sábado, 28 de fevereiro de 2015

ABREVIAÇÃO DOS TEMPOS - ‘Efeito Schumann’

 

Muitas pessoas já devem ter percebido como os dias, meses e anos tem passado cada vez mais de forma acelerada. Há uma sensação que é como se tivéssemos menos de 24hs por dia.  Mas será que é apenas uma sensação? Claro que não! É verdade sim que no fim dos tempos os dias seriam abreviados mesmo, como é declarado nas profecias bíblicas.

“Se aqueles dias não fossem abreviados, criatura alguma escaparia; mas por causa dos escolhidos, aqueles dias serão abreviados” Mt 24:22 -

Tudo isso é a palavra de Deus se cumprido!
relogio 
As linhas coloridas representam as ondas eletromagnéticas que circulam em nossa atmosfera. A linha tracejada evidencia as ondas que conseguem sair para o espaço.“Os cientistas não esperavam captar este tipo de ressonância no espaço”    Declarou, Fernando Simões – no portal de notícias da NASA. Foto: Divulgação/NASA
 
Segundo Leonardo Boff, autor de mais de 60 livros, o físico alemão W.O. Schumann constatou em 1952, que o planeta Terra é cercado por um poderoso campo eletromagnético, que se forma entre o solo e a parte inferior da ionosfera - cerca de 100 km da superfície do planeta. Esse campo eletromagnético possui uma ressonância (chamada ressonância Schumann), que é a medida do comprimento da onda de energia existente dentro da camada da ionosfera, que mais ou menos constante, da ordem de 7,83 pulsações por segundo. Ela é responsável pelo equilíbrio da biosfera, condição comum de todas as formas de vida. Segundo ele, o nosso cérebro e todos os vertebrados são dotados da mesma freqüência de 7,83 hertz, chegando a conclusão de que não podemos ser humanalmente saudáveis fora desta freqüência biológica natural. Inclusive, quando os astronautas, ficavam fora dessa ressonância em razão das viagens espaciais, eles adoeciam. E logo que foram submetidos à ação de um "simulador Schumann", recuperavam o equilíbrio e a saúde. Estas ondas formam verdadeiros “batimentos cardíacos atmosféricos”. Ou seja, toda a vida na terra funciona na exata velocidade com que pulsa este “marca-passo” gigantesco, que eu poderia acrescentar, é como o pulsar de Deus. Então o ritmo da vida, o “bioritmo” de cada ser vivente, é regulado para pulsar na mesma freqüência desta ressonância magnética, que se adapta perfeitamente ao ritmo divino. Isso ocorreu de forma tão perfeita e sincronizada, que a maioria dos homens não percebeu esta mudança de ritmo, apenas os mais sensíveis a perceberam desde o início. Toda esta gigantesca mudança ocorreu sem grandes saltos visíveis, mas serenamente como o são as coisas do nosso Grande Criador. Fora deste ritmo, nada funciona, nem vive.
movamulet
Essa ressonância é uma ferramenta muito útil para os meteorologistas, pois ela permiti identificar átomos e moléculas presentes na nossa atmosfera, variações na atividade solar, mudança de estações, etc. Segundo a NASA, foi constado que as ondas de baixa freqüência que deveriam ficar enjauladas na nossa atmosfera como previa Schumann, consegue escapar para o espaço, em pequena quantidade. Assim foi constatado que alguns comprimentos dessas ondas são múltiplos, o que permite que elas ressoem e cresçam. (Geophysical Reserach Letters) . Mas o que acontece com os relógios? Pois bem, existem diversos tipos de relógios, e sua função é medir o tempo. Existem relógios mecânicos, eletrónicos e atómicos. E todos eles possuem um mecanismo de escape que dá a marcha certa do tempo. Este dispositivo é formado essencialmente por um balanço regulável. Nos relógios de pulso, este balanço tem uma forma de um volante de carro, preso num eixo e numa mola delicada chamada pelos relojoeiros de cabelo. O balanço gira para um lado e para outro emitindo o famoso ruído de tic-tac. Existe uma pequena alavanca para apertar ou afrouxar o cabelo, regulando a marcha do relógio.Também os relógios de parede possuem um pêndulo que pode ser regulado através de uma porca, alterando seu comprimento, assim permitindo modificar sua marcha. Estes relógios mecânicos, geralmente fabricados na Suíça, quando eram trazidos para as regiões tropicais precisavam de ser regulados. Tudo isto tem relação com a velocidade de rotação da Terra. Nas proximidades do Equador a gravidade é menor, devido à velocidade linear ser maior, altera a marcha dos relógios mecânicos. Como podemos ver, a Terra tem sua velocidade de rotação e quando alterada para mais, a gravidade diminuirá, reduzindo também o peso do referido balanço, acelerando a sua marcha. Deste modo, os relógios mecânicos não podem denunciar a alteração da velocidade da Terra. Por outro lado, tanto os relógios eletrónicos como os atómicos, são constituídos de materiais susceptíveis de alteração com a aceleração das partículas subatómicas. O fluxo regular da radiação é que controla a marcha do relógio, a pedra de césio dos relogios atomicos que emite uma constante radioatividade, o cristal de quartzo SiO2 - dióxido de silício pulsa na freqüência exata dando-lhes a marcha adequada. Portanto, todos sofrem os efeitos da aceleração das partículas subatómicas. Conclusão, os relógios estão nos dando uma informação que é relativamente correcta, porém absolutamente falsa.
tempo
Mas aconteceu que a partir dos anos 80 e cada vez de forma mais acentuada até nossos dias, a medição da Ressonância Schumann passou dos 7,83 pulsações para 11 e depois de 1990 para 13 hertz por segundo, fazendo com que o “coração” da terra disparasse. Ou seja, o dia que deveria ter 24 horas, hoje equivale a 16 horas, tendendo a ficar menor. Com isso, um mês atual equivale a apenas vinte dias á do tempo antigo, antes dos anos 80. E é como se o ano passasse a ter quatro meses a menos, o que representa muita coisa. Foi exatamente a partir dali que começaram a ocorrer os desequilíbrios ecológicos graves, como o aumento da atividade dos vulcões, o aumento de todo tipo de distúrbio climático, como furacões, enchentes, avalanches e outros desastres naturais. Claro, não podem ficar de fora o aumento das doenças dos homens e animais, com o surgimento de novas e o retorno das velhas pestes. A ciência vem então nos comprovar aquilo que a profecia bíblica nos alertou. Jesus mesmo comparou a terra como uma mulher que está para dar a luz. Agora, analisando às dores de parto de uma mulher que está grávida. Há uma grande expectativa para o nascimento de um bebê. Assim toda a criação de Deus estão sentindo as dores do parto, esperando a chegada de Jesus Cristo, segundo suas promessas.  Ao aproximar-se o dia do nascimento do seu bebê a mulher começa a sentir dores, a ter contrações que vão aumentando de intensidade à medida que este dia vai se aproximando. Já nas últimas semanas ou dias estas dores se tornam mais fortes e também mais freqüentes. De repente, a dor maior, a dor e a agonia que não vai cessar até que o filho que está no seu ventre tenha rompido passagem para nascer e trazer alegria àquela que o esteve esperando ansiosamente por tanto tempo. Mas se considerarmos que 1900 anos é um período de tempo muito extenso para que o mundo esteja com dores de parto, obviamente podemos concluir que nestes últimos 100 anos o mundo já está na sala de parto para a chegada de Jesus. De crise em crise o mundo vai tendo suas últimas contrações de dores de parto, até que diante dos seus olhos incrédulos, apareça o Desejado de todas as nações.

