segunda-feira, 20 de maio de 2013

ALARMANTE , POREM VERDADEIRO - BRASIL SOFRE UMA INFESTAÇÃO DE CASOS DE CÂNCER EM SUA POPULAÇÃO.

ALARMANTE , POREM REAL.
 
O Brasil sofre com o descaso dos governantes corruptos , e quem paga a conta é o povo .
Em quase todas as prefeituras , o tratamento da água é feito com cloro , que é um subproduto da indústria da soda caustica.
Quando você toma uma água tratada com cloro , você esta automaticamente se matando , pois os resíduos do cloro são cancerígenos.
Sem contar os corantes dos alimentos ,dos refrigerantes etc.
 
Temos uma nova modalidade , que veio para acabar de matar o povo com câncer.
 
O LEITE ADULTERADO COM FORMOL , QUE É UM PRODUTO ALTAMENTE CÂNCERIGENO .
 
Quando você toma leite com formol ,você esta atestando que vai ter algumas complicações , e se eu fosse você , guardaria as embalagens de leite contaminado , e já iniciava um processo contra as empresas que colocaram esse leites contaminados nas prateleiras.
 
 
 
 Sete refrigerantes têm substância cancerígena, revela pesquisa  da Folha de S.Paulo


Em uma pesquisa com 24 refrigerantes, a Pro Teste --Associação Brasileira de Defesa do Consumidor-- verificou que 7 têm benzeno, substância potencialmente cancerígena. O benzeno surge da reação do ácido benzoico com a vitamina C. Como não há regra para a quantidade do composto em refrigerantes, usou-se o limite para água potável: 5 microgramas por litro.


Os casos mais preocupantes foram o da Sukita Zero, que tinha 20 microgramas, e o da Fanta Light, com 7,5 microgramas. Os outros cinco produtos estavam abaixo desse limite. São eles: Dolly Guaraná, Dolly Guaraná Diet, Fanta Laranja, Sprite Zero e Sukita.

Fernanda Ribeiro, técnica da Pro Teste, diz que é difícil estudar a relação direta entre o benzeno e o câncer em humanos, mas que já se sabe que a substância tem alto potencial carcinogênico e que, se consumida regularmente, pode favorecer tumores. "Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), não há limite seguro para ingestão dessa substância", diz.

A química Arline Abel Arcuri, pesquisadora da Fundacentro (Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho) e integrante da Comissão Nacional Permanente do Benzeno, diz que o composto vem sendo relacionado especialmente a leucemias e, mais recentemente, também ao linfoma.

O fato de entrar em contato com o benzeno não significa necessariamente que a pessoa vá ter câncer --há organismos mais e menos suscetíveis. "Mas não somos um tubo de ensaio para saber se resistimos ou não, e não há limites seguros de tolerância. O ideal, então, é não consumir", diz Arcuri.

O benzeno está presente no ambiente, decorrente principalmente da fumaça do cigarro e da queima de combustível. Na indústria, é matéria-prima de produtos como detergente, borracha sintética e náilon.

Nesse caso, não contamina o consumidor por se transformar em outros compostos. A principal preocupação é proteger o trabalhador da indústria.

O efeito do benzeno é lento, mas, quanto maior o tempo de exposição e a quantidade do composto, maior a probabilidade de desenvolver o tumor.

Editoria de Arte/Folha Imagem

Adoçantes e corantes

A pesquisa da Pro Teste encontrou, ainda, adoçantes na versão tradicional do Grapette, não informados no rótulo. O problema é maior no caso de crianças, que devem ingerir menos adoçantes.

Foram reprovados outros seis produtos [Fanta Laranja, Fanta Laranja Light, Grapette, Grapette Diet, Sukita e Sukita Zero] que tinham os corantes amarelo crepúsculo --que, segundo estudos, favorece a hiperatividade infantil-- e amarelo tartrazina --com alto potencial alergênico. "O amarelo crepúsculo já foi proibido na Europa. E muitas crianças têm alergia a alguns alimentos e, depois, descobre-se que o problema é o amarelo tartrazina", diz Ribeiro.

Os corantes são aprovados no Brasil, mas, para a Pro Teste, as empresas deveriam substituí-los por outros que não sejam problemáticos, assim como no caso do ácido benzoico. "É um problema fácil de ser resolvido", diz Ribeiro.

Outro lado

A Coca-Cola, responsável pela Fanta, afirmou, em nota, que cumpre a lei e que os corantes de bebidas são descritos no rótulo. Afirma, ainda, que o benzeno está presente em alimentos e bebidas em níveis muito baixos.

A AmBev, que fabrica a Sukita, informou que trabalha "sob os mais rígidos padrões de qualidade e em total atendimento à legislação brasileira".

Cláudio Rodrigues, gerente-geral da Refrigerantes Pakera, que fabrica o Grapette, diz que a bebida tradicional pode ter sido contaminada por adoçantes porque as duas versões são feitas na mesma máquina. "Os tanques são lavados, mas pode ter ficado resíduo de adoçante no lote testado."
http://www1.folha.uol.com.br/folha/equilibrio/noticias/ult263u560464.shtml


Conheça oito alimentos que podem aumentar o risco de câncer
Maus hábitos alimentares estão diretamente relacionados com essa estatística. A vida moderna, cada vez mais agitada, dificultou o velho (e bom) hábito de preparar os próprios alimentos e deu lugar aos alimentos prontos para consumo ou de fácil preparo.

O nutricionista Fábio Gomes, do INCA, explica que muitos alimentos possuem fatores mutagênicos, ou seja, lesam as células humanas e alteram o material genético que existe dentro dela. "Esse processo leva a uma multiplicação celular muito maior do que o normal e, em consequência, pode aparecer um
tumor". Muitos desses alimentos não apresentam qualquer benefício à saúde e podem ser facilmente riscados do cardápio. Veja quais são e modere no consumo dos alimentos que predispõem a doença. 
           
                
Carnes processadas

Linguiça, salsicha, bacon e até o peito de peru contêm quantidades consideráveis de nitritos e nitratos. Essas substâncias, em contato com o estômago, viram nitrosaminas, substâncias consideradas mutagênicas, capazes de promover mutação do material genético.

