sábado, 18 de julho de 2015

Polícia investiga suposta ameaça a menina de 11 anos morta a tiros no RS - Ana Clara foi baleada a caminho da igreja na tarde de quinta-feira (17). Delegado pede que moradores enviem imagens da região à polícia.

Menina de 11 anos morta no RS Ana Clara (Foto: Reprodução)Ana Clara era filha única (Foto: Reprodução)
A Polícia Civil investiga uma suposta ameaça que teria sido feita à menina de 11 anos morta após ser baleada na tarde desta quinta-feira (16) em Caxias do Sul, na Serra do Rio Grande do Sul. De acordo com o delegado Rodrigo Duarte, responsável pelo caso, a informação chegou à polícia por meio de boatos.
"Recebemos extraoficialmente a informação de que ela recebeu ameaças por uma rede social, em um aplicativo para telefone celular", disse o delegado ao G1.
O crime ocorreu por volta das 13h40 de quinta. Acompanhada de uma amiga, Ana Clara Benin Adami estava a caminho da catequese na igreja quando foi surpreendida por um homem. Sem falar nada, o agressor atirou contra a vítima e fugiu a pé.
A menina levou um tiro no abdômen e foi levada ao Hospital Geral de Caxias, onde passou por cirurgia, mas não resistiu ao ferimento. A família deverá ser ouvida na próxima semana, já que o corpo foi sepultado na tarde desta sexta-feira (17) no Cemitério da Linha 40.
Até o momento, ninguém foi preso. A polícia obteve imagens de câmeras de segurança das imediações do crime, mas não foi possível identificar o suspeito por meio delas. O delegado pede que as pessoas que tiverem alguma imagem da região encaminhem à polícia.
"Estamos fazendo um apelo para as redes de comunicação às pessoas que tem imagens das imediações, que nos forneçam", disse o delegado.

G1.COM.BR

Nenhum comentário:

Exposição que mostra pedofilia e zoofilia provoca bate boca entre deputados

Não foi só nas redes sociais que a mostra “QueerMuseu” gerou debates e bate boca. Na noite desta terça-feira (12) o assunto foi amplam...