sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Danilo Gentili é condenado a pagar R$ 20 mil a pastora

O apresentador foi condenado juntamente com a Band, devido a um quadro no “Agora É Tarde” (Reprodução)
Danilo Gentili e a Band foram condenados em segunda instância a pagarem R$ 20 mil de indenização por danos morais à pastora Yonara Amaral de Lira. A decisão foi tomada pelo Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM).
Yonara entrou na Justiça contra o apresentador e a emissora, após ser citada no quadro “Mesa Vermelha” do extinto “Agora É Tarde”, em 18 de outubro de 2013. Na ocasião, Gentili e outros humoristas convidados brincaram sobre um testemunho da pastora, que disse “ter ido ao céu sete vezes e ao inferno 15 vezes”. “O que ela foi procurar no inferno? Com certeza foi r…!”, disse ele na época.
O caso foi julgado em primeira instância pela juíza Maria Eunice Torres do Nascimento, que em dezembro de 2014 deu ganho de causa à pastora argumentando que “sob o manto da liberdade de expressão não está, a imprensa, autorizada a ultrajar e denegrir à honra e dignidade da pessoa humana”.

Yonara recorreu e queria R$ 6 milhões, enquanto a Band e Gentili tentavam explicar que sua intenção não foi ofendê-la. Na última segunda-feira (17), foi a vez do desembargadorWellington José de Araújo manter a decisão, julgando que “o valor de R$ 20 mil mostra-se consentâneo com os princípios da razoabilidade e da proporcionalidade”.
Gentili por enquanto não se manifestou sobre a decisão, e a Band já afirmou que vai recorrer da decisão. O caso pode chegar ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) e ao Supremo Tribunal Federal (STF).

https://br.vida-estilo.yahoo.com/danilo-gentili-%C3%A9-condenado-a-pagar-r-20-mil-a-143550041.html

Nenhum comentário: