sexta-feira, 12 de junho de 2015

Como Surgiu a Raça Negra?

Como se explica a existência das raças em todo o mundo, mormente no que tange à cor preta da pele? A discussão da origem da raça negra ocorre por séculos com muitas teorias ou hipóteses diferentes. E não se encontra com facilidade material para pesquisa, que tenha profundidade e coerência, sem tomar partido racista. Entretanto o prezado leitor tem de
Ha de convir em que se invertêssemos a pergunta sobre a coloração branca, teríamos os mesmos problemas, as mesmas interrogações e especulações.
E duas perguntas ficam no ar: Quem foi que disse ou provou que a raça branca tenha surgido primeira? E a outra pergunta é: Como surgiu a raça branca?
As escrituras não cita textualmente pessoas de pele clara ou escura, a sabedoria de Deus não revela esse assunto, justamente para evitar polêmicas sobre a cor da pele dos seus servos, e para mostrar que em Deus não há acepções de pessoas.

Sobre a origem das raças, existem inúmeras opiniões de escritores, antropólogos, sociólogos e biólogos, tentando responder a estas perguntas, mas preferimos ficar com a Bíblia, que ensina que todos os homens são descendentes de um casal único. Depois do Dilúvio havia só uma família sobrevivente - a de Noé, o qual teve filhos: Sem, Cão e Jafé. 
No entanto existe a teoria de que a raça negra surgiu com Caim, como um sinal de Deus. Isso é um erro e não têm nenhuma confirmação bíblica. Visto que o sinal que Deus deu para Caim, não foi um sinal de rça e nem condenatório, mais redentivo. “O SENHOR, porém, disse-lhe: Portanto qualquer que matar a Caim, sete vezes será castigado. E pôs o SENHOR um sinal em Caim, para que o não ferisse qualquer que o achasse.” Gênesis 4:15  

Outra teoria errônea é que a raça negra se originou num local que possuía um clima especial ou alimentação diferente após o episódio da torre de Babel, quando todos se espalharam, cada um para um canto, e formaram cada povo do mesmo idioma, seu clã, e assim formaram suas características.
Esta parece mais uma tese evolucionista, que não tem fundamento bíblico, e nem científico, pois hoje notamos que pessoas de cor branca ou negra, vivem perfeitamente em lugares quentes ou frios, sem mudar a cor fundamental de sua pele. Nem os japoneses que formam suas colônias no Brasil, deixam de ter suas características de sua raça. Portanto, a raça negra, não tem origem por causas climáticas ou de nutrição. 
Aliás, a palavra raça no sentido discriminatório teve a sua origem nas doutrinas evolucionistas (inicialmente apresentadas por Darwin), segundo as quais a raça negra era mais próxima dos antropoides do Caucasiano. Entenderam existe uma linha darwiniana que defende que os negros ainda estão na transição de macaco para humano. Absurdo! Mas isso não é difundido. 


Em Gênesis capítulos 10 e 11 encontraram os descendentes de Noé, que iniciaram o povoamento da Terra. Sem, Cão e Jafé. Há consenso entre os eruditos, que estes três deram origens a todos os povos existentes na terra, os filhos, netos e bisnetos do patriarca bíblico são portanto os nossos ancestrais: At 17.26.

Obs. Não podemos deixar de destacar que o texto em questão diz que Deus de um só fez todas as gerações da terra, ou seja, todos somos seres humanos, criados por Deus, descendentes de Adão e Eva, mas existem pigmeus e gigantes, negros, brancos e amarelos. Portanto, tentar explicar esta coloração, por especulações antropológicas e biológicas, não passa de uma tentativa frívola e baldia.
Adão e Eva foram criados por Deus, do barro, tinham uma cor rosada, rubra, eram apache (como o estudo do genoma humano concluiu), pois eles vieram da argila. E ainda existe a possibilidade de Eva ter sido formada com uma raça diferente da de Adão, ou de que eles eram heterozigotos em relação aos genes que regulam a cor da pele, a cor dos cabelos, a cor dos olhos, o formato dos cabelos e o formato dos olhos.
Mas uma coisa é certa, que Deus carregou a carga genética deles, para que se proliferarem deles gerações  variedades (quanto a questão da genética, um negro pode ser mais geneticamente igual a um branco que a outro negro).
.
Por isso não podemos afirmar ou ao menos sugerir que antes do Dilúvio só existia uma raça apenas e que essa raça era branca, isso também é especulação, ou teoria racista.