"A multiplicação celular passa a ser desordenada devido ao dano causado ao material genético da célula. Esse processo leva à formação de tumores, principalmente do trato gastrointestinal", explica Fábio Gomes.

A recomendação do especialista é evitar esses alimentos, que não contribuem em nada com a saúde.  
Refrigerante - foto: Getty Images Refrigerantes

A bebida gaseificada, além de conter muito sal em forma de sódio, possui adoçantes associados ao aparecimento de câncer. O ciclamato de sódio, por exemplo, é proibido nos Estados Unidos, mas ainda é utilizado no Brasil, principalmente em refrigerantes "zero". "Essa substância aumenta o risco de aparecimento de câncer no trato urinário", conta Fábio Gomes.

Quanto aos adoçantes que podem ser adicionados à comida ou à bebida, o nutricionista diz que ainda não há comprovação científica. "O ideal é que o adoçante seja usado de forma equilibrada, pois é um produto destinado a pessoas com diabetes e não deve ser consumido em excesso pela população em geral", aponta. 
Carne gordurosa - foto: Getty Images Alimentos gordurosos

Fábio Gomes explica que não é exatamente a gordura a principal responsável pelo aparecimento de câncer, e sim a quantidade de calorias que ela agrega ao alimento. A comida muito gordurosa é densamente calórica, ou seja, tem mais que 225 calorias a cada 100 gramas do alimento. "Por esses alimentos geralmente serem pobres em nutrientes, é preciso ingeri-los em grandes quantidades para obter saciedade, o que leva ao superconsumo", conta o nutricionista do INCA.

Em excesso, esses alimentos provocam obesidade, que é fator de risco para câncer de pâncreas, vesícula biliar, esôfago, mama e rins. A célula de gordura libera substâncias inflamatórias, principalmente hormônios que levam a alterações no DNA e na reprodução celular, como o estrogênio, a insulina e um chamado de fator de crescimento tumoral.  
Alimentos ricos em sal - foto: Getty Images Alimentos ricos em sal

"Se ingerido em quantidade maior do que cinco gramas por dia, o sal pode lesar as células que estão na parede do estômago", explica o nutricionista Vinicius Trevisani, do Instituto do Câncer de São Paulo. Essa agressão gera alterações celulares que podem levar ao aparecimento de tumores.

Procure evitar alimentos ricos em sal ou mesmo aqueles que usam sal para aumentar o tempo de conservação, como os congelados e os comprados prontos que só precisam ser aquecidos.

Entram nessa lista: carne seca, bacalhau, refrigerantes, pizzas congeladas, iscas de frango empanadas congeladas, macarrão instantâneo, salgadinhos de pacote, entre outros. 
Churrasco - foto: Getty Images Churrasco

Na fumaça do carvão há dois componentes cancerígenos: o alcatrão e o hidrocarboneto policíclico aromático. "Ambos estão presentes na fumaça e impregnam o alimento que é preparado na churrasqueira", explica Fábio Gomes. "Eles também possuem fatores mutagênicos que levam ao aparecimento de tumores." 
Junkie food - foto: Getty Images Dieta pobre em fibras

O nutricionista Vinicius Trevisani explica que o intestino se beneficia muito pelo consumo adequado de fibras. Elas garantem um bom trânsito intestinal, de modo a eliminar os ácidos biliares secundários, um produto da digestão presente no intestino. Isso evita a agressão às células do intestino e a multiplicação celular descontrolada.  
Hamburguer na chapa - foto: Getty Images Preparo com altas temperaturas

Alimentos fritos ou grelhados também incorporam algumas substâncias cancerígenas. Ao colocar o alimento cru em óleo ou chapa muito quentes (com temperatura aproximada de 300 a 400°C), são formadas aminas heterocíclicas - substâncias que contêm fatores mutagênicos e estimulam a formação de tumores.

O nutricionista Fábio recomenda preparar as carnes ensopadas - modo de cozimento em que não há nenhuma formação de aminas-, ou ainda prepará-las no forno. Dessa maneira, a temperatura do alimento aumenta gradualmente e não chega a níveis tão altos.  
Maçã podre - foto: Getty Images Alimentos com agrotóxicos

Não existe uma forma eficiente de limpar frutas, verduras e legumes dos agrotóxicos. "Muitas vezes, esses conservantes são aplicados nas sementes e passam a fazer parte da composição do alimento", aponta Fábio Gomes. Ele explica que o
agrotóxico provoca vários problemas de saúde em quem tem contato direto com esses alimentos, mas ainda está em estudo a sua real contribuição com o aparecimento do câncer.

Como ainda existem dúvidas sobre esses efeitos, o nutricionista orienta evitar opções ricas em agrotóxicos. É melhor consumir alimentos cultivados sem o produto químico, que comprovadamente têm mais vitaminas, minerais e compostos quimiopreventivos. "Estes compostos atuam na proteção e reparação celular frente a uma lesão que pode gerar câncer", afirma.  
 

VEJA DADOS http://www.inca.gov.br/estimativa/2012/index.asp?id=5 

Câncer da mama feminina

Em 2012, esperam-se, para o Brasil, 52.680 casos novos de câncer da mama, com um risco estimado de 52 casos a cada 100 mil mulheres (Tabela 1).

Câncer da próstata
Para o Brasil, no ano de 2012, estimam-se 60.180 casos novos de câncer da próstata. Esses valores correspondem a um risco estimado de 62 casos novos a cada 100 mil homens (Tabela 1).

 

Câncer do colo do útero
Para o Brasil, no ano de 2012, esperam-se 17.540 casos novos de câncer do colo do útero, com um risco estimado de 17 casos a cada 100 mil mulheres (Tabela 1).


Câncer do pulmão
Estimam-se 17.210 casos novos de câncer de pulmão em homens e 10.110 em mulheres, no Brasil, no ano de 2012. Esses valores correspondem a um risco estimado de 18 casos novos a cada 100 mil homens e 10 a cada 100 mil mulheres (Tabela 1).

 


Câncer do cólon e reto
Para o Brasil, no ano de 2012, esperam-se 14.180 casos novos de câncer do cólon e reto em homens e 15.960 em mulheres. Esses valores correspondem a um risco estimado de 15 casos novos a cada 100 mil homens e 16 a cada 100 mil mulheres (Tabela 1).

