi, entendeu que é ilegítima a responsabilização dos provedores pelos conteúdos de pesquisa. Se a busca exibe conteúdos ilícitos ou ofensivos, cabe ao ofendido identificar a URL e solicitar ao provedor a retirada das páginas.
Ainda em sua análise, identifica que o provedor é responsável apenas por fazer a indexação dos conteúdos de pesquisa que unifica e mapeia a busca.
Segundo a ministra, o provedor não tem a obrigação de exercer o papel de controlador prévio dos conteúdos, tampouco eliminar os resultados de determinado termo ou expressão mencionados na pesquisa pelo usuário.
Neste sentido, sem a devida informação das URL’s pelo ofendido se torna impossível dar cumprimento à decisão exarada pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ), que deferiu pedido de tutela antecipada, para que no prazo de 48h o Google retirasse de sua pesquisa todos os conteúdos exigidos a partir de busca realizada pelo termo “xuxa pedófila”.
O acórdão será remetido ao Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.
Para o Google, esse caso pode render jurisprudência em relação a outros processos semelhantes.


VIA GRITOS DE ALERTA.
INF. ISTO É DINHEIRO
GUILHERME BARROS

Palco de Mara Maravilha desaba durante festival em Sergipe

A cantora se apresentou no 3º Brito Gospel. Foto:  Divulgação
A cantora se apresentou no 3º Brito Gospel
Foto: Divulgação
O palco em que a cantora gospel Mara Maravilha iria se apresentar na segunda-feira (25), em Campo de Brito, em Sergipe, desabou pouco antes de seu show. De acordo com a assessoria de imprensa da cantora, quando Mara pisou no palco, o local começou a ceder. A artista não saiu ferida, já que o marido a retirou pelas escadas antes que a estrutura desabasse.

Para não interromper as apresentações do 3º Brito Gospel, a produção do evento improvisou um caixote em meio ao público, em que Mara e a também cantora gospel Grace Fernandes subiram para realizar seus shows. Ainda segundo a assessoria, os fãs respeitaram as artistas e não causaram tumultos. Até o momento, não foi registrado nenhum ferido no incidente.

VIA GRITOS DE ALERTA.
INF. TERRA

Mulher evangélica é alvejada por tiro e é salva pela Bíblia


Mulher evangélica é alvejada por tiro e é salva pela BíbliaNo Rio de Janeiro, uma mulher foi alvejada por uma bala perdida, porém, foi salva por sua Bíblia que estava no baú da motocicleta de seu marido. Danúbiah Mendes e seu esposo, Marcos Souza, estavam a caminho da igreja quando ouviram três tiros, por volta de 19h40, na Via Dutra. “Eu estava ultrapassando três carros. Quando ouvi o barulho, acelerei mais.”, relatou o Marcos.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
O casal só veio descobrir o que aconteceu após o término do culto, quando perceberam que algumas páginas da Bíblia estavam rasgadas e que havia uma bala alojada dentro do livro. O projétil perfurou o baú que fica na parte traseira da moto e foi contido pela Bíblia, por pouco não atingindo Danúbiah.
“Sempre acreditei na salvação em muitos aspectos, mas dessa vez foi uma coisa visual. Vi a bala ali dentro, lembrei dos tiros e chorei”, contou Danúbiah.
O esposo, emocionado, também falou, “A Bíblia salva de muitas maneiras. Dessa vez, foi físico. Algumas folhas de papel salvaram a vida da minha esposa”. Eles ainda relataram que raramente carregam a Bíblia no baú da moto.
Fonte: Gospel+

JEAN WYLLYS ATACA NOVAMENTE OS CRISTÃOS -


Jean Wyllys afirma que cristãos apoiariam o governo do Irã se este “massacrasse apenas os homossexuais”O deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) usou o Twitter para criticar o presidente iraniano Mahmoud Ahmadinejad e os cristãos brasileiros.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Em sua publicação, o ativista gay afirmou que “fundamentalistas cristãos brasileiros só estão protestando contra Ahmadinejad porque este também não tolera outras religiões no Irã! Mas, aqui no Brasil, os fundamentalistas cristãos também não toleram os adeptos do Candomblé e da Umbanda, logo, se parecem com Ahmadinejad! Se Ahmadinejad massacrasse apenas os homossexuais, os fundamentalistas cristãos no Brasil certamente estariam apoiando o teocrata iraniano”.

