quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Líderes cristãos enviam cartas da prisão, na Eritreia


Líderes cristãos enviam cartas da prisão, na Eritreia
Líderes cristãos eritreus agradecem o apoio da Portas Abertas durante mais um longo ano de perseguição e a todos os irmãos que oraram por eles, intercedendo e encorajando-os nos momentos mais difíceis de suas vidas. Eles compartilharam mensagens escritas da prisão onde se encontram. Leia alguns depoimentos:
"Durante as tempestades da minha caminhada espiritual, vocês agiram como na passagem de Filipenses 4.14 ‘Todavia fizestes bem em tomar parte na minha aflição’. E dessa forma muitos irmãos oraram por mim e o sol voltou a brilhar em meu coração", escreveu um deles. Um outro disse: "Vocês estiveram presentes na minha tribulação, que o Senhor Todo Poderoso abençoe esse ministério, porque esse tipo de ajuda só pode vir daqueles que são verdadeiramente seguidores de Cristo".
"Nós vivemos como o apóstolo Paulo viveu, todos os carcereiros nos conhecem, e nós somos luz para eles nessa escuridão. Apesar de estarmos presos, eles nos tratam bem e não nos falta o alimento, porque somos obedientes. Mas sentimos falta da liberdade", escreveu outro líder. E o último finaliza com uma passagem do livro de Salmos 46.1 e 2: "‘Deus é o nosso refúgio e a nossa fortaleza, auxílio sempre presente na adversidade. Por isso não temeremos, embora a terra trema e os montes afundem no coração do mar.’ Deus sempre nos diz: ‘Parem de lutar! Saibam que eu sou Deus! Serei exaltado entre as nações, serei exaltado na terra’", Salmos 46.10.

Nenhum comentário:

“Não chame meninas de princesas”, diz campanha da Avon

Uma campanha da Avon tem gerado polêmica nas redes sociais por pedir aos pais que não chamem suas filhas de “princesas”, dizendo que o elo...