 


Câncer do estômago
No ano de 2012, estimam-se, para o Brasil, 12.670 casos novos de câncer do estômago em homens e 7.420 em mulheres. Esses valores correspondem a um risco estimado de 13 casos novos a cada 100 mil homens e 7 a cada 100 mil mulheres (Tabela 1).

 


Câncer da cavidade oral
Estimam-se 9.990 casos novos de câncer da cavidade oral em homens e 4.180 em mulheres, para o Brasil, no ano de 2012. Esses valores correspondem a um risco estimado de 10 casos novos a cada 100 mil homens e 4 a cada 100 mil mulheres (Tabela 1).

 

Câncer da laringe
Para o ano de 2012, no Brasil, esperam-se 6.110 casos novos de câncer da laringe, com um risco estimado de 6 casos a cada 100 mil homens (Tabela 1).

Sem considerar os tumores da pele não melanoma, em homens, o câncer da laringe é o sexto mais incidente na região Nordeste (4/100 mil). Nas regiões Sul (9/100 mil) e Norte (2/100 mil), ocupa a sétima posição, na região Sudeste (8/100 mil), a oitava, e na região Centro-Oeste (5/100 mil), a nona posição (Tabelas
4, 12, 22, 27 e 32).

A magnitude em mulheres é muito pequena e, portanto, o cálculo da estimativa não é recomendado.
Câncer da bexiga
No ano de 2012, estimam-se, para o Brasil, 6.210 casos novos de câncer da bexiga em homens e 2.690 em mulheres. Esses valores correspondem a um risco estimado de 6 casos novos a cada 100 mil homens e 3 a cada 100 mil mulheres (Tabela 1).

Câncer do esôfago
Para o ano de 2012, no Brasil, esperam-se 7.770 casos novos de câncer do esôfago em homens e 2.650 em mulheres. Esses valores correspondem a um risco estimado de 8 casos novos a cada 100 mil homens e 3 a cada 100 mil mulheres (Tabela 1).

 
Câncer do ovário
Estimam-se 6.190 casos novos de câncer do ovário para o Brasil no ano de 2012, com um risco estimado de 6 casos a cada 100 mil mulheres (Tabela 1).
Linfoma não Hodgkin
Esperam-se 5.190 casos novos de linfoma não Hodgkin em homens e 4.450 em mulheres, para o Brasil, no ano de 2012. Esses valores correspondem a um risco estimado de 5 casos novos a cada 100 mil homens e 4 a cada 100 mil mulheres (Tabela 1).

 
Câncer da glândula tireoide
Para o Brasil, em 2012, estimam-se 10.590 casos novos de câncer da tireoide, com um risco estimado de 11 casos a cada 100 mil mulheres (Tabela 1).

 
Câncer do Sistema Nervoso Central
Esperam-se 4.820 casos novos de câncer do Sistema Nervoso Central (SNC) em homens e 4.450 em mulheres, para o Brasil, no ano de 2012. Esses valores correspondem a um risco estimado de 5 casos novos a cada 100 mil homens e 4 a cada 100 mil mulheres (Tabela 1).

Leucemias
Para o Brasil, em 2012, estimam-se 4.570 casos novos de leucemia em homens e 3.940 em mulheres. Esses valores correspondem a um risco estimado de 5 casos novos a cada 100 mil homens e 4 a cada 100 mil mulheres (Tabela 1).

 

 
Câncer do corpo do útero
Esperam-se 4.520 casos novos de câncer do corpo do útero para o Brasil no ano de 2012, com um risco estimado de 4 casos a cada 100 mil mulheres (Tabela 1).

 MUITO CUIDADO COM QUE TIPO DE ALIMENTO VOCÊ ESTA CONSUMINDO .



Existe um plano dos ILLUMINATIS para diminuir as populações  , e eles estão fazendo de tudo para conseguir isso .


Afaste os alimentos cancerígenos

 

Já ouviu o ditado “se o gosto é bom, cuspa, pois faz mal”? Profissionais da saúde vêm tentando quebrar essa afirmação, pois ela não deve ser levada tão assim ao pé da letra. Realmente, os alimentos que despertam mais desejos na população são mais calóricos, tóxicos e até mesmo cancerígenos. Porém, há muitos outros que são mais saudáveis e capazes de dar mais vida a sua vida. É uma questão de hábito!
O que muito vem sendo debatido são os alimentos cancerígenos que consumimos no dia a dia. Sabia que defumados e churrasco são os mais problemáticos? E que refrigerantes, como a Coca-Cola, contém mais de 11 aditivos em suas fórmulas que não são nada benefícios, podendo causar câncer?
Os dados acima são preocupantes, mas isso não quer dizer que precisamos parar de comer churrasco ou beber refrigerante, mas sim diminuir a quantidade e a frequência para não superar o limite do nosso organismo.
Corantes amarelos, presentes em quase todos alimentos industrializados, também devem ser evitados. Entre os adoçantes, o aspartame, proibido em vários países, está presente em mais de 5 mil produtos dietéticos brasileiros. Além disso, conservantes encontrados nos embutidos como salsichas, presuntos e salames, são responsáveis por vários tipos de câncer de estômago.

Mas calma, pois nem tudo está perdido. Conhece os anticancerígenos naturais? Consumidos regularmente, esse antídotos diminuem o efeito dessas substâncias nocivas que falamos. São eles as vitaminas e enzimas presentes nas frutas e nas verduras, que devem ser consumidas, de preferência, cruas. Então, que tal no churrasco comer uma saladinha junto com a carne? Tomate, repolho e couve são essenciais para isso. Dê atenção também aos cogumelos do sol e ao shiitake. Eles são bem recomendados para cortar os efeitos nocivos de alguns alimentos.
Viu como é fácil? Então fique atento aos rótulos dos alimentos e não consuma desenfreadamente tudo o que tem vontade, pois senão nossa saúde é que pedirá socorro.


GRITOS DE ALERTA

 

Presidente da Gâmbia: “Preferimos comer capim que aceitar as condutas homossexuais”


“Preferimos comer capim que aceitar as condutas homossexuais, atitudes más que são contra Deus, contra o homem e contra a Criação”, respondeu Yahya Jammeh, presidente da Gâmbia, às ameaças de cortes nas ajudas alimentícias por parte dos EUA.

