terça-feira, 4 de abril de 2017

Sistema inteligente usado na Olimpíada do Rio reforça forças de segurança de Indaiatuba; veja vídeo

Um sistema inteligente tem auxiliado o combate à criminalidade em Indaiatuba
 (SP). O progama israelense, usado pelas forças de segurança na Olimpíada do Rio, otimiza o trabalho da Guarca Civil Municipal e das polícias civil e militar já que 
"filtra", em segundos, imagens por parâmetros diversos, como tamanho, cor,
 direção, velocidade, rota, entre outros.
Na prática, o programa resume horas de gravações em um único vídeo de poucos segundos, apenas com imagens dos itens solicitados. Implantando há um ano no município, o software ajudou a prender 69 pessoas, indiciar outras 39 e apreender 
114 veículos irregulares.
Indaiatuba implanta sistema de câmeras inteligentes para reforçar segurança na cidade
"A tecnologia otimiza as forças policiais, tanto da guarda civil como da polícia 
militar, no trabalho de patrulhamento da cidade", destaca Alexandre Guedes, 
secretário de segurança pública.
De acordo com a prefeitura, a varredura pode ser feita por pessoas, veículos ou
 objetos. "A própria população, quando vê o suspeito, sabe uma característica,
 sabe a cor, mas não sabe a placa, pode passar o dado para a guarda civil e ela 
faz a busca nas 130 câmeras que têm o sistema", explica Guedes. Software
 israelense usado em Indaiatuba (SP) condensa em um único vídeo horas
 de gravação (Foto: Reprodução/EPTV)
Software israelense usado em Indaiatuba (SP) condensa em um único vídeo horas de gravação (Foto: Reprodução/EPTV)
O Centro de Operação e Inteligência de Indaiatuba conta com 964 câmeras
 em 156 pontos, sendo que 130 são municipais, de alta resolução, e 
integradas ao programa israelense.
O secretário atribui ao sistema números positivos da segurança pública nos
 últimos 12 meses, quando Indaiatuba registrou queda de 44% no número 
de homicídios e redução de 20% nos furtos. "Com a tecnologia, ela otimiza
 as forças na rua, você consegue ir mais certeiro na ocorrência e nos suspeitos."

Nenhum comentário: