Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 1, 2016

Atendendo à bancada evangélica, Câmara vai rever decisão do STF sobre aborto

Atendendo a apelos vindos principalmente da bancada evangélica, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou em plenário na madrugada desta quarta-feira (30) que vai instalar comissão especial com o objetivo de rever a decisão tomada pelo Supremo Tribunal Federal nesta terça (29) sobre o aborto.

Maia afirmou que pretende adotar essa posição toda vez que o STF resolver legislar no lugar do Congresso, "ratificando ou retificando a decisão do tribunal."

Candidato à reeleição em fevereiro, o deputado cedeu à pressão da maioria da Casa, que é claramente de caráter conservador.

Nesta terça, a maioria da primeira turma do STF (Supremo Tribunal Federal) firmou o entendimento de que praticar aborto nos três primeiros meses de gestação não é crime. Votaram dessa forma os ministros Luís Roberto Barroso, Rosa Weber e Edson Fachin.

A medida foi bastante criticada por deputados, entre eles o Pastor Marco Feliciano (PSC-SP) e o coordenador da bancada evangélica, João Ca…

Câmara cria 'Lei da Intimidação' ao esvaziar pacote anticorrupção

Imagem
A Câmara dos Deputados, na madrugada de ontem, esvaziou o pacote anticorrupção, traindo a legítima expectativa de milhões de brasileiros que esperam uma reação do Congresso contra os níveis jamais vistos de corrupção relevados pela Lava Jato. Para piorar, a Câmara aprovou uma lei para colocar a Lava Jato contra a parede. A "Lei da Intimidação" presta-se a ameaçar juízes e promotores. Embora o Ministério Público Federal tenha o compromisso de máximo empenho para seguir, de modo responsável, investigando, processando e punindo a grande corrupção, a Lei da Intimidação impedirá essa atividade. Mostraremos que, caso aprovada no Senado e sancionada pelo presidente Temer, já não mais haverá condições do legítimo exercício da função do Ministério Público e do Judiciário na Lava Jato. Primeiro, um rápido contexto. Há duas semanas, circulou um texto anônimo de que seria aprovado com urgência na Câmara um projeto que anistiaria a corrupção relacionada a acordos de leniência. Houve mobili…

Alan Ruschel não deve perder movimento das pernas após cirurgia na coluna

Imagem
O lateral da Chapecoense Alan Ruschel, um dos sobreviventes do acidente aéreo que vitimou 71 pessoas na Colômbia, passou mesmo por cirurgia na coluna, devido a uma lesão na 12ª vértebra. A informação foi confirmada pela diretora médica da clínica Somer, Maria González. González acrescentou que o jogador tem tido boa recuperação desde o procedimento cirúrgico e que ele está em condições estáveis - a parte motora do atleta está preservada até o momento, sem déficit de mobilidade.  Ainda é cedo para afirmar, contudo, que Ruschel poderá voltar a jogar futebol.  Há cinco médicos brasileiros na Colômbia, em Medellín, para acompanhar a evolução dos quatro sobreviventes brasileiros - Alan Ruschel, Neto e Jackson Follmann (jogadores) e Rafael Henzel (jornalista). Familiares de Ruschel e Henzel desembarcaram na manhã desta quinta na cidade para oferecer apoio. O acidente ocorreu na madrugada da última terça-feira (29), durante trajeto de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, até Medellín. Das 77 pes…