Jammeh falou diante do Congresso Nacional de seu país referindo-se às leis que proíbem as práticas homossexuais, informou a agência
LifeSiteNews.

“Se vocês querem que nos voltemos contra Deus para receber vossa ajuda, levem sua ajuda embora, nós sobreviremos” – acrescentou. As leis soberanas da Gâmbia foram colocadas na mira do presidente Obama, que anunciou o condicionamento da ajuda americana às leis relativas ao homossexualismo.


Na mesma ocasião, falando em Genebra no Conselho dos Direitos Humanos da ONU, a secretária de Estado americana, Hillary Clinton declarou que os “direitos homossexuais” e os direitos humanos são “uma só e mesma coisa”.

O premier britânico David Cameron já havia ameaçado os países africanos com represálias análogas caso estes não aceitassem o “casamento” homossexual.

Em Malawi, o primeiro casal assumidamente sodomita foi condenado a 14 anos de trabalhos após uma cerimônia de “engajamento”. Mas, em vista das ameaças do governo Obama, funcionários do governo pediram para se reconsiderar a pena. Líderes religiosos e políticos de outros países africanos repudiaram a intimação do presidente americano.

Segundo o presidente Jammeh, a lei da Gâmbia está solidamente enraizada na cultura e na religião do país. A admissão de condutas homossexuais compromete a dignidade da nação e “insulta a Deus”, disse.

Até pagãos, ou muçulmanos como Yaya Jammeh, manifestam maior senso moral que poderosos líderes de nações que oficialmente abandonaram Nosso Senhor Jesus Cristo e a sua Santa Igreja.



FONTE . LUZES DE ESPERANÇA

Adolescente de 17 anos é assassinada dentro de igreja evangélica

A jovem mantinha um relacionamento com o seu atirador; ele ainda tentou matar outras pessoas antes de ser preso.

Uma adolescente de 17 anos foi assassinada, na noite desse domingo (19), enquanto participava de um culto em uma igreja evangélica, no bairro Industrial, em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte.

Testemunhas contaram à Polícia Militar (PM) que Thaís Deodoro Maia louvava a Deus no altar da Igreja Evangélica da Unicidade e que, quando terminou de cantar, dirigiu-se ao lado de fora da igreja para beber água. Ainda no bebedouro, ela teria visto um homem que não frequentava os cultos na igreja. Assustada, ela teria gritado e retornado para dentro do templo.

Jonas Moreira de Carvalho, de 40 anos, perseguiu a jovem e, dentro da igreja, e sacou uma arma. Próximo ao altar, membros da igreja o cercaram e o seguraram. Carvalho disparou duas vezes contra o teto, e os homens o soltaram. Livre, ele teria continuado a correr atrás de Thaís, que caiu perto de uma porta e foi alcançada pelo homem. Ele atirou três vezes contra a adolescente. Dois tiros atingiram a região do pescoço e um, o ouvido. A moça morreu na hora, e Carvalho fugiu a pé.

No local, a PM descobriu, em conversa com testemunhas, que o atirador era membro de uma igreja do bairro vizinho, o Jardim Industrial. Com essa informação, os militares foram até a Casa de Oração Betel. Um dos membros dessa igreja evangélica, após ser informado da morte da jovem, disse à PM que Carvalho era membro da Casa e que ele teria se afastado da igreja depois que sua mulher terminou o relacionamento ao descobrir que ele estava se envolvendo com uma adolescente. O homem conseguiu uma foto do suspeito em uma rede social, e a secretaria da Casa passou dados pessoais de Carvalho para a polícia.

Familiares da vítima e testemunhas reconheceram Carvalho como o atirador. Os pais da menina confirmaram que Thaís mantinha um relacionamento com Carvalho e que eles eram contra. A reprovação da família teria feito com o que o homem ameaçasse a jovem. O casal ainda afirmou que o suspeito já tinha sido professor de violão e teclado da adolescente.

Thaís cursava o 1º período de direito e tinha o sonho de montar um escritório com o pai.

Prisão

Durante o registro da ocorrência, a PM recebeu informação de que tiros teriam sido disparados em Ribeirão das Neves, na região metropolitana. No bairro Jardim Colonial, a polícia prendeu Jonas Carvalho, que havia tentado matar um homem.

Carvalho disparou contra Vilmar Nobre do Nascimento, de 41 anos, para se vingar, já que acredita que ele teria estuprado sua filha no passado. Nascimento ficou ferido na virilha e foi socorrido por familiares para o Hospital Municipal de Contagem, depois de tomar a arma de Carvalho.

Antes de ser pego pela polícia, Carvalho também planejava matar Edson Fernandes da Silva, de 28 anos, que atualmente é companheiro de sua ex-mulher.

O suspeito afirmou à PM que, depois de cometer os crimes, iria se matar. O revólver calibre 38 e o Gol cinza do atirador foram apreendidos. Os crimes foram registrados na Delegacia de Plantão de Ribeirão das Neves.

Fonte: O Tempo

Justiça decide que remuneração vincula pastor a igreja

A 2ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Sul confirmou sentença que reconheceu vínculo de emprego entre um pastor e a igreja para a qual trabalhou por mais de ano.

O fundamento foi que o trabalho no âmbito das instituições religiosas não exclui, por si só, a possibilidade de relação jurídica de emprego, principalmente se ficar provada a falta de voluntariedade na prestação laboral.

O relator do recurso da igreja, desembargador Raul Zoratto Sanvicente, de início, replicou o argumento usado pelo juízo de 1º grau: ao não comparecer na audiência de instrução, a parte ré incorreu em ‘‘confissão ficta’’. Ou seja, a revelia faz presumir como verdadeiros os fatos afirmados pela parte reclamante na inicial.

Segundo o relator, apesar de a parte ré defender a tese de que o reclamante tornou-se membro da congregação de maneira voluntária e progressiva, primeiro auxiliando na realização dos cultos e, após, trabalhando como pastor, não havia a mínima prova que desse respaldo a essas explicações.

‘‘Inexiste, portanto, demonstração de que o labor prestado revestiu-se de traços voluntários, o que serviria para afastar a configuração do vínculo empregatício. Logo, e também em razão da confissão ficta na qual incorreu a ré, deve prevalecer a versão da inicial, no sentido de que o reclamante não fazia parte da entidade religiosa e foi contratado com o propósito específico de exercer a função de pastor’’, finalizou. O acórdão foi lavrado na sessão do dia 18 de abril.
O caso
Robis Araújo Feitosa contou à Justiça do Trabalho que laborou na condição de empregado para a Igreja Mundial do Poder de Deus, no período de 1º abril de 2010 a 31 de maio de 2011, quando foi dispensado sem motivo. No cargo de pastor, disse que pregou para a igreja nos municípios gaúchos de Giruá, Veranópolis, Ijuí, Rio Grande, Butiá, Porto Alegre e, por último, em Panambi.

Em todas essas localidades, afirmou, era o único pastor presente e fazia três cultos diariamente: às 9h, 15h e 19h30, com duração média de 1h30 a 2h. Além da moradia, mensalmente recebia ‘‘ajuda eclesiástica’’ no valor inicial de R$ 800 — que depois saltou para R$ 1,2 mil após um ano de trabalho.

Na reclamatória ajuizada, o autor pediu reconhecimento de vínculo, anotação na Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), quitação das parcelas trabalhistas e pagamento de dano moral.

A igreja não nomeou representante para comparecer à audiência inaugural — para depor e apresentar contestação — promovida pelo Posto Panambi, que está afeto à Vara do Trabalho de Palmeira das Missões. Por isso, foi considerada revel e ‘‘fictamente confessa’’ quanto à matéria de fato.
A sentença
O juiz Ivanildo Vian explicou, de forma didática, que a Consolidação das Leis do Trabalho vê o contrato de trabalho como o vínculo pelo qual uma pessoa física (empregado) se compromete a prestar serviços de forma onerosa (por salário), pessoal, subordinada e não eventual para outra pessoa física ou jurídica (empregador). E este último assume os riscos do empreendimento. Assim, na ausência de qualquer um desses requisitos, não há relação empregatícia.

De acordo com o juiz, a onerosidade significa que os serviços prestados pelo trabalhador devem ser necessariamente contraprestados mediante o pagamento de determinada verba. Assim, os serviços não podem ser a título gratuito, filantrópico ou gracioso, sob pena de macular a configuração do vínculo de emprego. Já a não-eventualidade significa a inserção dos serviços prestados pelo trabalhador dentre aquelas atividades consideradas necessárias ao tomador. Os serviços, portanto, não podem ser aleatórios, cuja importância ou necessidade não sejam permanentes.

Quando se fala em pessoalidade — discorreu o juiz —, significa dizer que os serviços devem ser prestados pessoalmente pelo trabalhador, sem a substituição por terceira pessoa, por meio de empregado ou preposto.

A subordinação — o mais importante e complexo dos quatro requisitos — deve ser considerada no seu aspecto jurídico. Afinal, é do elemento ‘‘subordinação’’ que nascem os poderes patronais de direção, comando, controle e de disciplina, aos quais correspondem as obrigações de obediência, diligência e fidelidade do empregado, completou.

No caso, como a parte reclamada acabou ‘‘fictamente confessa’’, o juiz reconheceu a existência do vínculo empregatício, como pleiteado na inicial. Negou, entretanto, a reparação moral, por entender que o inadimplemento das verbas trabalhistas não enseja, por si só, abalo moral indenizável.

‘‘A reparação devida, neste caso, já restou assegurada quando reconhecida a obrigação patronal quanto ao correspondente pagamento, com acréscimo de juros e correção monetária, sem que disso decorra qualquer presunção de abalo moral’’, encerrou.

Fonte: Consultor Jurídico

Governo nigeriano convoca exército para combater Boko Haram

 
Governo nigeriano convoca exército para combater Boko HaramO presidente nigeriano Goodluck Jonathan declarou estado de emergência em três estados do Norte do país: Borno, Yobe e Adamawa. A medida foi tomada diante dos ataques cada vez mais constantes do grupo extremista Boko Haram que já mataram centenas de cristãos.
O Exército da Nigéria foi enviado para estas localizadades para combater os radicais islâmicos que tentam instaurar a sharia naquela religião e assim criar um Estado separado.
Na capital de Borno foi decretado um toque de recolher de 24 horas desde a última quinta-feira (16). O estado é considerado como o reduto de Boko Haram e, por isso, as forças armadas devem concentrar seus ataques nesta região.
Só no sábado (18) mais de 10 “supostos terroristas” foram mortos no embate e outras 65 pessoas foram presas. Para tentar conter os insurgentes, o governo está oferecendo anistia aos que se renderem.
No dia que o presidente Jonathan tomou providências para combater o grupo terrorista, o pastor Shepherp Faye Pama, secretário da Associação Cristã na Nigéria, foi morto em um ataque brutal. Uma fonte revelou aos jornais que os terroristas estavam armados e invadiram a casa do pastor pulando o muro. Em seguida eles começaram a atirar contra o religioso, um dos mais importantes líderes cristãos do país.

Tintswalo Ngobeni (à esq.) fugiu da Suazilândia para não ser obrigada a casar com o rei Mswati 3º


Tintswalo Ngobeni (à esq.) fugiu da Suazilândia para não ser obrigada a casar com o rei Mswati 3º (à dir.)
A jovem Tintswalo Ngobeni, 22, luta para conseguir asilo político na Inglaterra depois de fugir de seu país natal, a Suazilândia (África), onde o rei Mswati 3º a escolheu sete anos atrás para ser sua 14ª noiva, segundo o jornal Daily Mail. Seu primeiro pedido de abrigo ao governo inglês foi negado em 2011.
De acordo com a tradição da Suazilândia, o monarca polígamo pode escolher uma nova mulher virgem a cada ano para integrar seu harém.