O presidente do Irã, conhecido por suas posturas polêmicas e defesa do islamismo, afirmou em 2011, durante discurso na ONU, que em seu país não existiam gays. A imprensa internacional já relatou casos de enforcamentos de pessoas acusadas da prática homossexual pelo governo do Irã.
Segundo Paulo Teixeria, colunista do Gospel+ e do Holofote.Net, “Jean Wyllys perdeu uma grande chance de usar a tribuna da Câmara dos Deputados para expressar repúdio à brutal morte de homossexuais no Irã. Além disto, o ex-BBB deveria ter conclamado seus seguidores e admiradores, de todo o Brasil, a organizarem eventos no Rio e em outros estados, pedindo ao governo do Irã o fim das mortes dos gays”. Teixeira afirmou ainda que o deputado “preferiu a omissão, a covardia e o egoísmo, típico dos movimentos gays que só pensam em suas causas”.
Teixeira critica ainda a postura de Jean Wyllys em relação aos cristãos como um todo: “O deputado tem como prática, rotular, com viés pejorativo, os cristãos de ‘fundamentalistas’. No entendimento dele, qualquer cristão que se respalda na Bíblia para afirmar que a prática do homossexualismo é pecado, é um fundamentalista, um ‘homofóbico’, afirmou.

SÓ POSSO TERMINAR COM A SEGUINTE PALAVRA.

VAI APRENDER SER HOMEM SENHOR JEAN.

VIA GRITOS DE ALERTA.

Delegado inocenta pastor que orou por fiel desmaiada que morreu

A família de Miriam acusou o pastor de omissão pois em vez de providenciar o socorro médico, orou para que a fiel se livrasse de um espírito maligno.

Leonardo Marcondes Machado, titular de uma delegacia de polícia de Joinville (SC), concluiu sem indiciados o inquérito do caso da morte em fevereiro de 2011 da balconista Miriam Rondam Cardoso da Silva, 34, que teve uma parada cardíaca durante um culto da Igreja do Evangelho Quadrangular, do bairro Costa e Silva.

A família de Miriam acusou o pastor de omissão porque, na versão dela, o religioso, em vez de providenciar de imediato o socorro médico, orou para que a fiel se livrasse de um espírito maligno, de modo que pudesse se recuperar de um desmaio. Miriam era cardíaca e usava marcapasso.

Na época, Nelson Schwalpe, 40, cunhado de Miriam, disse que o pastor não tinha prestado socorro. “Ele orou por achar que ela estava com algum espírito.”

Embora o pastor tenha chamado uma ambulância quase uma hora depois, Machado concluiu que ninguém pode responder pela morte da mulher.

A Promotoria de Justiça está examinando o processo judicial para decidir se pede novas investigações. A imprensa de Joinville não divulgou o nome do pastor.

Miriam deixou uma menina, hoje com 13 anos, e um menino de 15.

Fonte: Paulopes

Pastor acusado de abusar sexualmente de oito adolescentes é preso

Polícia militar prende Pastor acusado de abusar sexualmente de oito adolescentes, em Anápolis, interior de São Paulo, nesta segunda-feira.

“Pegamos aonde ele estava trabalhando. Não houve resistência”, disse o sargento Luis Carlos Pereira, de acordo com a Globo.

Daniel Paulino da Silva foi preso em uma chácara de recuperação para viciados depois de denúncias feitas de onde estaria. Ele tem mandato de prisão preventiva desde maio de 2011 e estava foragido da justiça paulista.

Daniel era supostamente pastor de uma igreja evangélica e teria abusado sexualmente de oito adolescentes que frequentavam uma igreja na cidade de Franca, também interior de São Paulo.

