domingo, 9 de outubro de 2016

Líderes evangélicos se unem em apoio a Marcelo Crivella



O bispo e senador Marcelo Crivella (PRB) deverá receber o apoio de lideranças evangélicas de várias denominações na disputa do segundo turno contra o candidato Marcelo Freixo (PSOL).

Freixo, que é deputado estadual, tem uma plataforma de propostas radicais e defende a implantação da ideologia de gênero nas escolas, a liberação das drogas e também a extinção da Polícia Militar. Em um vídeo recente promovido por sua campanha, zombou da jornalista Rachel Sheherazade, classificando-a de “fascista reacionária”.
Imagem redimensionadaInformações veiculadas pelo jornalista Guilherme Amado, colunista d’O Globo, apontam para uma união dos evangélicos em torno da candidatura de Crivella, que é bispo licenciado da Igreja Universal do Reino de Deus.

“Pastores evangélicos de diferentes denominações desembarcam no Rio de Janeiro nas próximas semanas para apoiar Marcelo Crivella”, informou Amado, acrescentando que o senador “conseguiu algo inédito: nunca ocorreu esse tipo de união em torno dele nos outros segundos turnos que ele disputou”.

A explicação, de acordo com o jornalista, está em dois fatores: “Primeiro, porque o PMDB atraía o apoio de pastores. Mas também por retaliação à Igreja Universal, vista pelas demais denominações como muito agressiva na briga por espaço”, informou.


O bispo Roberto Torrecilhas , da Geração Graça e Paz também confirmou seu apoio ao Crivela .

Nos bastidores, a Universal é vista com reservas pelas lideranças evangélicas, segundo relato colhido por Guilherme Amado: “Diz o pastor líder de uma das maiores igrejas do país: ‘O lema do Edir Macedo sempre foi ‘irmãos, irmãos, negócios à parte’’”.

No entanto, diante da possibilidade de o Rio de Janeiro eleger um candidato de extrema esquerda, os líderes evangélicos deixaram de lado suas diferenças para reforçar fileiras – e incentivar os fiéis – na luta contra Freixo, companheiro de legenda do deputado federal e ativista gay Jean Wyllys.

Rumores de campanha dão conta que, se eleito, Freixo nomearia Wyllys para conduzir alguma secretaria municipal. Como o deputado ex-BBB é professor universitário, a especulação mais forte é que ele seria indicado para conduzir a Secretaria de Educação da cidade.

Fonte: Gospel Mais

Nenhum comentário:

Exposição que mostra pedofilia e zoofilia provoca bate boca entre deputados

Não foi só nas redes sociais que a mostra “QueerMuseu” gerou debates e bate boca. Na noite desta terça-feira (12) o assunto foi amplam...