 

Ngobeni mora atualmente em Birmingham, na Inglaterra, e disse que ficou "horrorizada" quando ficou sabendo das intenções do rei. "Ele ficava me ligando na escola e perguntava se eu queria ser parte da família real. Não quero passar a vida inteira me dedicando a um rei".
"Não tive opção. Ninguém nunca contraria o rei, então eu precisei desaparecer". Desde que chegou à Europa, Ngobeni tem criticado abertamente o regime opressivo da Suazilândia, onde os partidos de oposição estão banidos e a prisão de dissidentes é comum.
Segundo ela, as esposas do rei ficam dentro do palácio cercadas por guarda-costas, e raramente podem sair do local. "Uma vez por ano Mswati as leva para os Estados Unidos para que comprem roupas, e só", disse.
Ngobeni afirmou ter informações de que funcionários das forças de segurança da Suazilândia estão na Inglaterra para tentar repatria-la à força ou pressionar as autoridades inglesas. "Tenho medo. Se eu voltar provavelmente serei presa, ou algo pior pode acontecer".
Em abril ela chegou a ser detida pelas autoridades da imigração, e passou algumas horas em um centro de detenção provisória - local onde imigrantes ilegais aguardam deportação -, mas foi liberada em seguida após pressão de advogados e grupos de defesa dos direitos humanos.

   Todos os anos, o rei da Suazilândia, Mswati 3º, escolhe uma nova virgem para ser sua mulher. As jovens dançam e se mostram para o monarca na cerimônia chamada de "Umhlanga". Participar do ato é considerado um privilégio para as mulheres do país. Na imagem, a cerimônia realizada no dia 28

 
INF. UOL.COM.BR

ATENÇÃO GOIÁS - FARRA DO LEITE ADULTERADO - Segundo a polícia, fraudadores misturavam água, sal e açúcar à bebida.


A polícia prendeu na cidade de Morrinhos sete pessoas suspeitas de integrar uma quadrilha de roubo e adulteração de leite em vários municípios da região sul de Goiás. Segundo as investigações, a carga roubada era levada para uma fazenda próxima ao trevo que dá acesso à cidade de Buriti Alegre, a 192 km de Goiânia. Após ser adulterado com água, sal e açúcar, o leite era armazenado em péssimas condições de higiene, em meio a insetos como baratas.
De acordo com a polícia, o leite adulterado era vendido para laticínios clandestinos, também em Goiás. A prisão dos suspeitos aconteceu na madrugada de domingo (19). Os suspeitos serão apresentados na manhã desta segunda-feira (20) na Delegacia da Polícia Civil de Morrinhos.
De acordo com a polícia, o crime era cometido há vários anos e toda semana, pelo menos, 10 mil litros do produto eram desviados. O prejuízo, só em Morrinhos, chega a R$ 60 mil.
A quadrilha começou a ser monitorada em novembro do ano passado. Em apenas uma das rotas feitas pelos criminosos, a polícia encontrou três caminhões que já tinham transportado 700 mil litros de leite em uma semana.
  •  
Quadrilha é presa suspeita de roubar e adulterar leite em goiás; alimentos eram guardados com baratas 2 (Foto: Reprodução / Polícia Civil)Produtos usados para adulterar leite eram guardados em meio a baratas (Foto: Reprodução


VIA  GRITOS DE ALERTA . INF. G1.COM.BR

Travestis assaltam apresentador do SBT Carlos Nascimento em SP

SÃO PAULO - O jornalista Carlos Nascimento, apresentador do SBT, afirma que foi vítima de um assalto na região da Avenida Lineu de Paula Machado, na Zona Oeste da capital, perto do Jockey Club de São Paulo, na noite desta quarta-feira. Em entrevista à rádio Jovem Pan, Nascimento disse que estava parado quando foi surpreendido por um travesti, que invadiu o seu carro. Segundo o jornalista, o veículo estava com as portas destravadas. A região é um ponto tradicionalmente ocupado por travestis.
- Quando olhei para o lado, o travesti estava sentado no banco do passageiro, querendo fazer um programa e pedindo que eu encostasse o carro. Achei que era uma brincadeira, pedi para ele descer e ele foi se tornando agressivo. Acelerei o carro, ele se jogou sobre a direção, tentando desviar o veículo. Parei. O travesti se tornou muito mais agressivo e tirou um objeto do bolso, um estilete, faca ou punhal e veio para cima de mim. Dei um soco nele e ele recuou - contou o apresentador.
Nascimento contou ainda à rádio que as portas traseiras do seu carro foram abertas e mais dois travestis armados de objetos cortantes invadiram o veículo .
- Aí percebi que estava sendo assaltado. E levaram minha bolsa. Parei o carro e fui atrás da bolsa - relatou o apresentador do SBT. Ele afirmou que conseguiu recuperar a bolsa, mas o travesti voltou ao carro e fez ameaças. Nascimento acelerou e o travesti caiu.
Ele disse que agora irá mudar o trajeto, para evitar novos ataques.
- Fiquei surpreso e indignado. Aquele é um lugar público pelo qual percebi que não posso mais passar - declarou Nascimento.
O jornalista não registrou boletim de ocorrência. Um inquérito para apurar o caso será aberto no 34º Distrito Policial (DP) e Nascimento, convidado a prestar esclarecimentos.


FONTE. http://oglobo.globo.com/pais/travestis-assaltam-apresentador-do-sbt-carlos-nascimento-em-sp-5876222

Projeto de Lei de Marcelo Crivella garante estabilidade para grávida

O projeto de lei do senador licenciado Marcelo Crivella (PRB-RJ) foi sancionado pela presidente Dilma Rousseff.

Agora as mulheres gestantes que estiveram no período do aviso prévio trabalhado ou indenizado terão a estabilidade garantida, pois o projeto de lei do senador licenciado Marcelo Crivella (PRB-RJ) foi sancionado pela presidente Dilma Rousseff.

O texto da lei já foi publicado no Diário Oficial da União alterando a CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) e destaca, “A confirmação do estado de gravidez advindo no curso do contrato de trabalho, ainda que durante o prazo do aviso prévio trabalhado ou indenizado, garante à empregada gestante a estabilidade provisória prevista na alínea b do inciso II do art. 10 do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias”.

Ao falar sobre seu projeto, Crivella, que atualmente é ministro da Pesca e Aquicultura, explica que quando os empresários desconfiam de uma gravidez mandam a funcionária embora sem arcar com seus direitos trabalhistas.