O Conselho Tutelar da Cidade Paulista fez as denúncias contra o pastor e ele está agora sob a custódia da justiça.

“A partir de agora a gente comunica o cumprimento do mandato de prisão já que existe essa ordem judicial e ele fica a disposição do poder judicial”.

Ele está no momento preso na carceragem da delegacia regional de Anápolis.

Este não é o primeiro caso de abuso sexual no meio religioso.

Recentemente, um missionário evangélico foi acusado de abusar sexualmente de uma menor em retiro espiritual, promovido pela igreja Deus é a Verdade.

Antonio Nilson Freitas do Nascimento, identificado como missionário da igreja Internacional “Fogo Poder” alegamente tentou estuprar uma garota de 15 anos e assediado outras, tendo feito relações sexuais com uma delas.

A igreja informou que está tratando do assunto e pediu aos membros para abafar o assunto para que o assunto não saísse da igreja até que fosse resolvido.

Fonte: The Christian Post

Cristãs brasileiras no Egito temem violência e adoção de lei islâmica

A vitória do líder islâmico Mohamed Mursi na eleição presidencial do Egito trouxe medo às cristãs brasileiras que vivem no país. Elas temem desde o aumento da violência nas ruas à implementação da sharia (lei islâmica).

Em um país extremamente polarizado, Mursi conquistou 51,7% dos votos no segundo turno da eleição, mas seu rival, o general reformado da Força Aérea Ahmed Shafiq, último primeiro-ministro no regime de Mubarak, ficou com 48,3%.

A carioca Susy Sobrinho, que é cristã e mora no Egito, afirmou que durante a campanha eleitoral egípcia ouviu discursos de políticos seculares acusando a Irmandade Muçulmana de planejar a transformação do Egito em um Estado governado pela lei islâmica.

“As pessoas comentavam no Facebook e conhecidos egípcios também falavam sobre as restrições que o candidato Mursi poderia fazer (a seculares e mulheres)”, disse ela.

Mas Susy falou que após refletir sobre Mursi como presidente, chegou à conclusão de que os militares usaram de sua influência para que o secularismo fosse preservado qualquer que fosse o candidato vitorioso.

“Não tenho medo do Egito se transformar em Estado islâmico”, disse.
“Vejo que há pessoas dentro da Irmandade com a verdadeira intenção de reconstruir o Egito. Para isso, eles sabem que é necessário manter investimentos de capital estrangeiro para geração de emprego e renda e fazer a indústria do turismo voltar a funcionar como antes, ou até melhor.”, afirmou Susy.

Para convencer os eleitores de que era um candidato de todos, e não apenas da parcela islâmica conservadora, Mohamed Mursi adotou um discurso em favor da união nacional.

Porém, mesmo com a vitória no pleito, a imprensa egípcia aposta em uma certa dificuldade de Mursi para convencer a população de que não representa apenas os interesses de seu grupo político.

Violência

Mas os discursos moderados e de reconciliação não a deixaram a baiana Rosemira Silva menos ansiosa e preocupada com a insegurança e instabilidade no Egito.

“Eu sinto o povo mais agressivo e radical desde a revolução e a queda de Hosni Mubarak. As pessoas falam do temor de partidos extremistas dominarem a política”.

Ela afimou ter medo do aumento da violência no país devido ao clima político instável.

“Nas ruas, mulheres vêm sendo agredidas verbalmente. Já tenho medo de sair de casa, uma amiga minha foi roubada em pleno dia na frente de casa. Tenho medo até de pegar um táxi sozinha”, afirmou.

Rosemira, que é cristã e já esteve na Líbia com o namorado e teve que deixar o país às pressas por conta da guerra civil do ano passado, revelou que pretende deixar o Egito em breve.

“Não sei o que pode acontecer no Egito daqui para a frente. O país ainda está em caos e poderá piorar”.

Confronto

Mesmo assumindo a Presidência do Egito, Mursi governará com poderes esvaziados já que a Junta Militar, que governa o país desde a queda do regime de Mubarak, emitiu uma emenda constitucional impedindo o presidente de estabelecer políticas para o Exército, a política externa e a defesa.