Toda a humanidade surgiu desses nossos primeiros pais e depois pela família de Noé.
“E era Noé da idade de quinhentos anos, quando gerou a Sem, Cam e Jafé.” (Ge 5, 32).
Como podemos observar, Noé teve três filhos que provavelmente eram gêmeos e entrou na arca cada um com as suas esposas, mais a esposas dos filhos de Noé, eram filhas dos filhos dos homens. Veja que no versículo 2 e 3, os filhos de Deus se juntavam com os filhos dos homens, o que quer dizer que os filhos dos homens eram os aqueles que estavam fora da vontade Santa de Deus, era a geração de Caim que se misturou coma descendência de sete, no Dilúvio, essa geração maldita foi exterminada e só ficou a família de Noé.

E interessante que um dos filhos de Noé tinha a pele escura, que era o Cam. Ele não passou a ter a pele escura por causa da maldição de Noé, mas sim por causa da carga genética e da Soberania Divina, que queria preservar toda a raça humana com as suas características e variações, por isso Noé teve três filhos distintos. Uma vez terminado o dilúvio, os descendentes de Noé - Sem, Cão e Jafé - multiplicaram-se e encheram a terra (Gn. 10). outra coisa que ignoramos é que os filhos de Noé casaram com mulheres que a raça delas não são descrita, se a esposa de Cam era negra, ou seus filhos poderia nascer negros.

Sem - Origem aos Árabes e Israelitas – Os de cor Morena; de Sem derivam os semitas, dos quais o Senhor Jesus, segundo a carne, descende. Eles habitavam na Ásia e são conhecidos pelo zelo religioso que possuíam. Sem pai dos asiáticos, (Elamitas, Assíria, Caldeus, Ásia Menor, Síria, Árabes, Jordanos, Libaneses e Israelitas).

Cão - Que logo depois gerou a Cuse ou Cuxe deu origem a raças coloridas, amarelas e escuras, os povos da África, Egito, Etiópia, que se distinguem pela sua pujança física.
Um texto Bíblico que os eruditos afirmam concordar com esta ideia está em Jeremias 13:23, onde diz "Pode o etíope mudar a sua pele?,..." de Cuse - vem a cor negra, deMizraim os egípcios, de Pute os líbios. A esposa de Moisés, Zípora, era Cusita. No verso 17 de Gênesis, capítulo 10, um dos descendentes de Cão, é o Sineu, que os eruditos em consenso, propõem ser a origem dos chineses. Documentos arqueológicos encontrados no Egito, confirmam estas origens, apresentando os jafeitas que tinham a pele de cor branca, cabelos lisos, e olhos azuis. Cam é pai dos Egípcios, Etiópia, Arábia e África.


Jafé - Origem aos brancos, Europeus. Os descendentes de Jafé, que, após a confusão das línguas (Gn 11.1-9), emigraram para a Europa. Esta raça é caracterizada pela atividade intelectual. Jafé pai dos citas, russos, europeus, armênios, hindus, persas, latinos, celtas, eslavos, escandinavos, anglo-saxões e teutões.


Conclusão:


A explicação para a origem desta variedade de cores, que ainda ao cruzar as raças formam outras tantas cores e tipos diferentes, é a carga genética. Deus não criou tudo uniforme. As montanhas não deixam que o visual seja tudo plano. A variedade de cores das plantas fazem a beleza dos jardins, a própria cor verde das plantas, quantos tons e variedades trazem uma beleza sem igual. Assim também com a raça humana. Adão e Eva, criados por Deus, do barro, tinham uma cor rosada, rubra, pois vieram da argila, mas Deus carregou sua carga genética, para que ao se proliferarem gerações, variedades fossem surgindo para haver mais beleza e não uma uniformidade única. A variedade de cor da pele, de raças, é também plano de Deus, e já existiam antes do Dilúvio. Não tendo nenhum privilégios ou castigos, mas todas tem origem no próprio plano de Deus, na carga genética do homem, que ao longo dos séculos, tem dado um colorido diferente e agradável a população humana. Somos todos irmãos, filhos de Adão e Eva, e todos criados a Imagem de Deus, com um colorido de variedade especial. O jardim de Deus. Amem!!!

COMENTEM .

VIA  GRITOS  DE  ALERTA 
centralizadosemcristo

Nenhum comentário:

“Não chame meninas de princesas”, diz campanha da Avon

Uma campanha da Avon tem gerado polêmica nas redes sociais por pedir aos pais que não chamem suas filhas de “princesas”, dizendo que o elo...