“Você sabe que quase um terço das duas milhões de crianças que nascem anualmente no Brasil não tem pai declarado. Portanto, a gente pode muito bem estar falando de uma grávida sem marido, que foi mandada embora e não vai nessa situação encontrar emprego e pode ser até induzida ao aborto. Se por outro lado ela engravidar durante o aviso prévio prevalece da mesma forma a garantia à maternidade e a função social da empresa”, declarou Crivella.

ISSO O PT FAZ BEM - MAQUIAR É COM ELE MESMO - Favela no Rio passa por banho de loja para receber o papa

As melhorias na favela de Varginha estão acontecendo apenas num trecho de 300 metros por onde o papa vai passar.

A Favela de Varginha, que será visitada pelo papa, ganha um banho de loja. O asfalto está sendo recapeado, o campo de futebol recebeu nova iluminação, garis varrem a rua todo dia e o muro da escola municipal terá grade. Mas tudo isso se restringe a um trecho de 300 metros da Rua Carlos Chagas, onde Francisco passará.

"Estão fazendo obra para o papa ver. Quero que façam as obras que ele não vê, como as de saneamento. Não tem nenhum funcionário da prefeitura nas outras ruas", diz o comerciante Manoel Arcanjo, de 55 anos, morador de Varginha há 46, lembrando que a Carlos Chagas - principal acesso à comunidade de Manguinhos, na zona norte - foi asfaltada nos anos 1970 e nunca mais teve manutenção, apesar das inundações constantes do Rio Faria Timbó.

Desde que Varginha foi anunciada pelo Vaticano como um dos locais a serem visitados, há 10 dias, equipes da prefeitura trabalham no curto trecho entre a entrada da favela, onde está a Igreja de São Jerônimo Emilliani, e o campo de futebol, que ganhou poste com refletores e onde o tricampeão Jairzinho treina adolescentes. A Rioluz trocou todo o cabeamento até o transformador. Carros abandonados no acostamento da Carlos Chagas já foram rebocados. Garis passaram a varrer a rua diariamente, o que não ocorria. "Eles tiravam o lixo da caçamba, mas não tinha gente fazendo limpeza. Espero que continuem a vir depois do papa", diz a dona de casa Ivanete de Jesus.

A Rio Eventos, empresa da prefeitura que trata de temas ligados à Jornada da Juventude, informou que Varginha foi pacificada recentemente, permitindo serviços públicos. Já havia um cronograma de intervenções, mas algumas foram antecipadas por causa do papa.

Fonte: Jornal A Tarde

DINHEIRO PÚBLICO USADO PARA PROMOVER A SODOMIA EM SÃO PAULO.

A Parada Gay em São Paulo contará em 2013, com um investimento da prefeitura da cidade de R$ 1,6 milhão, o dobro do valor investido em 2012.

A informação foi divulgada pela organização da Parada Gay durante a entrevista coletiva de lançamento do evento, com anuência da Coordenadoria de Assuntos da Diversidade Sexual do município (CADS).

De acordo com Julian Rodrigues, diretor da CADS, o aumento do aporte faz parte das diretrizes da nova administração municipal: “Apoiar a Parada é uma prioridade do prefeito [Fernando] Haddad. Vamos apoiar também a partir deste ano a Caminhada Lésbica e o show de encerramento”, afirmou Rodrigues.

No meio evangélico, Fernando Haddad (PT), é conhecido como o ministro da Educação que liberou a distribuição do kit-gay nas escolas públicas do Brasil. Em 2012, o pastor Silas Malafaia fez intensa campanha contra Haddad, pedindo que os eleitores evangélicos votassem em José Serra (PSDB).

Além da verba de R$ 1,6 milhão da prefeitura, a Parada Gay contará ainda com outros R$ 280 mil cedidos pelos patrocinadores, que são a Caixa Econômica Federal, a Petrobras e o Sindicato dos Comerciários de São Paulo, segundo informações do site Mix Brasil.

Para a segurança do evento, serão deslocados 1.200 policiais militares, além dos homens da Guarda Civil Metropolitana e do Corpo de Bombeiros.





VIA GRITOS DE ALERTA / INF. G+

Pat Robertson critica muçulmanos e defensores do casamento gay

Uma fala do pastor norte-americano Pat Robertson gerou polêmica nos Estados Unidos na última semana por tecer comentários sobre o islamismo e sobre o casamento entre pessoas do mesmo sexo.
Ao falar sobre o atentado em Boston, o pastor citou que seu país está minimizando o papel do Islã no ataque que matou três pessoas e deixou outras dezenas feridas.
Sua crítica severa ao islã fez com que ele ganhasse o título de “islamofóbico” no jornal Huffington Post, já que comparou a religião com o nazismo.
“Não há nenhum problema em dizer que os nazistas eram monstros, sem problema. Estávamos lutando contra os nazistas, e nosso dever era derrotá-los, e todos nos Estados Unidos se mobilizaram para derrotá-los. Agora estamos em guerra, mas nos recusamos a identificar nosso inimigo, mesmo que esteja à vista”, disse o pastor.
Antes mesmo dos dois suspeitos serem identificados o telepastor já acusava o Islã pelos ataques. Em outras ocasiões, Pat Robertson já havia criticado os muçulmanos dizendo que eles fazem parte de uma religião “demoníaca”.
Outra frase que gerou muita polêmica nos Estados Unidos foi sobre o casamento entre pessoas do mesmo sexo. O pastor afirmou que os defensores dessa causa são iguais aos seguidores dos Illuminati.
O pastor de 83 anos estava comentando a respeito da aprovação do casamento gay na França quando fez a comparação. “Se você voltar na história para a Revolução Francesa, houve um impulso estimulado pelos escritos do grupo chamado Illuminati para destruir a família, para destruir o estado, para destruir o capitalismo e para destruir a igreja”, disse.
Robertson afirma que os defensores da união civil de homossexuais, assim como os apoiadores dos Illuminati, serão responsabilizados pelas repercussões desastrosas que virão a seguir.
O pastor que apresentava o famoso programa evangélico “The Club 700″ disse que não se trata apenas do casamento, mas da destruição da família e da criação de uma sociedade sem Deus.
“Temos aqui um debate sobre o casamento homossexual, mas é realmente apenas sobre o casamento?”, questionou. “Ou será que vai muito além, para destruir a família tradicional e construir uma país sem Deus?”.