"Em verdade, em verdade, vos digo: chorareis e vos lamentareis, mas o mundo se alegrará. Vós vos entristecereis, mas a vossa tristeza se transformará em alegria. Quando a mulher está para dar à luz, entristece-se porque a sua hora chegou; quando, porém, dá à luz a criança, ela já não se lembra dos sofrimentos, pela alegria de ter vindo ao mundo um homem" (Jo 16,20).

Se países são castigados, e cidades e vilas inteiras são varridas do mapa por terremotos, vulcões, maremotos ou tempestades, é Deus cumprindo com sua palavra, fazendo o mesmo que ele fez com as cidades de Sodoma e de Gomorra, que segundo a Bíblia foram postas como exemplo para aqueles que vivem impiamente. Eles se deleitam em arrumar explicações para tudo, como se fosse possível mudar os desígnios soberanos de Deus. Pois é Ele quem diz que executa justiça e juízos sobre homens e nações quando ele julga necessário. É o aumento do pecado cometido contra Deus que provoca estes fenômenos na Natureza! É o aumento da iniqüidade e as constantes ofensas do homem contra o seu Criador que deixa a natureza com dores de parto, pois, como sabemos, até os ventos e o mar obedecem a voz de Deus! Então quando a Terra parar a sua rotação e a sua freqüência alcançar 13 ciclos, nós estaremos no ponto magnético zero. A Terra irá parar e em dois ou três dias, ela recomeçará a sua rotação no sentido oposto. Isso produzirá uma reversão no campo magnético do planeta. O Ponto Zero provavelmente nos introduzirá na quarta dimensão. Significa que tudo que pensarmos ou desejarmos se manifestará. Isso inclui amor e temor. É o céu para uns e inferno para outros.

“Por isso alegrai-vos, ó céus, e vós que neles habitais. Ai dos que habitam na terra e no mar; porque o diabo desceu a vós, e tem grande ira, sabendo que já tem pouco tempo”. Apocalipse 12:1

Nossos sonhos serão de extrema importância, o que temos guardado dentro de nós nos conduzirá a essa realização. Mesmo sendo um tempo de apostasia em que o mundo está a beira da loucura, devemos olhar para os ceus e seguir os sinais que Deus nos mostra. Pois seguir o que o mundo inteiro faz te levará ao caminho da perdição e muitos estão indo para o mesmo caminho!

“Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela”. Mateus 7:13

Quem deseja mais informações técnicas, pode buscar o Handbook of Atmospheric Electrodynamies, vol, 1, de Hans Volland (CRC Press,1.995). O capítulo 11 inteiro é sobre a Ressonância de Schumann, tendo sido escrito por Davis Campbel, do Instituto Geofísico da Universidade do Alaska. E existem muitos outros documentos sobre isso.

"Ao entardecer dizeis: haverá bom tempo porque o céu está rubro. E pela manhã: hoje haverá tempestade porque o céu está vermelho escuro. Hipócritas! Sabeis portanto discernir os aspectos do céu, e não podeis reconhecer os Sinais dos Tempos?" - MATEUS 16:3

Inversão dos pólos magnéticos da Terra deve acontecer em breve
Leia mais em
http://misteriosdomundo.com/inversao-dos-polos-magneticos-da-terra-deve-acontecer-em-breve#ixzz2LJb7bj3s

Nenhum comentário:

Exposição que mostra pedofilia e zoofilia provoca bate boca entre deputados

Não foi só nas redes sociais que a mostra “QueerMuseu” gerou debates e bate boca. Na noite desta terça-feira (12) o assunto foi amplam...