segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

EU VIVEREI O MILAGRE DE MANASSES E EFRAIM

José do Egito é um grande exemplo de vida para todos nós, pois José aprendeu a vencer as dificuldades. Foi jogado numa cova pelos próprios irmãos, vendido como escravo, preso por uma armadilha da mulher de Potifar, traído pelo copeiro chefe que se esqueceu de ajudá-lo a sair da prisão. Se José fosse contar com problemas viveria uma vida amargurada e não conseguiria ir adiante.
José sempre se lembrava dos sonhos de Deus para sua vida e para alcançar este sonho, precisou tomar uma decisão em sua vida de libertar-se de seu passado. Quando José chegou ao governo do Egito, antes de vir a fome (v.50). Quando José decidiu passar por uma mudança, resolveu usar os nomes de seus dois filhos para representar a obra de restauração em sua vida.
Como ser liberto do passado?
Vamos aprender como José conseguiu alcançar o sonho de Deus para sua vida e marcou sua libertação através dos nomes de seus filhos:
 1- Manassés > ESQUECIMENTO: v.51 “ao primogênito chamou Manassés, pois disse: Deus me fez esquecer de todos os meus trabalhos e de toda a casa de meu pai”
Quando nasceu o primeiro filho de José, sua vida estava tão abençoada que ele percebeu que havia se esquecido de todo sofrimento que viveu e das dores que sentiu. Por isso José chamou seu filho primogênito de Manassés com o sentido de ‘esquecimento’. Se José ficasse pensando no passado não conseguiria ir adiante.
Nossas vidas são marcadas muitas vezes por lutas e dificuldades que vão formando cicatrizes em nossa alma. Precisamos nos libertar do passado e saber que “aquele que está em Cristo é nova criatura, as coisas antigas já passaram, eis que tudo se fez novo” (II Coríntios 5.17). É necessário renovar a mente (Romanos 12.2), acreditar que Deus pode fazer “novas todas as coisas” (Apocalipse 21.5).
Sua vida só vai melhorar quando você se esquecer de tudo que ficou para trás. Creia Deus pode apagar seu passado, pois o Senhor “lançará todos os nossos pecados nas profundezas do mar” (Miquéias 7.19).
O que você precisa esquecer?
Deixe Deus apagar seu passado!
                              
2- Efraim > PROSPERIDADE: v.52 “ao segundo chamou-lhe Efraim, pois disse: Deus me fez próspero na terra da minha aflição”
Quando nasceu o segundo filho de José, colocou-lhe o nome de Efraim que significa ‘duplamente frutífero’. Com isso estava profetizando que chegou o tempo para realizar o sonho de Deus em sua vida.
A vida José havia prosperado grandemente depois que interpretou o sonho de Faraó e ensinou a estratégia de guardar mantimentos em celeiros para o tempo da fome, ao ponto de faraó dar a José o seu próprio anel de autoridade (v.42). Deus prosperou tanto o governo de José que “havia fome em todas as terras, mas em toda a terra do Egito havia pão” (v.54). José tornou-se tão poderoso que quando o povo procurou Faraó para pedir alimento, este mandou que fossem a José e fizessem o que ele mandasse (v.55).
Deus quer prosperar sua vida e realizar todos os seus sonhos, mas você precisa se apropriar do que Deus tem para você (Salmos 37.4). Creia na promessa do Senhor que “em lugar da vossa vergonha, tereis dupla honra; em lugar da afronta, exultareis na vossa herança; por isso, na vossa terra possuireis o dobro e tereis perpétua alegria” (Isaías 61.7).
Não aceite nada menos do que aquilo que Deus prepara para sua vida que é a “vida e vida em abundância” (João 10.10), pois quem tem a vida abundante, não passa falta do Pão da Vida que é Jesus (João 6.35). Assim como José tinha uma unção de prosperidade, Deus quer abrir portas e confirmar o trabalho de suas mãos (Salmos 90.17).
Você precisa de uma bênção?
Deus vai te abençoar em dobro!
Esqueça o passado e prospere!
-CONCLUSÃO: Gênesis 48.20 “Em ti abençoará Israel, dizendo: Deus te faça como a Efraim e como a Manassés” 
Quando José foi pedir a bênção de seu pai para seus filhos, colocou os dois rapazes diante do idoso Jacó em ordem de idade, o mais velho à direita para receber a bênção da primogenitura e o mais moço à esquerda para receber apenas a bênção paternal. Contudo Jacó cruzou as mãos e colocou a mão direita na cabeça de Efraim e a esquerda em Manassés. José corrigiu seu pai e Jacó lhe disse que fez de propósito, pois Efraim representava a prosperidade e Manassés o esquecimento do passado de tristeza. Então José aceitou a bênção com Deus mostrara (Gênesis 48.12-22).
É preciso passar por estas duas bênçãos para encontrar o sonho de Deus. A bênção de Manassés foi “esquecendo-me das coisas que para trás ficam” e a bênção de Efraim “avançando para as que diante de mim estão” (Filipenses 3.13). Esquecer significa não sentir dor mesmo que as marcas ainda estejam presentes. Prosperidade significa avançar e crescer. É isso que Deus quer para você, que se esqueça das dores do passado que te paralisam e prossiga adiante com seus sonhos.
Quer se libertar do passado e prosperar?


Declare: Manassés ficou pra trás,
     Efraim é o que Deus tem pra mim!


VIA  GRITOS DE ALERTA

Nenhum comentário:

“Não chame meninas de princesas”, diz campanha da Avon

Uma campanha da Avon tem gerado polêmica nas redes sociais por pedir aos pais que não chamem suas filhas de “princesas”, dizendo que o elo...