Ministério da Educação vai analisar futuro do kit gay

 
Ministério da Educação vai analisar futuro do kit gayO Ministério da Educação (MEC) vai debater com especialistas o futuro do material educativo que seria distribuído em escolas públicas para combater a homofobia.
O projeto batizado de “kit gay” foi vetado pela presidente Dilma Rousseff em 2011 depois que as bancadas Católica e Evangélica pressionaram o governo.
A informação sobre o futuro do kit gay foi dada pelo portal Terra em uma reportagem feita com dados da assessoria do MEC. A nota afirma que será feito uma parceria com entidades para analisar o material.
“O Ministério da Educação firmou uma parceria com o Fórum de Entidades Nacionais da Psicologia (Fenp) e dez universidades federais para debater e analisar todos os materiais educativos que abordem preconceitos, violência nas escolas e qualquer tipo de discriminação, entre eles, os materiais referentes ao Programa Escola sem Homofobia”, diz nota da pasta.
O kit com cartilhas, livros e vídeos educativos foi elaborado por diversas entidades com parceria do MEC. A ala mais conservadora não aprovou o material por considerar que ele ensinava a homossexualidade no lugar de combater todos os tipos de discriminação que existe no Brasil.
Entre os parlamentares que são contra a distribuição desse material nas escolas está o deputado João Campos (PSDB-GO) que diz que a questão sexual diz respeito à vida provada e não cabe a escola estimular uma orientação sexual.
“Essa questão de orientação sexual é algo que diz respeito à vida privada, não à escola. Quem faz a opção, a gente respeita, mas agora o poder público financiar um programa que vai estimular os adolescentes a serem homossexuais é errado”, disse Campos em entrevista ao Terra.
Ao se posicionar contra o projeto, o deputado deixa claro que não é a favor da homofobia, mas sim do conteúdo exposto nas cartilhas e vídeos. “Nós não somos homofóbicos. Somos contra qualquer forma de preconceito e nos causa estranheza o governo se preocupar tanto com um programa que busca reduzir o preconceito somente nesta área. Por que não busca um programa para diminuir a discriminação como um todo, inclusive religiosa, contra deficientes físicos, indígenas e quilombolas?”, questionou.
 
Material financiado com dinheiro público
 
Não só João Campos como muitos outros parlamentares entenderam que a ideia do kit era mostrar a homossexualidade como algo muito bom. “O poder público não tem esse papel de incentivar um tipo de comportamento”, disse o deputado.
O MEC recebeu um requerimento assinado pelo deputado do PSDB pedindo informações sobre a prestação de contas do programa “Escola Sem Homofobia”. Campos acredita que um valor significativo foi entregue à entidades para elaborar esse material.
“Ao que nos parece, as entidades contratadas para fazer o kit receberam um dinheiro significativo e até hoje não prestaram contas. Queremos saber o que foi feito com esse dinheiro e, se for comprovada a falta de prestação de contas, que medidas o governo tomou”. O MEC ainda não respondeu ao pedido do deputado.


GP

Vitor Belfort diz que o Espírito Santo lhe disse como ganhar luta no UFC

 
Vitor Belfort diz que o Espírito Santo lhe disse como ganhar luta no UFCNa noite do último sábado (18) Vitor Belfort, lutador de UFC, disse ter sido inspirado pelo Espírito Santo após acertar um chute rodado impressionante na cabeça de Luke Rockhold, na principal luta do “UFC no Combate 2″, em Jaraguá do Sul, Santa Catarina. Belfort disse ainda que sua vida é fé e que “se você não tiver fé, não chega a lugar nenhum”.
“Eu e meus treinadores temos uma conectividade muito boa, e treinamos muito esse chute no camp passado (para a luta contra Michael Bisping). Temos treinado bastante umas técnicas diferentes. Desta vez, esse chute eu só treinei um dia na academia, foi bem pouco. Estávamos focados em outras armas. Só que no vestiário eu senti. O Espírito Santo falou no meu coração: ‘Treina esse chute’. Aí eu falei: ‘Henri (Hooft, treinador de striking da equipe Blackzilians), segura para mim aquele chute que a gente treinou?’. Eu senti alguma coisa me falando para treinar esse chute, e treinei. Comecei a visualizar, eu visualizo muito de todas as formas. Tive confiança nisso, alguma coisa me avisando, era um foguinho dentro do meu coração. Os meus treinadores me conhecem, e quando pedi essa coisa eles me atenderam. Não sei se todos eles sentiram, mas eu senti muito forte dentro de mim, como se Deus estivesse falando: ‘Vitor, treina isso aí’. Minha vida é fé. Se você não tiver fé, não chega a lugar nenhum”, disse o lutador.
Durante a semana a luta de Belfort contra o americano foi bastante comentada após o brasileiro ter esticado o braço direito no queixo do adversário na coletiva de imprensa, provocando Rockhold. No dia seguinte, na pesagem, Rockhold foi para cima de Belfort e levou um empurrão. Para Belfort, a atitude de Rockhold de caminhar para a frente foi uma espécie de “bullying”, e ele justificou o empurrão dizendo que o rival esqueceu que ele é o “leão da selva”:
“Não dependo de encarada para me motivar. Eu sou o leão. Como você vai chegar perto da jaula do leão e ficar frente a frente com ele?”, disse Belfort.
Belfort é um dos lutadores de MMA cristãos que fazem questão de agradecer a Deus por cada luta e também por cada vitória. Tanto o lutador como sua esposa, Joana Prado, dizem ser evangélicos. O casal iniciou o romance durante o reality show “A Casa dos Artistas” do SBT e apenas anos mais tarde é que eles aceitaram a Jesus e passaram a viver como um casal cristão.
O desaparecimento, em janeiro de 2004, de Priscila, irmã de Vitor Belfort foi um dos fatores que levaram o lutador do UFC a abraçar a fé evangélica, segundo ele.

GP

“Não chame meninas de princesas”, diz campanha da Avon

Uma campanha da Avon tem gerado polêmica nas redes sociais por pedir aos pais que não chamem suas filhas de “princesas”, dizendo que o elo...