Além disso, no último dia 14, a Suprema Corte dissolveu o Parlamento do país e novas eleições gerais não podem ser realizadas até a aprovação de uma nova Constituição. Com isso, os poderes do novo presidente ainda não estão claros, já que os militares manterão firme controle sobre o orçamento e a redação da nova Carta.

Mursi, tão logo foi declarado o vencedor da eleição presidencial, fez uma declaração de que só faria seu juramento perante um Parlamento, em desafio aos militares.

Integrantes da Irmandade também declararam que não sairiam da praça Tahrir, berço da revolução do ano passado, e continuariam a protestar contra os poderes excessivos que os militares aprovaram para si mesmos.

Para a carioca e também cristã, Josiane Marques, a situação no Egito está preocupante e um confronto entre Mursi e os militares parece ser “inevitável”.

“Estou muito ansiosa e preocupada com a situação que nos encontramos atualmente, sem saber o que será do nosso futuro”, disse a brasileira, que é casada com um egípcio e mora há oito anos no país.
“O que mais me preocupa aqui é como será a liberdade das mulheres, se haverá restrições. Não deixo de pensar se Mursi será presidente para todos ou apenas para um certo grupo”.

Custo de vida
Já Susy acredita que, no final, tudo será resolvido de forma pacífica, já que o povo foi às ruas para derrubar um regime sem usar violência.
“Acho que no país só restam negociações e barganhas. Não acho que haja espaço para violência”.

Apesar do otimismo, Susy contou que ela e o marido egípcio devem deixar o país em breve por acreditar que a crise demorará para passar.

“Não sairemos por medo de algum evento que possa gerar violência, mas porque o custo de vida no país está ficando mais alto para o nosso padrão. Não há muitas perspectivas por aqui no momento”.

Fonte: BBC Brasil

O MUNDO TÁ FICANDO LOCO - O ESPORTE DO MOMENTO É MMA “A gente bate e pede perdão”, diz lutador evangélico de MMA

Fábio Maldonado treina MMA em uma igreja (Foto: Rafaela Gonçalves / GLOBOESPORTE.COM)
Uma igreja na cidade de Sorocaba criou um grupo de MMA liderado pelo lutador do UFC Fábio Maldonado que usa o salão da Igreja Presbiteriana para treinar alguns jovens.
Entre os interessados pelas dicas de Maldonado está o pastor da igreja, Ivanilson Bezerra da Silva que comenta porque permite esse esporte dentro da igreja.
“A religião, assim como o esporte, exige disciplina. Quem pratica esporte se dedica, não fica na noite, tem uma vida regrada. Na igreja é a mesma coisa”, disse o pastor ao Globo Esporte.
Silva também fala que o esporte serve para atrair a juventude e tirar as crianças da rua. “Por isso, trouxemos o esporte para cá, queremos tirar as crianças da rua e vê-las praticando esporte”.
Sobre a violência desse esporte, o lutador brinca dizendo que pede desculpas para seus adversários depois dos golpes. “A gente bate e pede perdão já (risos)”.
Mas apesar dessa brincadeira, Maldonado sabe como é importante ajudar outras pessoas ensinando um esporte. “É bom ver essa molecada longe das ruas, com sonhos. Fico feliz em poder ajudá-los”, diz.
Depois das lutas, atletas se reúnem e fazem uma oração (Foto: Rafaela Gonçalves / GLOBOESPORTE.COM)
Após os treinos os participantes se reúnem para fazer uma oração e agradecer a Deus pelo dia.
“A gente agradece por tudo ter dado certo, por ninguém ter se machucado e pedimos força para continuarmos lutando”, encerra o lutador.


VIA GRITOS DE ALERTA.
INF. GOSPEL PRIME

JACO - ISRAEL

De todos os relatos da Torá, este é um dos mais envoltos em mistério. Conta-nos a história da luta entre um ser humano e um anjo e a da ...