quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Sobrevivente do voo da Chape diz que o piloto é o responsável pelo acidente


Em entrevista ao jornal El Deber, o mecânico Erwin Tumiri, um dos seis sobrevivente do voo que levava a delegação da Chapecoense, disse que o piloto Miguel Quiroga foi o responsável pelo acidente que matou 71 pessoas. A declaração foi dada, na última terça-feira, ao Ministério Público boliviano, que segue investigando a tragédia.
"Eu disse que (o acidente) foi por falta de combustível. Neste caso o capitão é o que se encarrega disso (decisões)", disse o sobrevivente do voo da Lamia.
Segundo o comissário, ele somente cumpriu as ordens que foram delegadas pelo despachante Alex Quispe e o engenheiro Ángel Lugo na hora em que foi encher o tanque de combustível da aeronave. Ainda de acordo com Tumiri, o responsável por fazer o cálculo se o avião teria ou não combustível suficiente para chegar ao destino final, Medellín, não era ele.
"O capitão e o comandante eram os responsáveis (de verificar o combustível), e o despachante e o engenheiro os que faziam os cálculos", explicou.

Nenhum comentário:

“Não chame meninas de princesas”, diz campanha da Avon

Uma campanha da Avon tem gerado polêmica nas redes sociais por pedir aos pais que não chamem suas filhas de “princesas”, dizendo que o elo...