Guaíba aos pés de Jesus! Prefeito entrega a cidade ao Senhor dos senhores.

Visita ao Prefeito de Guaíba
“Antes sentíamos o peso da opressão em nossos cultos devido às atividades de adoração às entidades em nossa cidade porém depois que participamos do alinhamento profético e recebemos a primeira unção algo foi liberado do trono de Deus sobre nós. Nossos cultos mudaram e hoje as pessoas ficam embriagadas do Espírito Santo e querem mais de Deus. Porém a unção transborda e sai das 4 paredes. Depois que recebemos a Rota do Fogo em nossa Igreja sentimos um novo derramar de Deus que nos impulsiona a ir mais longe e foi isso que nos levou à ir pregar às nossas autoridades locais”.
No dia 29 de junho o pastor esteve em audiência com o Prefeito Henrique Tavares e o Secretário de Governo André Barbosa, nesta última segunda feira. Ali, em seu gabinete o pastor leu o Salmo 127:1 “Se o SENHOR não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; se o SENHOR não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela.”
Depois de conversarem sobre as questões sociais, econômicas e espirituais do município, os três chegaram a uma conclusão: mais que necessária, era urgente que a autoridade máxima da cidade entregasse o governo para quem está acima dele. Só assim haveria uma mudança radical nessas realidades. Com um ato profético e oração a entrega foi selada. “Semana passada, na Rota do Fogo, o Profeta Joel fez um ato profético quebrando os efeitos sobre as inimizades, guerras e derramamento de sangue que aconteceram na época da Guerra dos Farrapos. Mesmo sendo há anos, isso abriu brechas para o espírito de escravidão, de rebeldia, e de miséria que estavam travando o crescimento da cidade. Somando-se isso à entrega da cidade nas mãos do Senhor Jesus, eu creio que virá um novo tempo para Guaíba, tempo de avivamento econômico, social e na mentalidade do seu povo”. – Destacou o Pastor Rui convencido de que este é o único caminho para se chegar a níveis esperados a tanto tempo em tantas áreas. Ele ainda explicou, usando o exemplo de Êxodo, no capítulo 16, como o povo de Israel reagiu ao sair do Egito. Apesar de estar ganhando a liberdade, a sua mentalidade ainda era escrava, pertencia ao Egito. Por isso eles murmuraram contra Deus e se levantaram contra Ele, adorando a falsos deuses. Deus os queria em uma nova terra, para um novo tempo, para que crescessem economicamente, se tornando uma nação, mas também Ele queria que transformar as mentalidades. É nisso que a liderança espiritual de Guaíba crê e deseja: “Vamos continuar orando, buscando em Deus a mudança a transformação da mentalidade para que eles saibam que só o Senhor é Deus. Temos consciência de que estaremos entrando em guerra espiritual através desses dois atos proféticos, mas estamos munidos contra as potestades das trevas e vamos ver uma cidade sarada, curada em todos os âmbitos e com uma população de mentes renovadas”. Finalizou o Pastor Rui Carlos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ILLUMINATIS , QUEM SERIA O LIDER DELES NO BRASIL ?

ENTENDA MAIS SOBRE LO-DEBAR “Lo-Debar, nunca mais” (II Samuel 9: 1-13) nos links

COMO FAZER UM ESBOÇO PARA PREGAÇÃO - Aprendendo a fazer um esboço de pregação.